História The Price Of a Passion - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber
Tags Bizzle, Drama, Justin, Justin Bieber, Kidrauhl, Megan Fox, Revelaçoes, Romance
Exibições 22
Palavras 1.061
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Mistério, Policial, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Bom gente , então é isso o ARCO do Dylan foi esse e provavelmente ele vai continuar na história , espero que estejam gostando , BJS

Capítulo 18 - Capítulo 18 - Hello Brother


Fanfic / Fanfiction The Price Of a Passion - Capítulo 18 - Capítulo 18 - Hello Brother

P.O.V Dylan

Eu encarei o garoto que parecia ter 10 ou 11 anos , Seus olhos eram tão azuis quantos os meus , seus cabelos castanhos e pele clara quase nos mesmos tons, eu diria que se não fosse meu irmão era uma cópia perfeita de mim quando mais novo , ele me encarava com um olhar alegre, Como se falasse “ Olá” através dos olhos , Elizabeth nos fitava de longe juntamente com Katherine que parecia impaciente , me aproximei mais do pequeno garoto que agora me olhará com fascinação .

- Qual o seu nome ? – eu o perguntei o fazendo dar um sorriso –

-  Ethan ... – ele falou tímido -

-Olá Ethan , Eu sou o Dylan – um olhar surpreso saiu em meio ao silencio , ele me encarou por alguns segundos e logo engoliu seco . -

- Você é meu irmão ? – ele me perguntou , seus olhos marejaram, e eu assenti – Mamãe disse que você viria me buscar um dia , Tia Eliza disse que não , mas eu disse que você viria - uma pequena lagrima escorreu de seus olhos dando espaço a um sorriso , meu coração que batia fracamente pareceu parar ali mesmo ,Ethan correu em direção aos meus braços os tomando , e então eu pude sentir uma coisa que não sabia mais o significado a muito tempo , Compaixão-

Sentamos naquela sala ali mesmo , sua felicidade parecia contagiar a todos , Elizabeth que parecia nervosa logo abriu um sorriso , Katherine não demorou muito para se juntar a todos na sala , conversamos por algumas horas até a noite cair avisando que era a hora de ir embora, eu voltaria aqui todos os dias para Vê-lo , e num futuro talvez leva-lo para morar comigo .

- Adeus Campeão – eu acenei , ele abrirá um sorriso fazendo o mesmo –

- De nada – Katherine disse com um sorriso no rosto se virando para ir embora

- Obrigado ...

- Agradeça ao Asno , ele me disse para vir . – ela abriu um sorriso , e foi embora , me deixando confuso em meio aos meus pensamentos –

P.O.V Justin

O dia tinha sido longo , Sai da casa de Richard o Mais rápido que pude , seu olhar de ódio me perseguiu aquela noite pela minha Proposta de levar Megan para ver a mãe , Cheguei em meu apartamento e me deparei com Dylan sentado em minha sala , suspirei , estava impaciente .

- O dia foi cansativo Dylan , eu não quero matar ninguém hoje , então vai pra casa. – ele me encarou dando um sorriso .-

- Venho te agradecer e recebo uma ameaça , Irônico . - ele sorriu me deixando confuso -

- Como é ?

- Katherine me ajudou mais cedo , se ela não estivesse lá eu me arrependeria da minha decisão, eu só queria Dizer um Obrigado pessoalmente eu já estou de saída  . – eu assenti , me recordando da pequena conversa que eu tivera com Katherine a uns dias atrás, Dylan caminhou até a porta e parou na mesma dando um suspiro- eu só quero que saiba que eu não quero te odiar , então não faça com que isso se torne mais difícil do que já é pra mim.-eu ri leve-

- Então não me odeie pois eu não quero ter que matar único amigo que eu tenho . - ele assentiu dando um leve sorriso e indo embora-

Eu subi as escadas indo tomar um banho , logo me joguei na cama pegando no sono.

 

P.O.V  Megan

Domingo, eu diria que sem dúvidas esse é o pior dia da semana , ele é entediante como as segundas e longo cm o resto da semana , Suspirei , me levantei  tomando um longo banho quente e colocando a primeira roupa que eu vi a minha frente , desci as escadas me sentando a mesa , Justin chegou logo em seguida fazendo o mesmo , meu pai nos encarou dando um suspiro .

- Jackie Voltou a cidade ontem a noite , ira ter uma pequena festa de Boas vindas no salão hoje e todos nós devemos ir . – eu pude ver Katherine se engasgar com seu suco –

- Eu me recuso a ir . – ela falou rapidamente ,Justin deu um sorriso , parecia ter entendido a situação –

- Katherine Por favor , é fundamental a presença de todos os soldados . – meu pai disse , para ele tudo o que era mais sagrado na vida dele era o exército , era a única hora que ele realmente falava sério  , isso me assustava um pouco mas com um tempo aprendi a me acostumar –

- Me peça para cometer  Suicídio Richard Mas não me peça para falar com o meu pai. – ela bufou , Justin Gargalhava ao lado –

- E pensar que uma garota dessas teme com a aceitação do pai , é KitKAT parece que eu não sou mais o único asno.

- Cala a boca , Não era eu que era Reprimida pelo Papai e manipulada para dominar o mundo . – Justin parou de rir e a encarou com ódio a fazendo dar um sorriso irônico –

- Não precisa falar com o Marechal , só precisa comparecer , não faça isso por ele faça isso pelo menos por mim . – ela revirou os olhos –

- Tudo bem ... – ela disse vencida , se levantou indo até as escadas e subindo as mesmas –

- O que ela tem contra o pai ? – eu perguntei confusa , meu pai deu um sorriso forçado encarando Justin –

- Vamos resumir , A mãe dela morreu em guerra , o Pai dela subestima ela des de então , ele acha que ela nunca será boa o suficiente para a vida que ela leva e que o lugar dela é em casa , vamos dizer que é por isso que ela é ela , eles não se dão bem eu diria que eles se odeiam . – ele riu leve –

- Nossa ... – eu falei surpresa , talvez no fundo ela não seja totalmente uma vadia –

- Megan você vai ? – meu pai disse mudando o assunto , o clima que estava pesado agora pareceu um pouco mais leve –

- E eu tenho escolha ? – ele e Justin negarão , eu sorri leve – Foi o que pensei.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...