História The Revenge - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hailey Rhode Baldwin, Justin Bieber
Personagens Hailey Baldwin, Justin Bieber
Tags Criminal, Drama, Justin Bieber, Revelaçoes, Sequestro, Vingança
Exibições 724
Palavras 1.787
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Sim, dois capitulos em um dia só. Uhuuuuuul! Como eu não sei se vou conseguir postar amanhã decidi postar dois hoje.
Não esqueçam de ler as notas finais, ok!? E não esqueçam de comentar o que estão achando, sério isso é muito importante! Obrigada pelos favoritos!!!!

Trailer nas notas finais. Boa leitura!!!!!

Capítulo 12 - Long Day


Fanfic / Fanfiction The Revenge - Capítulo 12 - Long Day

Dia seguinte.

Um novo dia havia começado e eu não estava nem um pouco animada para aproveitá-lo se desse para ficar enfiada na cama o dia inteiro eu ficaria, mas não faria isso. Morar na mesma casa que o Justin é uma tortura só de saber que vou esbarrar com ele assim que sair pela porta me dá desespero. Suspirei e levantei, fiz minha higiene matinal, troquei de roupa e desci, a mansão estava silenciosa quando cheguei na cozinha todos comiam em um completo silêncio o que era estranho porque eles costumavam fazer uma bagunça de manhã, Justin era o único que não estava ali, agradeci mentalmente por isso poderia tomar o meu café em paz, ninguém notou a minha presença e como eu também não estava nos meus melhores dias não dei bom dia a ninguém, me sentei ao lado do Chaz e me servi, ninguém falava um A e aquilo estava chato, o clima estava chato, esse dia ia ser um saco mesmo, bufei e continuei a comer, Justin apareceu usando o seu óculos escuro, um óculos escuro, sério? Nem olhei para ele, ele se sentou na minha frente, maravilha! E começou a se servir, eu olhava para o meu prato o tempo todo, não tiraria meus olhos dali por nada nesse mundo, não sabia se ele estava me olhando mas acho que não, terminei de comer e sai dali fui até a sala e podia respirar de novo, me joguei em um dos sofás e liguei a tv em um canal de desenho.

Depois de alguns minutos, Lauren foi até lá me fazer companhia:

- Tá tudo bem? – ela

- Está sim! – respondi sem tirar a atenção da tv.

- Sei que não me perguntou mas eu não estou bem. – ela suspirou.

- Por causa da missão? – olhei para ela.

- Sim, desde que começamos, Hailey. Nós nunca tínhamos perdido um carregamento, nunca! Todo carregamento que a gente queria roubar a gente roubava sem nenhum problema e olha agora, falhamos em uma missão simples. – ela suspirou – odeio ver a nossa equipe falhando desse jeito, é como se estivéssemos perdendo as nossas forças.

- Lauren, não é bem assim – segurei na mão dela – falhar faz parte, nem sempre vamos ser bons nas coisas.

- Não, Hailey. Nesse mundo em que vivemos as coisas não funcionam assim, aqui não podemos falhar, nunca! Qualquer deslize faz com que os nossos inimigos se aproximem mais, e isso é péssimo.

- é muita pressão, vocês tem que ser perfeitos em tudo. Isso é meio que impossível! Mas entendo o que está querendo me dizer, e sinto muito! Muito mesmo pela falha da missão, mas eu tenho certeza que vocês vão dar a volta por cima. – sorri para confortá-la

- Queria ter essa certeza também

- Olha, Justin pode ser um completo idiota, mas eu sei que ele é muito bom no que faz, sei que ele tem um plano, sei que ele sabe o que fazer e que no momento certo vai consertar tudo isso. – eu estava torcendo mesmo para que eu estivesse certa.

- Queria ter o seu otimismo.

A abracei forte, não sei o que eles estavam enfrentando mas era bem sério e seja quem for esse inimigo ele não estava de brincadeira, e com certeza iria pegar pesado.

Comecei a me preocupar com os garotos e com a Lauren, de uma forma estranha eles tinham se tornado a minha familia e não quero ver nenhum deles mal, nem mesmo o Justin. Os garotos deram sinal de vida ali:

- Vai ter uma reunião agora. – Ryan disse a Lauren.

- Nunca fiquei tão feliz por ter uma reunião! – Lauren bufou.

Chaz veio até mim e me deu um beijo na testa como sempre fazia, Ryan, Chris e Noel se aproximaram de mim também:

- Foi mal, pequena. Por não ter falado contigo. – Noel disse bagunçando o meu cabelo.

- é, Hailey. Desculpa mesmo – Ryan sorriu e peguei na mão dele a apertando.

Chris só sorriu me fazendo sorrir de volta:

- De boas mesmo, garotos. Sei que a noite de ontem foi chata para vocês e consigo entender, espero que tudo se resolva logo. – eu sorri para eles.

- Também espero! – Chaz disse baixo.

Eles estavam mal. Muito mal, e aquilo partia o meu coração, Justin logo apareceu:

- Vamos! – ele ainda estava com aquele óculos.

Tinha uma interrogação na minha cabeça, porque ele esta usando óculos de sol dentro de casa? Cadê o sol pelo amor? Os garotos o acompanharam e Lauren se levantou para ir, antes de sumir completamente ela se virou para mim:

- Quando ele acorda de mau humor e não quer papo com ninguém, ele usa o óculos, é como se fosse um código do tipo “não falem comigo” , por isso quando ele acorda com esse óculos ninguém fala nada com ele. – ela piscou e sumiu naquele pequeno corredor. Ela disse como se tivesse lido os meus pensamentos.

Esse Justin é mais maluco do que eu pensava.

Justin narrando.

Tinha acordado estressado, isso era nítido, estava com tanta raiva do Michael que podia estourar os miolos dele nesse instante, estava sentado na minha poltrona com a mão na minha boca, todos estavam na minha frente com os seus braços cruzados, precisávamos conversar sobre o que tinha acontecido ontem, afinal não tínhamos falado nada sobre o ocorrido:

- Qual é o plano agora? – Chaz.

Pela primeira vez eu não sabia qual era o plano, eu não sabia o que tinha que fazer:

- Não sei. – disse pensativo.

- As coisas já estão ruins agora você estar sem um plano torna tudo pior. – Lauren.

- Vamos pensar todos juntos. – Ryan

- é o melhor a se fazer nesse momento – Chris.

- Só quero destruir esse desgraçado.

- Todos queremos! – Chaz.

- Bom, já sabemos que Michael não é pouca coisa e que não podemos dar nenhum mole – Ryan.

- é, ele já deixou claro que não está brincando. – Lauren.

- Não podemos bolar qualquer plano, tem que ser O Plano, o melhor que já fizemos e tudo tem que ser bem calculado. – eu.

- Não consigo ter nenhuma idéia para esse plano – Chaz.

- Ninguém está conseguindo. – Chris.

Olhei para o Ryan na esperança de que ele já tivesse uma ideia mas não, ele tinha um olhar confuso como todos os outros:

- Precisamos nos distrair – Noel disse pela primeira vez – estamos todos estressados pelo acontecido de ontem, e não vamos conseguir pensar em nada desse jeito, precisamos de uma boa noitada! – ele sorriu.

Lauren o olhou de um jeito estranho como se tivesse o repreendendo, os dois devem estar se pegando:

- Sua idéia é bem idiota – Chris disse e bufou depois.

- Não é não – todos me olharam – o que ele disse faz sentido, estamos tão abalados pelo o que houve ontem que não vamos conseguir pensar em nada agora, precisamos relaxar.

- Quer relaxar? É só fumar maconha. – Lauren disse e piscou.

- Se você não quiser ir, Lauren de boa. Mas eu vou. – disse olhando para todos.

- Eu vou também – Noel.

E de novo Lauren deu um olhar mortal para ele.

- Ah quer saber? Eu vou também! – Ryan.

- Todos iremos então! – Chaz.

- É, talvez não seja uma má idéia – Chris.

Todos olharam para a Lauren, que continuava com os braços cruzados e revirava os olhos:

- Você vai ou não? – olhei sério para ela.

- Se a Hailey topar ir junto – ela suspirou. – e antes que você diga algo, ela tem o direito de ir sim.

- Nada a ver levar essa garota – bufei.

- A boate é enorme Justin, se ela te incomoda tanto é só ficar longe – ela deu um sorrisinho e saiu.

- Mulheres – revirei os olhos.

- Podemos sair? – Chris.

- Sim.

Todos saíram menos o Ryan e o Chaz:

- Mais alguma coisa? – olhei para eles.

- Qual é a sua com a Hailey? – Chaz

- Acho que eu que deveria fazer essa pergunta – o olhei.

- É serio Justin? – ele me olhou sério.

Aquilo estava me irritando:

- Pode parando vocês dois – Ryan – ai Justin, você gosta da Hailey, não gosta?

Os dois me olhavam:

- Eu? Gostar daquela garota? Vocês só podem estar ficando loucos – gargalhei.

- Sabemos bem que algo você sente, porque se incomodaria tanto por causa da minha amizade com a Hailey se não gostasse dela? – Chaz arqueou uma das sobrancelhas.

- Não gosto dela! – cruzei os meus braços.

- Ok. Ele não vai nos dizer, Ryan

- Não mesmo – Ryan me olhava – vamos.

Eles saíram me deixando ali com a minha solidão, é claro que eu sentia algo por ela, mas o que? Nem eu mesmo sabia dizer o que era, isso é novo demais para mim! E esse meu orgulho jamais me permitiria dizer isso a ela, bufei e sai dali. Estava entediado, ouvi um barulho de motor de carro e olhei na janela, vi o carro de Lauren saindo da mansão, pelo jeito Hailey ia para a boate junto com a gente, relaxa, Justin. Lá você vai estar tão ocupado com as outras garotas que vai se esquecer da existência dela, sorri com esse pensamento e me joguei no sofá para assistir um jogo de basquete.

Horas depois...

Estava tomando um banho, todos estavam se arrumando para irmos a boate, hoje a noite promete! Sai do banho, coloquei uma regata branca, umas correntes de ouro, um boné, uma jaqueta de couro, uma calça e meus tênis, eu estava um gato! Desci a escada, e lá estavam os garotos e como sempre estávamos esperando as garotas, porque elas demoram tanto para se arrumar? Estava de braços cruzados olhando fixamente para o topo daquela escada, enquanto os garotos conversavam sobre um assunto qualquer. Lauren apareceu e eu suspirei, finalmente!  Lauren estava linda ela desceu alguns degraus, mas a onde estava a Hailey? Por um momento pensei que ela não fosse e já tinha ficado animado mas ela apareceu no topo da escada, e meus olhos se prenderam nela, linda era pouco pra ela, ela estava deslumbrante, com um vestido preto que deixava todas as suas curvas a mostra, ela estava muito gostosa, eu não conseguia desviar o meu olhar dela nem por um segundo como ela consegue ser tão linda e tão sexy ao mesmo tempo? Essa mulher é demais:

- Enxuga a baba, Justin – Lauren disse e deu um leve tapa no meu queixo.

Todos me olhavam, inclusive a Hailey foi ai que me dei conta que estava a olhando demais e que todo mundo tinha reparado:

- Vocês estão lindas! – foi a única coisa que eu disse antes de sair.

Não queria prolongar aquele papo, só peguei o meu carro e sai.


Notas Finais


Viram a nova capa da fic?? O que acharam???
Espero que tenham gostado desse cap e do outro. Nos vemos em breve!!!!
Trailer da Fic: https://www.youtube.com/watch?v=q8icIZQmmTs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...