História The Deal Sasusaku - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Hentai, Naruto, Romance, Sasusaku
Visualizações 159
Palavras 936
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


* O anime "Naruto" não é meu, até porque se fosse o Sasuke seria o personagem principal rsrsrs;
* Essa fanfic é de minha autoria e eu me inspirei na novela "Mil e uma Noites";
*As imagens usadas não são minhas, foram encontradas no Google/Instagram;
* Essa fanfic é hentai então se você não gosta não é obrigado a ler;
* Por favor não esqueça de favoritas e comentar a fanfic, até porque isso me incentiva bastante para que eu continue não só com essa mas com muitas outras ideias que eu tenho nessa minha cabecinha, e sigam meu perfil também para receberem notificações das minhas próximas fanfics;
* Boa leitura.

Capítulo 9 - Capítulo Nove


   Hoje eu acordei bem cedo e pude tomar café com Satoro, optei por usar um vestido alinhado branco, favorecia meus peitos e era soltinho e confortável na cintura. Cheguei na empresa vi Naturo e Hinata conversando decidi não atrapalhar e segui reto, mal sentei em minha cadeira e o poderoso chefão liga: 

_ Em que posso ajudar senhor Uchiha? - Perguntei normalmente, ou tentava pelo menos. 

_ Preciso que venha até minha sala Sakura. - Fui em direção de sua sala e só de pensar em ver aquele homem que foi esculpido por Deus, só pode né, e não poder tocá-lo simplesmente admirá-lo meu deu um aperto no coração. 

   Entrei e seu olhar desesperado né fitou me aproximei de sua mesa e me sentei de frente para a mesma. 

_ Em que posso lhe ser útil?

_ Qual é Sakura não me trate assim, eu sei que você não gostou do que viu ontem mas.. - Eu o cortei imediatamente. 

_ Perdão senhor Uchiha mas eu não vi nada, posso me retirar? - Perguntei torcendo para minha voz não ter falhado em nenhum momento. 

_ Naruto me contou.. - Disse cabisbaixo. 

_ É Sasuke, você confia em todos menos em mim, então agora a relação que temos é estritamente profissional. 

_ Sak.. 

_ Não Sasuke, chega. Pode ficar com aquela ruiva, eu vou sair logo disso antes que eu me machuque. - Saí de sua sala e fui até o banheiro, não aguentava segurar as lágrimas porém meu orgulho não me permitia soltá-las.. É eu sou muito complica, bem vinda a minha vida. Segui meu dia evitando Sasuke.

                         ♡ 

   Nos primeiro dois dias, Sasuke sempre me importunava, sempre que me via me puxava para algum lugar e tentava conversar porém eu estava irredutível, não estava afim de sofrer. Até o loiro veio falar comigo sobre isso, contou que a prima dele era obcecada por Sasuke a tempos e que o mesmo nunca teve nada com ela. Mas enfim, Hina contou ao loiro que ela escreveu as cartas e os dois começaram a sair pra ver no que dá. 

                        ♡ 

   E aqui estou eu, caminhando para mais um dia de trabalho com maravilhoso chefe, sinta a ironia. A caminho do trabalho acabei por esbarrar em alguma coisa muito dura, e não era uma parede afinal a 'coisa' me segurou. Minha vista subiu ao alcance de seu rosto e o fitei por um tempo.

 _ D-desculpe. - Falei fitando, mais uma vez, o ruivo dos olhos caramelos. 

_ Tudo certo, você está bem? Ou se machucou? - Perguntou me observando, parecia verdadeiramente preocupado. 

_ Eu estou bem ... 

_ Sasori.. Akasuna no Sasori. E você é..? 

_ Haruno Sakura. 

_ Combina com você.. Bela e delicada como à flor de cerejeira. 

_ Obrigada. - Disse sorrindo, acho que ruborizei afinal não estou acostumada com elogios - Bom, eu tenho que ir, até mais Akasuna no Sasori. 

_ Até Sakura. 

   Fui rápida e consegui não me atrasar, fiz meu trabalho corretamente, e assim que iria sair Sasuke me chama, porém chego em sua sala e está vazia. _ Senhor Uchiha? - Fui adiante procurando Sasuke, assim que andei um pouco mais ouvi o estrondoso barulho da porta sendo empurrada e trancada. Em um movimento brusco virei-me em direção a porta e vi o moreno caminhar calmamente até sua poltrona preta e de couro, ele estava muito lindo: sem o blazer, a blusa alinhada branca com as mangas até seus cotovelos, os cabelos desgrenhados pelo ato de sempre bagunçá-los. 

_ Senhor Uchiha, o que está fazendo? - Perguntei respirando e contando até dez mentalmente tentando me acalmar. 

_ Para com isso Sakura, eu errei.. Tá bom, eu admito. Mas isso não muda o que eu sinto por você. _ Abre a porta Uchiha. - ' Senhor, dai-me paciência, porque se o Senhor me der força acho que vou presa por assassinato', eu já estava orando na tentativa falha de continuar conversando calmamente, como uma pessoa civilizada. 

_ Já que você não quer conversar tudo bem, pode abrir e ir embora. 

_ Onde está a chave? _ Bem aqui minha rosada! - Falou sorrindo sugestivo olhando para sua calça. 

_ Não, nem vem.. Eu não vou colocar minhas mãos aí. 

_ Então ficaremos trancados aqui amor. - O sorriso de deboche nunca deixava seu belo rosto. 

_ Que porra, Uchiha! - Gritei irritada, fui até ele e abri o cinto rapidamente, enfiei minha mão dentro de sua cueca  e fui mexendo minha mão tentando achar a chave, logo comecei a ouvir os gemidos roucos e gostosos de Sasuke, a cada vez que eu mexia seu membro ficava mais ereto.        Eu não era uma devassa, porém Sasuke me deixava assim, esse era o seu efeito em mim. Toda aquela cena erótica estava me deixando na vontade sabe. Quando meus dedos tocaram a glande de seu membro Sasuke gemeu mais alto e jogou a cabeça para atrás, se reencostando em sua poltrona. Despertei de meus pensamentos impuros quando bateram na porta. 

_ A chave não.. - Antes de terminar à frase vi algo brilhar em cima de sua mesa ele me deu um sorriso - Que porra. - Gritei pegando a chave e saindo dali.

                        ♡ 

   Nesse momento aqui estou eu numa balada com divertimento a zero %. Será que um dia vou encontrar alguém que possa me dar i mesmo prazer que Sasuke me dá, eu nunca senti nada como o que ele me faz sentir, é diferente de quando eu era casada com o pai de Satoro. Bebi alguns shots de tequila, aquilo desceu queimando em minha garganta mas me animou muito.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...