História My nanny, my alpha - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Suga
Tags Jimin, Suga, Yoongi, Yoonmin
Visualizações 165
Palavras 2.056
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Annyeonghaseyo pessoas♡

Cá estou eu, sem absolutamente nada para fazer, decidi fazer uma mini fanfic, de apenas 2/3 capítulos, provavelmente será de 2...

Notas sobre a fic ~

Não, eu não shippo yoonmin, mas acho fofo, então decidi dar uma chance! Rs

Essa fanfic foi feita de última hora, nada foi planejado, então mil perdões se não for como o esperado.

Provavelmente eu terminará ela hoje, nada certo ainda, mas ao que tudo indica sim!

Espero que gostem, saranghae >.<☆

Capítulo 1 - My nanny, Min Yoongi...


Fanfic / Fanfiction My nanny, my alpha - Capítulo 1 - My nanny, Min Yoongi...

- Mas omma...- Murmurei

 

- Sem mas, Jimin! - Ela suspira fundo - Meu filho, você não pode ficar em casa sozinha

- Eu tenho 16 anos, sou adolescente, sei o que deve e o que não deve ser feito.

- O problema não é o que você pode fazer, filho. E sim o que podem fazer com você

- E como você está garantida de que esse alfa não pode me machucar?

- Eu conheço muito bem o Yoongi, e tenho certeza de que ele não faria mal à uma mosca. Apenas aceite, é para seu próprio bem... - A mesma deposita um selar em minha testa e vai em direção à escada.

 

Sério mesmo? Eu sou adolescente, sei me virar sozinho. Não é porquê sou um ômega que significa que sou inofencivo e sem estrutura, sei bem me virar. Minha omma precisa viajar à trabalho, irá passar uma semana longe, e por isso decidiu chamar o filho de sua amiga, um tal de Min Yoongi, para cuidar de mim durante esse meio tempo. Por mais que ela só queira meu bem, isso é injusto! Tenho maturidade para cuidar de mim mesmo, para ela eu sempre serei um ômega frágil, indefeso e pequeno demais para esse mundo tão grande. Aigoo, eu sei me cuidar, que injustiça!

Ouço barulhos altos e vejo minha omma descendo as escadas com suas malas, reviro os olhos e vou ajudá-la.

 

- Bom, daqui a pouco Yoongi chega. Irei ficar até ele chegar. E antes, quero lhe impor regras; por mais que você esteja com Yoongi, não seja sedentário, faça alguma coisa! Ajude-o com as atividades de casa e quando Yoongi precisar sair, por favor Jimin, não coloque fogo na casa. E por fim mas não menos importante, obedeça ele. Tudo bem que você queria ficar só, mas você está sobre a responsabilidade dele, ele quem irá dizer o que você pode e não pode fazer enquanto eu estiver fora. Entendido?

 

Suspirei revirando os olhos e assenti. O som da campainha ecoou pela sala, fazendo minha omma se levantar rapidamente do sofá e ir atendê-lo. Ela dá espaço para o tal Yoongi passar. Ele não era feio, parecia ser amigável, tinha cabelos negros, sua pele branca como a neve e macia como um pêssego, seus lábios rosados entreabertos, e suas vestimentas eram de cores escuras, tais como preto e um verde musgo.

 

- Jimin, esse é Min Yoongi! - Minha omma diz e eu forço um sorriso - Yoongi, esse é Park Jimin, a figura que você terá que cuidar durante uma semana - Ela diz e Yoongi ri nasalado, eu apenas revirei os olhos pelo comentário.

 

- Bom meninos, tenho que ir, estou atrasada. - Ela anda em minha direção - Qualquer coisa me ligue, logo estou de volta. Eu te amo, cuidado! - Ela sai com suas malas, gritando um "Tchau Yoongi" e fechando a porta. Olhei para o garoto e ele sorriu, forcei um sorriso, digamos que o sorriso mais forçado que eu já dei na vida.

 

- Se me der licença, irei para meu quarto - Eu iria subir as escadas

 

- Jimin...- Yoongi usa a voz de alfa me fazendo ficar imóvel. Parei no terceiro degrau e me virei para o mesmo - Eu acabei de chegar, por que não me mostra a casa? Não vou adivinhar os cômodos sozinho! - Ele diz e eu reviro os olhos disfarçadamente

 

- Tudo bem...- Desço os degraus e vou até o mesmo. - Aqui é a sala, como você pode ver - Vou em direção à cozinha e ele me segue - Está é a cozinha, onde passo a maioria do meu tempo. - Murmurei e ele riu baixo. Seguimos até o andar de cima, abri a primeira porta do corredor e adentrei o quarto da omma - Esse é o quanto da minha omma, aconselho que não entre aqui constantemente, minha omma não suporta que entrem em seu quarto - Seguimos para os outros cômodos, que seriam o banheiro, o escritório da omma, o nosso closet e por fim meu quarto.

 

- E esse é meu quarto - Abro a porta e Yoongi explora cada canto do meu quarto com os olhos.

- Seu quarto é realmente bonito. Mas você não acha que usa cores muito...escuras para um ômega? - Ele contesta sem manter contato visual, eu reviro os olhos e ele me olha.

- Não...Não é porquê sou ômega que tenho de usar roupas femininas, jeito mimado e cores claras. - Bufo e ele me encara

- Realmente você não precisa usar se não quiser, mas isso seria errado no padrão da sociedade. Enfim, não estou lhe julgando, apenas dando uma opinião. - Ele vira de costas e eu faço uma careta para o mesmo.

 

- Está com fome? Pensei em fazer algo para comermos, como um ou um lamén

- Não estou com fome. - Desci as escadas logo após Yoongi. Me deitei no sofá e ele foi em direção à cozinha fazer a comida que ele tanto queria...

 

[...]

 

Após, Yoongi sentou em meu lado no sofá e começou a puxar assunto...coisa que eu não estava com saco para responder!

 

- Me conte mais sobre você, Jimin...Preciso lhe conhecer, conhecer seus gostos e interesses - Não precisa não...- Mas só se quiser, claro! - Para não ser tão chato, decidi responder.

- Faça a pergunta que eu irei responder.

- Uh?...Bom, você mora somente com sua mãe?

- Sim, meu pai mora na China junto com meu irmão, Taehyung

- Oh sim, e como você lida com essa situação de ficar longe do seu pai?

- Na verdade eu já estava acostumado, meu appa e minha omma se divorciaram assim que eu nasci, Taehyung decidiu ir com meu appa para não deixá-lo só...

- Entendo...- Ele diz e eu volto minha atenção à televisão. Senti o olhar de Yoongi pesar sobre mim, aquilo realmente estava me assustando. Olhei para ele disfarçadamente e o mesmo mordeu os lábios ao concentrar seu olhar em minha coxa...Pera, quê? Ele estava realmente me encarando de uma maneira, digamos que pervertida. Me afastei do mesmo e ele riu

- O que foi, Jimin? Está com medo? Eu não mordo...

- N-não é isso.

- É o que então?

- Aish...Hyung, posso te fazer uma pergunta?

- Claro, pode perguntar!

- Quantos anos você tem? - Pergunto e ele arqueia as sobrancelhas

- Pra que quer saber? No que isso irá influenciar? - Levantei uma das minhas sobrancelhas com cara de "você não respondeu minha pergunta" - Aigoo! Tenho 18, por que?

 

Eu não acredito nisso, eu realmente não acredito! Ele não é maior de idade e minha mãe me deixou com ele sendo que eu podia ficar em casa sozinho. Um adolescente cuidando de outro adolescente é o mesmo que o outro estar sozinho, no caso eu estou sozinho. Eu poderia ter ficado só, sem esse idiota me perturbando e me enchendo de perguntar chatas...Qual é o medo de minha mãe de me deixar sozinho em casa? O medo é tão grande que ela tinha que me deixar com qualquer um? Eu não sou mais uma criancinha que mal sabe tomar um banho...EU CONSIGO ME VIRAR SÓ!

 

- Jimin, me responda! Para que queria saber minha idade? - Yoongi diz e eu apenas o olho sem responder algo

- Você não é maior de idade! Por que minha mãe me deixou com você?

- Porque ela tem medo do que pode acontecer com você...Pelo menos foi isso que ela disse para minha omma

- Eu não sou uma criança. Sei me cuidar sozinho, tenho 16 anos...Aigoo! - Contesto e ele volta à me encarar, mas desta vez eu realmente estava bravo para relevar algo - O que foi, Yoongi, perdeu algo em mim?

- Não, apenas é impressionante o seu jeito. Você é um ômega Jimin, mas tem a personalidade e os gostos tão fortes como de um alfa.

- Pelo fato de ser um ômega eu preciso agir como todos os ômega de cidade, do país ou do mundo? - Eu sinceramente estava de saco cheio. - Vou dar um exemplo. Você é um alfa, certo? Mas se você tivesse jeito, personalidade e gostos de ômegas e todos fossem contra isso, você iria gostar de ser julgado pela sociedade?

- Claro que não. Quero saber em qual momento eu julguei você, apenas dei minha opinião sobre seu jeito, isso é errado? - Ele bufa e eu reviro os olhos

- Aish, vou para meu quarto. Até mais! - subo as escadas rapidamente para não ser interrompido por Yoongi. Cheguei em meu quarto, fechei a porta e me joguei na cama suspirando fundo. Por que ele me encarou daquele jeito? Qual o problema dele com meu jeito e minha personalidade? Yoongi é um alfa muito chato, aigoo!

 

[...]

 

Um tempo passou, eu estava deitado em minha cama assistindo uns doramas quando alguém bate na porta, já sabia de quem se tratava.

 

- Pode abrir - Gritei e revirei os olhos. Ele adentra o quarto e eu o olho rapidamente. Ele havia trocado de roupa, agora estava com uma calça moletom cinza, uma blusa colada que mostrava seus músculos e seus cabelos levemente molhados, ele havia acabado de sair do banho. Não posso negar que Min Yoongi era realmente muito bonito, mas relevei...

 

 

- Posso falar com você? - Ele pergunta com voz grossa, porém em volume baixo

- Pode...- Desligo a televisão e me sento cruzando as pernas

- Não quero ficar de mal com você logo no primeiro dia. Desculpe se te passei a informação errada, apenas expressei minha opinião, mas me desculpe se não gostou!

- Não estamos de mal, Yoongi. Apenas não gosto quando comentam sobre meu jeito e me comparam...mas está tudo bem, não se preocupe. - Falo e Yoongi sorri passando sua mão sobre meus cabelos e saindo do quarto.

- Irei deitar, se precisar de algo me chame! Ah, tem jantar na cozinha...se quiser

- Obrigado, estou sem fome! - Ele fechou a porta e eu mostrei a língua. Argh, hyung chato! Me deitei novamente e peguei meu celular, fiquei explorando minhas redes sociais até que o sono bate e eu acabo dormindo.

 

             Manhã seguinte

                 Yoongi on

 

Jimin tem um corpo que só Jesus na causa...Ele lembra muito um alfa, seu jeito, sua personalidade, seus gostos, seu corpo até mesmo sua maneira de falar é de um alfa. Porém, ele é muito enjoado, qualquer coisa ele está contestando, e isso me irrita! Estou tentando ser o mais amigável possível com ele, fui até pedir desculpa que é uma coisa que eu odeio, mas ele não colabora. Abri a porta de seu quarto lentamente e o mesmo ainda estava dormindo, sua boca entreaberta, seu corpo coberto pelo lençol e seus cabelos bagunçados, dei um sorriso e notei que estava tarde...Não estava nem um pouco afim de cozinhar, então decidi pedir uma pizza, isso mesmo, uma pizza. Não é uma coisa normal de se comer no almoço mas eu sou Min Yoongi, então...e também acho que Jimin gostará do almoço.

 

- Jimin, acorda! São 11:59...

- Sai hyung, me deixa dormir - Jimin diz manhoso se virando para a parede.

- Sai nada, vamos logo! - O puxo e ele bufa alto me fazendo rir

- Não ria, não foi você quem foi acordado!

- Acredite, se tem uma coisa que eu não suporto e acordar ou ser acordado, mas estou cuidando de você, então é minha obrigação...- O vejo revirar os olhos e entrar no banheiro. - E não demora que daqui a pouco o almoço chega...

- Me deixa - Ele diz e eu ri, logo descendo as escadas. A campainha toca e eu vou atender, pego a pizza e pago. Deixei em cima da mesa com um refrigerante que estava na geladeira. Jimin desce a escadas e vai até a cozinha, mas logo volta confuso

- Cadê a comida que você encomendou? - Aponto para a mesa e ele olha, logo voltando seu olhar para mim e virando a boca para o lado.

- Vamos almoçar pizza? Sério?

- Não quer? Deixa que eu como sozinho...- Falo e ele rapidamente pega um prato e coloca uma fatia. Dou uma risada baixa pelo desespero dele e ele mostra a língua para mim...

 

Continua...

 


Notas Finais


Gostaram? >.<
Bjs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...