História The invitation - Capítulo 5


Escrita por: ~

Visualizações 245
Palavras 1.817
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Esporte, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá meus amores vamos deixar claro que Kariny não vai ser tão simpática com Georgina então se tiver alguma fã dela lendo peço desculpa desde já, segundo espero que gostem.

Capítulo 5 - A mudança


Fanfic / Fanfiction The invitation - Capítulo 5 - A mudança

Pov Lionel Messi Barcelona- Espanha, dia 7 de fevereiro de 2017, terça-feira. 

Eu acordei com meu celular tocando loucamente, ainda com sono eu peguei e atendi.

--Alô?--falei assim que consegui atender ele.

--Alô, Lionel?--perguntou uma voz feminina.

--Sim quem tá falando?--perguntei direto e talvez, só talvez grosso demais.

--Desculpa te ligar a essas horas, mas eu queria saber que ainda está de pé aquela vaga na TV Barcelona?--falou a voz que eu reconheci sendo a da Kariny. 

--Claro que sim! Desculpa a curiosidade mas o que te fez mudar de ideia?--perguntei realmente curioso.

--Percebi que preciso de ares novos, fazer coisas novas sem estar embaixo das "asas" do meu irmão.--falou ela decidida.

--Ok, você pode se apresentar aqui em dois dias?--perguntei.

--Estarei ai no final da tarde!--falou ela e eu me espantei com sua rapidez.

--Melhor ainda, assim já te apresento para o técnico e presidente ainda hoje, já que teremos uma festa hoje!--falei e ela concordou.

--Só por curiosidade que horas é essa festa?--perguntou e eu ri.

--Será as 20:30h, assim que chegar me ligue que eu te busco na casa do Ney, você vai comigo pode ser?--falei e ela concordou.

--Então tá obrigada Lionel, e desculpa por ter te incomodado!--falou ela e eu sorri.

--Sem problemas!--falei.

Ela desligou e eu fui tomar um banho, dizer que eu estava surpreso era pouco, eu estava feliz, eufórico e nervoso, quer dizer, eu mau me divorciei e já estou me interessando por outra mulher, ela é atraente e muito linda, o que me assusta, já que eu sempre achei que eu nunca agiria assim se um dia meu casamento chegasse ao fim.

Eu me arrumei e desci para a cozinha tomei café da manhã e fui pegar meu carro, liguei o rádio e estava passando uma música que gosto muito do Alejandro Sanz e como um bom fã eu comecei a cantar ou melhor estragar a música, já que sou péssimo cantando.

"Mírame, en nada me consigo concentrar, Ando despistado, todo lo hago mal, Soy un desastre y no sé que está, pasando, Me gustas a rabiar, yo te deseo, Me llegas a desesperar, Es tan grande lo que siento por tí, Que tenerte no bastará"

Eu acompanhava a música sorrindo eu realmente gosto dessa música é claro que o Alejandro canta muito melhor que eu mas fazer o que.

"¿Qué es esto que me invita a vivir, Que me dá la ilusión? ¿Qué será esa fuerza que a todos, Nos une de dos en dos? ¿Será la fuerza del corazón?"

"Hace que te abrace y, Los cuerpos lleguen a estorbar, Tiemblo sólo con la idea de rozar, Tus labios llenos de besos nuevos, No puedo dormir, robas mi, tranquilidad"

Nunca gostei tendo dê uma música igual gosto dessa, só tem uma outra  que eu gosto assim só que ela é brasileira então devo dizer que nem me arrisco a cantar pois sou péssimo.

"Alguien ha bordado tu cuerpo, Con hilos de mi ansiedad, De cinturón tuis piernas cruzadas, En mi espalda un reloj, Donde tus dedos son las agujas,"

"Y dan cuerda a este motor, Que es la fuerza del corazón, Y es la fuerza que te eleva, Que te empuja y que te llena, Que te arrastra y que te acerca a Dios, Es un sentimiento, casi una obseción"

"Si la fuerza es del corazón, Es algo que te lía, Una descarga de energía, Que te va quitando la razón, Te hace tropezar, te crea confusión, Seguro que es la fuerza del corazón, Es la fuerza que te lleva"

"No puedo pensar, tendría que, cuidarme más, Como, a poco, pierdo la vida, Y luego me la das, ¿Qué es lo que va cegando al amante, Que va por ahí de señor? Y no es más que un chiquillo, Travieso, provocador,

¿Será la fuerza del corazón?" "Y es la fuerza"

Cheguei no CT cantando e como por um milagre divino quase todos já estavam ali, eles me olharam espantamos, talvez seja pelo fato de eu nunca cantar, e nunca estar animado de manhã cedo. Não tenho culpa se hoje eu estava feliz por algum motivo.

--Bom dia!--falei sorrindo e todos eles me olhavam como se eu fosse um bicho de outro planeta.

--Bom dia, por que tanta animação?--perguntou Gerard.

--Nada!--falei e eles fizeram um "ata sei".

--Qual é Lionel sabemos que você é a pessoa mais chata do mundo de manhã cedo!--falou Luiz.

--Sim sou mesmo, mas como o Ney sempre diz, existe uma primeira vez para tudo!--falei e eles riram.

Fomos para o treino da manha onde se passou rápido, na verdade hoje só teríamos treino de manhã. A festa era beneficente para os familiares dos envolvidos no acidente com o time da Chapecoense, o time brasileiro que morreu vários jogadores e tal, nosso time fez um jogo beneficente, mas nós os jogadores, queríamos ajudar mais, então surgiu a ideia da festa.

Seria um leilão envolvendo todos os jogadores do time e de alguns times rivais, eu dei uma das minhas chuteiras de ouro para o leilão, Neymar deu um quadro dele autografado, Piqué deu uma de suas camisas também autografada, Suarez deu uma de suas chuteiras, e teria várias outras coisas.

Após o almoço fui pra casa onde dormi a tarde inteira e só acordei na hora de me arrumar para ir buscar a Kariny. Eu estava bem ansioso para saber como ela estava, eu meio que não dei escolha para ela então eu iria com ela de qualquer forma.

Já era 19:45 e eu ainda nem tinha procurado um terno sabia que se demorasse muito ela poderia ir com o Neymar, aliás acho que o irmão dela iria, então é provável que ela prefira ir com ele. Meu Deus me ajuda eu tô pior que um adolescente.

Pov Kariny Vieira Madrid - Espanha, dia 7 de fevereiro de 2017, terça-feira. 

Eu acordei as seis da manhã com uma dor de cabeça infernal, a primeira coisa que eu fiz foi ligar para o Lionel e dizer que eu queria a vaga de jornalista na TV Barcelona, eu sabia que futuramente poderia me arrepender disso, mas deixarei para pensar nisso daqui alguns meses.

Hoje tem uma festa beneficente e eu vou, na verdade eu já ia de qualquer forma, só que com a minha mudança para Barcelona eu vou agora com Lionel, confesso quê quando ele disse que ele me pegaria na casa do Ney para irmos juntos meu coração quase saiu pela boca, não sei porque disso, mas eu gostei e escolhi um belo vestido para usar hoje a noite.

O caminho até Barcelona foi rápido, já que além de não economizar na velocidade o transito não estava tão intenso na rodovia, era duas horas de viagem então foi rápido, eu me despedi dos meus amigos e pedi para as meninas não pegarem leve com a vaca lambida da Georgina, elas disseram que não pegaria leve e eu ri, pois sabia que era verdade.

Cheguei na casa do Ney por volta das duas da tarde, eu sei pra quem saiu cedo deveria ter chegado antes do almoço, mas eu passei no CT do Real antes, por isso demorei.

Eu fui no salão na parte da tarde juntamente com Bruna e Rafaela, e quando faltava uma hora para o nosso compromisso eu voltei para a casa do Ney onde me arrumei e esperei por Lionel.

Pov Lionel Messi, noite da festa.

Eu cheguei na casa do Neymar encima da hora e devo dizer que assim que vi a Kariny eu quase babei ela estava perfeita com aquele vestido longo.

--Boa noite!--falou ela sorrindo e que sorriso.

--Boa noite!--falei.--Você está linda!--falei deixando ela vermelha.

--Obrigada, você está lindo também!--falou ela.

--Vamos?--perguntei.

--Claro!--falou ela e eu abri a porta do carro para ela, o caminho até o local da festa foi feito na base de músicas.

Assim que chegamos os jornalistas caíram encima da gente, literalmente, com perguntas e mais perguntas de um suposto envolvimento meu e da Kariny, obviamente nem nós importamos, mas assim que entramos todos os olhares se viraram para nós, Cristiano Ronaldo me olhava com a cara fechada e eu não me importei.

Eu e ela cumprimentámos vários conhecidos e amigos tanto meu quanto dela.

--Kariny você está linda!--falou uma garota ao lado de Cristiano, acho que era a acompanhante dele.

--Uma pena não poder dizer o mesmo de você!--falou ela e eu estranhei já que ela foi simpática com todas as outras.

--Kariny!--falou Ronaldo.

--Desculpa se eu ofendi, mas eu não sou obrigada a mentir pra te agradar!--falou ela ácida e eu quis rir.

--Kariny como você está linda!--falou Pilar Rubio.

--Obrigada Pilar você também está linda, ah esse é meu acompanhante Lionel!--falou ela super simpática.

--Olá, agora eu sei porque da pressa!--falou a senhora Ramos fazendo a mulher ao meu lado rir.

--Imagina, bom se nos dão licença, vamos para a nossa mesa!--falou ela mostrando a mesa em que meus amigos estavam.

--Toda licença, aliás formam um belo casal!--falou a outra mulher me deixando com vergonha.

--Amor está deixando eles com vergonha!--falou o marido dela rindo.

Eu e a Kariny saímos de perto deles o mais rápido possível, e fomos em direção a mesa que estavam meus amigos, o leilão foi iniciado e eu comprei uma camisa do goleiro Tafarel, qual é o cara foi e é um mito no futebol, uma pena ser brasileiro, comprei também um quadro meu que fizeram, eu sei muito egocentrismo, mas o quadro estava bonito e comprei uma outra camisa para a Kariny, ela queria muito a camisa, mas Ronaldo não colaborou então eu dei um lance maior que o dele e comprei a bendita camisa.

Após o leilão dançamos muito, na nossa mesa a discussão era futebol, Kariny me impressionou muito mostrando que mulher também entende do melhor esporte do mundo, claro que teve umas provocações de ambos os lados, mas nada que estragasse a noite por completo.

--Obrigada!--falou ela assim do nada.

--Pelo quê?--perguntei claramente confuso.

--Por ter feito minha noite uma das melhores!--falou ela e eu ri.

--Eu que agradeço, você que fez minha noite uma das melhores!--falei com sinceridade.

Eu estava indo deixar ela na casa do Neymar já era uma hora da manhã, eu ainda teria que levantar cedo.

--Eu me divertir como nunca!--falou ela.

--Também me diverti!--falei parando o carro.

--Mais uma vez obrigada!--falou ela, já tirando o cinto, bom eu não sei o que deu em mim, só sei que eu me aproximei dela, e como ela não se afastou eu acabei de vez com a distância entre mim e ela selando nossos lábios.

De primeira ela não retribuiu acho que devido ao choque, mas antes que eu me afastasse ela me beijou de volta, um beijo maravilhoso, o beijo dela tinha gosto de chiclete de morango, misturado com vodka, uma delícia, mas infelizmente tivemos que nos separar até por quê precisávamos de ar.

--Boa noite Lionel!--falou ela saindo do carro.

--Boa noite Kariny.--falei dando partida e indo embora.


Notas Finais


Lionel mostrou que quer impressionar mais que ninguém!

Será que Ronaldo ficou com ciúmes?

Olha Pilar causando!

Espero que tenham gostado.
Bom é isso espero que gostem do capitulo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...