História The Possessive For Girl - Second Season - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Alfredo Flores, Ashley Benson, Chaz Somers, Christian Beadles, Drake, Justin Bieber, Ryan Butler, Selena Gomez, Taylor Swift, Willow Smith
Personagens Drake, Justin Bieber, Selena Gomez
Tags Ação, Drama, Jelena, Romance, Violencia
Exibições 236
Palavras 1.144
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 23 - Who is it?


- Justin On -

Ryan andava de um lado para o outro, sem tirar os olhos de Ashley, que ainda estava inconsciente. O médico já havia a examinado e feito os devidos curativos.

— Ela está acordando. —Ryan disse e eu me levantei da poltrona, e me aproximei da cama.

Ashley observou cada canto do quarto e por último nos encarou. Ela suspirou e sorriu em seguida. Ashley ameaçou levantar da cama e Ryan a repreendeu.

— Eu não morri, okay? —Disse ríspida. — Afinal, foi eu quem me joguei na frente do carro. Tinha certeza que o carro era do Justin. —Sorriu.

— Você é muito maluca, você poderia ter morrido. —Disse e ela revirou os olhos.

— Esse diabo loiro apronta cada uma. —Ryan disse irritado.

Ashley abriu a boca pra falar, mas eu tomei a frente.

— O que está acontecendo, Ashley? —Perguntei e ela se sentou devagar na cama.

— Achei que não iria me perguntar. —Debochou. — Eu estava sendo mantida presa e consegui fugir. Isso tudo aconteceu na noite em que você e Selena se encontraram novamente. —Ela disse e encarou um ponto fixo atrás de mim. — Drake chegou em casa e encontrou apenas Jullie comigo e então, ele concluiu que Selena estava o presenteando com um par de chifres...—

— Ele descobriu? —Perguntei rapidamente.

— Não, não exatamente. Ele me torturou, mas eu não disse nada. Depois de algumas horas Selena chegou. Eu já me encontrava amarrada em uma cadeira. Foi a vez de Selena apanhar e receber ameaças. Drake ameaçou me matar, caso ela não dissesse com quem ela estava se encontrando...

 

[...]

 

Após Ashley contar todo o ocorrido, até eu atropelar ela, agora nós pensávamos em um plano, já que Selena está presa na mansão de Drake.

— Ryan, vamos até meu escritório. Precisamos fazer uma reunião, urgente. —Disse e Ryan concordou.

— Eu também vou. —Ashley disse se levantando da cama.

— Não, você precisa ficar em repouso. Você levou um tiro de raspão...—

— Ryan, a vida da minha melhor amiga e da filha dela está por um fio, eu não vou ficar esperando pelo pior. —Ashley disse e saiu do quarto primeiro que nós dois.

— Droga! —Ryan murmurou.

Fomos até o escritório e encontrei Ana no mesmo. Ela sorriu ao me ver, mas seu sorriso se desfez assim que ela viu Ashley.

— Quem é essa vadia esfolada? —Ana exaltou.

— Acho melhor você dar o fora daqui, se não quiser ficar esfolada também. —Ashley ameaçou.

— Justin?

— Você ouviu, Ana. Depois conversamos. —Disse e ela bufou.

— Te espero no meu quarto. —Ela disse próximo ao meu ouvido.

— Vocês costumavam ter mais bom gosto. —Ashley disse revirando os olhos.

Liguei para os garotos que ficaram na boate e pedi a eles para que viessem embora, o mais rápido possível.

Eu não conseguia parar de pensar na Selena e em Jullie. Selena havia me orgulhado ao mentir para Drake. Corajosa minha garota. Mas, a verdade poderia ser revelada a qualquer momento... 

 

- Selena On -

Acordei com Drake distribuindo beijos pelo o meu corpo e chupões fortes em meu pescoço.

— Drake... Me deixa dormir. —Resmunguei o afastando.

— Vamos tomar café da manhã juntos. Jullie já está acordada.

Abri meus olhos o encarando e me levantei da cama. Entrei no banheiro e tranquei a porta. Tomei um banho, fiz minha higiene e me troquei.

— Pronto? —Perguntou assim que eu saí do closet.

— Sim. —Disse e fomos para a varanda.

Jullie estava perdida em meio aos brinquedos e assim que me viu correu até mim. Abracei a pequena e depois Drake a pegou no colo. Iniciamos nossa refeição e depois de alguns minutos ouvimos vozes altas. Quando Drake se levantou, Ashley aparecei na porta da varanda nos surpreendendo.

— Olá querido Drake. —Ela disse sorridente.

Essa filha da puta só pode ser louca!

— Ashley. Como você está? —Perguntei indo até a mesma.

Drake a encarava com um olhar péssimo. Um olhar que se resumia em: matá-la.

— Ótima. —Respondeu ainda olhando para Drake. — Cheguei na hora certa. —Ashley disse se servindo de panquecas e suco natural.

— Eu vou parar o meu escritório, antes que eu mate essa pessoa e não tente nenhuma gracinha. —Drake disse apertando o meu braço.

— Entendi. —Murmurei.

Drake nos deixou sozinha e Ashley revirou os olhos me encarando entendiada.

— Mais que droga hein? Como você aguenta?

— O que eu posso fazer? Nada. E essa não é a primeira vez que passo por algo do tipo. —Respondo a loira, que me mostra o dedo do meio. — Me desculpe, você está bem machucada e é por culpa minha. —Disse e ela sorriu.

— Ainda continuo viva, para a sua imensa felicidade. —Ela diz comendo uma torrada.

Ashley come feito uma leoa. Depois de algum tempo ela volta a falar...

— Bom, eu estou aqui para dizer sobre o plano. —Ashley disse olhando para os lados.

— Que plano? —Perguntei confusa.

— Estou na casa do Justin...—

— Como...—

— Cala boca, isso não importa agora. —Recebi um tapa na cabeça.

— Idiota.

— Vamos tirar você e Jullie daqui, mas precisamos que você colabore e você não pode demonstrar em hipótese alguma, desconfiança para Drake. —Ashley disse e eu assenti. — Justin? Está me ouvido? —Ashley sussurrou colocando a mão na orelha.

Ashley arregalou os olhos e me olhou séria.

— Caralho! Eu perdi a escuta. —Ashley disse perplexa.

— Ashley, mais que droga! —Murmuro pela esperteza da loira. — Tenho um problema maior que este. —Digo e ela me encara.

— Fala logo. —Ela diz se levantando da cadeira.

— Willow Smith, está na cidade. Drake e ela são aliados, agora. Eles estão convictos de matar Justin e sua equipe.

Ashley abre a boca em um perfeito "O" e seu celular toca antes que ela possa me dizer algo.

— Fala. 
...

— Sim, eu perdi. Errar é humano. 
...

 —   Calma, eu já falei com ela e temos um grande problema. Ashley sussurrava. 

...

 Já estou à caminho. 

...

 Tchau.

 

— Tenho que ir. Preciso contar sobre a irmãzinha de Jaden. Irei manter você informada.

— Não demorem, por favor. Meu passado está prestes a ser revelado. —Digo e ela me abraça. 

 

 

- Drake On -

Está noite resolvi vir para a boate sozinho e deixei Selena na mansão cercada de seguranças. Confiar nela? Nunca mais. 

Ouço batidas na porta e peço para entrar.

— Tem uma mulher querendo falar com você.  —Derick diz ao entrar no escritório.

— Quem é?

— Ela não quis dizer. Mas, disse que o assunto é do seu interesse. —Derick diz dando de ombros. 

— Mande ela entrar. —Digo indiferente.

Segundos depois uma linda mulher entra em meu escritório. Nada mal, a morena. Ela fecha a porta e caminha até minha mesa.

— O que você tem a me dizer? —Pergunto e ela sorri sensualmente.

XxX: — Você acha que conhece realmente sua noiva? Conhece o passado dela?

— Do que você está falando? —Pergunto me levantando rapidamente.

XxX: — Drake, Drake. Lamento dizer, mas você não conhece Selena Gomez. Realmente? Achei que você fosse mais esperto. —A mulher diz sorrindo.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...