História The new girl - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Teen Wolf
Personagens Aiden, Allison Argent, Chris Argent, Cora Hale, Danny Mahealani, Decaulion, Derek Hale, Enis, Ethan, Isaac Lahey, Jennifer Blake, Kali, Lydia Martin, Melissa McCall, Peter Hale, Scott McCall, Sheriff John Stilinski, Stiles Stilinski, Vernon Boyd
Tags Allison Argent, Crystal Reed, Daniel Sharman, Derek Hale, Dylan O'brien, Holland Roden, Isaac Lahey, Lydia Martin, Phoebe Tonkin, Scott Mccall, Stiles Stilinski, Tyler Hoechlin, Tyler Posey
Exibições 84
Palavras 1.100
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Mutilação, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 25 - Seu pai é um idiota


Fanfic / Fanfiction The new girl - Capítulo 25 - Seu pai é um idiota

"As my memory rests 

But never forgets what I lost"-Green Day, Wake Me Up When September Ends.

Hayley Evans Moore P.O.V

Peguei a lanterna da mão de Stiles, tentando seguir Scott, mas ele já estava longe o bastante para que eu pudesse apenas ouvir ele correndo.  Senti meu corpo se encontrar com outro, e logo senti Stiles caindo por cima de mim.  Ouvi gritos de espantos dos dois, bufei tirando o cabelo do meu rosto ainda no chão.

-Sera que da para os dois mariquinhas pararem de gritar?-Perguntei limpando minha roupa de modo irritado, eles me olharam e ofegaram.

-Acho que encontrei algo.-Stiles disse me fazendo soltar um pigarro.-Tudo bem, Hayley encontrou algo.

-Eu também.

Voltamos para onde a toca que eu havia achado depois de Stiles me empurrar bruscamente para ir até Scott, o que me fez cair e rolar barranco abaixo, parando perto de uma toca. A toca estreita, e cheirava a mofo e umidade, eu ja queria ir para casa assim que tive que entrar novamente na pequena fenda. Stiles pegou novamente a lanterna, iluminando todo o local.

-É uma toca de coyote.-Ele comentou se virando para nós, segurei o urso de pelúcia surrado pelo tempo.

-Coyotomem.-Scott murmurou e meu rosto se contorceu numa careta azeda.

-Péssimo nome, só de passagem.-Disse recebendo olhares repreensores.-O que? Eu falo a verdade, meu bem.

-Acontece que essas verdades são inúteis, mas tenho que concordar com a Hayley, é horrível.-Stiles disse tambem fazendo uma careta. Ele segurou um casaco, os levantando em nossos rostos.-Estão vendo? É da Malia, ela usava na foto.

-Não deveriamos estar aqui.-Scott disse de repente me fazendo largar o ursinho.

-O que quer dizer?-Stiles questionou confuso.

-Ele quer dizer que coyotes são ótimos com o olfato, ela não voltará porque nosso cheiro está por todo o lugar.-Respondi me levantando, mas não totalmente porque não era possível.

-Claro, com o vidro de perfume que você passa quando sai de casa. Quem passa por você quase morre de tanto doce desse teu perfume.-Stiles reclamou torcendo o nariz e fungando em seguida.-Olha, eu to sentindo ainda, é forte.

-Para de ser fresco, eu nem passei perfume.-Respondi dando de línguas, ele arqueoou os ombros.

-Sério?-Ele perguntou chegando mais perto e cheirando meu cabelo.-Você vira o pote de shampoo na cabeça não é? Só pode.

-Meu deus, temos coisas mais importantes do que o cheiro da Hayley.-Scott nos repreendeu.

-Mas, se ela não voltar para cá, para onde ela vai?-Stiles perguntou deixando de lado meu cabelo.

-Eu não sei, temos cara de vidente?-Perguntei ironica e ele me olhou com uma expressão engraçada gesticulando com as mãos.

-Hayley, VOCÊ É VIDENTE!-Ele exclamou me fazendo dar de ombros.

-Eu sou uma bruxa, não vidente. 

-Enfim, conseguem rastrea-la agora que tem o cheiro dela?-Stiles perguntou suspirando, eu dei de ombros descansando meu corpo sobre a pedra.

-Talvez, mas sou melhor nisso se estou como um lobo completo. E ainda estou preocupado que se eu acabar a transformação, não conseguirei reverter.-Scott respondeu com semblante preocupado.

-E você, Hayley?

-Eu ainda não controlo minha transformação, não tenho uma âncora.-Respondi simples.-Mas eu poderia tentar.

-É melhor não, eu não quero ver uma hibrida sem controle, agradeço.-Stiles disse balançando a cabeça.

-Se não conseguirmos chegar ao Derek, teremos que achar outra pessoa.-Scott disse, ao ouvir o nome Derek meu coração se apertou.-Isso é basicamente uma cena do grime. Acho que pode ser um pouco fora da área do meu chefe.

-E mais na do meu pai.

Nós saimos da toca, e eu pude respirar ar puro novamente, ótimo, eu já estava ficando sufocada la com tanto mofo. Stiles ligou para o pai, e antes que recebesse alguns sermões ele contou da cena que haviamos achado. E eles não demoraram para chegar. John saiu da fenda com um pequeno cobertor em mãos, com expressão preocupada.

-Vocês tem certeza de que era ela?-Ele perguntou assim que chegou mais perto, nós assentimos convictos.

-Eu a olhei direto nos olhos.-Scott respondeu.-E eles brilhavam como o meu e de Hayley.

-Faz sentido, pai.

-Mas não era uma menina. Era como um coyote de quatro patas, certo?-John perguntou franzindo a testa para o filho, que coçou a testa impaciente e ansioso.

-Bem. Mas sim, olha, essa é a parte que a gente ainda não descobriu aainda-Stiles respondeu.

-Certo, mas se era Lua Cheia e ela se transformou enquanto a mão dela dirigia, qualquer coisa poderia acontecer.-Scott disse tentando convencer o Xerife.

-Coisas horríveis poderiam acontecer.-Completei molhando os lábios.

-Mais específicamente: dilacerar, cortar, rasgar coisas.-Stiles disse movimentando os braços, assenti me irritando pelo nervosismo dele.

-Que poderiam causar o acidente.

-Pense sobre isso, pai, certo.-Stiles disse ainda com os braços agitados.

-Stiles, pelo amor de Deus, pare de ficar tão nervoso com tudo, está me dando nos nervos. Seu nervosismo é quase palpável, é quase outra pessoa.-Comentei parando em sua frente, completamente frustada.

-Desculpe pequena Hayley, acontece que tem uma garota presa num corpo de coyote por ai.-Stiles respondeu segurando meus braços junto ao corpo.-Pai, escuta. Estão dirigindo, Malia começa a mudar e ela sai do controle, a mãe bate e todos morrem.

-A não ser Malia.

-Ela se culpa, certo, e foge para a floresta.

-Ficando presa na forma de um coyote.-Completei passando a mão pelo pescoço.

-Isso faz todo o sentido.-John concordou me fazendo virar a cabeça espantada. Tão fácil assim?-Em conto japonês. Crianças, isto é, isto é, insano.

É, ai estava a resposta.

-Isso fica entre nós, vocês três-Ele apontou para nós.-Nenhuma palavra. E principalmente não quero que o Sr.Tate saiba disso.

Virei minha cabeça ao ouvir barulho de portas, e passos rápidos. Era Sr.Tate e o pai de Scott.

-Tarde demais.-Comentei apontando para Sr.Tate que vinha em nossa direção.

-Inferno.-John falou ao ver o carro do Sr.McCall. Tate pegou lentamente o cobertor infantil da mão de John.

-Pai.-Scott o chamou mas o seu pai não deu ouvidos.

-Falo com você em um minuto, gostaria saber o que a sua mãe pensaria em ver você tão tarde na floresta com a namorada e quando se tem aula na outra manhã.-Ele respondeu irritado, me fazendo bufar e rolar os olhos.

-Pelo amor de Deus, alguem tem um lapis e um papel para eu poder desenhar para ele que eu e Scott somos amigos e não namorados. Porque não adianta falar.-Reclamei, ele me lançou um olhar cortante antes de sair.-Seu pai é um otário.

-Eu concordo plenamente.-Ele respondeu suspirando cansado. 

Entrei no carro, desabando no banco de trás, até roncar eu devo ter roncado. Apenas senti braços me carregarem e me colocaram em algo macio, que eu pensei ser a cama então voltei a adormecer. 

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...