História The My Gangster Love - Capítulo 26


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber, Nina Dobrev
Personagens Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Nina Dobrev, Personagens Originais
Tags Bebida, Drogas, Nudez, Romance, Violencia
Exibições 400
Palavras 1.241
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Mistério, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


B
O
A
Leitura ♡ ♡
Capitulo adiantado ♡ ♡

Capítulo 26 - Isso ainda não acabou...


Fanfic / Fanfiction The My Gangster Love - Capítulo 26 - Isso ainda não acabou...

P.O.V Nina                                       Domingo, 16:40 da tarde

Abrir meus olhos lentamente e vi uma claridade que fez meus olhos se fechar rapidamente, abrir novamente e fiquei piscando algumas vezes até eu recuperar minha visão, minha visão continuava meio turva mais dava para enxergar. Senti uma pontada em meu peito que fez grunhir de dor. Eu estava em um hospital, eu conseguia me lembrar de pouco coisa daquele dia mais eu só sei de uma coisa quando eu ver de Justin em minha frente ele vai se arrepender.

- Meu deus você acordo – alguém me abraçou enquanto falava, olhei para cima e vi um cabelo ruivo em meu rosto e então deduzi quem era, ela me solta e olha para mim sorrindo.

Tentei falar alguma mais minha voz não saia, meus lábios estavam secos é a minha sede era tanta que precisava saciar. Mellanie entendeu o recado e pegou um copo descartável e encheu de água, eu bebi o copo todo e olhei para um ponto fixo.

- Vou sair hoje? – Falei olhando para o ponto fixo.

- Não, você precisa fica até amanhã – Eu a olhei incrédula e fui me levantando. – Você está louca, os seguranças de Justin estão todos aí te vigiando – Eu travei o maxilar e fiquei rindo.

- idai? Somos cumplices não somos, chama Samantha para vir aqui porque hoje nós vamos viajar – Ela riu e balançou a cabeça negativamente.

- Como vamos sair daqui nina? Estamos em um hospital – Eu olhei para a janela e ela arregalou os olhos – Nem pensar.

- Trouce alguma roupa para mim né? – Mellanie me estendeu a sacola e eu sorrir.

Fui para o banheiro que tinha dentro do quarto e troquei de roupa, passei um batom que tinha dentro da sacola e dei uma ajeitada no cabelo, peguei meu celular e liguei para a Samantha, a mesma não atendia então guardei meu celular e abrir a porta do banheiro dando de cara com Samantha e mellanie de braços cruzados.

- Que foi gente? Eu estava te ligando, mas. – Samantha correu em minha direção e me deu um abraço apertado retribuir seu abraço e a mesma me olhou sorrindo.

- O que você está aprontando dessa vez? – Falou Samantha.

- Bom eu vou fazer 18 em 1 semana e eu quero comemorar mais não aqui em Atlanta – Falei sorrindo, as duas se olharam e sorriram.

- A onde então? – Falou mellanie.

- Miami queridas – Falei batendo palminhas.

- Nina, mas é seus remédios? – Revirei os olhos e olhei para a janela.

- Está vendo aquela prancheta ali perto da cama – Falei apontando – Pega ela é olha todos os remédios que eu preciso tomar, depois que terminar as duas vai para a farmácia que tem aqui no hospital e pega todos os remédios que precisar, nos vemos lá embaixo – Falei botando uma de minhas pernas para fora da janela, eu olhei para a altura e sentir meu estomago revirar.

Balancei a cabeça e fui escalando as janelas de pouco a pouco até chegar numa altura bem pequena, eu pulei encima de carro de ambulância e olhei para os lados para ver se tinha alguém vendo. Ótimo ninguém viu, sair de cima do carro e olhei para o estacionamento eu vi o carro de Justin e sentir um gelo na espinha. Talvez ele nem estivesse aqui então eu fui andando em direção ao estacionamento. Fiquei esperando as meninas em um local não tão afastado, dava para elas me ver de longe. A brisa fresca é o sol fraco batia contra minha pele me dando um alivio é liberdade. Fui despertada do meu devaneio quando ouvir a mellanie me chamar.

- Vamos logo – Me puxou para um carro. – Para onde vamos? – Perguntou mellanie se virando para mim.

- Próxima parada, mansão do bieber – Falei e elas se olharam e sorriram.

Mellanie deu partida no carro, e ficamos conversando na viajem. Cantávamos e riamos, eu estava louca para fazer essa viaje com elas, e eu? Não estava nem aí para essa cirurgia. Ok,ok eu vou tomar todos os remédios e depois eu tiro os pontos simples. Mas agora eu estava focada no meu aniversário. Paramos na frente da mansão do bieber, eu sair do carro e passei pelos seguranças, passei pelo jardim e fui para a porta de entrada, assim que eu abri eu vi os meninos inclusive Justin que me lançou um olhar mortal.

- Sentiram minha falta? – Sorrir debochada.

- VOCE FUGIU DA PORRA DO HOSPITAL SUA FILHA DA PUTA – Justin gritou, eu peguei um vaso e joguei no mesmo.

- Não levante o tom de voz para mim porra – Falei suas mesmas palavras daquele mesmo dia. Ele se levantou e se pôs em minha frente.

- Repete de novo – Falou com os punhos fechados, dei um soco na sua cara que fez seu lábio cortar.

- Isso e por você ter feito eu levar um tiro seu desgraçado- Falei e sair de perto de dele, subir as escadas o mais depressa possível e fui para o meu antigo quarto. Cheguei lá e tranquei a porta, fui correndo para o closet e peguei duas malas grandes, coloquei o máximo de roupa que pude e fechei a mala. Sair do quarto com as duas malas e fui para a sala esperar as meninas. Justin veio na minha direção e me deu tapa no rosto que fez eu virar.

- Só isso que faz de melhor Justin – Falei cuspindo o sangue no chão, eu dei chute na sua parte baixa que fez o mesmo cair no chão e grunhir de dor. O mesmo puxou meu pé e ficou por cima de mim, ele me deu vários socos. Eu joguei ele do outro lado e comecei a dar chutes no seu estomago, e fui correndo para a cozinha e peguei um frigideira, ele veio atrás de mim e eu bati a frigideira em sua face. Ele me deu um soco na barriga que fez eu cair de joelhos no chão, Justin pegou meu cabelo com força e me fez olhar para o mesmo.

- Peça desculpa – Falou em tom de fúria.

- Nunca – Falei e dei um soco na sua coxa, o mesmo largou meu cabelo e botou a mão na coxa.

Eu me levantei e fui para a sala, as meninas me olharam horrorizada, escutei passos atrás de mim, então eu me abaixei e escutei barulho da parede se quebrando. Me levantei e pulei encima de Justin, eu dei vários tapas e socos em sua cara, só parei quando me tiraram de cima dele. Tentei me soltar mais era impossível, foram me levando para o jardim para nos separar, Justin também estava sendo segurado para nois não voar um no outro.

- ISSO AINDA NÃO ACABOU SEU DESGRAÇADO – Gritei e escutei o mesmo gritar.

- EU VOU ATRAS DE VOCE SUA VAGABUNDA, NEM QUE EU VÁ PARA O INFERNO E VOLTE – Gritou e eu gargalhei.

 Me soltaram assim que chegamos no jardim, eu tentei entrar novamente mais as meninas me seguraram.

- Se acalma nina – Falou mellanie.

- SE ACALMA O CARALHO EU VOU MATAR AQUELE DESGRAÇADO – Gritei.

- Vamos nina temos uma viajem a fazer – Olhei para Samantha e coloquei um sorriso no rosto, eu ainda estava com muito ódio mais ele não iria estragar meu aniversário.

- Desculpa gente – Falei abaixando a cabeça.

- A qual garota vamos diga para onde vamos? – Falou mellanie animada.

- MIAMI, vamos comemorar essa porra de aniversário – Falei sorrindo.  


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...