História The new girl - Capítulo 26


Escrita por: ~

Postado
Categorias Teen Wolf
Personagens Aiden, Allison Argent, Chris Argent, Cora Hale, Danny Mahealani, Decaulion, Derek Hale, Enis, Ethan, Isaac Lahey, Jennifer Blake, Kali, Lydia Martin, Melissa McCall, Peter Hale, Scott McCall, Sheriff John Stilinski, Stiles Stilinski, Vernon Boyd
Tags Allison Argent, Crystal Reed, Daniel Sharman, Derek Hale, Dylan O'brien, Holland Roden, Isaac Lahey, Lydia Martin, Phoebe Tonkin, Scott Mccall, Stiles Stilinski, Tyler Hoechlin, Tyler Posey
Exibições 89
Palavras 1.337
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Fantasia, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Mutilação, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Estou demorando um pouquinho mais para postar pq eu esqueço, mil perdões. N é por causa de prova, de escola, problemas pessoas, é pq eu esqueço mesmo KKKK mas vou tentar lembrar mais rápido daqui em diante.
Leiam as notas finais!!!

Capítulo 26 - Sem socos



Hayley Evans Moore P.O.V

Só Deus sabe o quanto eu quero ficar deitada mais um pouco nessa cama, mas meu despertador natural não deixava. Era ridículo a insistência dele, eu diria insano, o tanto que ele insistia para eu levantar.

-Isaac, cala a boca pelo amor de Deus. Eu não vou hoje.-Gritei enfurecido, ele arregalou os olhos pelo surto inesperado mas voltou a me balançar.

-Vamos pequena Hayley.-Ele falou tirando minha coberta, mas a puxei novamente com tamanha força que ela subiu e deixou minhas canelas descobertas.-Quem vai me levar para o Colégio se não você?

-Que eu saiba você tem perna, e sabe dirigir.-Resmunguei me virando, mas suas mãos caminharam minha costas fazendo cócegas. O empurrei numa tentativa falha de para-lo, mas o mesmo continuou. Soltei um grito raivoso, o chutei da cama me levantando em seguida.-Eu vou merda! Ah, como eu odeio você seu idiota!

Ele não pareceu se importar por eu ter feito ele cair no chão e riu, ah que ódio. Bufei pegando uma toalha, me trancando no banheiro para eu tomar meu banho, bufando constantemente. Pode parecer bobo se irritar por isso, mas me irritou profundamente. Sai enrolada na toalha, com os pingos de água ainda escorrendo pelo meu corpo. Isaac ainda estava no meu quarto, deitado na minha cama folheando um livro.

-Esta melhor agora, pequena Hayley?-Ele perguntou irônico abaixando o livro, mas assim que me viu de toalha sua boca se entreabriu.

-Não.-Respondi seca indo em direção ao guarda roupa, pegando uma muda de roupas a deixando em cima da cama -Pronto, já me acordei e você já fez o seu papel de: eu sou inacreditavelmente e extremamente chato. Agora, já pra fora do meu quarto!

O empurrei em direção a porta, e a bati com força em sua cara enquanto via o sorriso arrogante pregado em seu rosto. Me vesti lentamente, ainda bufando e ao sair, lancei um olhar cobiçoso a cama ainda por fazer.

-Ela está brava?-Ouvi Adam perguntar quando fechei a porta do carro com força.

-Muito.-Isaac sussurrou em resposta, me fazendo bufar e arrancar com o carro.

-É claro que não estou, sabe, eu estou extremamente feliz porque um idiota ficou me importunando impedindo que eu durma. Quem não ficaria feliz?-Falei ironicamente erguendo os ombros, eles não se moveram e continuaram a se encarar.

-Esta realmente brava.-Adam disse para Isaac.-Depois de todo esse tempo ainda não percebeu que não deve acordar um Evans Moore? Ainda mais se for a Hayley.

-Realmente, mas ela estava tão bonitinha e calma que eu achei que ela deveria ser a Hayley de uma vez e acordar resmungona e hostil como ela sempre é.-Isaac respondeu e eu desferi um tapa ardido em seu braço.

-Vocês são tão irritantes que eu não sei como consigo ficar com vocês por mais de dois segundos!-Exclamei batendo contra o volante, Isaac me olhou de olhos esbugalhados, ele segurou minhas mãos ainda presas ao volante e eu percebi que minhas garras estavam transformadas. Respirei fundo, tentando controlar minha transformação mas eu sentia minhas presas também se transformarem. 

Sai cambaleante do carro, com a mão nos olhos respirando com dificuldade. Senti mãos envolvendo meu corpo, e segurando minha cabeça contra seu peito. Era Isaac, ele fez isso quando nos conhecemos. Manias...

-Hayley, pense na sua âncora.-Isaac pediu nervoso.

-Eu não tenho uma.-Balbuciei a resposta. Tentei pensar na minha família, em Derek mas nada parecia adiantar. Então pensei no meu pai, pensei na dor que eu senti quando o perdi, pensei no quanto eu sofri e aos poucos fui voltando ao normal.

-No que você pensou?-Isaac perguntou sentando comigo no gramado.

-Na dor e sofrimento que eu senti quando perdi meu pai. Eu achei que seria algo mais banal, como Derek ou qualquer coisa mas é meu pai e eu agradeço. Seria totalmente patético Derek ser minha âncora, coisa de adolescente apaixonada.-Respondi arrancando um tufo de grama ainda ofegante.

-Não vejo a diferença, você é uma.-Ele falou me fazendo o empurrar, ele riu me impurrando para trás tambem.

-Ah vocês estão ai.-Ouvi a voz de Stiles gritar ao longe, ele correu até nos e me levantou num puxão de braço.-Vamos salvar Malia, hoje e precisamos de ajuda.

-Comigo vocês sabem que podem contar.-Falei fazendo um toque de mão secreto com Stiles.

-Eu também, mas quem é Malia?-Isaac perguntou se levantando num impulso.

Stiles explicou do melhor jeito que conseguiu, e com melhor quero dizer nervosamente e ansiosamente como sempre.  Era aula de história, então fui até meu armário pegar o livro. O armário não abria, eu juro que tentei diversas vezes, e era a senha certa. Quando vi a porta já estava no chão completamente amassada. Olhei para os lados procurando saber se alguem tinha visto o "pequeno" ataque de raiva, e Kira me olhava com a boca entreaberta num misto de susto e receio.

-Armário vagabundinho né.-Falei simples tentando encaixa-lo novamente mas desisti o jogando novamente no chão ao meus pés. Peguei o livro e me virei sorrindo, Kira ainda estava me encarando espantada.-Manhã difícil.

Rumei à sala em passos rápidos, e me sentei na meu lugar abrindo o livro em uma página aleatória. Kira entrou logo depois, se envolvendo em um papo com Scott que eu nem me dei o trabalho de ouvir. Senti uma mão em meu ombro me assustando. Relaxei quando vi que era Alli.

-Você esta bem?-Ela perguntou preocupada mas com um sorriso no rosto.

-Posso conversar com você depois?-Perguntei e ela abriu outro sorriso.

-É claro.-Ela respondeu e saiu da sala, mas antes de desaparecer pela porta me lançou um olhar significativo.

Stiles se sentou em minha frente, e Scott ao meu lado, sorrindo estranhamente, era um sorriso bobo. 

-Ele está bem?-Perguntei a Stiles que me olhou confuso e depois olhou para o amigo dando de ombros.

-É o Scott, ele nunca está bem.-Ele respondeu me fazendo soltar um riso nasalado. Stiles fingiu se espreguiçar para bater em meu rosto e desajeitar meu cabelo.

-Stiles.-Ouvi o professor chama-lo e seu sorriso zombeteiro despareceu.-Venha ler esse capítulo para a classe.

Sua expressão passou de divertida para nervosa, o que era normal para Stiles. Ele não conseguia ler, era algo relacionado a aquela maldita porta em suas mentes.

-Não pode ser outra pessoa?-Stiles perguntou e eu apertei sua mão que ainda estava em cima de minha mesa.

-Na minha aula todos participam, Sr.Stilinski.-Sr.Yukimura respondeu e eu pude ouvir os batimentos de Stiles aceleraram.

-É, entao se todos participam eu posso participar no lugar dele.-Falei me levantando mas o professor fez um gesto para que eu sentasse. Ao me sentar, olhei para Scott que suspirou pesado me encarando preocupado.

Stiles foi até a frente da classe, mas continuou calado, seus batimentos se intensificaram me fazendo levantar da carteira. Ele fechou os olhos com força, e quando Stiles estava prestes a cair, eu e Scott o seguramos o impedindo de se estabanar. Ele estava tendo uma crise de aansiedade, ele fedia a isso.

-É melhor o levarmos para a enfermaria.-Eu comuniquei ao professor que assentiu assustado. Cambaleamos pelos corredores, mas Scott apontou o banheiro masculino.

-Eu vou, fique aqui.-Scott pediu e eu concordei aflita me apoiando na parede. Eles não demoraram muito para sair, e quando o fizeram eu estava sentada ao lado do banheiro.

-Você está melhor?-Perguntei preocupada a Stiles que concordou com um maneio de cabeça, os dois me abraçaram de lado rindo divertidamente.-O que? Por que estão rindo?

-É que você fica fofa preocupada, sabe, você continua com aquela cara de Hayley sem sentimentos e que pode te dar um soco a qualquer momento, mas fica fofa.-Stiles respondeu e Scott concordou, me desvencilhei deles e parei cruzando meu braço.

-Eu tenho sentimentos e não vou socar ninguém. Não sou um bicho de sete cabeças.-Falei brava, e eles se entreolharam.

-Você tem uma cara de quem vai quebrar os ossos de alguém com um olhar.-Scott disse simples me fazendo revirar os olhos.

-É você tem razão, e acho que vou quebrar os ossos de dois idiotas agora.-Respondi brava e levantei a mão fazendo com que eles caíssem e ficassem no chão.

-Viu, você é tipo a vilã da escola, aquela que derruba os livros dos nerds e rouba o dinheiro do lanche deles.-Stiles disse ainda no chão. Dei de ombros revirandos os olhos e o ajudei a levantar.




Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...