História The First Love (BTS) - Capítulo 2


Escrita por: ~ e ~Jezi

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Jungkook, Taehyung, Taekook, Vkook
Exibições 25
Palavras 1.055
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - 002


Jung Kook POV:

Estou meio que curioso pra saber o que o Tae tem pra me falar, a essa hora e sem ninguém por perto, também estou um pouco apreensivo. 

Chego ao parque, vejo o Tae de longe e acenei pra ele, o mesmo também retribui

  Taehyung POV:

 Estou um pouco nervoso sobre isso, na verdade nunca passei por isso na minha vida e principalmente com um garoto, avisto o Kook de longe, já começo ficar mais nervoso do que já estava, quando num piscar de olhos Kookie está em minha frente 

-  Annyeong ! - fala e me da um abraço.

- Annyeong ... 

- O que é de tão importante pra vc me chamar aqui a essa hora? 

- É que... - começo e o mesmo me olha fixamente - eu vou direto ao ponto, Eu tenho sentimentos por você 

- O que? Você tem sentimentos por mim? 

- Sim, não sei quanto tempo isso faz mais isso floresceu em mim, mais estou no ponto que não consigo parar de pensar em você um segundo sequer  - falo e o Kookie fica parado olhando para mim sem saber o que fazer - Fala alguma coisa... 

- Isso realmente foi uma surpresa para mim, achei que seria qualquer coisa boba. Desculpa por não sentir o mesmo que você sente por mim.

 - Não tem problema, afinal as pessoas dizem que primeiros amores nunca funcionam, eu vou tentar retirar do meu coração os sentimentos que eu tenho por você. Eu já vou indo - falo e aceno indo embora 

 Jung Kook POV:

Estou voltando pra casa e pensando naquilo que o Tae me falou, fiquei realmente surpreendido, somos amigos a muito tempo, ele nunca tinha me falado nada do tipo, estou meio sem reação pra isso, mais de qualquer maneira isso não sai da minha cabeça mesmo que eu me esforce ao máximo .

 No dia seguinte, Chego na escola e me deparo com o Namjoon, o Jin e o Taehyung, de repente não sei como agir na frente dele e dos garotos 

- O que você tem de errado?- falou Jin meio preocupado

 - Verdade parece um pouco estranho.. - Namjoon concorda

O Tae me olha permanece em silêncio e sai.

 O sinal toca, e fomos todos para a sala, Enquanto a aula se passava muito lentamente, não conseguia parar de pensar na noite passada, e no que o Tae havia me dito, quando percebo no meio da aula o Tae não parava de olha pra mim, corei e fiquei sem ação, até que o professor chama a atenção do Tae 

- Taehyung – Ssi 

- Sim, Professor.

 - O que tem de tão interessante no rosto de Jeon Jungkook? Perdeu algo no rosto dele? 

O Tae fica em silêncio O professor continua a aula, mais mesmo assim com o Tae ainda me olha disfarçadamente a aula inteira Como O Hobi, Jimin e Tae. voltamos para casa juntos, naquele dia não foi diferente, só mudava o fato de eu e Tae estarmos quietos demais, coisa que não é bem comum entre nós, em meio todo aquele silêncio, e o Jimin o quebra.

- Por que todo esse silêncio? Vocês não estão um poucos estranho hoje? - Fala e Hobi concorda.

- Nós estamos estranhos? Impressão de vocês! - Eu e Tae falamos juntos

 Alguma coisa tem até falando a mesma coisa juntos! - Hobi falou cruzando os braços.

- Não é que... - Tae começa mais o interrompo.

-  Eu não dormi muito bem hoje - falei tentando dar desculpas

- NÃO HÁ NADA DE ESTRANHO! - falamos juntos novamente.

- Calma! Só queríamos saber se havia algo de errado - fala Jimin voltando a andar.

- Aish, que estresse, vamos embora Jimin - falou e foi atrás do Jimin.

Hoseok e Jimin foram juntos e o Tae os segue um pouco atrás. Chegando em casa, naquela noite estava só então poderia fazer o que quisesse, fiz minha higiene, comi e fui assistir um pouco de anime, quando alguém bate na porta, achei que fossem meus pais mais eles tem a chave da casa, Abri a porta e tive uma surpresa.

- Posso entrar? - falou a criatura na minha frente

- Tae o que você tá fazendo aqui?

- Só quero conversar..

- Entra!

Fomos pro meu quarto, e o Tae fechou a porta, e lá o ele começou a falar coisas nada a ver, e eu não entedia nada.

- O que você quer dizer?

- É que... - Ele chega perto do meu rosto, se afasta e começa andar pelo meu quarto, e eu sigo ele.

- É que... ? 

Estavamos perto a minha cama, quando o Tae tropeçou e eu e ele caímos na cama um encima do outro , e sem querer o Tae me beijou acidentalmente, Omo! Eu não sabia o que fazer! Meu rosto corou, o mesmo aconteceu com o Tae, ficamos em reação, meu coração acelerou e eu não sabia o porque, ainda naquela mesma posição, quando inesperadamente, minha mãe e meu pai chegou, me procurando.

- Jungkook? Está no quarto? 

 Minha mãe estava subindo as escadas, eu e Tae sentamos na cama rapidamente, fingindo que estávamos conversando sobre algo, minha mãe bate na porta.

-Por que a porta está fechada? 

- É que ... - Tae me interrompe.

- Ela fechou sozinha..

- Estranho, uma porta fechar só ,não acha?  Por que seus rotos estão corados ? - Permanecemos em silêncio. - Mais de qualquer forma, o que você está fazendo aqui a essa hora seus pais devem estar preocupados!

- Eu já estava de saída...

- Seria bom você dormir aqui não? Já está tarde pra você ir para casa só, eu ligo pra sua mãe - Minha mãe fala e pega o celular .

- NÃO ! - Gritamos juntos.

- Okay, então vou pedir para o seu pai levar-lo pra casa.

- Não precisa eu vou sozinho, minha casa é aqui perto.

- Então Tá, mais vá rápido. Antes que fique muito tarde.

Minha mãe saiu do quarto e ficamos em silêncio.

- Eu... Já vou indo... Boa noite - fala Tae indo até a porta do quarto.

- Bo.. Boa Noite

O Tae saiu mais rápido que um piscar de olhos. Naquela noite, antes de dormir já em minha cama, só pensava no que havia acontecido, sempre que pensava, meu rosto corava e meu coração acelerava, como não conseguia dormir, fui mexer no celular, mais isso não saia da minha cabeça, fiquei a noite inteira acordado.




Notas Finais


É isso keipoppinhos espero que tenham gostado do cap ❤
Comentem o que acharam 🌸👽
Beijinhos SZ


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...