História The lovers - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Johnny Depp
Personagens Johnny Depp, Personagens Originais
Exibições 5
Palavras 1.250
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Morta que eu consegui um capítulo com mais de 1000 palavras, espero que gostem!❤

Capítulo 3 - 3


Fanfic / Fanfiction The lovers - Capítulo 3 - 3

"I told you I was trouble

You know that I'm no good"

Amy Winehouse - You Know That i'm No Good

Mensagens:

número desconhecido: estou muito ferrado por não ter falado com você antes?

Brooklyn: não sou do tipo de criar esperanças com uma conversa Depp, aliás, se demorou 2 semanas, pra que chamar?

J.Depp: eu disse que iria ligar baby, só não disse quando

Brooklyn: desafiador você huh? de qualquer jeito, o que você quer Depp?

J.Depp: eu e você, amanhã em um restaurante, talvez para terminar o que começamos naquele dia

Brooklyn: você realmente está falando sério? Não vou sair com você tão facilmente John

J.Depp: Não sou desistir fácil baby, pode apostar que daqui a pouco você vai estar beijando meus pés.

Brooklyn: porque não leva Amber? Que eu saiba você é casado com ela, não comigo.

J.Depp: obviamente se eu quisesse sair com Amber, eu pediria, mas estou aqui perdendo o meu tempo por uma causa nobre, vai aceitar meu convite?

Brooklyn: vou pensar no seu caso Depp, até mais.

J.Depp: você não vai ter paz até aceitar, até mais baby girl.

Brooklyn Pov

Acordo com meu telefone tocando, pego ele que estava em cima da cômoda, olho o visor e vejo que era Shelby, minha empregada:

- Senhorita Brooklyn, tem um entregador de rosas aqui, alguém mandou 1000 rosas para a senhora, o que eu faço?- Desperto por completo da bebedeira de ontem e tento processar a informação

-Puta que pariu, Shelby espere 10 minutos, já estou saindo daqui.- Me levanto rapidamente e me visto correndo, desço as escadas correndo e gritando por Katy, quando vejo ela está tomando café com Mayer.

-Não são nem 10:00 e você já tá aqui John?

- Pelo o que eu saiba não é proibido tomar café com minha namorada, e você? Parece que dormiu dentro de um liquidificador.- John fala rindo e se servindo de café, olho para ele e levanto meu dedo do meio.

- Primeiramente: vai se fuder, algum idiota mandou 1000 rosas lá pra casa, tenho que ir resolver isso. - Eu digo pegando uma maçã e tentando arrumar a bagunça que estava meu cabelo

- Deve ter sido o Depp huh? Katy me disse que ele está movendo montanhas pra sair com você

- Katy Perry como sempre a maior fofoqueira de L.A, se essa história sair daqui eu queimo todas as tuas perucas Califórnia Girl. - Faço uma cara de desdém e procuro pelas chaves do meu carro

- Não se preocupe Boo, John não vai espalhar pra ninguém né?- Katy diz fuzilando John com o olhar

- De qualquer jeito, obrigada pelo vinho de ontem Agente P, te ligo mais tarde!- Saio da casa correndo e entrando no carro

- Também amo você Boo!- Escuto Katy gritar dentro da casa, abro um sorriso e sigo em frente.

Eu conheço Katy desde que mudei pra L.A, ela sempre me ajudou, me ajudou a compor, à tomar cuidado com alguns idiotas que existem nesse meio e também me levava pra beber nos melhores clubes de West Hollywood, literalmente a melhor pessoa que já conheci!

Cheguei em casa e vi cerca de 3 homens transportando centenas de rosas brancas e vermelhas e Shelby desesperada na porta

- Graças a Deus senhorita, a casa está inundada de rosas, eu não sei o que fazer, as rosas vão atrair abelhas e a senhorita é alérgica, a senhorita pode parar num hospital ou coisa pior, aí meu Deus, o que eu faço? - Ela diz rápido demais e eu não consigo entender nem 50% de suas palavras

- Shelby, por favor entre e tente se acalmar, vou resolver o problema e vai ficar tudo bem ok? - Eu falo abraçando ela de lado e a conduzindo até a porta, me dirijo de volta até o caminhão do entregador e tento falar com ele.

- Hum, olá - Confiro o crachá dele para saber seu nome - Senhor Winters certo? - Ele assente e nem olha na minha cara direito

- Esse cartão veio junto com as rosas Senhorita Armstrong, espero que tenha um bom dia e até mais. - Ele diz entrando rapidamente dentro do caminhão, não dando tempo nem de perguntar algo ou ter um diálogo civilizado.

- Idiota - Eu falo abrindo o cartão e vendo a mensagem que está escrita

"Espero que goste baby girl, vejo você as 22:00, esteja pronta. Do amor de sua vida, Johnny Depp."

Johnny Pov

- Johnny, a floricultura ligou e pediu pra avisar que as rosas já foram entregues - Rose minha empregada fala e se aproxima da mesa do meu escritório - Você sabe que isso é errado né? Trabalho com você desde o início, parece que gosta de se meter em confusão menino! Amber não é boa coisa e você sabe disso, se ela descobrir vai matar você e matar a tal Brooklyn também!

- Rose por favor, já sou bem velho pra você ficar tomando conta de mim hum? Eu sei o que estou fazendo e vai dá tudo certo, não precisa se preocupar, já organizei tudo e ninguém vai ficar sabendo. - Me levanto e dou um beijo no topo de sua cabeça, saio do escritório e vou até meu mini bar, pegando uma garrafa de vinho

- Essa noite não vai acabar em boa coisa. - Eu falo e abro um sorriso malicioso.

O dia passou bem rápido depois de 3 taças de vinho, quando acordo já são 20:00, me levanto e vou tomar um banho, antes de chegar no banheiro sou parado por Amber no corredor

- Hey, eu mal cheguei e você ja vai sair? Queria aproveitar esse noite com você - Ela diz abrindo minha blusa e beijando meu pescoço

- Amber querida, você não ia ficar fora até semana que vem? Combinei de ir com Bruce tocar um pouco - Falo dando um selinho nela e me afastando, seguindo a direção do banheiro

- Wow, vou dar uma saída com a Rachel então, você vai dormir em casa? - Ela diz decepcionada

- Não sei querida, se for tarde demais, irei dormir por lá mesmo, vou me arrumar, amo você - eu digo entrando no banheiro e tirando minha roupa, termino meu banho e procuro o melhor terno que tenho, quando já estou devidamente pronto mando uma mensagem para Bruce

J.Depp: Se Amber perguntar estou com você tocando em algum lugar

Bruce: E onde você está John Christopher?

J.Depp: Estou a caminho de uma das melhores noites da minha vida man.

Dirigi até a casa da Brooklyn, buzinei, cerca de 5 minutos depois os portões abririam e eu vi possivelmente a coisa mais maravilhosa de todas, Brooklyn com um vestido vermelho, saí do carro e fui falar com ela

- Como pensei que você já tinha rosas demais, não comprei nada, mas devo dizer que você está maravilhosa. - Deposito um beijo em sua mão - Vai entrar no carro agora ou quer que eu te pegue no colo também?

- Estou pensando se bato na sua cara agora ou depois Depp, 1000 rosas caralho, tem rosa até dentro da minha banheira porra! - Ela diz quase em cima de mim, inverto as posições, quase encostando nossos lábios

- E eu ficaria muito agradecido se você entrasse na merda do carro, ou você quer que os paparazzis vejam a gente aqui? - Digo bem perto do seu ouvido, ela olha para os lados e entra no carro, dou a volta e entro também.

- Você é bem mal humorada hum?

- Você me deixa assim Depp - Ela diz lentamente e olhando para a frente

- Então por que aceitou sair comigo Darling?

- Você pode até me deixar mal humorada, mas também me deixa excitada John, não iria perder essa chance.



Notas Finais


GENTEE, eu consegui escrever em um diaaa, botei o nome da empregada de Shelby pq tava assistindo AHS: Roanoke hahaha, espero que tenham gostado!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...