História The Presidency Room - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Once Upon a Time
Personagens Albert Spencer (Rei George), Alice, Anastasia (Rainha Vermelha/Rainha Branca), Anna, August Wayne Booth (Pinóquio), Capitão Killian "Gancho" Jones, Cora (Mills), Cruella De Vil, Daniel, David Nolan (Príncipe Encantado), Dr. Archie Hopper (Jiminy Cricket), Dr. Whale (Dr. Victor Frankenstein), Elsa, Emma Swan, Fa Mulan, Hades, Henry Mills, Ingrid / Rainha da Neve / Sarah Fisher, Isaac (O Autor), Lacey (Belle), Liam Jones, Lilith "Lily" Page, Madre Superiora (Fada Azul), Malévola, Marian, Mary Margaret Blanchard (Branca de Neve), Mérida, Milah, Neal Cassidy (Baelfire), Paige (Grace), Personagens Originais, Peter Pan, Princesa Aurora, Príncipe James, Regina Mills (Rainha Malvada), Robin Hood, Roland, Ruby (Chapeuzinho Vermelho), Sidney Glass, Sr. Gold (Rumplestiltskin), Tinker Bell, Ursúla (Bruxa do Mar), Violet, Vovó (Granny), Wendy Darling, Will Scarlet, Xerife Graham Humbert (Caçador), Zelena (Bruxa Má do Oeste)
Tags Swan Queen
Visualizações 54
Palavras 1.290
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Orange, Romance e Novela, Violência, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi galera. Eu já escrevi antes, sei mais ou menos como funciona, okay?
Mas eu espero que gostem da minha fic. Boa leitura a todos!

Capítulo 1 - Secretária



- Hey, filha. Levante! - um homem loiro chamava uma garota preguiçosa. - É hora de acordar, ou vai perder a entrevista!


- Humm! - a menina resmunga, despertando. - Que horas são? - a mesma pergunta, coçando os olhos.


- São cinco e cinquenta, a entrevista começa às sete, então se apresse. O Sr. Gold não tolera atrasos! - fala o pai da garota, antes de sair do quarto.


Cinco e cinquenta, sério? A menina bufa, e se levanta. Caminhando até o banheiro, para na frente do espelho. Emma era muito bonita, feições angelicais, pele alva, leves ondas douradas caídas até a altura do busto, e seus olhos, duas esmeraldas.


Mas, nesse dia, Emma não estava tão bonita assim, os olhos avermelhados, as olheiras e sua expressão cansada, denunciavam a noite mal dormida.


Emma precisava pagar sua faculdade, seu pai a ajudou conseguir um emprego, se lembrou de um velho amigo que precisava de pessoas para ocupar os cargos vagos de sua empresa. A loira seria secretária, precisava ir na entrevista, mas não estava disposta.


Tirando suas roupas, amarrou seus cabelos em um coque alto e adentrou o chuveiro. Estava exausta, queria não ser tão ansiosa, mas precisava mesmo desse emprego.


Estava quase dormindo em pé, com a água caindo sobre suas costas. Sua cabeça encostada na parede, estava cochilando. Quando tomou um susto com alguém batendo na porta.


- Emma, querida! Está tudo bem? - pergunta David, do outro lado fa porta.


- Sim, pai. Já estou saindo! - a loira desliga o chuveiro e se enrola na toalha, para logo depois, sair do banheiro.


Emma teria que estar apresentável para  a entrevista, mas estava sem tempo para se produzir. Vestiu um vestido salmão que ia antes da altura dos joelhos, era bem marcado na cintura e coberto por renda, simples, mas lindo. Colocou um salto não tão alto da cor nude.


Soltou os cabelos e os deixou levemente rebeldes, lhe dando um ar de mulher. Passou um rímel, o básico para disfarçar as olheiras, e um batom rosa clarinho. Agora sim, não estava com cara de zumbi de 20 minutos atrás.


- Vamos, pai? - a loira pergunta para o mais velho, enquanto pegava seus pertences.


- Claro, filha. A propósito, ainda bem que está arrumada para essa entrevista, vai que você começa hoje mesmo!? - David brinca com a loira enquanto saía de casa, indo em direção ao carro, ela não costumava se vestir assim.


- Ah para, pai. - Emma ri com a piada de David, mesmo sendo sem graça - Qual o nome da empresa? - pergunta a loira, enquanto entrava no carro.


- Mills Arquitetura, esta concorrendo à cargo de secretária. - diz David animado. A loira pensava ser uma boa essa emprego. Afinal, pagaria sua faculdade através dele.


- É muito longe daqui? - pergunta a menina arrumando o contorno de seu batom no espelho do carro.


- Não, mas vamos cedo hoje para você se dar bem. - responde, saindo da vaga, e indo direto para a empresa.


Emma olhava pela janela, imaginava como seria seu local de trabalho, quem seriam seus colegas. Estava tão imersa em seus pensamentos, quem nem viu quando havia chegado.


- Chegamos. - a loira olha para seu pai, e lança um sorriso tímido. O mesmo estende uma das mãos para a menina, lhe passando confiança. - Boa sorte, filha!


- Obrigada, pai! Vou precisar. - diz Emma antes de descer do carro. Dá a volta no mesmo, pega tudo o que precisava, e anda em direção a portaria do prédio.


Acenou para o pai, antes do mesmo ir embora. Emma olha para o grande prédio a sua frente, suas mãos suavam, estava muito nervosa. Calma Swan! É só uma mera entrevista, onde você já está contratada! 


Adentrou o prédio, encantada com tudo. Era feito de vidro por fora, com detalhes em metal, escrito bem grande na entrada, Mills Arquitetura. 


- Bom dia, senhorita! Em que posso ajudar? - uma moça simpática lhe pergunta, vendo a expressão da loira, que olhava tudo com os olhos bem abertos.


- S-sim, pode sim! - a loira sorri para a moça. - Onde eu posso aguardar para a entrevista com o Sr. Gold? - a loira pergunta olhando para os lados, sem saber onde ir.


- Por aqui, senhorita. - a moça segue caminho, e a loira atrás, gravando de onde veio. Chegando no saguão, a loira vê outras moças esperando, todas com currículos em mãos. Se sentiu desconfortável, se arrependeu amargamente por não ter acordado mais cedo e ter se produzido.


- Senhorita Swan! - uma morena de mechas vermelhas a chama, no exato momento que a loira chega.


- Sim? - a loira olha para morena e espera a mesma continuar. Mas já? Eu mal cheguei! Vamos lá.


- O Senhor Gold a aguarda na sala. - diz a morena indicando a sala do mais velho.


- Obrigada! - a loira segue em direção a sala indicada. Sr. Gold. Emma bate na porta, escutando um "Entre" logo em seguida.


- Pois não? - pergunta Gold sentado atrás de sua mesa.


- Disseram que o senhor me aguardava. - a loira estava tímida, nunca esteve em um lugar grandioso desses sozinha, muito menos para trabalhar. 


- Você é Emma Swan? - a loira assente tímida, com cabeça segurando as folhas de seu currículo a frente do peito. - Prazer, senhorita. Não precisamos de seu currículo, já me informei com seu pai. Você começa hoje mesmo!


- C-como assim? - o queixo da loira vai ao chão. - O cargo já é meu? - Emma estava desacreditada.


- Sim. Será secretaria a partir de agora. - responde, andando até a frente da garota. - Mas, eu estarei saindo do cargo de presidente dessa empresa, e minhas filhas o assumirão.


- Onde eu ficarei? - pergunta olhando para os lados. Gold pega o telefone do gancho.


- Ruby? Venha até minha sala, por favor! - o mais velho coloca o telefone no gancho. Alguns minutos depois, aquela mesma morena aparece na sala.


- Sim, Senhor?


- Informe onde a senhorita Swan irá ficar a partir de agora. Aproveite e ligue para as Mills, preciso delas aqui. - ordena para a morena, que assente com a cabeça e olha para Emma.


- Me acompanhe, Swan. - a morena pede, e a mesma assim faz.


Saindo da sala, caminharam até o lado de fora da sala, na parede à frente havia uma bancada de dois lugares, Emma estava tão encantada com tudo, que não a notou ali.


- Bom, será aqui que ficaremos. - diz a morena, se sentando em um dos bancos, mostrando o outro para a loira se sentar, e faz o que o mais velho ordenou. - Regina Mills, o senhor Gold lhe chama para comparecer sua sala. 


- Seu primeiro dia aqui? - a loira pergunta, não queria se sentir tão perdida. 


- Oh, não. Primeira semana. Não é tão difícil, as vezes ele liga pedindo café ou organizar documentos. - diz Ruby, não dando muita importância.


- Quem são as Mills? - a loira estava curiosa para saber para quem iria trabalhar.


- Regina e Zelena. Gold vai se aposentar e elas ficaram em seu lugar, creio que Regina é mais competente para esse cargo. - Ruby tinha um certo medo de Regina, e com muita razão.


- Como elas são? - a loira pergunta, Ruby arregala os olhos, e não responde. Uma ruiva estonteante e uma morena de jeito imponente para a frente da bancada, Emma paralisa.


- Gold está na sala, Luccas? - a ruiva lhe pergunta, a mesma assente com a cabeça, calada. Emma olhava atentamente a morena impaciente a frente da porta. - Ótimo!


- Respondida a sua pergunta, Swan? - Emma não responde, Ruby cutuca seu braço. - Loirinha?


- N-não sei, eu... eu não sei. - a loira gagueja, vendo a morena adentrar a porta e a ruiva a seguir, a fechando logo em seguida.


Notas Finais


Eu espero que tenham gostado, galera!
Até o próximo capítulo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...