História The Girl And The Monster: Segunda Temporada - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Minecraft
Personagens Herobrine, Personagens Originais
Tags Lucy X Herobrine, Minecraft, Romance
Visualizações 20
Palavras 531
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Luta, Magia, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


e agora?

Capítulo 11 - Entre A Vida E A Morte: Parte 2


                                                                Karlla                                                               

Acordei de manhã e desci para a cozinha, porém não tinha ninguém em casa.

Karlla: -Mãe? Pai? Ryque?

De repente virei para trás e vi um bilhete em cima da mesa.

"Karlla,

Caso estranhe não estarmos em casa, não se preocupe.

Estamos apenas resolvendo um problema que......eu não

sei se você vai ficar bem......mas.....o problema e com seu

irmão.......

Por favor, não se preocupe e......

Não venha atrás da gente.....

                                                                 -Herobrine.

Karlla: -Se tratando de Henryque, eu não vou ficar aqui.....

Me arrumei às pressas e saí pra procurar todo mundo

*Uma correria depois....*

Fiquei meio desapontada já que: eu não encontrava ninguém e estava uma tempestade tensa, quando eu me virei para o lado e vi minha mãe, meu pai, tio Vycente e o padrinho Victor indo para a casa da Tia Rosalya às pressas, e por um acaso, ele estava segurando Henryque no colo.....todo ensanguentado, mordido e arranhado, eu segui eles. Quando eles já estavam próximos da casa e eu já estava quase me aproximando, alguém me puxa pelo braço.

Herobrine: -Oque eu disse pra você?

Era meu pai. Ignorei oque ele disse e saí correndo atrás dos outros.

Karlla: -Mãe oque que ta acontecendo?!

Todos se viraram para trás. Foi quando eu vi Henryque.

Karlla: -H-HENRYQUE???!!!!OQUE ACONTECEU COM ELE???!!!  [choraminga]

Herobrine: -Karlla fica calma ele t-....

Karlla: -DEIXA EU VER O MEU IRMÃO!!!!

Eu tento passar na frente mas meu pai me segura.

Karlla: -ME SOLTA!!! EU PRECISO VER MEU IRMÃO!!!!! NÃO!!!!! HENRYQUE!!!!! HENRYQUE!!!! [chorando]

Ele me puxa de volta e eu acabo abraçando ele.

Herobrine: -Shhhhhh.....fica calma.....sua tia vai cuidar dele, tá tudo bem......

Karlla: -[soluçando] Eu quero meu irmão d-de volta......

*5 horas mais tarde......*

Todos já foram, só eu fiquei aqui. Bem, enquanto ele não acordar eu não saio daqui.....

Karlla: -Volta logo Ryque.....e por favor.....[limpa as lágrimas] n-não morre......

Eu comecei a ficar meio cansada, então resolvi ficar ali sentada do lado da cama onde estava Henryque. De repente pensei um pouco.....

Karlla: -Foram bem divertidas as vezes que passamos juntos.....todas as encrencas que você se meteu por mim......e.......[cora] aquele beijo não foi tão ruim.....até que....eu gostei....<3

Eu dizia enquanto olhava para ele. Até que eu levantei e deitei do lado dele.

Karlla: -[cora] porque eu estou achando isso muito embaraçoso.....????

Eu fechei meus olhos e acabei dormindo ali mesmo.

                                                        Henryque                                                     

Eu acordei e já não estava mais inconsciente, só podia sentir uma pequena dor na cabeça, no pescoço e nos ombros. Decidi virar para o outro lado, foi quando eu vi Karlla deitada do meu lado segurando minha mão.

Henryque: -Você ficou aqui a noite toda......só por minha causa......[fala baixinho]

Eu dei um sorriso e fiquei acariciando ela. Estávamos bem próximos de rosto, eu tentei me aproximar mais pra dar um beijo nela, quando.....

Herobrine: -Henryque!!!

Henryque: -[grito] D-Desde quando você tá aí???

Lucy: -Aaaaaah porque você assustou ele??!!! Ia ser tão bonitinho!!!

Herobrine: -Para de ficar incentivando o garoto a criar laços com a irmã!

Karlla: -HENRYQUEEEEEEEEE!!!!!!!

Henryque: -M-Mas você n-.....

Ela me puxa com força e me beija. Meu pai tenta impedir mas a mamãe puxa ele de volta.

Lucy: -Deixa eles dois! É bonitinho e os leitores gostam!!!

 

CONTINUA....

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


ELE VIVEEEEEEEEEEEUUUUUUU


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...