História The Path Of Light - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Exibições 12
Palavras 1.331
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Ultimo capitulo de hoje,mas prometo que amanhã eu vou postar mais um!

Capítulo 9 - WHAT?


Fanfic / Fanfiction The Path Of Light - Capítulo 9 - WHAT?

Eu estava na sala do sr.Edwinson e estava tentando o convencer a não colocar a notícia do Justin na revista.

-Olha pelo lado bom,seremos a única revista diferente. - Esse foi o meu pior argumento até agora.

-Campbell,você está me irritando.-ele revirou o olhos e esfregou a testa. 

-Olha só,o Justin me ligou e pediu que eu fizesse uma entrevista exclusiva com a garota do presente.Seremos a primeira e única revista com essa noticia exclusiva! - eu disse e ele levantou as sobrancelhas.-Você se lembra da pesquisa que eu fiz?As notícias boas sobre o Justin vendem bem mais que as notícias ruins.Somos a revista mais querida pelas beliebers,se você decidir viralizar a notícia sobre o show do Justin,perderemos esse posto. 

-Por que você sempre tem razão? -Ele disse e levantou as mãos em sinal de rendição.-Você venceu,marque o dia da entrevista com o Justin e se você não puder ir,me avisa para mandar outro jornalista e fotógrafo. 

-Obrigada! - respondi e logo em seguida sai da sala.Peguei minha bolsa e fui encontrar com as meninas para almoçarmos juntas.Cheguei no restaurante e as encontrei sentadas e olhando o cardápio.

-Alguém está feliz hoje...-Miles disse sorrindo pra mim.

-Consegui convencer o Sr.Edwinson. - respondi animadamente.

-O Justin vai adorar a notícia.-Candice sorriu pra mim e um garçom trouxe as bebidas pra gente,três caipirinhas.

-Temos que brindar! - eu disse um pouco feliz demais. 

-É óbvio! - Miles gritou.Bebi um

gole do meu copo e novamente,assim que a bebida bateu em meu estômago,ele se revirou por completo.Por impulso eu corri para o banheiro e vomitei a maior parte da minha bílis,meu café da manhã,e a bebida.

Lavei a boca,e voltei para a mesa onde as meninas me olhavam confusas. 

-O que foi isso? - Candice perguntou.

-Eu vomitei,de novo.

-Aurora,já faz mais de uma semana que você está assim.Para de abusar e vai em um médico. - Miley respondeu.

-Lóra,você lembra que minha Vó morreu de câncer no estômago não lembra? - Fiz que sim com a cabeça e Candy continuou.-Então,não quero te assustar mas um dos sintomas do câncer era que tudo o que ela comia,sempre voltava.

-Você tá louca? - Miley perguntou para Candice e a mesma deu de ombros.

-Vamos no hospital agora!- Candy me puxou pelo braço e Miles veio atrás.

{•••} 

Fiz uma porrada de exames e o médico disse que eles ficariam prontos em uma hora,eu disse que voltaria para o trabalho e as cinco em ponto eu voltaria para pega-los. 

Passei o resto da tarde com a cabeça nas nuvens,e se eu estiver mesmo com câncer?

Na verdade pode ser apenas uma virose ou algo do tipo.

Mas e se for câncer? 

Será que eu vou ter que fazer químio ou vou morrer logo de cara? 

Eu devia ligar para minha mãe,mas não sei como dizer isso a ela,é perigoso ela querer que eu volte pra casa sem mesmo saber o resultado do teste. 

Calma,Aurora.Vai ficar tudo bem. 

E esses foram os Meus pensamentos das duas da tarde até às cinco,quando eu fui com as meninas para o hospital buscar os exames.O médico me chamou pra dentro de sua sala e eu estava suando frio,minhas mãos estavam meladas e eu não parava de estalar os dedos.Parecia que meu estômago estava querendo sair de dentro de mim e meu coração estava pulsando tão rápido que eu achei que teria um ataque cardíaco. 

-Pode se sentar Senhorita Campbell - o médico disse e assim eu fiz.-Não vou fazer rodeios.

-Eu agradeceria muito.- respondi.

-Então,pode desfazer essa cara de preocupada.Não é câncer. - ele disse e um peso enorme saiu das minhas costas.

-Então o que é? - perguntei e ele começou a procurar alguns papéis sobre a mesa,pegou um envelope e me entregou. 

-O exame deu positivo,senhorita Campbell.A senhorita está grávida.

-Que? 

-Você está grávida de duas semanas.Vai ter que fazer acompanhamento semanal porque ingeriu álcool durante a gestação.

A partir de hoje,nada de bebidas alcoólicas,diminua no glúten e nas bobagens.Vou passar uma dieta pra você fazer e vou marcar sua próxima consulta,para semana que vem. - Assenti assim que ele terminou de falar.Sai do consultório com os papéis na mão e sem reação nenhuma no rosto.

Essa foi a pior notícia da minha vida,como assim eu estou grávida? 

Não tenho estabilidade alguma para ter um filho,moro sozinha e meus pais estão do outro lado do país.Meu Deus eu tenho apenas 21 anos,como vou cuidar de um bebê?

Eu não posso abortar,eu não vou abortar,isso é crueldade.

-Que cara é essa,Aurora? -Miley perguntou.-Qual o resultado do exame? -entreguei o papel pra ela enquanto Candice acompanhava com os olhos e quando elas leram no final da folha o resultado do meu exame,seus olhos se arregalaram de uma maneira que eu nunca achei possível. 

-GRÁVIDA? - Miley gritou no meio do hospital atraindo toda a atenção pra gente,ela me puxou pelo braço até o estacionamento.

-Quem é o pai? - Candice perguntou.

-Óbvio que é o Justin.Ta achando que eu sou o que? - respondi sem paciência.

-Desculpa...É que eu não sei lidar com esse tipo de notícia. - ela fez careta,e eu me sentei em um dos bancos com as mãos no rosto.

-O que você vai fazer? - Miley perguntou.

-Não sei,eu não sei mesmo o que fazer.-respondi 

-Você não vai tirar o bebê não né? -Candy perguntou com receio da resposta e eu neguei com a cabeça.-E nem vai dar pra adoção?-neguei de novo.

-Não sou um monstro,Candice.Tive coragem de fazer,agora tenho que assumir as responsabilidades.

-Mas e seus pais?E o Justin? - Miley perguntou.

-Com meus pais eu me viro,agora com o Justin eu já não sei o que fazer...- Neguei com a cabeça - Me prometam que vocês não vão contar nada a ele! 

-Aurora,você não pode deixá-lo no escuro!-Miley disse e eu me irritei ainda mais. 

-Eu sei caramba!Acontece que eu preciso de um tempo pra pensar e tentar digerir o que está acontecendo.-Respondi.-E além do mais eu posso muito bem decidir não contar para o Justin.

-Não pode não!Ele tem o direito de saber que vai ser pai.-Candice disse. 

-O Justin está no auge da carreira dele,imagina se ele tiver um filho agora?Tudo vai acabar e desmoronar e ele vai ficar ainda mais revoltado.-Bufei.-O Justin não vai saber que eu estou grávida.

-E como vai esconder isso dele? -as duas perguntaram em couro.

-Eu vou me afastar dele.-respondi-Daqui umas semanas ou meses ele esquece que me conheceu,é só vocês não tocarem no meu nome.É só vocês fingirem que me esqueceram também. 

-Nós não vamos nos afastar de você!-Miley alterou o tom de voz.

-Eu sei,e eu não quero que vocês se afastem de mim,principalmente agora.So não quero atrapalhar a vida do Justin.Eu preciso que ele me esqueça.-Pode acreditar,isso vai doer mais em mim do que em qualquer um deles.

-Tudo bem. -Elas concordaram

-Mas veja pelo lado bom,vamos ser madrinhas de um bebê que provavelmente vai parecer um boneco de tão perfeito.-Candy disse e pela primeira vez desde a notícia eu sorri.Entrei no carro e fui direto pra casa,me despi e entrei no boxe.É impressionante como algumas palavras podem mudar sua vida.

"Eu estou grávida."

Falar isso é muito estranho,a minha fixa ainda não caiu.Mas,por um lado,pensar que daqui a alguns meses vou ter um bebê em casa,é muito gostoso.Sempre sonhei em ser mãe mas,não por agora.

Meus planos eram totalmente outros...Mas agora eu tenho quer arcar com as responsabilidades,agora eu tenho uma vida dentro de mim,agora eu sou mãe,tenho que dar o melhor de mim por esse bebê,vou ser mãe e pai ao mesmo tempo.São tantas emoções misturadas,medo ansiedade e podemos dizer que amor também...Afinal,é o meu filho que eu estou carregado.

Só agora eu comecei a raciocinar bem,temos sim que passarmos por turbulentas tempestades -como essa- pra depois vir um lindo arco-íris (?) Acho que sim,vou passar por turbulentos nove meses e depois vou ter que me adaptar à rotina de um pequenino ser humano que vai depender de mim pra tudo...


Notas Finais


Agora sim essa historia ta tomando um rumooooo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...