História The Heir ! ( Camren ) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ariana Grande, Austin Mahone, Avril Lavigne, Cara Delevingne, Carly Rae Jepsen, Demi Lovato, Fifth Harmony, One Direction, Selena Gomez, Shawn Mendes, Taylor Swift, The Vamps
Personagens Ally Brooke, Ariana Grande, Austin Mahone, Avril Lavigne, Bradley Simpson, Camila Cabello, Cara Delevingne, Carly Rae Jepsen, Charlotte Lewis, Connor Ball, Dallas Lovato, Demi Lovato, Dinah Jane Hansen, Harry Styles, James McVey, Lauren Jauregui, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Normani Hamilton, Personagens Originais, Selena Gomez, Shawn Mendes, Taylor Swift, Tristan Evans, Zayn Malik
Tags Camren, Larry, Vercy
Exibições 202
Palavras 1.482
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Lírica, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Musical (Songfic), Poesias, Policial, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Bom dia/ Boa tarde/ Boa noite/ Boa madrugada !

Bom gente, essa é minha sexta fic, ela é um projeto no qual eu tenho trabalhado bastante assim como trabalhei bastante pra deixar (Vampire Academy) a minha cara.

Espero que gostem dessa fic também !

Boa leitura !

Capítulo 1 - Cap. 1 O Início De Tudo !


Fanfic / Fanfiction The Heir ! ( Camren ) - Capítulo 1 - Cap. 1 O Início De Tudo !

Pov. Camila

Aqui estou eu passando mais um aniversário nas ruas !

Bom !

Deixa eu me apresentar !

Me chamo Camila Cabello, eu moro na rua desde os meus sete anos quando meu pai adotivo tentou abusar de mim...

#Flashback On

Era o meu aniversário de sete anos, minha madrasta Liza, segunda esposa de Alejandro, tinha feito uma festa simples pra mim é alguns amigos meus da escola estavam lá, eu me sentia totalmente deslocada perto daquelas pessoas, era como se meu lugar não fosse aqui com eles, mais sim em algum lugar distante.

Que engraçado né ?

Meus pai adotivo e Liza, ao olhos de todos eram os tipicos pais perfeitos, mais só eu sabia a verdade sobre essa falsa aparência de bons pais que eles passavam para as pessoas. Vou explicar melhor essa história, a primeira esposa de Alejandro foi Sinu Cabello, ela era uma mulher incrível, ela cuidava de mim, me amava e me tratava como se eu fosse a jóia mais rara do mundo, eu amava muito e fiquei muito triste quando ela morreu de leucemia quando eu ainda tinha seis anos. Alejandro ao contrário de mim, ficou muito feliz e em apenas uma semana depois da morte de Sinu, ele se casou com Liza que se tornou minha madrasta, nas primeiras semanas ela era um amor comigo, mais depois mostrou sua verdadeira face, ela me batia todos os dias é ainda me colocava pra fazer as tarefas domésticas de casa, até cozinhar ela me obrigava, o que gerava várias queimaduras e noites sem dormir direito já que Alejandro sempre chegava bêbado é os dois começavam a discutir e quebrar coisas.

Que bela família perfeita em !

A festa corria bem, e eu disfarçava a minha tristeza dando o meu melhor falso sorriso é fingindo que meus pais eram o melhores do mundo, quando a tortura finalmente acabou, corri em direção ao meu quarto e me tranquei, me deitei na cama e comecei a chorar.

Porque eu tenho que passar por tudo isso ?

Porque eu Sinu teve que morrer ?

Se ela estivesse aqui, tudo seria diferente !

Ouvi batidas fortes na porta me assustando ao ponto de cair da cama, ouvi a voz de Alejandro soar abafada...

- Abra a porta Camila ! - disse de forma um pouco embolada..

Ótimo, ele havia bebido !

Agora vou apanhar porque ele é um bêbado idiota !

- Estou mandando você abrir essa porta agora ! - ouvi ele gritar alterado...

Eu não vou abrir a porta, me escondi debaixo da cama e tapei os ouvidos com minhas mãos e fechei os olhos com força, fiquei assim por longos minutos quando de repente tudo ficou em silêncio, me arrastei para o lado saindo de baixo da cama, comecei a limpar minhas roupas quando ouvi um barulho é logo a porta foi derrubada...

- Agora você vai me pagar por ser tão desobediente ! - disse é em seguida me deu um tapa...

Senti meu rosto arder e as lágrimas caírem sobre meu rosto. Alejandro me puxou pelo braço e me empurrou de forma brusca contra a parede me fazendo bater a cabeça me deixando um pouco tonta, em seguida vi ele começar a tirar o sinto de sua calça é abaixar a mesma, ele se aproximou de mim que continuava caída sem conseguir me mexer, ele começou a abrir os botões do meu vestido quando em um súbito choque de realidade eu gritei pedindo socorro, Alejandro me deu outro tapa no rosto, ele colocou suas mãos em meu pescoço e começou a aperta-lo com força, quando ouvi uma voz...

" Fuja ! "

Ao ouvir isso vi as mãos de Alejandro pegarem fogo e o mesmo começar a se debater no chão, peguei minha mochila que estava do lado da cama, coloquei o ursinho que Sinu havia me dado antes de morrer, peguei uma blusa de frio e sai correndo pra fora daquela casa..

Flashback Off#

Desde esse dia eu jurei pra mim mesma que ninguém mais iria me machucar outra vez, desde então eu vivo nas ruas, as vezes eu acho o que comer é as vezes não, mais já me acostumei a viver sozinha, apesar que a alguns meses atrás, eu encontrei uma lanchonete de uma senhora de idade que desde a primeira vez que me viu, ao contrário de outras pessoas, me chamou pra entrar, sentar na mesa e comer algo, de primeira fiquei meio desconfiada e assim que comi sai correndo dali, voltei outras vezes é a mesma me ofereceu comida outra vez e me deu algumas roupas e deixou que eu tomasse banho no seu banheiro, repeti esse processo por longos meses até que ela me ofereceu um lugar em sua casa e trabalho, recusei sua proposta de primeira, mais ela disse que não aceitava um não como resposta é que me daria uma semana pra mim pensar. Hoje no dia do meu aniversário de 17 eu estava a caminho da lanchonete com minha mochila nas costas, eu iria passar o dia com a senhora Hansen, mais no caminho vi que estava sendo seguida por dois homens, desviei do caminho da lanchonete e corri em direção a um beco, ao entrar no beco vejo os homens correndo atrás de mim, corri até o outro lado da rua, entrando em uma estrada que levava a br, olhei pra trás sem parar de correr e vi que os homens ainda estavam atrás de mim, avistei uma floresta e corri até a mesma esbarrando sobre as árvores galhos e troncos, olhei pra trás e vi os homens parados um pouco longe, parei de correr e notei que havia algo errado com eles, de repente eles começaram a tirar suas roupas ficando apenas de cueca..

Santo Capiroto !

Que pornográfia e essa aqui ?

Arregalei meus olhos ao vê-los multiplicarem os seus tamanhos até ficarem gigantes, seus olhos se juntaram até se tornarem um só...

Mais que raios e isso ?

Eles são macumbeiros ?

Já sei, isso é uma pegadinha !

Aí meu cu !

Fui despertada de meus pensamentos ao sentir o chão tremer, olhei para aqueles seres e vi um deles andando até uma árvore arrancando a mesma como se estivesse pegando uma bola e arremessando a mesma na minha direção, fechei os olhos e esperei morrer esmagada por aquela árvore, mais isso não aconteceu, abri meus olhos e vi um muro de terra em minha frente e aquela voz familiar ecoou pela minha cabeça...

" Corra em linha reta querida ! "

Sem pensar duas vezes, corri em linha reta sentindo o chão tremer a cada passo que aqueles seres gigantes davam, ouvi um grito grotesco daqueles monstros e me virei vendo um galho gigante de árvore sendo lançado em minha direção, pulei pro lado a tempo de não ser atingida...

Será que meu cu ainda tá inteiro depois disso ?

Me levantei passando a mão em minha bunda pra confirmar se ela estava inteira, e ao constatar que estava, voltei a correr torcendo para não tropeçar no meio do caminho e ser comida por esses bichos estranhos...

E se eles decidirem abusar de mim ?

Eles devem ter um troço gigante !

Eles vão acabar comigo !

Cruzes !

Para de pensar em coisas retardadas e foca em correr Camila !

Balançei a cabeça para espantar meus pensamentos incoerentes e fiquei em correr e desviar daquela chuva de árvores passando bem perto da minha cabeça...

" Vá para a esquerda ! "

Ouvi aquela voz outra vez e desviei para a esquerda vendo uma árvore passando direito, corri mais um pouco até que vi um lugar bem estranho um pouco mais a frente, tentei ler o nome que havia, mais estava em uma linguagem estranha..



Ótimo !

Cade um alienígena pra desvendar isso aqui quando a gente precisa !

Quando cheguei mais perto daquela espécie de entrada pra sabe-se lá o que, as letras começaram a se mecher formando uma frase...

" Acampamento meio sangue ! "

Meio sangue ?

Que porra é isso ?

Deve ser algum centro de macumba !

" Entre ! "

Ouvi aquela voz de novo...

Entrar ?

E se eles me usarem como galinha preta e me matarem pra fazer despacho ?

Vou entrar não !

" Pule pra frente ! "

Ouvi aquela, sem pensar pulei pra frente caindo de cara no chão e comendo um pouco de terra, ouvi vozes soarem perto de mim, levantei a cabeça e dei de cara com pernas bem torneadas, levantei mais meu olhar e dei de cara com uma garota que mais parecia uma deusa com uma par de esmeraldas brilhantes no lugar dos olhos...

Eu morri ?

Esse anjo lindo veio me levar pro céu ?

Que par de esmeraldas brilhantes são esse !

Santo Capiroto !

Meu cu tá piscando !

Que deusa !



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...