História The Retreat - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Supernatural
Personagens Castiel, Dean Winchester, Gabriel, Personagens Originais, Sam Winchester
Tags Comedia, Destiel, Drama, Romance, Sabriel, Shortfic
Visualizações 248
Palavras 1.245
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 14 - 13 - I'm proud of you.


Fanfic / Fanfiction The Retreat - Capítulo 14 - 13 - I'm proud of you.

Alguns minutos depois, a polícia aparece isolando o local. Os outros guias logo tratam de dispersar a pequeno amontoado de pessoas para o refeitório se limitando ao silêncio frente às várias perguntas dos curiosos e confusos.

Se sentando na mesa de seu grupo, os quatro observavam em silêncio todos os demais, estavam a procura de qualquer coisa suspeita, até que Dean percebe o tal guia que havia visto no primeiro dia deles ali - falando com o provável autor de todas as mortes - o encarando. Dean endireita a postura e devolve o olhar, logo depois franzindo o cenho completamente confuso ao receber um sorriso malicioso em resposta.

Se levantando, o caçador tem sua linha de raciocínio quebrada ao escutar a porta principal se abrir. Voltando sua atenção ao tal homem, o Winchester não o encontra. Olhando para todos os lados Dean não acha nem sinal do tal guia.

- Dean está tudo bem? - Cas pergunta de cenho franzido ao ver o parceiro olhando em volta visivelmente transtornado.

- Eu.. - ele continuava olhando em volta ainda com a esperança de encontrar o homem misterioso - eu achei ter visto.. alguém conhecido.. esquece.

Suspirando em frustração, ele olha para o seu moreno, Dean estica os lábios num pequeno sorriso ao ver a expressão confusa de Castiel. Era incrível como Castiel conseguia roubar-lhe a atenção com apenas um inclinar de cabeça, Dean amava cada pequeno hábito que seu anjinho tinha. Dando mais um passo o loiro invade seu espaço pessoal e sela seus lábios aos do ex anjo. Mesmo confuso Cas retribui sorrindo entre beijos.

- Peço a atenção de todos por favor.

A voz de Henry soa fazendo Cas partir o beijo de súbito recebendo um murmúrio de frustração do loiro. Voltando sua atenção ao dono do local, o encontram rapidamente no palquinho do refeitório, seu rosto vermelho assim como seus olhos inchados denunciavam a amargura do homem ao perdeu um grande amigo.

- Muitos de vocês acordaram com toda essa grande confusão acontecendo, outros tiveram o desprazer de encontrar.. - sua voz some e ele suspira - bom, venho aqui informar que nosso querido guia Josh foi morto, pelo o que parece ainda de madrugada - a confusão se instaura e várias vozes confusas e horrorizas com o acontecido se tornam cada vez mais altas - silêncio por favor - ele limpa a garganta conforme o silêncio voltava aos poucos - estão canceladas todas e quaisquer atividades programadas para vocês até a tarde de amanhã, portanto a semana de vocês será prolongada aqui, sem quaisquer custos adicionais. Nossas pendências ficaram abertas para uso, se algum casal desejar remarcar sua presença aqui é só ir a coordenação. Agradeço a compreensão e tenham um bom dia.. se possível.

Ele desce o palco ignorando o alvoroço se formando naquele refeitório e as pessoas tentando falar com ele.

- Vocês dois, - Gabe aponta para o irmão e para o cunhado - depois do café no nosso quarto. Já sei quem está por trás disso tudo.

[...]

Sam e Gabe já haviam se retirando, indo para o quarto - assim como boa parte dos casais - enquanto Dean e Castiel tomavam café sozinhos na grande mesa do grupo. Castiel estava visivelmente cabisbaixo e Dean se sentia mal em ver seu moreno tão triste. Não gostava do guia mas não lhe desejava a morte.

- Hey, você pode por favor parar de se culpar? - O loiro diz pegando a mão do parceiro sobre a mesa largando o garfo sobre o prato.

Castiel suspira sem ainda olhá-lo.

- Eu fiquei tão ocupado pensando em mim mesmo que esqueci que ainda tínhamos um caso a resolver.

- Cas você não poderia ter feito nada. Como iria impedir uma coisa que nem sabe o que é?

- Eu já deveria ter descoberto.. deveria ter pesquisado, e-eu.. - ele suspira passando as mãos pelo rosto já com seus olhos azuis marejados.

- Cas, para. - Dean pega seu rosto entre as mãos.

- Eu só estou cansado d-de errar.. - ele suspira frustrado - estou cansado de te decepcionar.

Sua voz fragilizada demonstrava o quanto aquilo vinha o perturbando, Dean sentia um pesar em seu coração só de imaginar as outras barbaridades que se passavam pela mente do ex anjo.

Castiel tinha uma verdadeira guerra em sua cabeça, vozes gritando o qual fracassado ele era, ou o que era apenas um problema, um peso na vida dos Winchester's, ele estava tão cansado daquilo tudo. 

Castiel só queria ter paz e por um minuto chegou a pensar que agora, estando junto de seu caçador como sempre sonhou, que talvez finalmente tivesse encontrado essa paz, que finalmente as vozes se calariam mas seu passado de dor e decisões erradas apenas voltavam para atormenta-lo trazendo consigo novas vozes gritando o qual inútil ele era.

Então todo o barulho cessou.

Dean tinha os lábios colados aos seus de forma suave. Era um simples selar de lábios, nada profundo mas o suficiente para apaziguar a guerra dentro da mente do moreno. Com beijos estalados em seus lábios rachados, Dean parte o beijo. Olhando de forma carinhosa para Castiel, o loiro sorri acariciando lentamente suas bochechas com as pontas dos dedões.

- Você nunca me decepciona, - o moreno o olha com aquele par de safiras marejadas e Dean cola seus lábios novamente num rápido selinho - Cas, você é um herói!

Cas ri sem humor e olha para o chão, obviamente não acreditando em nada daquilo.

- Ótimo herói eu sou, estraguei as coisas mais vezes do que posso contar, além de toda a dor de cabeça que eu trouxe para vocês com problemas que eu nem deveria ter criado para primeiro de conversa.

- Tudo o que você fez ou faz foi por boas intenções, para ajudar o mundo e eu tenho orgulho de você por isso. Não é todo anjo que desiste do céu por um humano quebrado.

Castiel sorri e acaba com o espaço entre eles voltando a selar seus lábios com os do loiro. Encerrando o beijo, Cas cola suas testas ainda segurando as mãos de seu companheiro.

- Você não é quebrado. Dean você é o homem mais justo que eu já conheci em minha vida.. E eu vivi muito. - eles riem.

- Eu te amo.

Cas sorri, aquele sorriso que balançava o loiro de formas até então desconhecidas e inexplicáveis para ele.

- Eu também te amo Dean.

Puxando o queixo do loiro com a ponta dos dedos, Castiel o beija novamente. Aquele vazio existencial que sentia em seu peito agora dava lugar a paz de estar nos braços de seu amado. Sua cabeça continuava um caos, um mar revolto de insegurança e autopiedade, mas Dean Winchester era seu bote salva-vidas que sempre estava lá para lembrá-lo de quem ele realmente era.

Castiel o anjo do senhor, que caiu de todas as formas possíveis pelo homem justo que jurou proteger.

E ele não se arrependia nem por um segundo disso.

Dean era com toda a certeza a melhor pessoa que ele conheceu desde que seu pai criara a humanidade. Aquele homem havia negado a própria felicidade para que o mundo tivesse uma segunda chance. Dean merecia mais do que ninguém ser amado, e Castiel pretendia fazê-lo pelo resto de sua vida terrena.

- Vamos, Gabriel deve estar surtando com a nossa demora. - Dean diz para então lhe roubar um beijo fazendo o sorriso do anjo crescer ainda mais.


Notas Finais


EAE AMORES DE MINHA VIDA!
TUDO BOH?

Comigo ainda tá mas é por que ainda não vi a SF então por enquanto ainda tô de boa kkk

Desculpem essa big demora sério mesmo, eu meio que travei e não sabia como escrever esse capítulo.

Mas CassieWithK apareceu pra salvar minha vida kkk
(melhor esposa do mundo né non?)

Bom esse capítulo foi bem sem gracinha mas foi pra por a história nos trilhos do fim. Eu acredito não demorar tanto já que agr estamos nos últimos capítulos.

Até o próximo e não se esqueçam que amo vocês sz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...