História The Lost Empire. - Capítulo 29


Escrita por: ~

Postado
Categorias Atlantis: O Reino Perdido, Bangtan Boys (BTS), Lendas Urbanas
Personagens Chen, D.O, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Milo James Thatch, Personagens Originais, Rap Monster, Rei, Suga, V, Xiumin
Tags Bts, Fluffy, Jeon, Jungkook, Kim, Kooktae, Kookv, Lemon, Long-fic, Taehyung, Taekook, Universe, Vkook, Yaoi
Visualizações 39
Palavras 1.809
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Fantasia, Ficção, Fluffy, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sci-Fi, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Nome do capitulo; Especialistas em Explosão.
Ponto de Vista: JK

Mais rapido do que o esperado. >3

Surpresa!!!
boa leitura e até nas notas finais. ♥

Capítulo 29 - Especialistas em Explosões


Fanfic / Fanfiction The Lost Empire. - Capítulo 29 - Especialistas em Explosões

– Vamos para os submarinos, não podemos deixar que o Kraken escape. – Disse Yoongi liderando o grupo para fora da caverna, Taehyung corria agora com Sowon em seus braços, a garota estava acordada, mas um pouco atordoada.

O Polvo emitia um barulho estridente, como uma frequência estranha de som que simulava um grito, aproveitamos que o monstro estava todo embaixo d’água para sairmos daquela caverna, iriamos para os submarinos para ruir as paredes embaixo da caverna garantindo assim que o Kraken não saísse de lá.

-

 

Submergimos para oceano seguindo em direção para o que deveria ser a entrada da caverna, estávamos divididos em três submarinos. Yoseob e Yoongi, Sowon, Yuju e Hoseok; por último eu Minghao e Taehyung. Descemos até estarmos parcialmente perto do solo marítimo e seguimos por entre as rochas.

– Fale comigo Yoongi, temos que achar a saída da caverna. Vamos encurralar o polvo e prender ele dentro. – Disse enquanto procurava manter o caminho suficientemente iluminado. Me certificava de que dessa vez o vidro não racharia. – Sowon está tudo bem?

– ‘Tá, esta sim... mas foi assustador. – A garota disse enquanto continuávamos seguindo pela barricada de pedras, já podíamos avistar mais a frente algo que se assemelhava a uma entrada subterrânea. – Era frio e nojento, tudo começou a sumir como se eu estivesse me afogando.

O silencio se instalou nas linhas de comunicação por alguns segundos.

– Yoongi-yah está muito escuro... Jogas as chamas de magnésio. – A voz de Yoseob ecoou no autofalante enquanto seu submarino assumia a dianteira. Poucos segundos depois e dois misseis de magnésio foram lançados iluminando parcialmente por um curto período de tempo o caminho a nossa frente.

– Jeon olha! – Taehyung apontou o dedo para o vidro a nossa frente; porem bem afrente do vidro estava nosso amado polvo de estimação nos esperando. – Ele já esta fora...

Minghao completou a fala do pai.

Com isso nos dividimos para cada um de um lado, iriamos alvejar o molusco de modo que ou morresse ou ficasse paralisado. Dirigimos dentre os tentáculos mas com o tanto de membros que ele tinha ficava quase impossível ter uma boa mira ou visão da cabeça.

– Cuidado com os tentáculos. – Taehyung disse afobado.

– Hunf, não me diga... – A voz de Yuju se fez presente e quando momentaneamente elas pararam seu submarino para adquirir uma mira precisa do polvo, Sowon acelerou aquele mini submarino e com habilidade contornou o povo fazendo seus tentáculos darem a volta em si mesmo; quando chegaram na extremidade da frente do molusco dois misseis foram disparados e se movimentaram em retirada para fugir da explosão.

O polvo se movimentou habilmente para baixo saindo do alcance dos misseis que colidiram contra as pedras.

– Não adianta, eu não consigo um apontaria precisa. – A garota gritou do outro lado da linha, provavelmente irritada.

– Vamos atacar. – Taehyung respondeu. Manobrei o mini sub, indo de frente para o perigo, mantive a velocidade consciente até ver as ventosas do molusco se prepararem para acatar, continuei manobrando o submarino até estar próximo o suficiente para poder acertar dentro das ventosas. Fomos surpreendidos por um tentáculo que limitou nossa visão, disparei duas vezes usando o primeiro míssil para desobstruir o nosso caminho. O outro míssil acertou no topo da cabeça do molusco fazendo os movimentos dos tentáculos cessarem momentaneamente. Outra daquela onda sonora irritante que se associava a um grito pode ser ouvida através do metal do mini sub; aquela coisa estava ficando irritada. 

– ‘Tá esperando o que? Atira! – Yoseob disse. O mini sub deles fez uma volta estranha e então vimos dois misseis serem disparados; em nossa direção. Sowon estava conscientemente fora de alcance então o projetil estourou ao colidir com uma rocha, mas para o nosso caso tive que usar um míssil para explodir o que vinha em nossa direção.

– Atira na Lula, na gente não! – Sowon gritou enquanto se dirigia para as rochas a frente afim de detonar tudo encima do molusco.

– Min Yoongi ficou louco gente... Deu problema na mente dele. – Yoseob se desculpou enquanto víamos o mini sub dos dois parado mais afrente.

– Mas o velho...

– Pai... Não é o velho, é o polvo! – Minghao me interrompeu fazendo-nos focar no Kraken, ele estava certo; agora de perto as cavidades na cabeça do polvo tinham a mesma coloração incandescente de quando ele estava controlando o velho, e estranhamente tinham a mesma coloração de quando estávamos seguindo a luz da cidade na nevoa.

– Mas é claro! – Yuju riu. – É o Kraken que tem poderes mentais...

Um barulho de pancada foi ouvido do submarino de Yoongi.

– Yoongi? – Hoseok estranhou.

– Ai... – Yoongi murmurou.

– Tudo certo! Já o distrai. – Yoseob disse assumindo o controle do volante.

– Cuidado!  O monstro está vindo! – Hoseok anunciou fazendo todos os três submarinos recuarem. Começamos a fugir daquele polvo, mas por ele ser mais velho que toda a nossa existência devia ser mais velos em perseguições por que pouco a pouco estávamos sendo alcançados.

– Isso foi muito estranho. – Yoongi murmurou mais uma vez.

 

Continuamos contornando rocha atrás de rocha que agora pareciam um labirinto sem fim enquanto o molusco irritado nos perseguia. Começamos a emergir saindo daquela espécie de buraco que estamos enquanto seguíamos pelo oceano que já se mostrava mais aberto

– É o meu último tiro! – Sowon disse logo após nos reunimos os três novamente na fuga.

– Nosso também. – Hoseok constatou.

– Voltem para praia, temos que chegar em terra firme! – Sugeri.

Começamos a fazer o caminho de volta até passarmos pelo submarino afundado que outrora já fora nosso.

– Não! – Yoongi disse assumindo o volante do mini sub e redirecionando para o sentido contrário no qual o Kraken vinha.

– Você está maluco, ’tá indo direto pra ele Yoongi. – Hoseok gritou um pouco exaltado pela linha de comunicação.

– Eu vou distrair ele de novo! – Yoseob disse.

– É o submarino do Jeongguk, está cheio de misseis aprimorados podemos explodir de uma só vez! – Yoongi sugeriu aumentando a velocidade do seu minisub.

 

A ideia era arriscada mas fizemos a volta para dar cobertura a Yoongi. Estávamos indo novamente para o monstro que agora parecia de certo perdido, provavelmente sua visão funcionava como um sonar que quanto mais perto do chão melhor funcionava. Ele sentiu nós nos aproximarmos e então seus tentáculos se retorceram que indicava que ele estava pronto para briga de novo. Yoongi parou seu submarino e esperou o gigante vir nadando até nós. Sowon disparou seu último míssil sendo defendido por um dos membros do molusco, ele continuou sua investida sendo obstruído pelo segundo e último míssil que eu havia. Yoongi esperou o timing certo e assim que a extremidade da cabeça do molusco se aproximou do submarino naufragado ele atirou, a explosão foi eficiente a ponto de ruir algumas colunas que haviam perto mesmo no fundo do oceano. Foi estranho ver o molusco morrendo, sua massa flutuou por um tempo afundando na água até parecer se decompor numa velocidade absurda sobrando apenas resido que mais pareciam com poeira do fundo do mar.

 

– Sabe.... Acho que o Senhor Lula Molusco também tinha certa mágica. – Yoongi fez uma piada estranha que até parecia com as piadas que Jin fazia arrancando umas risadas baixas e estranhas do outro submarino; provavelmente de Hoseok.

 

Voltamos para a superfície a tempo de presenciar a neblina se dissipando e os primeiros raios de sol invadirem a cidade, era um pôr do sol. Talvez um pôr do sol mais feliz do que todos os outros que já tiveram. Caminhamos até a instalação que no hospedávamos, a mulher estava na porta com um semblante nostálgico; não só ela como mais algumas casas da vila estavam já com portas e janelas abertas, Yoongi teve o seu momento logo após explodir a estátua do velho que agora era pura cinzas e agora todos poderiam novamente apreciar o sol mais uma vez.

– Pois é... Não vamos mais encontrar o Kraken em livros de biologia. – Yuju riu enquanto parecia se divertir com a vista maravilhosa que aquele desfiladeiro agora nos dava.

– A maldição acabou, os peixes voltaram e o nevoeiro se dissipou. – Taehyung continuou, o garoto se sentou no chão observando a paisagem como se nunca tinha visto nada daquilo antes. – Eu já quase nem me lembrava mais como era essa sensação do calor do sol.

– É ótimo não é? – Sowon se sentou ao lado de Taehyung para apreciar o momento.

– Bom se não tem mais fedor de lula e tiver algo fedendo... Esse alguém é... – Yoongi riu e olhou mais uma vez para Hoseok.

– Por que que você ‘tá olhando pra mim? A toupeira aqui é o Yoseob hyung! – Hoseok se justificou rolando os olhos e passando a mão pelos braços do pálido. – Você até que fica bonitinho com cheiro de molusco Yoongi h-y-u-n-g.

Terminou ironicamente.

– Por que faz isso com a mão? São os peixes! – Yoseob seguia Yuju e agora Sowon que estavam indo para o barco que viera nos buscar, iriamos voltar para o cargueiro e agora com o problema solucionado partir.

– Eu me sinto meio deslocado aqui e agora pai.... Acho que não deveria ter saído de Atlântida. – Minghao murmurou enquanto parava ao meu lado, o observando agora; ele já estava quase do tamanho de Taehyung. Era estranho você ter uma cria feita com seu DNA e de outro mas que estranhamente cresce rapidamente. – Eu sinto falta dele...

– Dele? – Taehyung voltou seu rosto para nós dois, ele se levantou e caminhou rigidamente, sua expressão era séria. – Dele quem exatamente?

– Ah nada! – Minghao riu, o garoto se virou e correu para o barco.

Taehyung fitou o garoto correr sem nenhuma expressão acompanhando o pequeno rapaz a entrar no barco. Seu rosto voltou para meus olhos, e então ele sorriu.

– Ele cresceu tão rápido...

– Sim Tae, cresceu. – Abri os braços de modo que Taehyung se aninhasse ali. Não éramos um típico casal normal, mas indiretamente nos entendíamos como um, seu rosto puxou todo o ar que conseguia na região do meu pescoço fazendo um leve arrepio se formar na área.

– Por 8mil anos eu estive vendo os mesmos rostos, é estranho conhecer novas pessoas. – Ele disse baixo enquanto mantinha seus olhos fechados e encostados no meu pescoço. – E cada nova pessoa tem novos pensamentos, novas ideias, seu mundo tem muito a oferecer.... Espero que um dia meu povo; o povo de Atlântida ofereça bastante também.

– E por que não poderiam? – Disse no mesmo tom carinhoso, o abraço se tornou mais quente e gostoso, era confortável estar com Taehyung fora de Atlantis não sermos mais rei e conselheiro. No momento éramos dois garotos normais. – Seu povo pode mudar o mundo, como nós fizemos aqui, agora que não há mais Kraken é hora de gente como a senhora da hospedaria criar seus filhos em paz...

 

Caminhamos lentamente e abraçados até aquele barco e de lá partimos para casa do senhor Minho, eu estava ansioso e ao mesmo tempo feliz de poder voltar para casa, mas principalmente por poder levar Taehyung para conhecer minha casa. 


Notas Finais


Só pra dizer que provavelmente estarei atualizando minhas outras fics antes da proxima atualização dessa aqui ♥
Pessoal, eu não tenho muito mais pra escrever aqui nas notas e nem mais na fic. Eu queria fazer uma long fic mas provavelmente vai ser média mesmo, a gente tem mais uns 10/13 caps pela frente. ♥

Obrigado pelos quase 155favs, vocês são os melhores, sério! ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...