História The Heathens - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Tags Ação, Drama, Gaaino, Konoha High School, Lutas, Naruhina, Naruto, Nejiten, Romance, Sasusaku, Shikatema, Suspense
Visualizações 207
Palavras 1.866
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Escolar, Famí­lia, Ficção, Luta, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Bom dia
Boa tarde
Boa noite



SIM FALTA ALGUNS MINUTOS PARA 00:00 mas ainda é quinta meu povo♥ kkk capítulo de hoje está aqui um pouco atrasado mais está (boa leitura)

Capítulo 14 - Corrida de orientação.


O amor não se vê com os olhos mas com o coração.

William Shakespeare

 

 

 

-----------------------------------------------------------------------------------

 

 

Continuação…

 

 

 

Shikamaru Nara

21:10min, Acampamento, Campo.

 

 

Eu não sei se estou envergonhado por ser incherido, por ter deixado a Temari sem graça ou por ela… Passando um fax? Normalmente as pessoas fazem isso no banheiro mas não queria deixar essa situação mais desconfortável do que já estava…

 

 

– E-entendi… – falei tão corado quanto ela – A propósito eu preciso te entregar isso – Entreguei as folhas a ela, todas as regras da corrida de orientação estão escritas ai…

 

 

Ela sorriu forçadamente, pegou as folhas e saiu mais vermelha que um pimentão… “Passando um fax” … comecei a rir depois que parei para pensar e me dei conta de que a situação foi bem engraçada.

 

 

Do outro lado…

 

 

Hinata Hyuuga

Acampamento 21:20, campos.

 

 

 

 

Eu me sentei em um tronco velho e Naruto sentou-se ao meu lado, eu estava prestes a retornar para minha barraca mas ele pediu-me para ficar mais um pouco, diz ele que gostava da minha companhia e de conversar comigo.

 

 

– Que noite bonita! – falei.

– Para mim está estranha… – retrucou ele, eu podia ver a tristeza e a infelicidade na face do Naruto.

– Porque? – perguntei.

– Não sei… minha vida está estranha e confusa ultimamente! – ele sorriu – Mas nada com o que se abalar né?

– Mas porq..

– Você gosta de grilos? – ele interrompeu-me mudando de assunto e eu entendi o recado.

– Acho interessante o barulho que eles fazem! – respondi.

 

 

Naruto encarou o céu, eu fiquei alguns minutos o encarando mas olhei para o céu novamente…

 

 

– Acho que você é como o céu Naruto! – falei.

– Porque? – senti ele me encarar mas continuei olhando para cima.

– Tem partes escuras, mas outras partes brilhantes, alguns dias você encanta os outros com seu brilho, mas outros você é simplesmente vazio… escuro… e sem graça!

 

 

 

Acho que ele entendeu a referência pois virou-se para frente e sua expressão me dizia que estava pensativo.

 

 

– Eu só estou confuso hoje… mas ainda brilho né?

 

 

Eu sorri, eu invejo o senso de humor dele.

 

 

 

– Vou ir para minha barraca… até amanhã… você não vai dormir?

– Depois… – respondeu ele sorrindo.

– Então até! – despedi-me dele indo descansar em seguida, pois amanhã o dia seria longo.

 

 

 

No dia seguinte

 

 

Kurenai Yuhi

9:00min, acampamento, campo.

 

 

Eu estava tomando um café bem reforçado antes de liberar os alunos para a corrida, um vento muito forte bateu e bagunçou todas minhas folhas mas, de repente uma mão surgiu para recolher elas.

 

 

 

– A-asuma? – corei – Arigatõ!

– Kurenai – ele sorriu – Não deixe suas folhas soltas – entregou-me elas em seguida – Está ventando forte hoje…

– Hai! – Encarei-o sorrindo.

 

 

Quando eu estava perto dele… o mundo ficava em câmera lenta, até esqueci de pegar as folhas enquanto o encarava.

 

 

– Atrapalho? – Tsunade aproximou-se. – Não querendo contar o clima mas está na hora de liberar os alunos para a corrida.

 

 

Nós dois coramos fortemente.

 

– Que clima? – disfarcei.

– Não seja inconveniente diretora…

– Hum… Vão liberar eles logo. – ela ordenou e nós apenas assentimos.

 

 

Ino Yamanaka

9:00min, acampamento, campo.

 

 

Após uma noite não dormida… SIM, EU NÃO DORMI… a quantidade de insetos e mosquitos era imensa e eu odeio tudo isso, prefiro o conforto do dormitório da C.P.K, sem contar que a Hinata não parou de espirrar por causa do frio. Meu humor estava péssimo, acordei, me arrumei e tomei meu café sem falar muito!

 

 

– Ei … está animada com essa corrida? – perguntou Sai.

– Claro! – eu sorri.

– Eu também…

– Que não! – completei fechando a cara.

– O que você tem?

– Nada!

 

Eu estava desanimada, só de pensar nessa corrida me dá um sono… apesar que competições me atraem, Gaara aproximou-se com uma mochila e sentou-se do meu lado.

 

 

– Está pronta? A Kurenai disse que estamos liberados!

 

 

 

Sai o encarou como se fosse matá-lo.

 

 

– Ino … MEU AMOR! – ele segurou meu rosto – SE CUIDA, E NÃO HESITE USAR SUAS HABILIDADES CASO PRE-CI-SE! – ele mediu Gaara de cima abaixo – cuida da MINHA noiva seu vacilão…

 

– Pode deixar, vou ser um bom “papai” pra ela…

 

 

Eu dei risada, Gaara era bem irônico e se divertia muito provocando-o Sai.

 

 

– Eiii… Não falei para brincarem de papai e filhinha! – Gritou Sai vendo a gente se distanciar, ele faria dupla com a Karin… não vou nem me preocupar, ele odeio a Karin tanto quanto a Sakura.

 

 

 

Sasuke Uchiha

Acampamento, floresta 9:20min.

 

 

Assim que fomos liberados, peguei no braço de Sakura e começamos a corrida pois quanto antes terminarmos melhor, ela estava diferente dos outros dias… estava quieta, quase não falava comigo… Apenas caminhava atrás de mim.

 

 

 

– Sakura? – eu ia perguntar o motivo do silêncio dela.

– Hum? – ela encarou-me.

– Deixa pra lá… não é nada importante!

 

 

Voltei atrás, se ela não quer falar nada problema é dela, peguei o papel e comecei a analisá-lo… O nosso mapa dizia que tínhamos que chegar até uma certa montanha e isso demoraria cerca de 24 horas… O QUE? UM DIA PARA CHEGAR ATÉ ESSA MALDITA MONTANHA.

 

 

– Eu não acredito que vai demorar tudo isso! – comentei mas ninguém me respondeu, olhei para a cara da rosada e ela estava no mundo da lua – EI, POR ACASO ESTOU FALANDO COM AS ÁRVORES?

– EI, NÃO GRITA COMIGO SE EU TIVESSE ESCUTADO VOCÊ FALAR EU TERIA RESPONDIDO! – Sakura retrucou gritando e ela nunca gritou comigo antes.

– PORQUE ESTÁ BRAVA? EU QUE DEVERIA ESTAR BRAVO… ESTOU TE FALANDO UMA COISA IMPORTANTE E VOCÊ AI VIAJANDO NA MANTEIGA.

– É MAIONESE.

– que seja… só para de se distrair e presta atenção no caminho.

– Aish… – reclamou ela batendo o pé e passando na frente mas puxei sua mochila.

– Quem está com o mapa sou eu, então apenas me siga ok?

 

 

 

Pain Uzumaki

Acampamento, floresta, 9:30min.

 

 

Eu estava olhando o mapa mas, de repente Konan tomou ele da minha mão e começou a ler.

 

 

 

– Eu sei ler um mapa...-- comentei.

– Aqui diz que vamos chegar em 24 horas… É… vamos ter que dormir na floresta!

 

 

Depois de anos finalmente vou passar um dia inteiro com a minha noona, eu gostava da companhia dela… Estava observando-a enquanto caminhava quando sua pulseirinha caiu no chão, peguei sem que ela percebesse e guardei em meu bolso.

 

 

 

– Estava me recordando de quando andávamos juntos o tempo todo… não posso dizer “bons tempos” mas é bom estar ao seu lado novamente! – ela sorriu, droga Konan porque tinha que ser tão simpática? – Ei porque é tão calado? Vejo que não mudou nada né …

– Eu só não sabia o que responder! – falei.

 

 

A azulada caminha tranquilamente até notar que sua pulseirinha havia sumido, ela começou a se desesperar e sair procurando pelo chão que nem uma doida.

 

 

– Ei … não saia do caminho… – corri atrás dela.

 

 

 

Tenten Mitsashi

Acampamento, floresta 9:30min.

 

 

Eu estava me sentindo uma sortuda caminhando ao lado do Neji enquanto aquele deus grego olhava o mapa, encarando-o sem ele ver notei que seu cabelo era mais brilhoso e sedoso que o meu, tinha mais balanço também, ele me perguntou algo mais eu nem notei.

 

 

– Neji o que você usa no cabelo? É a linha de creme Salon line? Já sei, óleo de babosa? – encarei-o.

– Eu acabei de te perguntar se você verificou as coisas da mochila, pelo que li aqui vamos demorar um dia para chegar lá…

– Se usarmos nossas habilidades ninjas chegaremos antes disso!

– Não podemos! – respondeu ele.

– O QUE? – exclamei questionando decepcionada.

– Você não leu nem as regras… tapada! – ele revirou os olhos e bufou.

 

 

Ele caminhou para trás de mim e meu coração acelerou, o Neji nunca tinha ficado tão perto de mim antes, ele pegou a mochila e pediu para eu ler a lista.

 

 

– Sacos de dormir! – falei.

– Sim. – respondeu ele.

– Água…

– Sim.

– Comida…

 

Ele não respondeu nada, acho que não ouviu.

 

– COMIDA! – gritei.

 

– não está aqui! – ele falou entre os dentes me encarando com os seus olhos pérolados cheios de ódio – COMO VOCÊ PODE TER ESQUECIDO A COMIDA? VOCÊ É UMA TAPADA MESMO.

 

 

Ele levantou-se e arrumou a mochila.

 

– Gomen nasai… – desculpei-me.

– Deixa pra lá, a gente se vira! – ele colocou a mochila nas costas e começou a caminhar.

– Ei, deixa que eu levo…

– Não! – respondeu ele. – Leve o mapa!

 

 

Neji é um cavalheiro… quando ele quer!

 

 

 

Sabaku No Temari

Acampamento, floresta 9:30min.

 

 

Eu deixei o Shikamaru ler o mapa, mas ele disse que estava com preguiça então fiz isso sozinha ainda envergonhada pelo que aconteceu ontem a noite, quando percebia que ele estava me olhando muito cobria cara todinha com o mapa.

 

 

 

– E então o que diz ai? – perguntou ele.

– Não sei… não me apresse! – dei uma rápida olhada – Vamos demorar 24 horas para chegar, nosso destino é uma montanha…

– Aish… muito longe! – reclamou.

– Deixe de ser preguiçoso, andar faz bem para a saúde!

– Então porque você não faz isso? Tá gordinha!

 

Quem ele pensa que é pra falar de mim e do meu corpo.

 

 

 

– Ainda bem que meu corpo não foi feito pra agradar ninguém além de eu mesma…

– Calma fofinha não fica brava! – ele apertou minhas bochechas e virou-se voltando a caminhar – Eu gosto das gordinhas.

 

O que ele quis dizer com isso? Até corei mas não ligo, meu irmão diz que na vida eu sou o homem de lata sem coração!

 

 

 

Sabaku No Gaara.

Acampamento, floresta, 9:35min.

 

 

 

Ino estava caminhando dando uma olhada no mapa, eu tinha acabado de lê-lo porque ela estava olhando ele, não confia na minha palavra? Sem contar que ela levou seu MP5 pra floresta e estava ouvindo música nele, que tipo de pessoa leva coisas assim para um acampamento?

 

 

– Droga… – ele parou de caminhar.

– Que foi?

– Descarregou! – ela abriu a mochilha e guardou seu MP5.

– Deus ouviu minhas orações, me sentia como se tivesse um zumbi do meu lado…

– Dramático…

– Porque está tão quieta? – questionei.

–Sou de exatas, não nasci para humanas, muito menos biológica… esse lance de natureza não é comigo, não consegui dormir por causa desses insetos malditos e faz muito frio aqui.

– Esse ar puro não te dá prazer? – perguntei.

– Outra coisa me dá prazer e pode ter certeza que não é isso.

 

 

 

Pensei besteira mas relevei por conta do grau de mau humor da Ino, continuamos caminhando até que me lembrei de uma coisa, a aposta que a gente fez e que ela perdeu…

 

 

– Então quer dizer que sua perna melhorou? – perguntei.

– Sim…

– Que bom… Acho que já pode pagar a aposta né?

 

 

 

Ela parou de caminhar encarou-me e sorriu.

 

– E quer que eu faça o que? – perguntou.

– No momento nada…

 

Mas tenho muitos planos para depois Yamanaka.

 

 

Naruto Uzumaki

Acampamento, floresta, 9:40.

 

 

A Hinata verificou o mapa e disse que demoraria um dia para chegar até a montanha, até lá eu tenho que cuidar dela se não o Neji me mata.

 

– O cabeludo cuida sempre de você? – perguntei.

– É a missão dele nessa terra! – ironizei.

– Entendi… ele me lembra um pouco a Sakura comigo, ela vive cuidando de mim! – comentei.

– Normal, quem se preocupa um com o outro cuida!

– Então hoje vou me preocupar com você! – sorri.

 

 

Paramos para beber água, porém a Hinata continuou caminhando de costas e assoviando… quando voltei meu olhar para ela a hyuuga estava próxima de um buraco, porém continuava a caminhar de costas…

 

Continua…

 

 

 

 

 

Próximo capítulo: Quais tretas rolaram entre as duplas, o que será que vai acontecer? Para uns o clima vai esquentar… até demais!
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Por hoje é só, amanhã tem mais ... Kissus♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...