História The daughters of the gods - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diabolik Lovers, Percy Jackson & os Olimpianos
Personagens Afrodite, Apollo, Ares, Artemis, Atena, Atlas, Ayato Sakamaki, Hades, Hefesto, Hera (Juno), Hermes, Júniper, Kanato Sakamaki, Laito Sakamaki, Perséfone, Poseidon, Reiji Sakamaki, Shu Sakamaki, Subaru Sakamaki, Tougo Sakamaki "Karlheinz"
Tags Crime, Plagio
Exibições 64
Palavras 1.098
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Crossover, Fantasia, Festa, Ficção Científica, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Canibalismo, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Hihihi
Cap novo

Capítulo 9 - Nós+ Pijama:= Merda(2/2)


Fanfic / Fanfiction The daughters of the gods - Capítulo 9 - Nós+ Pijama:= Merda(2/2)

Nami on
EU ODEIO AQUELAS QUENGAS, bom estavamos jogando verdade ou desafio, quando a Amy desafiou todas nós a levarmos um item dos meninos para o quarto e eu tive que ficar com o Senhor TPM, então a Lua desafiou a Amy tambem e nos resolvemos nos preparar para a guerra sabe aquelas arminhas nerf? Então agente misturou  tinta e spray de pimenta, colocamos em baloes e no refil daquelas balas de água, vestimos camisetas brancas por cima do pijama e oculos de proteção.
Meu objetivo era pegar o colar de chave dele, cada uma tinha 20 balões, 40 balas e três armas.
Nos separamos indo ao quarto do meninos.
O Subaru estava dormindo oque iria facilitar o meu trabalho se ele não tivesse segurado meu pulso disparei metade da minha munição na cara dele e peguei o colar joguei a bolsa com os balões em cima da cama e eles estouraram.
Sai correndo e bati de cara com a Kit, nos entramos correndo no quarto.
Amy on
Eu entrei no quarto de Laito e o chapeu dele estava ao lado da cama andei cautelosamente ate o mesmo, mas alguém apertou a minha cintura eu virei na direção da pessoa e ele me beijou, ele tentou colocar a lingua e eu não cedi, ele mordeu meu labio inferior oque me fez entreabrir minha boca, eu logo cedi ao beijo ele começou a levantar minha camiseta e eu descarreguei uma arma inteira em seu penis me libertando do beijo.
Eu: Ne~ Laito-kun beija bem.
Dei um selinho nele peguei o chapeu e descarreguei minha munição na cara dele.
Sai do quarto dele e entrei no meu.
Kittai on
Embora eu estivesse parecendo uma vara, eu entrei no quarto dele, olhei em direção a cama e ele não estava lá, olhei ao redor e o encontrei sentado em uma cadeira.
Puts! Como vou fazer agora pensei, eu tive a ideia de me aproximar dele, prendi meu cabelo em um coque solto deixando na altura dos ombros.
Eu: Reiji- kun.
Fiz a voz mais parecida com a da Yui que eu pude, sentei em seu colo e tomei seus labios, peguei o oculos e esfreguei um balão na cara dele aproveitei a distração e corri para meu quarto, esbarrei na Nami e entramos correndo no quarto.
Mara on
Ele estava na cozinha comendo takyokis aproveitei e joguei uns três balões de longe mesmo.
Corri ate ele e peguei o cachecol, ele agarrou meus seios e eu corei, ele esfregou a cara nos mesmos eu acho que ele achou que fosse um pano.
Eu: Ayato solte-os - ele se assustou e largou meus seios eu peguei uma colher e bati na cabeça dele.
Dando três colheradas na cabeça dele eu peguei minha arma e mirei no meio dos olhos dele e atirei.
Eu sai correndo e dei de cara com a Lua e ela estava sem balões so com as armas.
Lua on
Eu fui ate a sala e ele tava la dormindo, me aproximei e peguei seu fone, mas ele me segurou e mordeu meu pescoço O DOR,VAMPIRO FILHO DE UMA PUTA MAL COMIDA, eu peguei a minha arma e mirei na cara dele atirei tudo oque tinha joguei meus balões no meio dos olhos dele, que me soltou eu peguei um balão e coloquei bem no meio da boca dele e os caninos dele trataram de estourar.
Eu corri encontrando com a Mara.
Hik on
Eu estava parecendo uma yandere, eu peguei o Teddy a uns trinta segundos e o Kanato resolveu me atacar eu não sei oque aconteceu em uma hora ele tentava rancar o meu pescoço e no outro ele estava palido e caido no chão.
Aproveitei para correr.
Entrei no quarto e nos comemoramos, porém ouvimos batidas na porta o panico foi tanto que esconde-mos as coisas embaixo da cama, tiramos os pijamas ficando só de langerie e colocamos a tv no modo Karaoke numa musica do Tauz.
Monster- Tauz.
Lua e Nami: Monster
How should I feel?
Creatures lie here
Looking through the window
Monster
How should I feel?
Creatures lie here
Looking through the window
Eu era alguém, que acreditava só no bem
Lutava e buscava o certo como ninguém
Mas veja bem, a verdade é que eu sempre fracassei
E também doeu em mim no dia que te deixei
Por anos eu tentei, mas sei que eu falhei
Não pude cumprir tudo aquilo que jurei
E eu sei (eu sei)
Fui tão longe que cheguei
Ao ponto de ser a dor da pessoa que eu mais amei
(Monster)
Olha o que me tornei
O tipo de pessoa que eu nunca imaginei
O mal que estava escondido alimentei
E agora sinto que esse monstro não dominei
E quem vai entender? (quem vai entender)
Se quero pra mim morrer
Eu odeio o que virei, mas me faz sentir tão bem
Pois quando estou nas sombras sou forte como ninguém
Monster
How should I feel?
Creatures lie here
Looking through the window
Monster
How should I feel?
Creatures lie here
Looking through the window
Me vejo no espelho, mas não me reconheço
Confesso que até de mim as vezes eu tenho medo
Nenhum sentimento
Nem arrependimento
Tudo se perdeu como folhas para o vento
Se sobrou algo de mim no fundo lá dentro
Luto pra encontrar mas no fim eu nunca venço
E eu tento
Mas é só perda de tempo
Cada dia estou mais frio perdido nos pensamentos
Não preciso de razão
Eu escolhi cair pra dar de cara no chão
No meio da multidão
Percebo a solidão
Depois que você foi aqui virou escuridão
E quem vai entender? (quem vai entender)
Se quero pra mim morrer
Tanto faz, não importa, mais nada e mais ninguém
Não estou me importando nem comigo também.
A porta foi arrombada.
E nós fingimos estarmos envergonhadas enquanto Mara e Myh colocavam as coisas no quarto deles.
Kittai: Hentaiii!
Ela corou se cobrindo com a coberta, a Lua serrou os punhos e derrepente travesseiros voadores em direção dos meninos.
Lua: PERVERTIDOS, ABUSADOS!!!!
Eu: KIAAAAAAAAAAA- meu grito saiu fino.
Reiji: onde estão nossas coisas?
Kittai: oi?
Reiji começou a vasculhar nossas coisa.
Reiji: onde estão as outras duas?
No momento que ele disse aquilo Myh e Mara sairam do banheiro de toalha.
Mara: oque fazem no nosso quarto?
Myh: vieram nos espiar de langerie?
Nos expulsamos eles do quarto e Nami perguntou;
Nami: como vocês fizeram isso? Mara: quase morremos mas viemos pelo parapeito da janela.
Myh: do quarto do Reiji até aqui.
Nos rimos.
Lua: Nós+ Pijamas so podia dar= Merda


Notas Finais


Foi bom?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...