História The last song I'm wasting on you - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook
Tags Bad Passando, Broken!jikook, Doubble J?, Jikook, Jikook Sim, Jimin, Jiminkook, Jungkook, Kookmin, Música Do Evanescence, Songfic
Exibições 33
Palavras 494
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drabble, Drama (Tragédia), Slash, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Pansexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Era pra eu estar escrevendo Moon Evil, mas os problemas e a escola estão batendo na porta, então que fiquem com essa interpretação barata de The Last Song I'm Wasting on You, do Evanescence

Capítulo 1 - Você se lembra, Jungkook?


Aquele garoto, em seus plenos dezesseis anos, ainda era uma criança, lembra? Ria de coisas mais que bobas, achava o mundo enorme e mágico, acreditava que tudo era um conto de fadas e que ele seria feliz para sempre. Lembra?

Aquele pequeno de coração inocente, aberto a quem quisesse experimentar da inocência que transbordava de cada parte daquela doce criança? Sim, você se lembra. Lembra daquelas mãos gordinhas que estavam sempre sujas de terra — pois ele insistia em cuidar compulsivamente das flores do jardim —, daqueles cabelos negros que estavam sempre bagunçados? Porque ele dizia, em sua plena inocência, que o que importava era sempre a essência e não a aparência.

Lembra? Que ele estava sempre sorrindo, não importava o quê? Sim, aquele lindo sorriso quilométrico que derretia qualquer um, que nunca morria. Sua justificativa? "É que se eu sorrir, as pessoas tristes vão se animar e sorrir também". Ah, sim. Bondade era seu nome do meio, daquele que chorava quando uma flor murchava e que oferecia amor ao pior assassino do mundo.

Sofrimento? Ele não conhecia essa palavra. Tristeza? Nem sabia que existia. Porque no seu céu sempre estava pincelado um arco-íris e a chuva era para regar nós, as "flores do mundo" como ele dizia. Lembra?

Claro que lembra. Também, Jungkook, lembra-se como você se ofereceu para cuidar de suas flores? Para ajudar a alegrar as pessoas? Para brincar com ele em seu jardim e para lhe dar tanto amor quanto ele dava a você? Você disse que estaria lá com ele.

E realmente esteve. Para pisotear suas flores, tornar negro seu céu. Apresentar-lhe os ferimentos da alma e transformar sua chuva em choro. Usufruíste da inocência dele por diversão e jogou-lhe em algum canto de tuas memórias como um brinquedo. Tu roubaste o seu coração para quebrá-lo e devolvê-lo torto. Aquela doce criança tornou-se um amargurado jovem.

Rancor? Talvez essa palavra esteja encravada em algum lugar de sua alma. Medo? Agora ele tem de pessoas da sua laia, que ele reconhece de longe graças à tua cara de pau sem limites. Inocência? Esvaiu-se tão rápido quanto qualquer memória ou sentimento dele ao redor de ti.

Porque ele também aprendeu a se levantar, a ser forte, e aprendeu a quebrar os corações que tentavam brincar com o seu próprio.

Lembra, Jungkook? Do dia em que tentou voltar e saiu com o coração partido? O dia no qual provaste do teu próprio veneno? O dia em que percebeu que Park Jimin não era mais uma criança.

Lembra de como se sentiu magoado? Ainda se acha no direito de se sentir assim? Depois de tudo o que fez para o pobre Park? Você mentiu para ele, mas ele está mais maduro agora. E não vai mais pagar por seus erros.

Lembra do dia em que percebeu que vivia em uma utopia? Que não podia mais tocá-lo? Perceba, Jeon. Park Jimin achou seu caminho para a saída. E você nunca mais irá machucá-lo novamente.


Notas Finais


Eu nem tava na bad pra escrever isso, mas...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...