História The Fans - Capítulo 28


Escrita por: ~

Postado
Categorias Carrossel
Personagens Alícia Gusman, Daniel Zapata, Davi Rabinovich, Jorge Cavalieri, Marcelina Guerra, Margarida Garcia, Maria Joaquina Medsen, Mário Ayala, Paulo Guerra, Personagens Originais, Valéria Ferreira
Tags Daléria, Jorgerida, Maniel, Marilina, Paulicia
Visualizações 261
Palavras 775
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Festa, Musical (Songfic), Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Tava no mato, de férias.

ISOLADA

Capítulo 28 - Frêrtes


Era a décima vez que eles atrapalhavam o ensaio para trocar flêrtes, os demais bufavam e os fuzilavam com o olhar. O coreógrafo os deu mais um puxão de orelha, e depois de alguns minutos deu por encerrado os trabalhos de hoje.

Corpos cansados e suados cairam ao chão, respiraram fundo em sicronia, fazendo com que a sala ecoasse os seus sons.

Alicia foi a primeira a levantar, apenas para beber água e aporrinhar Paulo, o chutando na bunda diversas vezes. Os casais assumidos se aquietaram em seu mundo. E Marga e Jorge apenas observavam.

Sandra adentrava ao cubículo, apressada como sempre, mas um pouco saltitante.

Sandra- Oi nenês! - sorri mostrando seu sorriso gengival.

Alicia- Meu pai tá aí?

Sandra- Tá! Como adivinhou? - encarou Alicia com certa surpresa.

Alicia- Foi só um palpite.

Sandra- Certo... Ele está com sua prima e ela quer falar com...

Alicia- Comigo? Sem chances, não quero papo com ela. - cruza os braços.

Sandra- Ok... Mas ela quer falar com a Valéria. - sorri sem graça.

Alicia- Ah... - abaixa a cabeça envergonhada.

Sandra- Vamos Valéria?

Valéria- To indo. - da um selinho em Davi e segue Sandra para fora da sala de ensaio.

Paulo- Lilicia foi trocada. - comenta com divertimento.

Alicia- Calado Paulo- chuta a canela do mesmo.

Paulo- AI!! Pega leve aí. - massageia o lugar afetado.

Alicia- O que sera que essas duas estão aprontando?



(Valéria Pov On)

Adentro a sala de Sandra, onde Amanda estava, e a encontro debruçada no sofá, ouvindo música eu um volume alto, era funk. Tiro os fones da mesma e ela me encara.

Amanda- Eu tava ouvindo rabetão.

Val- Caguei pra isso... Então o que você... - antes que pudesse terminar minha pergunta ela esfrega o celular na minha cara.

Amanda- Leia atentamente. - fala pausadamente.

A encaro confusa, pego o celular de Amanda e olho para a tela, estava no Instagram, ela havia postado uma foto com uma tiara de gatinho e havia riscos em sua bochechas, na legenda apenas estava "miau". Vária curtidas e comentários, mas um me chamou a atenção. @PerezEdu.

"Como sempre linda, loirinha. Saudades de você."

Valéria- Será?

Amanda- Eu não sei- tapa os olhos.

Valéria- Stalkeia ele.

Amanda- Eu já stalkiei. Tudo bate.

Valéria- Achamos!

Amanda- E adivinha onde ele mora... Em Brasília.

Valéria- Então você vai na turnê com nós.

Amanda- Sério?! Amém Deus! - levanta as mãos para o céu.

*****(------)*****

Depois de passar mais aguns minutos com a Amanda, resolvo voltar para a sala de ensaio, entrei sorridente, mas meu sorriso morreu ao identificar dois rostos desconhecidos na sala. Um desses rosto, era de uma garota ruivo, que trocava sorrisos com Jorge, e pasmem pessoas, com o Davizinho, que baixaria.

O outro era um, que tava de papinho com a Margarida e a Alicia, Paulo não estava gostando nadinha disso, mas foda-se tudo isso, o que importa é que o meu Davizinho continua lá com aquela baranga, mesmo depois de ter me visto aqui. Ordinário.

Me junto a Maniel que estava afastado do resto. Bufo e Joaquina me encara divertida.

Majo- Eu também não gosto dela.

Val- Eu vou morder ela. - rosno.

Majo- Cuidado ela é venenosa e sonsa.

Daniel- Ela não é tão ruim assim. - comenta em baixo tom.

Majo- Como é que é Daniel? - o encara incrédula.

Daniel- Ela é péssima, muito péssima, a reencarnação da Medusa, não gosto dela. - fala rapidamente.

Majo- Hum. É melhor que não goste mesmo.

Acabei rindo com a cena, volto a encarar o tal do meu namorado e meu sangue ferveu, agora eu senti que meu auto controle se explodiu, e junto se foi minha educação.

Ela tava com as mãos no cabelo dele, cês acreditam?! Mas eu não, NO CABELO NÃO.

Cerro os dentes, e em passos duros caminho em direção a eles. Pego o braço da mócreia, e retiro dos fios loiros de Davi. Ela me encara confusa, e com um seblamte de dor.

Lara- Você tá louca?

Valéria- Louca tá você. Escuta bem queridinha, se não na próxima te ensino na base do tapa. Sabe esse gatinho aqui - aponto para Davi - MEU namorado, e sabe suas patinhas, elas não deveriam estar no cabelo dele, sabe porquê?! Porque apenas EU posso toca-lo, entendeu?

Lara- Entendi. Agora solta meu braço tá doendo. - choraminga.

Valéria- E agradeça por eu não ter cortado essas suas asas, sua galinha - solto seu braço, mas sou puxada bruscamente por Davi - Ei! Me larga.

Davi- Vamos conversar sobre essa sua ceninha ridicula. - me puxa para fora da sala.

Me ferrei, mas tô satisfeita!

(Valéria Pov Off)

Notas Finais


Que cheirinho de... Treta!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...