História The Path Of Light - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Exibições 13
Palavras 3.121
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Ok,não consegui segurar,tenho mais dois capitulos prontinhos no meu celular,vou tentar postar eles hoje,e ai vou escrever os proximos assim que eu postar esses

Capítulo 10 - Birthday of Jb


Fanfic / Fanfiction The Path Of Light - Capítulo 10 - Birthday of Jb


Hoje em 16:12

-Como está se sentindo? -Miley perguntou,estávamos no hospital e eu estava tomando soro na veia,já que com todos esses enjoos acabei ficando desidratada.

-Melhor.-Passei a mão em seus fios loiros e ela sorriu. 

-O médico disse que você terá que vir aqui todos os dias para tomar plazil na veia.Eles vão tentar controlar os seus enjoos. -Ela me alertou e eu revirei os olhos. 

-Ninguém nunca me disse que seria tão difícil.-Digo fazendo a mesma dar uma gargalhada. 

-Todos dizem que é difícil,Aurora.-Ela respondeu.Eu estava um pouco tonta,já que tive que ficar de jejum para fazer os exames,eu não tive horário de almoço hoje pois estava resolvendo as coisas da entrevista de Justin,eu havia enviado outro repórter até ele já que agora preciso manter uma certa distância entre nós dois.

-E então minha queridíssima Aurora.-Meu médico entrou no quarto.-Acho que sua amiga já pode vir assinar os papéis da sua alta.Você já pode ir pra casa.

-Tudo bem,eu vou lá.Arrume suas coisas,eu já volto pra te buscar.-Miley diz,saindo porta a fora.

-Parece que esse bebê ta dando trabalho não é mamãe? -o médico disse me fazendo sorrir com o "mamãe"

-E como.-Respondo enquanto me levantava.Miley voltou para o quarto e nós fomos para o estacionamento. 

-O Justin chega amanhã. -A loira diz e eu suspiro.

-É,eu sei.Ele me ligou hoje perguntando por quê eu não fui até ele fazer a entrevista com a garota e mandei outro jornalista.-Respondi me condenando,eu realmente queria ter visto o Justin,mas agora eu preciso mesmo me afastar dele. 

-Ainda não concordo em manter ele no escuro. - Já estava demorando para Miley tocar nesse assunto de novo. 

-Eu sei o que é melhor para mim,Justin e principalmente para o meu filho.- digo e bufo por ter que repetir esse assunto novamente,já estava ficando cansativo.

-Com certeza vai ser melhor pro seu bebê ter a ausência de um pai na vida dele.De ver o Justin crescer  na vida e aparecer na tv quase sempre,de ver seu filho ou filha sendo fã do Justin sem saber que ele é o pai dele.Sinceramente Aurora,você não tem coração não?-Ela bateu as mãos no volante.-O Justin merece saber que vai ser pai assim como seu filho merece ter um pai ausente na vida dele!-Odeio  quando ela está certa,mas tenho que admitir que estou sendo injusta,tanto com o Justin quanto com meu filho.

-Será que dá pra parar de tocar nesse assunto. -Resmunguei.-Depois eu resolvo o que vou fazer...

Miley fez o caminho da minha casa em silêncio e depois que ela foi embora Candice me enviou uma mensagem dizendo que estava indo até lá.Aproveitei o momento sozinha e tomei um banho quente,entrei no closet e coloquei um pijama qualquer e quando passei em frente ao espelho não resisti a tentação de levantar minha blusa e ver se já há algum relevo na minha barriga devido a gravidez,parece que eu me precipitei demais pois ainda sou a mesma tábua de sempre.Ouvi alguém bater na porta e assim que eu abri,me deparei com a silhueta de Candice a minha frente.

-Eu trouxe uns filmes pra gente ver e também comprei comida integral.-Ela disse me entregando a sacola.

-Pra que comida integral?-Perguntei.-Ta de dieta? 

-Não-Ela riu enquanto organizava as coisas na cozinha.-Esse é o único tipo de comida que eu tenho certeza que não vai te fazer mal.Sem falar que você precisa se alimentar bem,você ouviu o que o médico disse não é? 

-Nada de Glúten excessivo.-Bufei e ela riu.

-Meu afilhado vai ser o bebê mais saudável e lindo desse mundo.-Ela diz depositando um beijo na minha barriga e me fazendo rir.

-Quem te nomeou madrinha do meu filho?-Perguntei enquanto caminhava até a sala,eu escolheria o filme da noite e ela faria os seus famosos sanduíches integrais que eu nunca tive a mínima vontade de comer. 

-Eu mesma.-Ela disse rindo.-Quem mais poderia ser? 

-Não sei...Estava pensando em colocar minha prima Catherine.-Debochei e ela veio correndo até a sala e não hesitou em me dar uma colherada na cabeça.

-Você não vai colocar aquela vaca como madrinha do bebê! - Candy aumentou o tom de voz e fez uma cara de ofendida.

-É óbvio que não vou.-Respondi.-E obrigada pela colherada na cabeça. 

-Você mereceu.-Ela gritou enquanto voltava para a cozinha.-Que filme nós vamos assistir? 

-Não sei,estava pensando em Simplesmente acontece ou,Como eu era antes de você.Mas estou em dúvida.-Digo enquanto examino a capa dos dois DVDs.

-Vamos ver os dois,temos bastante tempo.Amanhã é sábado e você não trabalha mesmo.-Ela diz e eu concordei em silêncio.

-Falando em trabalho,você conseguiu arranjar um? - perguntei para a morena que caminhava em minha direção com dois pratos nas mãos.

-Sim! -ela respondeu sorridente,colocou os pratos na mesa e voltou para a cozinha.-Na maternidade,acredita?Esse emprego veio na melhor hora.-Ela voltou com uma jarra de suco natural e dois copos.

Candice fez faculdade de enfermagem,acho que medicina é o tipo de trabalho que eu admiro muito,mas faz meu estômago embrulhar.

-Quando você começa? -Perguntei.

-Segunda.-Ela respondeu,se sentando ao meu lado no sofá.-O Justin me ligou hoje...

-O que ele queria? - perguntei dando play no filme.

-Perguntou se você estava bem e por quê estava ignorando ele. 

-E o que você respondeu? - perguntei a encarando.

-Eu disse que como você foi promovida a gerente de comunicações você estava atolada de trabalhos e que não estava ignorando só ele,mas todos nós.

-Muitíssimo obrigada Candy,é por isso que eu te amo.-Digo a dando um abraço mas ela me interrompe.

-Mas,devo te lembrar que amanhã é o aniversário do Justin e ele pediu pra que eu te avisasse que era para estarmos lá na casa dele amanhã a noite.-Candice disse e eu neguei.

-Não,eu já disse que preciso manter distância do Justin!-Bufei e minha amiga revirou os olhos.

-Eu admiro sua coragem Aurora,mas às vezes você é muito burra! -Ela pegou ar e continuou.-Se você se afastar do Justin assim do nada sem dar nenhum motivo,é óbvio que não só ele mas como todo mundo vai perceber que tem alguma coisa errada e então todo mundo vai querer saber o que está acontecendo,não vão te deixar em paz e vão acabar descobrindo sobre a gravidez.

-Talvez você esteja certa...-Respondi sem jeito.

-Enfim,sua barriga nem cresceu ainda e não há nenhum sinal de gravidez na sua aparência.Você não tem escolha,vai nessa festa e ponto final.

-Ok,você venceu.-Levantei as mãos em sinal de rendição e ela balançou a cabeça em concordância.-Quem vai estar na festa? 

-O Justin disse que não é bem uma festa,é só pra não passar em branco.Quem vai estar lá é só os meninos,eu,você,Miley,Camila,os pais do Justin e os irmãos dele.

{•••}

De olhos abertos mas não mentalmente acordada,me levanto da cama e arrasto-me até o banheiro onde faço minhas higienes matinais,volto para o quarto e vejo minha amiga estirada na minha cama,o que me fez pensar em por que eu não comprei um aparamento com dois quartos,e pensar em apartamento me fez lembrar que preciso comprar um novo pois esse é muito pequeno para o bebê,droga,mau acabei de pagar o mesmo e já vou ter que comprar outro;e pensar em bebê me fez lembrar de Justin que ainda não sabe que vai ser pai.Ótimos pensamentos para começar o dia Aurora,meus parabéns.

O resto da manhã passou normalmente,ou seja,Justin e Miley mandando mensagens e perguntando se eu iria até a casa de Justin hoje.Depois do almoço regurgitado fui para o hospital tomar plazil na veia,e quando sai de lá fui para o shopping com Candice para ajudá-la a comprar a roupa que ela usaria hoje.

Ela acabou optando por um jeans claro rasgado com boca de sino,e um body branco com listras pretas de manga cumprida com um decote extremamente grande.

-Agora é só colocar um salto grosso preto e tenho um look pronto! -Ela disse enquanto dava uma última examinada na roupa.-Você devia comprar alguma coisa também.

-Não posso,tenho que economizar.

-Pra quê? -Ela disse olhando as araras de roupa. 

-Para um novo apartamento,o meu só tem um quarto,banheiro,cozinha e sala pequenas.É apartamento de solteira e sem filhos que não tem tempo pra ficar em casa.-Respondi mordendo um pedaço da casquinha do meu sorvete.

-Um bebê ocupa pouco espaço enquanto é pequeno,vc vai ter tempo pra isso,agora,relaxa.-revirei os olhos e comecei a procurar alguma coisa que me interessasse,e Candy acabou achando um vestido simplesmente maravilhoso,ele não tapava meus ombros pois rodeava o meu pescoço,o pano de tuli do vestido dava a impressão de que o mesmo era tomara que caia e que todos os detalhes brilhosos estavam pregados na minha pele,e assim seguia o vestido até o fim da minha cintura onde o mesmo a deixava ainda mais fina e rodava uma saia de tuli branco simplesmente perfeita.Aquele vestido era tão lindo que eu me casaria com ele.

-Eu sei que eu sempre te digo isso mas você fica maravilhosa de branco.E esse vestido é tão perfeito,os detalhes são tão perfeitos,parece que foi todo feito à mão. -Candy disse impressionada com a beleza do vestido assim como eu.

-Deve custar os olhos da cara.-Disse me examinado no espelho.

-Não importa quanto custa,você vai levar! - ela disse me empurrando de volta para o provador para que eu pudesse vestir minhas roupas de volta.

-Você não faz ideia do que a palavra economizar significa não é?-Debochei enquanto a mesma arrancou o vestido das minhas mãos e correu para o caixa sem nem esperar eu me vestir.

Saímos do shopping e eu passei na casa de Candice para ela pegar seu sapato e suas coisas pois ela iria se arrumar na minha casa,o tempo passou rápido,tomamos banho nos arrumamos e em questão de poucos minutos estávamos prontas.

-Não acha que eu estou exagerada?-Perguntei pela milésima vez me analisando no espelho.Meu cabelo estava com o ondulamento perfeito,enquanto a maquiagem estava mais concentrada nos olhos e na minha boca estava apenas um batom nude como o salto,pois o vestido já chamava atenção demais.

-Não!Esta linda,me ofuscando totalmente.-Ela disse aparecendo ao meu lado com a roupa escolhida,salto preto maquiagem perfeita,batom vermelho e olhos pretos e o cabelo extremamente liso estava partido no meio com duas mechas atrás das orelhas.

-Obrigada,Candy.Você também está linda.

-De nada,agora vamos que já estamos atrasadas!

Saímos do prédio mais que depressa,fomos no meu carro mas Candice estava dirigindo,assim que chegamos a mansão Bieber um calafrio percorreu minha espinha,e ao contrário do que me disseram,a casa estava cheia,não totalmente,mas cheia. 

-Até que enfim vocês chegaram!-Miley apareceu nos abraçando.

-Uau,Aurora!Dessa vez você se superou! -ela disse me fazendo dar uma voltinha.

-Venham,vou pegar alguma coisa alcoólica pra Candy e suco pra você.-Ela disse nos puxando pra dentro,todos nos olharam com cara  de "quem são essas pobres Zé ninguém?",eu e Candice nos entreolhamos e voltamos a atenção para Miley.

-Estão vendo aquele menina loira ali no canto? -Ela disse enquanto apontava discretamente para uma menina que conversava animadamente com Ryan que estava com a cabeça nas estrelas.

-O que tem ela? -Candy perguntou. 

-Aquela ali é Sofia Richie,ela é simplesmente insuportável,não gosto dela. -Ela disse me fazendo rir.

-Por que tem tanto ódio dela?-Perguntei fazendo a loira torcer a boca. 

-Ela é apaixonada com o Justin,e não se importa com quem ela tem que passar por cima pra conseguir ficar com ele.Nem sei o que essa esquisita está fazendo aqui. 

-Aquela ali é a Halley Baldwin? -Perguntei apontando para outra loira com um macacão preto 

-Infelizmente,sim.-Miles respondeu revirando os olhos. 

-Puta a merda em Miley,tu não gosta de ninguém! -Ryan apareceu atrás da gente fazendo a mesma quase derrubar o copo de líquido desconhecido no vestido rosa bem brilhante.

-Vai se foder.-Ela disse apenas fazendo com que nós ríssemos. 

Começamos a conversar sobre assuntos aleatórios quando vi Justin se aproximar junto com Chaz e Chris.

-Lorá!Candy! -Chaz nos abraçou.

-E então meninas,qual foi o veneno que Miley deu pra vocês beberem?-Chris perguntou fazendo com que todos nós gargalhássemos,menos a Miley. 

-Ah,estava quase me esquecendo!-Candice abriu os braços.-Feliz aniversário! 

-Obrigado Candy.-Ele a abraçou e se virou para mim sorrindo,esperando que eu fizesse o mesmo.

-Feliz aniversário,Justin.-Disse e ele colocou o copo encima do mini bar atrás de si e me abraçou forte pela cintura.

-Justin! -Uma mulher baixinha apareceu no meio da nossa rodinha.-Não vai me apresentar suas novas amigas? 

-Claro que vou!-Ele se soltou de mim e olhou para a mulher.-Mãe,estas são Candice e Aurora.

Meninas,essa é minha mãe,Patrícia.

-Patricia não Justin! -Ele revirou os olhos.-Podem me chamar só de Pattie meninas.

-O resto você já conhece.-Ele disse se referindo aos os meninos e Miley,e recebendo como resposta vários dedos do meio é uma língua. 

O tempo foi passando e eu devo dizer que amei a família de Justin,Pattie era um amor de pessoa,tratou a todos muito bem,eu,ela,Miles e Candy estávamos conversando sobre quando o Justin era bebê e isso me fez pensar se meu filho ou filha seria igual a ele.Eu estava totalmente avoada,e qualquer um que soubesse que eu estava grávida saberia que eu não estava nem um pouco a vontade com o assunto de Pattie. 

-Aurora?Querida,está um pouco distraída. -Ela riu e eu acompanhei. 

-Me desculpe.-Sorri pra ela que voltou a falar em bebês,já estava um pouco tarde e como a festa havia sido bem formal,os convidados já tinham ido embora.Restaram apenas eu,Candy,Miley,os meninos e a família de Justin. 

-Aceita um cubo de queijo?-Justin perguntou já chegando com a alimento para perto do meu rosto,o que fez meu estômago revirar por completo.Jesus!

Corri para o banheiro mais próximo e Candy e Miley vieram atrás e uma delas segurou meu cabelo.Meu Deus,que vexame.

Me levantei e lavei a boca,encostei-me na pia e olhei para as meninas.

-Acho que Pattie está desconfiada,ela não deixou que Justin viesse atrás de você quando saiu correndo. -Candice disse e senti minha cabeça rodar,eu estava suando frio e obviamente devia estar pálida.

-Vamos nos sentar lá fora Aurora,você precisa tomar ar fresco.-Miley disse me puxando pelas mãos.Nos sentamos em uma espreguiçadeira perto da piscina e eu me encostei na mesma e fechei os olhos na tentativa falha de fazer com que a tontura passasse.

Ouvi passos se aproximando e rezei para que não fosse Justin.

-Querida,você está bem?-Era Pattie.

-Estou sim,só um pouco enjoada.-Ficamos em silêncio por um tempo até que eu abri os olhos para encara-la,a mesma estava parada em frente à mim com as mãos na cintura esperando a verdade.

-Aurora...-Ela suspirou se sentando ao meu lado.-Eu sou mãe,sei quando vocês estão tentando esconder alguma coisa. 

-O que acha que estou escondendo? -Perguntei me ajeitando na espreguiçadeira.

-Bom,você não colocou um gole de álcool na boca,a maioria das coisas que te serviram você recusou só pelo olhar,e quando comecei a falar de bebês você ficou bastante desconfortável,e agora está enjoada apenas pelo o cheiro de um cubo de queijo.Você está grávida.-Ela disse e eu olhei pra ela assustada. 

-Será que quando o bebê nascer eu também vou ter esses poderes?-Perguntei tentando descontrair e ela riu,mas depois soltou um suspiro.

-Aposto que já sei quem é o pai.-Ela disse e eu gelei completamente,não conseguia dizer absolutamente nada,como eu diria para uma mulher que eu estava grávida do filho dela de 22 anos.Ficamos em silêncio,ela puxou o ar e continuou.-É o Justin?-Eu assenti um pouco acanhada.

-Por favor,não conte a ele,Pattie.Eu te imploro.O seu filho tem muita coisa pela frente,muito coisa boa pra acontecer na vida dele e com certeza ele não precisa de um bebê pra atrapalha-lo.-Supliquei.-Ele vai achar que eu só quero sua fama e dinheiro,e de maneira alguma eu sou esse tipo de mulher.

-Eu sei,querida.Pude perceber que você é uma boa pessoa pelo pouco tempo de conversamos.E também percebi o quanto Justin gosta de você.Ele vai entender,Aurora.-Ela disse tentando me convencer,o que não adiantou em nada.Ouço a porta de vidro fazer um barulho e vejo Justin entrando na área da piscina e vindo em nossa direção.Meu coração acelerou de uma maneira que eu nunca pensei que fosse possível.

-Lóra,você está bem?-Ele se sentou ao meu lado e Pattie me lançou um olhar para que eu o contasse.

-A Aurora tem uma coisa para te conta.-Ela disse e eu arregalei os olhos.

-Não tenho não.-Neguei rapidamente e ela me reprovou com o olhar.

-Se você não contar,eu conto!-Ela disse.Fiquei em silêncio,não acredito que ela vá tão longe.-Pois bem.Justin,A Aurora está grávida,e o filho é seu.-Justin ficou parado olhando pro nada por um bom tempo,todos em silêncio,a tensão poderia ser sentida no ar.

-Preciso de água.-Justin disse,simplesmente.

-Eu pego pra você.-Jeremy,o pai do mesmo se levantou disposto mas foi interrompido pelo o filho.

-Eu não pedi,deixa que eu vou.-Ele se levantou fazendo com que Jeremy fechasse sua expressão pronto para dar uma bronca em Justin,mas foi impedido por Pattie.

-Eu vou atrás dele.-Ela disse e se levantou.

Olha só o que eu fiz,estraguei a vida de um garoto,de uma família,de amigos.Eu sei que esse bebê não tem culpa de nada,afinal,a mãe que ele tem é uma assanhada.Transou com um garoto que mau conhecia,engravidou,e agora está perdida.Mas eu te prometo bebê,eu vou cuidar de você muito bem,vou ser a melhor mãe que alguém poderia ter,e com isso quero dizer que eu não vou deixar seu pai te culpar pela sua existência.

-Eu quero ir embora.-Eu disse me levantando mas Miley entrou na frente.

-Ah mas você não vai embora enquanto não resolver isso! -A loira me impediu e eu bufei. 

-E como vai me impedir?- Digo e ela cruza os braços.-Acho que você não bateria em uma mulher grávida não é?

-Não seja cínica,Aurora.Agora é a hora de você e o Justin resolverem isso e você fica fugindo sempre que pode.-Candice entrou no meio da conversa e eu suspirei olhando para os meninos que concordaram comigo.

-Vocês já sabiam?-Perguntei a eles que assentiram.

-A Miley contou.-Ryan disse e eu encarei a loira com um olhar de repreensão.

-Olha,eu não estou fugido.-Respirei fundo e continuei.-Acho que essa era a última notícia que Justin esperaria no dia do aniversário dele.Ele precisa de tempo pra pensar nisso e alguns minutos na cozinha tomando água e sobe pressão dos pais não é um jeito bom de processar é notícia.Vocês não têm noção de quanto isso é impactante na vida de uma pessoa.Eu vou embora e quando o Justin estiver pronto a gente conversa.

-Você quer que eu te dê carona?-Candy disse e eu neguei,nem me dei ao trabalho de me despedir,entrei no carro e dirigi até minha casa,entrei em casa tirando os sapatos e os largando em algum lugar da sala,tirei o vestido o colocando no cabide dentro do guarda roupa e fui até o banheiro jogando água no rosto.

Me deitei na minha cama e fiquei encarando o teto.Ate que minha fixa finalmente caiu: 

O que foi que eu fiz com a minha vida?


Notas Finais


Faltam só dois pra acabar!
espero que estejam gostando...beijo grande!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...