História The our real faces - Capítulo 40


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Tags Chanbaek, Exo, Hunhan, Kaisoo, Kris Wu, Kristao, Lu Han, Sulay, Xiuchen, Zitao
Visualizações 53
Palavras 638
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Policial, Romance e Novela, Suspense, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 40 - Jongin - III


Fanfic / Fanfiction The our real faces - Capítulo 40 - Jongin - III

 

Hoje é o dia da “missão fazer Jongin sair do trabalho mais cedo”

- Senhor Jongin Kim?

- Aish, você de novo? O que o senhor Kim fez pra você suspeitar dele em tudo?!(manager do Jongin)

- Eu só preciso que ele me acompanhe.

- Tudo bem, eu vou com ele, amanhã nós continuamos. (Jongin)

- Tenha uma boa noite. (Kyungsoo)

-XX-

- Até que pra quem segue a lei, você soube burlar bem ela. (risos)

- Não queria ter que ficar te esperando.

- Não custava nada. Faltava só mais duas horas.

- Por que você precisa trabalhar tanto? E é uma ciosa inútil pra falar a verdade.

- Desculpa não proteger o país.

- Pelo menos você embeleza ele. (Diz Kyungsoo desviando o olhar, virando-se para o lado contrário)

- Obrigado. O legal é que você faz os dois em conjunto.

- An? (risos), Ah... Não diga isso, nem se compara.

- Que filme vamos olhar?

- Você quem me convidou, eu assisto o que você quiser.

- Tudo bem, vamos ver este aqui.

No meio do filme começaram a escorrer lágrimas dos olhos de Kyungsoo, pois o filme era realmente triste.

- Hey, o que houve?

- Nada, só estou intrigado com a situação.

- Toma. *alcançando um pano para Kyungsoo*

- O-obrigado, mas você não viu isso. *Sussurrou no ouvido de Jongin*

- Eu me arrepiei aqui.

- Que?

- Você não ouviu isso.

Depois do filme eles foram comer em um restaurante.

- Por que você ficou triste com a perda da mãe?

- Olha... Você não sabe porque não convive nesse meio, mas é mais comum do que você imagina.

- Ah... Ligou o filme à fatos reais... Que fofo.

- Já disse que você não viu aquilo.

- Você tem um coração, isso é normal.

- Tudo bem, você pagou o cinema, eu pago o jantar.

- Hm... Essa conta é injusta. Eu paguei menos.

- Ah, mas você já me pagou um café daquela vez. Ficaremos quits.

- Você que sabe chorão.

- Ahhh, não acredito.

- Brincadeira.

- Eu não sei o que pedir, a gente comeu tanto no cinema que eu nem estou com fome.

- Tudo bem, quer passear?

- Caminhar por ai?

- Sim... Ou você quer descansar?

- Vamos passear.

-XX-

(Na rua)

- Enganxa aqui. *estendendo o braço*

- Por quê? Eu não vou me perder.

- Ah relaxa, é só porque eu estou me sentindo bem, mas não quero perder a oportunidade de passear durante a noite.

- Qual a diferença que eu faço?

- Eu vou caminhar em segurança. Você me protege.

- Eu não disse isso.

- Você faz a segurança do país todos os dias, o que custa fazer a minha por uma noite?

- Aish... Você... Está bem, mas você enganxa. *estendo o braço*

- Tudo bem.

Então eles passearam bastante, fizeram compras e depois Kyungsoo largou Jongin em casa.

- Tenha uma boa noite senhor Kim.

- Você realmente não precisa mais me chamar assim. Boa noite Kyungsoo. Quando vai ser o próximo?

- P-próximo?

- Não gostou de passear comigo?

- Gostei... Mas...

- Ah desculpa se eu fiz algo que não devia.

- Eu te busco depois de amanhã. Lá na agência. Está bem pra você?

- U-uau, está ótimo, obrigado. Até depois de amanhã então.

-XX-

(Casa de Jongin)

- Que demora toda foi essa?

- AH ZITAO QUE ISSO! VOCÊ QUASE ME MATA DO CORAÇÃO!

- Desculpa. Onde vocês estavam que você demorou tanto?

- Nós assistimos um filme e depois nós íamos comer num restaurante, mas a gente desistiu e fomo andar por ai.

- Que legal hein.

- Eu vou dormir, boa noite.

 - Boa noite, vou ir pra casa do Yifan.

- Boa sorte com o dragão.

- Vou precisar mesmo.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...