História The Destiny - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Divergente
Personagens Albert (Al), Beatrice "Tris" Prior, Caleb Prior, Christina, Eric, Ezekiel "Zeke" Pedrad, Lynn, Peter, Shauna, Tobias "Quatro" Eaton, Uriah, Will
Tags Divergente, Fourtris, Tobias, Tris
Exibições 164
Palavras 1.619
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Gente me desculpe a demora. Ja era pra esse capitulo esta aqui desde cedo. Mas infelizmente eu perdi o capitulo. Ai tive que fazer tudo de novo. Espero que vocês gostem. 🍃😍

Agora vai uma noticia nao muito boa, só vou volta a posta mês que vem. Vou tenta volta ates, mas nao prometo.

Boa leitura 😍🍃🍃💞

Capítulo 6 - Bom dia! Será?


Fanfic / Fanfiction The Destiny - Capítulo 6 - Bom dia! Será?

       TRIS 

 

Acordo com uma incrível disposição. Pego meu celular para checar se não tem nenhuma mensagem ou ligação. Nada! Confesso que isso me deixou um pouco triste. Mas não vou deixa isso me abate. Hoje eu tenho certeza que o dia vai ser incrível. Um bom dia. E quem sabe não aparece alguma mensagem mais tarde.

Me levanto da cama e tomo um bom banho. Já que o dia está lindo lá fora, por que não da uma boa corrida. Quem sabe encontro algum conhecido na rua. 

Coloco uma roupa de ginástica e saio de casa. Chris com toda certeza ainda está dormindo. Ainda mais hoje que ela não tem que ir trabalhar. 

Corro só pelas ruas próximas do prédio, até porque sou nova aqui, e não conheço quase nada, e não gostaria nada de me perde.

As coisas aqui são lindas. Não tem muita gente nas ruas porque ainda está muito cedo. Eu que acordei cedo de mais. Acordei muito ansiosa, e ainda estou. 

No meio do caminho encontro uma linda cafeteria. Ela tem uma linda decoração, é um lugar muito aconchegante, e silencioso. Como não tinha tomado café antes de sair de casa, entrei. Enquanto esperava o meu pedido chegar, sentei em uma mesa perto da grande janela de vidro, e fiquei olhando pra fora, com a esperança de que ele passasse. Alguns minutos depois meu café chegou, comi e fui embora. Quando cheguei em casa tinha uma Christina louca na sala. 

- Você está maluca Beatrice? Eu achei que  tinha entrado alguém aqui em casa e tivesse te roubado, te levado pra morte. - Fala exaltada. 

- Calma mulher eu só fui corre um pouco, acordei muito cedo. - Respondo indo até a cozinha pra bebe um copo de água, e Chris me segue. 

- E você não poderia ter deixado um bilhete? Você sabe como eu fiquei quando acordei e não te vi? Sua louca não faz mais isso.

- Chris, eu só fui da uma volta, e além do mais eu não sou mais uma criança. Então mamãe, não precisa fica assim. E para de fica gritando que você não vai acaba com o meu bom dia. - Falo e Chris me olha feio, mas depois da um sorriso malicioso. Lá vem! - O que foi?

- Cadê o Tobias, Tris? Ele dormiu aqui não foi? Você deu pra ele? Você deu pra ele! - Ela grita a última parte. 

- Christina! - A repreende.

- Christina o que? Você ficou com ele que eu sei. Só isso mesmo pra você fica de bom humor uma hora dessa. Cadê ele Tris? Foi bom? - 

- Christina você quer para com isso? Não tem ninguém aqui. E eu NÃO DORMI COM ELE. - Falo já ficando irritada com esse assunto. 

- Nossa não precisa grita. Não está mais aqui quem falou. - Fala emburrada e vai na geladeira. 

- Chris? - Ela não me responde. Ótimo só o que me faltava. - Chris, para de graça. Não tem porque você fica assim. Eu só gritei porque você ficou me irritando com esse assunto. - Continua sem fala nada. - Vai Chris, fala comigooo. - Falo fazendo manha. 

- Só volto a fala se você fizer o almoço hoje. 

- Ta eu faço o almoço, o jantar, tudo o que você quiser.

- Ebaaaaa! - Comemora fazendo uma dancinha ridícula e vindo me abraça. - Eu te amo loira.

- Eu te amo morena. - Faço uma pausa antes de continuar. - É... Chris, alguém me ligou... Hoje? - Mordo os lábios nervosa. 

- Não. Ninguém te ligou não. Por que, estava esperando algum telefonema?

- Não, não. Só queria saber mesmo. É... Eu vou lá toma um banho, e já volto pra fazer a comida

Sai antes que ela fizesse mais alguma pergunta. Parece que ela não percebeu o por que da pergunta, e isso é ótimo, porque nem eu sei o por que.

Checo mais uma vez o telefone e nada. Tomo meu banho e desço pra fazer a comida. 

Depois de almoça, fico sentada na sala com a Chris vendo qualquer coisa na televisão. Não me pergunte o que, porque eu não estava prestando atenção em nada, minha mente estava longe. Para ser mais clara estava no dono dos olhos azuis escuros, que até agora ainda não tinha me mandado uma mensagem e nem ligado, pois meu telefone estava na minha mao, e toda olha eu olhava ele. Sei que ele nao tem obrigação nenhuma de me manda mensagem ou liga, mas poxa. 

- Ta Tris, já chega. O que tanto você olha esse celular e bufa. - Chris pergunta virando pra mim. 

- Nada. 

- Como nada Beatrice?. Você olha a tela desse telefone de 1 em 1 minuto. 

- Chris eu já falei que não é nada. Só queria ver se o Caleb tinha me mandado mensagem. Ele ficou de me manda. - Minto

- Por que você nao liga pra ele? - Ela aceita a mentira. Que bom! Não gostaria de te que conta a verdade. A verdade que estou assim por Tobias não te falado comigo hoje. 

- É... Depois eu ligo pra ele. - Mordo o lado de dentro da bochecha pensando se devo ou não pergunta o que eu quero. - Chris?. 

- Hum. 

- É... Nada, esquece. Acho que vou me deita um pouco. - Desisto de pergunta. 

- Ta.  - Me levanto e vou por meu quarto. O que ele está fazendo de tão importante que não pode fala comigo? Poxa cara, ele não ia gasta nem um minuto do tempo tão precioso dele. Aposto que deve esta com alguma putiane por ai. Saco! 

Depois de um bom tempo dando  uma de namorada ciumenta, paranóica,_ mesmo eu não sendo nada dele_, resolvo dormi um pouco, quem sabe mais tarde ele não resolva aparecer.

*******

Quase caio da cama com o barulho do meu celular. Mas eu perco toda a esperança quando atendo a ligação e não é ele. Não é a voz dele. E também não estava nem me procurando. O ser ainda liga errado. Merda! 

Me levanto e já está de noite. Saio do quarto, quando chego na sala, encontro Chris e Will, vendo filme.

- Hey Tris, vem ver um filme com a gente. - Will me chama.

- Não Will, obrigada mas eu estou com um pouco de dor de cabeça. Só vim toma um pouco de água e já estou voltando pro quarto. - Chris, alguém me ligou? 

- Não. Mas vem...   - Saio da sala deixando ela fala sozinha e vou bebe minha água. Não passa me um segundo e ouço passos. Chris! - O que aconteceu Tris. - Pergunta preocupada.

- Nada. 

- Que nada Tris. Você me deixou falando sozinha. E está estranha o dia inteiro. 

- Desculpa. É que eu não estou me sentindo muito bem. - 

- O que você tem? - Pergunta mais preocupada ainda.

- Só um pouco de dor de cabeça. Já vai passa. Eu vou volta para o quarto. - Dou um beijo em sua bochecha e subo. No meio do caminho ainda escuto ela fala. " É parece que alguém não teve um bom dia". E isso é a pura verdade. De bom meu dia não teve nada!

 

***********

 

Hoje já vai completa o terceiro dia que não tenho nenhuma noticia de Tobias. Ele não me deu nenhum sinal de vida. Sinceramente eu já estou ficando preocupado. Ainda não perguntei nada pra Chris, pois não quero da motivo pra depois ela fica falando no meu ouvido. Se bem que eu acho que ela não ia nem fala comigo. De tanto que eu pertubei ela ontem, nos duas acabamos brigando. Resultado não sei onde se meteu o Tobias e estou sem minha amiga pro hora.

Eu já pensei em liga pra ele, mas desisti. Não quero que ele pense que eu sou atirada e que estou afim dele. Porque não estou. Já ate pensei em ir perto da casa dele. Mas me lembrei que não faço a menor ideia de onde ele mora. Então a única coisa que eu posso fazer é espera. 

--

Estou sentada na sala, quando a porta se abre e Chris entra. Ela só fala um boa tarde e vai direto pra cozinha. Me levanto e vou atrás dela. 

-Chris, você sabe que não podemos fica assim morando de baixo do mesmo teto. - Fala atrás dela.

- Eu não me importo nem um pouco de fica sem fala com você. - Fala sem me olha. Eu sei que lá está mentindo.

- Chris, para que você não sabe menti e eu te conheço. Você não olha pra pessoa quando está mentindo. Para de graça e me da logo um abraço aqui. - Digo abrindo os braços.

- Só se você promete que faz o almoço amanhã de novo. - diz e faz carinha de cachorro que caiu da mudança.

- Ta chata. Eu prometo, mas você vai te que me ajuda amanhã com outra coisa.

- Com o que?. - Pergunta curiosa.

- Amanhã você vai saber.

Chris foi toma banho, pois tinha acabado de chegar do trabalho. Eu fiquei na sala vendo Bob Esponja, até que meu telefone apitou. Mensagem. Seja ele, seja ele.!

 - Gata, se arruma que daqui a 30 minutos estou chegando ai. Vamos sair.
Tobias.

Como assim,? Ele some durante 3 dias e quando volta já quer chega mandando. A mas eu não vou deixa isso assim. Mas não vou mesmo.

Sabe aquela vontade que eu tinha para ver ela?, acabou de sumir. Eu aqui toda preocupada e ele só fala isso? Idiota! 

Mas eu não vou me arrumar de jeito nenhum.


Notas Finais


Tris dando uma de louca. Doidinha pra ver o Tobias. Kkkkk 😂😂
Onde sera que o Tobias tinha se metido. Já vejo briga no próximo. Kkkk
Espero que vocês tenham gostado. 🍃🍃💞💞

Ate mês que vem.
Bjs Bjs 😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...