História The life of a k-idol - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, BoA, EXO, F(x), Girls' Generation, Got7, Kim Soo-hyun, SHINee
Personagens Amber Liu, Baekhyun, BamBam, BoA Know, Chanyeol, D-Lite (Daesung), G-Dragon, Jackson, JB, Jennie, J-hope, Jimin, Jin, Jinki Lee (Onew), Jisoo, Jonghyun Kim, JR, Jungkook, Kai, KiBum "Key" Kim, Kim Soo-hyun, Krystal Jung, Lay, Lisa, Luna Parker, Mark, Minho Choi, Personagens Originais, Rap Monster, Rosé, Sehun, Seohyun, Seungri, Sooyoung, Suga, Suho, Sunny, T.O.P, Taemin Lee, Taeyang, Taeyeon, Tao, Tiffany, V, Victoria Song, Xiumin, Yoona, Youngjae, Yugyeom, Yuri
Exibições 4
Palavras 924
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Musical (Songfic)
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Suicídio, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hello, só vim postar mais um capítulo pq eu não consigo para de pensa nessa história na minha cabeça vamos lá, comentem, se gostaram favoritem obg 😘❤

Capítulo 2 - All of me


Fanfic / Fanfiction The life of a k-idol - Capítulo 2 - All of me

Yoona POV

Acabou a aula, nós fomos pro pátio comer, Seohyun foi compra nossos lanches e eu fiquei me despreguisando, vejo Kim Soo Hyun, ele era três meses mais velho mas mesmo assim eu gosto de chama ele de oppa pois somos bem próximos.

- Está sozinha? -Ele perguntou me dando uma lata de refrigerante 

- Não, Seohyun foi compra nossos Lanches- disse pegando a lata

-Ahh, se ele esteve te perturbando pode me avisa que dou um jeito Nele- disse num tom de incômodo 

- O quê? - Falo surpresa- Kim Chung-ho?  Não, tudo bem. Ele é uma pessoa boa.

- Quem?!- Eu tomei um susto e sujei um pouco da minha saia.

-Yaahhh! - Falo frustrada e levando o punho pra bater nele.

-Desculpe - disse encolhendo-se, abaixei o Punho- Como eu estava falando, você acha que o " Friezze Man'' é uma boa pessoa, dizem que bate no próprio pai pra consegue o que quer e usa seus irmãos mais novos como reféns e empregados. Teve uma vez que ele bateu em 4 caras porquê ele não conseguiu o que queria. - Vi o tal Friezze Man passa com as mãos no bolso e chutando uma pedra. 

-  Sundae!! - visualizei um garoto atrás de Chung-ho e o mesmo se virou e tirou os fontes, os dois pareciam bem próximos pois o garoto passou o braço nos ombros de Chung-ho e fez cafune em seus cabelos, que logo se soltou e começaram a conversa casualmente.

- Yoona-ah,  está me ouvindo? - Me virei pro presidente da sala. 

- Sim? Esta tudo bem, eu sei me cuida- avisto Seohyun com nossos lanches e aceno pra ela. 

[...]

Chung-ho POV

Acabou o intervalo tivemos que voltar pra sala, estava sem dinheiro novamente então pedi para Yugyeom compra o meu de novo, acho que já estou devendo 1.000.000 de wons, quando voltamos pra sala Yoona e Seohyun já estavam sentadas conversando,  do jeito que me olhavam parece que já sabem os rumores sobre mim, então só resolve senta na minha cadeira.

- Oi- disse as duas juntas e eu só acenei e sorri pra elas. Próxima aula é de educação física prática,  é como o professor de educação física era irmão mais novo da minha e sabia o que eu fazia, então eu não fazia educação física. As vezes ele ligava pra minha mãe porque eu queria fala com ela,  e acabamos chorando, rindo e várias outras coisas. Troquei de roupa e fui pra fora,  cansado só fiquei sentado enquanto os outros faziam bajulações,  se achavam e etc na frente das SNSD. Eu e Yugyeom éramos os únicos que não faziam essas coisas estúpidas.

[...]

Finalmente o final da aula dei tchau pro Yugyeom que foi direto pra JYP, e eu fui pro lava rápido, consegui mais um trabalho em uma lanchonete eu sou o substituto do chefe e o cara da mobilete que levava as comidas a seus destinos. Saindo do lava rápido fui pra pizzaria, com sorte o chef não faltou então eu sou só o cara da mobilete, peguei uma caixa térmica com varios Jjajangmyeon, coloquei essa caixa na mochila,ficou um pouco pesado tipo pesado demais mas eu tinha que trabalha então não liguei muito peso.

Fui para o destino inevitável do macarrão que era uma empresa de entretenimento, queria que fosse a JYP assim podia conversar mais com Yugyeom e com os hyungs sem volta pro trabalho, mas não era e sim a empresa das novatas então não tinha nada demais, fui direto pro salão de música porque foi de lá que recebemos o pedido mas não tinha ninguém, só um piano que derrepente senti um desejo de toca-lo,  olhei de um lado pro outro pra vê se não tinha ninguém vindo me aproximei do piano me sentei e comecei a tocar "All of me". 

                     Cause all of me
Loves all of you
Love yours curves and all yours edges
All yours perfect inperfections
Give your all to me
I'll give all to you
You're my end and my beginning 
Even when I lose I'm winning 
Cause I give you all of me
And you give me all of you ooh
ooh

Eu parei de toca e me levantei completamente revigorado os trainees chegaram dei as comidas pra eles, ganhei gorjeta extra como desculpas deles, acabei meu turno na lanchonete e fui pro bar comecei a servir bebidas para as mulheres pois não sei qual o problema com meu colega de trabalho que toda vez que ele vai atender alguma mulher ela vai direto pra onde estou.

- Eii! Eu disse que nós iremos no diverti na minha casa Ãmm- um cara bêbado disse arrastando a mulher pego pulso forçadamente. Eu resolvi da uma de bonzinho como sempre.

- Ei, bêbado - falei - Não está  vendo que está machucando ela.

-Haha, estou sem tempo de brinca com crianças que nem você - Falou num tom brincalhão 

- Quem disse que você ia brinca comigo? Sou eu que quero me divertir - falei com um sorriso no canto da boca e rapidamente dei um soco na barriga dele, ele soltou a garota. 

-Saia daqui rápido -falei- PALLI GA!

- Certo- ela saiu correndo. 

Ele se levantou e tentou me dá um soco na cara mas fui mais rápido e desviei dando uma cultuvelada em costas o mesmo caiu de dor. Levei isso como vitória mas estava errado, me virei não demorou muito pra eu corta minha mão ao segura a garrafa quebrada que quase chegou na minha barriga, segurando a garrafa eu dei uma cabeçada na cara dele fazendo-o desmaia.

[...]

Cheguei em casa cansado e com a minha mão enfaixada me deitei na minha cama e dorme.




Notas Finais


Só isso por hoje 😀😝


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...