História The Mistery Demon Inside Me - Capítulo 5


Escrita por: ~ e ~GamerTotality

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Colégio, Escola, Incesto, Lucifer, Lutas, Magia, Máquinas, Nie, Nudez, Original, Suspense
Visualizações 6
Palavras 1.409
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Harem, Hentai, Luta, Magia, Mecha, Mistério, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Super Power, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Incesto, Linguagem Imprópria, Nudez, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


eae minna GamerTotality aki eu to aki nas notas do autor porque era pra nois ter lançado um cap com outras 500 palavras
no mesmo dia do cap anterior mas deu uns treco e nois não conseguiu desculpa ae mas é so isso msm tem um recado do colty nas notas finais flws

Capítulo 5 - Missão de Equipe:O despertar de Kuruteio


Fanfic / Fanfiction The Mistery Demon Inside Me - Capítulo 5 - Missão de Equipe:O despertar de Kuruteio

 

Após algumas horas Kuruteio e Mahina chegam a entrada de uma vila completamente destruida ao olharem em volta percebem que estão sendo observados, Mahina diz: 

-É aqui mesmo está pronto? 

-Si-Sim -responde Kuruteio. Ele estava gaguejando por dois motivos, primeiro ele nunca tinha lutado com outra pessoa antes a não ser seus amigos quer dizer ele tinha já que ele não era exatamente o tipo de pessoa calma e que não briga, ele se envolvia em brigas de ruas aos montes junto de Nie e Kato mas Naomi chegava e "parava" essas brigas e quando eu digo "parava" quero dizer ela nocauteando todos ali presento incluindo os que estavam apenas observando então ele tinha lutado várias vezes mas não com intenção de matar e era uma coisa que os presentes ali emanando aos montes: Intensão assassina, sede de sangue incontrolável isso fazia ele ter meio que um certo receio disso mas mesmo assim não iria recuar por causa da Mahina que era o segundo motivo dele: ele não queria fazer feio já que bem ele teve um "amor a primeira vista" por assim dizer. 

 Kuruteio avista um homem correndo envolta deles e conjurando uma magia: 

 -Cuidado!! -Grita Kuruteio ao ver "balas de ar" vindo na direção de Mahina. 

 Ao tentar protejela acaba sendo atingido por uma das "balas" que corta um pouco de seu braço esquerdo.Mahina pergunta: 

 -Está bem? 

 -Sim,mais cuidado com ele –Fala Kuruteio enquanto se levanta 

 -Vamos? 

 -Sim 

 -Balas de Fogo –Conjura Kuruteio 

 -Forma Relâmpago -Conjura Mahina 

 Mahina corre em alta velocidade para cima do homem enquanto Kuruteio distraia ele,Mahina da um chute na barriga do homem que é empurrado e bate em uma parete.Enquanto Mahina se aproximava calmamente do homem e é atingida por uma lamina de agua que acerta sua perna fazendo não conseguir se mover, ela seria acertada por outra em seu peito mas uma bala de fogo feita por Kuruteio bate de frente com a lamina de agua fazendo a agua evaporar e assim uma luta com certas desvantagens para Kuruteio começa já que a dependendo da força do fogo ele conseguia fazer a agua ser evaporada mas claramente o inimigo era mais forte nem que pouco coisa mas ainda sim era mais forte assim o fogo dele teria vários problemas para conseguir fazer essa agua ser evaporada e o fogo não ser apagado pelos ataques de agua do inimigo mas ele viu uma coisa que logo logo Mahina poderia ajudar ele pois com a sua abilidade de eletricidade dando a ela uma grande regeneração o mesmo acontecia com suas celulas regenerativas fazendo a ferida se curar mais rapido que o normal o inimigo persebe isso e ataca Mahina que é protegida por Kuruteio que cria uma esfera de vento envolta de Mahina para protejela enquanto ela se regenerava 

 -Descançe ai eu resolvo o resto aqui –Diz Kuruteio 

 Kuruteio avança em direção ao homem que se defende de um soco dele,Kuruteio pula e conjura uma bola de fogo e a lança e logo a seguir faz uma magia de vento para aumentar o fogo criando assim uma grande bola de fogo,o inimigo cria uma parede de agua e desvia do ataque,Kuruteio no ar sem poder se proteger é atingido no meio do peito por uma combinação de agua e vento que o faz cair no chão morto, ou era isso que eles pensaram. 

-NÃOOOOO- grita Mahima mas tem sua voz calada pelo inimigo que joga uma grande bola de agua nela e acerta ela em cheio atirando ela para longe, o inimigo não perde tempo e logo começão a desferir vários golpes de agua em Mahima com oque ele podia já que para ele esta luta já estava ganha com Mahima ferida e Kuruteio "morto" ele estava chicoteando ela sem dó com um chicote de agua feito por ele só que ele decide parar de brincar e matar logo pois alguem podia chegar já que Mahima deu um grito bem alto. 

-Grande bola de agua- fala o inimigo atacando Mahima e desferindo o seu golpe final mas segundos antes da bola atingir Mahima ela é parada, parada por Kuruteio que estava com o peito aberto aquillo com certeza deixaria qualquer humano morto no chão instantaneamente mas ele estava ali de pé mas algo estava diferente o poder dele estava aumentando loucamente e o poder dele estava diferente com um tom mais sombrio, como se parecese inumano algo que não era desse mundo e alem disso seus cabelos que antes eram  marrom estava começando a ficar branco como o gelo ele estava simplesmente segurando a bola de agua como se fosse uma simples bola de futebol que foi chutado insanamente fraca após isso ele fecha a mão fazendo a bola de agua desaparecer e o inimigo fica com os olhos arregalados olhando aquilo, a pessoa que para esta morta estava com um burado do tamanho de uma mão aberto em seu peito e ele estava normal como se nada estivesse ali mas oque mais o assombrava era os olhos dele eles estavam em fenda como um verdadeiro demonio. 

-M-M-MA-MAS O-QUE É VO-CE – fala o inimigo quase infartando. 

-Oque sou eu? Hahaha, eu sou..... O SEU FIM.- Kuruteio fala isso com uma voz que daria medo até no homem mais corajoso que existe. 

-M-meu fim, há você so pode estar brincado oque você uma criança faria contra minha pessoa? Eim?- após isso Kuruteio apenas da um sorriso e levanta a mão e num piscar de olhos ele tinha pegado algo eessa coisa era um braço. 

-da onde você t-t-tir-ou is-so ele começa a gaguejar pois sente uma forte dor e olhando para seu braço direito peceve que ele tinha sido arrancado, mas como? Foi em um piscar de olhos oque era esse moleque, ele não é normal isso eu garanto, era isso que pasava na cabeça do inimigo mas ele não podia pensar nisso pois uma dor incontrolavel começou a tomar seu corpo, e era normal pois ter o seu braço arrancado com tanta brutalidade com certeza não era legal, isso fez com que o inimigo se jogase no chão e começa-se a rolar de um lado pro outro de dor mas após alguns minutos ele começou a se acustumar com a dor, oque mais impresionava ele é que o garoto tinha deixado ele se acustumar com a dor. 

 -Já se acustumou com a dor?- Kuruteio perguntou mas já sabia a resposta então logo se auto respodeu. 

-pelo jeito sim então vamos continua... hehe- após isso apenas o barrulho de carne sendo arrancada esse barrulho foi ouvido tres vezes e depois agua, um barrulho dfe agua jorando como cachoeira, mas essa cachoeira era  feita de sangue, Kuruteio tinha arrancado as duas pernas e o único braço que o inimigo tinha fazendo ele grunir de dor, enquanto isso Kuruteio apenas sorria sadicamente olhando aquilo, ele começou a dar passos até o inimigo e então após chegar perto o suficiente ele fala. 

-Quer que eu acebe com a sua dor?- ele pergunta num tom neutro. 

-S-si-sim p-po-por fav-favor acabe logo com isso- o inimigo suplica começando a chorar intensamente. 

-Então eu irei realizar o seu desejo! A... e mais uma coisa....eu nunca disse que seria indolor hahahahaha-Após isso apenas alguns som de carne sendo estraçalhada foi ouvida e gritos e mais gritos de dor e angustia quando tudo acabou podia ver um garoto coberto de sangue e muitos orgão jogados ao ser aredor enquanto segurava alguma coisa pulsando em sua mão, era um coração que lentamente parava de bater, quem olhase aquilo provavelmente vomitaria e teria pesadelos pelo resto da vida mas aquela criança estava com um longo sorriso no rosto como se estivesse em um parque, aos poucos o cabelo de Kuruteio foi voltando ao seus cabelos marrons mas se fosse para dizer a verdade era para a chacina continuaria mas ela parou por um motivo: Mahina, Kuruteio iria ccomeçar a andar sem rumo destruindo tudo a sua frente mas Mahina sabendo o que aconteceria se deixase que Kuruteio continuase ela o parou mas não de um jeito conevencional, se ela apenas para-se na frente de Kuruteio ela se tornaria apenas mais uma vitima então ela fez a primeira coisa que veio em suma mente..... o abraçou,  claro que não era a melhor das ideias mas era o que ela tinha conseguido pensar 

 -Pare! Já chega ele já esta morto –Dizia Mahina enquanto chorava abraçando Kuruteio que desmaiou caindo no chão.

 

O primeiro dos 3 Despertou


Notas Finais


É isso mesmo você ligado no Games e consoles brasil (Descupa não resisti a zoira)
Mais então pesssoal a fanfic ainda ta de pé,apesar que depois do que o Kuruteio fez ele não vai levantar por um bom tempo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...