História The Hisho Delakai (Interativa) Volume 1. - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Ação, Aventura, Hentai, Interativa, Originais, Romance, Shoujo, Shounen, Yaoi, Yuri
Exibições 6
Palavras 1.004
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Crossover, Ecchi, Fantasia, Ficção, Hentai, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shounen, Universo Alternativo, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 21 - Youkais Parte 1.5 (Akira Hoyata)


Fanfic / Fanfiction The Hisho Delakai (Interativa) Volume 1. - Capítulo 21 - Youkais Parte 1.5 (Akira Hoyata)

[Youkais - Irmãos.]

[P.O.V. Akira Hoyata ON]

Aquilo estava acontecendo novamente, antes Dio Amazuka e agora Shinghajk e Yukine. Estavamos correndo pela floresta em busca dos dois seguindo algumas pegadas de Yukine e encontramos um pouco de sangue caído no caminho indicando que tinha acontecido alguma luta, só sabiamos do acontecimento graças a conexão que Sumbeam teve com a natureza recebendo informações do que tinha acontecido ao redor da casa. Dio usava a visão dele com uma especie de energia que emitia luminosidade para corrermos para salvar Shinghajk e Yukine o mais rápido possível.

Na noite mais demônios estavam ao nosso redor para tentar nos impedir então tivemos que lutar contra todos. Chutei um deles e usei a repulsão o lançando para longe e Dio descepou a cabeça de um demônio com um chute. Atrás de nós estava Lian que tinha cortado três demônio que iriam atacar ele com a espada em um movimento único, Yui Salazar que criou um grupo golem que socou alguns demônios na frente dela e Sumbeam que usava o gramado do chão o transformando em lâminas que cortavam as pernas dos demônios. "Espero que Yukine esteja bem... Estar correndo durante a noite com esse numero de demônios e perigoso demais"

— Oi Akira! — Disse um demônio gigantesco andando até nós era um Gashadokuro. — Surpresa? Eu não sou o esqueleto e sim quem esta o controlando, prazer sou Leogruhr, mas me chamem de Leo apenas...

— Devolva a Shinghajk e o Yukine! — Falei.

— Nunca... Acho que deixarei o esqueleto destruir vocês... — Leo riu e o esqueleto criou um campo ao nosso redor cor uma cor preta e que era tão vivo como fogo em relação a sua movimentação. — Sou muito mais poderoso que minha irmã Shinghajk... Aposto que ela não disse a vocês que é um demônio certo?

"Na verdade ela não disse... Não disse nem que tinha um irmão...".

— Devolverei o Yukine, mas levarei Shinghajk comigo. — Leo colocou Yukine no chão. Ele estava apagado e imóvel, o ursinho dele estava rasgado sem o resto do corpo.

— SEU MONSTRO O QUE VOCÊ FEZ COM O YUKINE! — Gritou Lian furioso.

— Apenas o deixei dormir, ele não esta morto é uma pequena droga que faz demônios como ele dormirem... Humanos não possuem tamanho poder. — Leo e o Gashadokuro que o carregava iriam começar a andar, mas Yukine acordou e os olhos dele estavam pretos e tinha sangue escorrendo deles.

— Eu não vou deixar você a levar! — Yukine andou até o Gashadokuro que o socou inúmeras vezes com o imenso punho, mas não causou dano nenhum a ele. — Ela nos ajudou a salvar nosso amigo e salvou a nós mesmos, ela pode ter errado, mas todos erram! — Um dos socos do Gashadokuro cortou o braço de Yukine e Yukine caiu de joelhos no chão o próximo soco seria fatal então Sumbeam Flower rodeou os braços do esqueleto gigante com imensas correntes de petalas que se estendiam no ar e fez o soco do Gashadokuro se voltar contra ele, mas a corrente se desfez e Sumbeam não conseguiu criar outra. Dio saltou no ar e colocou os dois punhos nos olhos que adquiriram uma chama roxa e ainda com os punhos preenchidos com uma chama roxa saltou contra o ombro do Gashadokuro e o socou causando um grande impacto audível e que deixou Leo surpreso, mas Dio iria cair no chão pela perda de energia então eu o peguei pelos braços saltando do chão até ele. Yui Salazar criou uma imensa pedra e Jira e Steam criaram uma porta que antes não servia muito para nada, mas agora seria útil e Yui empurrou a pedra que atravessou a porta e outra porta se abriu no céu perto do cranio do Gashadokuro e quase o derrubou no chão com o choque. Yukine se levantou do chão mesmo tendo perdido o braço e o Gashadokuro ainda inteiro continuava o socando e causando arranhões graves na pele de Yukine, mas no ultimo instante Yukine pegou o punho do gashadokuro com o unico braço que restava e estava muito ferido e metade do rosto dele tomou uma cor preta e adquiriu um único chifre como um demônio.

— Posso morrer, mas não vou morrer sem antes me certificar de que Shinghajk está bem.

— ELA ESTÁ BEM... SOU O IRMÃO DELA... MORRA! — Disse Leo e o Gashadokuro levantou os braços com uma altura máxima e Yui iria pular na frente do soco para salvar ele, mas eu a impedi, pois não queria a perder. Yukine foi atingido e o gashadokuro já sem energias para lutar desabou no chão.

— Yukine... — Andei até o gashadokuro assim como os outros. — Ele está vivo não é? — Perguntei, mas todos estavam em silencio. Jira e Steam estavam chorando e eu percebi que eu também chorava e os outros também. O monstro que fez isso tudo acontecer saiu de dentro do cranio do esqueleto e andou até nós.

— Toda batalha tem perdas lamento... Gashadokuros não são tão fortes assim, mas... — Antes de ele terminar de falar criei uma esfera laminar de repulsão e lancei contra o rosto dele que não se cortou, pois ele defendeu com a mão que perdeu a pele e os músculos sobrando apenas os ossos, mas se regenerou. — Que fascinante... Infelizmente não sabem manter o poder, é a fraqueza de vocês humanos, ao atingirem o limite emocional podem ser capazes de qualquer coisa, mas ao ver que o poder não é o suficiente ficam perdendo as esperanças e morrem... É esse um dos motivos para sermos imortais!

— É mesmo? Não precisamos ser humanos quando podemos ser demônios! — Dio riu um pouco e andou até Leo com um sorriso que parecia demoníaco no rosto e levantou Leo pela camisa. — Yukine é nosso amigo e a morte dele não será em vão. — Dio adquiriu duas caudas brancas e os dentes ficaram afiados e dois chifres surgiram em sua cabeça juntamente de um cabelo branco. — HAHAHA — Dio perdeu a consciencia de si e socou Leo no rosto e a energia criou uma imensa cratera no solo.

Continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...