História The Serial Killer - Capítulo 106


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jungkook, Personagens Originais
Tags Filhos, Gravidez, Irmãos Gêmeos, Jungkook, Kook, Sequestro, Serial Killer
Visualizações 113
Palavras 789
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Esporte, Famí­lia, Festa, Luta, Mistério, Poesias, Policial, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 106 - 3 Temporada


Fanfic / Fanfiction The Serial Killer - Capítulo 106 - 3 Temporada

( ... )

 

depois de tanto correr chego naquela rua... e não havia ninguém.

Jungkook – Droga!!! – sentei no chão e segurei minhas pernas chorando. – Não, não, não... – repetia pra mim mesmo enquanto socava o chão – S/N! – gritei e levantei dali correndo. Vi de longe um celular e ao chegar perto vi o celular de S/n desbloqueado, fui ate as conversas e vi o cara conversando com ela, mas meu coração palpitou quando eu li.

 

“Olhe para tras”

 

O que aconteceu com a minha pequena, onde ela esta agora?... sentei naquele banco e me veio a imagem de eu e S/n mais cedo, nós dois estávamos ali...

 

( ... )

 

S/n – Baekhyun por favor pra com isso – Eu chorava e pedia para ele  abrir a porta, mais não havia resposta nenhuma – BAEKHUYN, BAEKHYUN – comecei a gritar e de repente a porta é aberta por Baekhyun ele vem ate mim e segura meus ombros com força olhando nos meus olhos

Baekhyun – Olha aqui S/n, eu estou sendo muito bonzinho com voce, então por favor me ajuda e cala a boca – ele disse alterando a voz e eu chorei mais ainda. – Eu vou sair por aquela porta e quando voltar, quero ver voce naquela cama dormindo como se nada tivesse acontecido, esta bem? – eu afirmei e ele saiu daquele porão trancando a porta, me sentei no chão e abracei minhas pernas ainda chorando

 

( ... )

 

Depois de ter finalmente sequestrado S/n pra mim, a tranquei no porão e fui conversar com o meu melhor amigo

 

“Esta sentindo falta dela Kookie”

 

- Não importa quem voce seja, so tenha a certeza de que quando eu te ver, eu vou te matar

 

“A conversa estava muito boa, mas tenho que ver se minha S/n esta dormindo assim como eu pedi, sabe ela chora de mais, isso me irrita, e eu não quero deixar ela com o corpo machucado assim, quero de outra forma”

 

Desliguei o celular e desci ate o porão, abri a porta e vi S/n no chão dormindo, com todo o cuidado a peguei no colo e a coloquei na cama, fiquei olhando para o seu rosto e me lembrando de quando nós eramos amigos, eu realmente não queria que nossa amizade se acabasse, eu gostava tanto dela, porque ela preferiu o Jungkook?

 

( ... )

 

“Esta sentindo falta dela Kookie”

 

- Não importa quem voce seja, so tenha a certeza de que quando eu te ver, eu vou te matar

 

“A conversa estava muito boa, mas tenho que ver se minha S/n esta dormindo assim como eu pedi, sabe ela chora de mais, isso me irrita, e eu não quero deixar ela com o corpo machucado assim, quero de outra forma”

 

Essa mensagem havia me irritado muito, não quero perder nenhum segundo sem procurar S/n, eu não quero chegar tarde de mais, realmente não quero chegar la e ver na minha pequena com marcas que não são minhas.

 

( ... )

 

Jay – voce tem ideia de quem seja?

Jungkook – EU JÁ DISSE QUE NÃO! – gritei

JB – Calma Jungkook, gritar não vai resolver as coisas

Taehyung – Voce tem que se preocupar em acalmar Jin e Jun.

Jungkook – Eu não estou conseguindo nem me acalmar, imagina acalmar eles...

 

( ... )

 

Cheguei em casa e vi Jin-he dormindo no sofá e Jun-hoo ao lado dela acariciando seus cabelos, ele me viu e se levantou  secando as lagrimas.

Jun-hoo – Ela acabou de dormir, não faça barulho para não acorda-la – ele diz passando por mim e saindo de casa, vou ate Jin-he e me sento ao seu lado passando as mãos em seu cabelo e começo a chorar.

Jin-he – Mamãe, mamãe... não vai – Jin-he falava se remexendo no sofá, eu a pego no colo e vou ate seu quarto com ela, coloco ela na cama e logo saio de la ate um quarto, assim que entro vejo um quadro meu e de S/n, e do lado estava nós no dia do nosso casamento.

Jungkook – Eu já te perdi uma vez, não quero te perder outra. – disse pegando o quadro na mão e derramando  minhas lagrimas nele.

 

( ... )

 

Acordei com um som de choro e fiquei confuso, me levantei e fui ate o quarto da Jin-he vendo a mesma dormindo, fui ate o quarto de Jun-hoo vendo ele com um quadro dele e de S/n ele estava sentando no chão chorando.

Jungkook – Jun-hoo – falei e ele me olhou espantado e secou as lagrimas.

Jun-hoo – Eu já estava indo dormir – ele coloca o quadro em cima da estante, caminho ate a sua frente e fico o olhando. – Porque o senhor tinha que fazer isso?, porque não nos avisou?, mamãe poderia estar aqui agora... – ele começou a chorar e eu o abracei sem dizer nada...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...