História The power of love - NaruHina - Capítulo 26


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hanabi Hyuuga, Hinata Hyuuga, Konohamaru, Naruto Uzumaki, Toneri Otsutsuki
Tags Naruhina
Visualizações 134
Palavras 975
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Artes Marciais, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi meus amores ❤
Eu estava meu sábado de manhã sem ter o que fazer, então resolvi terminar o capítulo de hoje 😍 ah eu sou muito legal né gente? 😂😂

Capítulo 26 - Toneri e Konan


 Toneri estava em sua cela descansando quando ouviu alguém a abrindo, ele se levanta para saber quem era. Era Mui, o chefe da prisão e dois carcereiros.

-Você ira à Konoha. -Falou Mui fazendo Toneri arregalar os olhos.

-O que? Porque?

-Ordem do hokage.

Ele sai da cela seguindo os homens. Ele ficou todo o caminho até Konoha se perguntando o porque do Hokage estar o mandando de volta.

Eles chegaram e Toneri foi levado a sala do Hokage.

-Hokage-Sama... -Falou Toneri de cabeça baixa. - Porque eu estou aqui?

-Bom, o motivo de você estar aqui você vai saber logo, mas eu quero que saiba que você só pôde estar aqui porque Hinata aceitou. -Falou Kakashi. - Tem duas pessoas hoje aqui que querem falar com você.

Toneri arregalou os olhos se perguntando do porque de Hinata ter aceitado isso.

Alguns minutos depois Hinata entra na sala acompanhada de Naruto que segurava um bebê nos braços.

-Olá Toneri. -Falou Hinata séria.

-Bom, vou deixar vocês a vontade. - Falou Kakashi se levantando.

-Hinata. -Toneri falou com a cabeça baixa. - O que está acontecendo? E porque eu estou aqui?

-O real motivo você vai saber em alguns minutos. Mas eu não pude falar com você depois de tudo que aconteceu e eu quis dar uma oportunidade para você se desculpar.

-Hinata eu realmente sinto muito por tudo que houve entre nós. Hoje eu consigo enxergar o qual idiota eu fui. Eu te culpava por tudo que tinha acontecido comigo, o meu clã destruído e por outra coisa também. - Falou ele com os olhos cheios de água. - Eu tinha uma pessoa, antes de te conhecer. Ela era a mulher dos meus sonhos, era linda, bem-humorada, carinhosa, mas eu fui tão egoísta que comecei a me relacionar com ela mesmo já tendo meus planos com você. Quando percebi eu estava perdidamente apaixonado,  mas a fome por vingança me cegava, eu contei a ela que iria me casar e ela não quis mais me ver. E mesmo nada disso sendo culpa sua, eu te culpei, eu descontava em você todo ódio que eu alimentava pelo clã Hyuuga e toda decepção e saudade que sentia por ela. - Toneri deixou uma lágrima solitária escapar. -Eu te entendo se você nunca me perdoar, mas mesmo assim eu te peço, me perdoe por tudo.

-Eu não acho que isso justique tudo o que você me fez passar, embora eu te entenda. Eu te perdoo Toneri, esse perdão será libertador para nós dois. -Falou Hinata seria. - E eu quero ser um bom exemplo para meu filho. - Falou olhando para Naruto e Boruto e sorriu.

-Arigatou Hinata. - Falou ele com a face aliviada. - E parabéns pelo filho.

-O que eu tenho para te falar é só isso, você tem meu perdão. Tem alguém aqui fora querendo falar com você. Sayonara, seja feliz Toneri.

Toneri sorriu e se perguntou como ele tinha sido capaz de fazer mal a alguém como Hinata.

Eles saem da sala e antes da porta se fechar outra pessoa entra. Ele sente seu coração falhar e sua respiração pesar. Era ela, ali na sua frente, depois de todo esse tempo, ela estava ainda mais linda do que se lembrava. Ele se levantou e ela correu em sua direção se jogando em seu pescoço, Toneri retribui o abraço.

-Konan... - Toneri falou segurando o rosto dela com as duas mãos. - Me perdoa, me perdoa Konan.

Ela começa a chorar e a assentir com a cabeça. Ela engoliu o choro e começou a falar.

-Quando você falou que iria se casar, meu mundo desabou, eu estava completamente decidida a nunca mais te ver. Eu te amava demais e meu coração estava aos cacos. Mas a vida sempre gosta de nos pregar peças, então eu descobri que estava grávida.

Toneri arregalou os olhos e seu coração começou a pular freneticamente.

-Gra-Grávida? - a voz de Toneri quase não saiu.

-Sim, menos de dois meses depois eu descobri que eu esperava um filho seu, nesse momento um misto de sentimentos me invadiu, o pai do meu filho estava se casando com outra mulher, mas eu estava feliz, meu mundo voltou a ter cor. Eu decidi então que iria te procurar, mas mesmo chegando perto dele nascer eu não tinha conseguido nenhuma pista sobre você. Então eu resolvi parar por alguns meses pelo bebê. Quatro meses atrás eu retornei as buscas, até chegar em Konoha, aqui uma bomba foi jogada em minhas mãos quando descobri que você estava preso e que só poderia vir conhecer seu filho se sua ex mulher aceitasse, a mulher que foi tão maltratada por você, nesse momento minhas esperanças se acabaram, até eu me encontrar com Hinata, e perceber o anjo que é aquela mulher, ela aceitou que você vinhesse conhecer seu filho, mesmo depois de tudo que você causou a ela.

Toneri estava sem saber como reagir diante daquela história, naquele momento ele só pensava em uma coisa.

-Meu filho, onde ele está? -Perguntou se levantando.

Konan lhe dirige um lindo sorriso e sai da sala, voltando logo em seguida com um bebê nos braços. Ele tinha os cabelos grisalhos e a pele extremamente branca como a de Toneri e os olhos cor de mel como os da mãe. Os olhos de Toneri se encheram de lágrimas, ele se aproxima de Konan e pega o bebê. Ele fica hipnotizado olhando aquele pequeno em seus braços.

-Qual o nome dele?

-é Riki, ele tem 8 meses. -Falou Konan passando a mão no cabelo de Riki.

Toneri a puxou para si com a mão livre e selou seus lábios com um beijo. Ele estava feliz, mesmo sabendo que teria que voltar para a prisão, ele havia sido perdoado pelas pessoas que ele mais prejudicou e machucou e agora descobriu que tinha um filho.


Notas Finais


É isso meus amorzinhos 😍❤
A fic tá quaaaase terminando 😭😭 mas logo logo a próxima se inicia 😍
Meu Instagram para vocês me conhecerem mais de pertinho ❤ https://www.instagram.com/daise_almeida/?hl=pt-br
Beijos e até a próxima :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...