História The sister of Cellbits - Capítulo 41


Escrita por: ~

Exibições 39
Palavras 2.385
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Hentai, Lemon, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


E ai galerinha que eu amo tanto, eu resolvi postar o hentai em partes e essa é a primeira parte
Espero que gostem, boa leitura amores e amorinhas
Boa leitura,
Para saber quando a parte dois sai leia o capítulo anterior
Beijinhos ❤❤❤❤❤

Capítulo 41 - Chapter special: Kwuan parte 1


The sister of Cellbits 
Chapter special: #Kuan parte um 

P.O.V Lua Lange

10 anos depois
-Lua amor!
Kwan me chama, estamos namorando, eu me tornei uma k-idol e mal tenho tempo para fazer nada, só compor músicas, fazer shows, compor mais e fazer mais shows e ir em programas de tv.

Eu: O que foi meu lindo?
Kwan: Que tal se você aceitar a proposta do seu chefe e e irmos tirar férias com a sua família, nunca cheguei a conhecer seu irmão.
Eu: Eu não sei, você sabe que eu e meu irmão nunca mais nos falamos e antes de eu vir a gente brigou feio.
Kwan: Então vamos só nós.
Ele disse dando beijos no meu pescoço e mexendo no meu cabelo que agora está preto igual o dele.
Eu: Você ta certo, além de eu ter começado muito cedo com a carreira, precisamos de mais tempo só nosso.
Kwan: Que tal se aproveitarmos para ir no casamento da Satty e do meu irmão e depois podemos ir ao Brasil e depois vamos para a nossa ilha e ficamos até quase começar Novembro.
Eu: A sua mãe vai no casamento deles?
Kwan: Vai, eles estão brigados mas ela nunca perderia o casamento do filho mais novo.

Me viro para ele e coloco os braços ao redor do pescoço dele.
Eu: Eu te amo meu lindo
Kwan: Eu te amo mais minha princesa.
*Meu celular começa a tocar*
É o manager ligando.
Eu: Só podia ser a peste.
Atendo.

Manager: Lua, vem logo pra cá, temos uma surpresa para você.
Eu: Ai tem coisa, é alguma bomba é?
Manager: Não sua louca, é uma coisa que você vai amar e traga o seu namorado, acho que tá na hora de anunciar ao mundo o namoro de vocês.
Eu: Quem é você e o que fizeram com o meu manager?
Manager: Quer que eu mude de ideia?
Eu: Não, daqui a pouco eu já chego ai.
Manager: É bom ser rápida.

Kwan: O que ele queria?
Eu: Queria falar que tem uma surpresa pra mim e que você pode ir lá também e que já tá na hora de nos revelar para o mundo.
Kwan: Então vamos nos arrumar amor.
Nos vestimos, estávamos na nossa cama, apenas de roupas intimas pois dormimos assim sempre, eu vesti um vestido azul escuro colado no busto mas soltinho na saia, 3 dedos acima do joelho, coloquei uma bota cano alto, 2 dedos abaixo do joelho e com salto alto já que eu continuo a mesma baixinha, lavei o rosto, passei base, corretivo, pó e depois fiz um delineado de gatinho e coloquei cílios postiços, desfiz o coque do cabelo fiz chapinha e ajeitei o mesmo, passei um brilho labial e coloquei minha aliança de compromisso com o Kwan, eu apenas uso ela quando estamos em algum lugar no qual ninguém possa tirar fotos e tal. Kwan já estava pronto, nos beijamos e saímos do quarto, fomos para o primeiro andar de casa e o nosso segurança chamou o motorista para irmos para a empresa.
Ao chegar na empresa, tinham vários repórteres, fotógrafos, alguns fãs.
Os seguranças da empresa se juntaram formando uma espécie de "ponte" para passarmos, o motorista saiu do carro e abriu a porta, saímos de mãos dadas e todos começaram a ter um ataque, os fãs gritavam loucamente, os fotógrafos tiravam fotos loucamente e os repórteres tentavam passar pelos seguranças para nos entrevistar mas a gente simplesmente ignorou eles, entramos no prédio enorme da empresa e alguns seguranças entraram conosco e fecharam as portas.
Subimos para a sala do manager e ele ao nos ver sorriu e perguntou: Estão prontos para a surpresa?
Kwan: Se não for algo que non mate, estou.
Eu: Se não for algo ruim, também estou.
Manager: Que bom que estão, podem entrar!
A porta se abriu de novo, ouvi passos de salto e de tênis, eu e o Kwan nos viramos na mesma hora, vendo ali, ele o Rafael e aquela diaba da Sayuri.
Rafael sorriu e disse: Olá maninha.
Sayuri sorria cinicamente, Rafael sorria normalmente, como se a 4 anos a trás eu não tivesse ido para o Brasil falar com ele e ele não tivesse me humilhado totalmente.
Eu: Manager, eu preferia que você tivesse trazido o rei dos demônios, mas eles não, desculpa mas eu não sou obrigada a continuar aqui, vamos Kwan.
Sayuri: Então cunhadinha, está com medinho de mim é? 
Eu: Querida, cala essa sua boca, você que deveria ter medo de mim, eu me tornei em pouquíssimo tempo uma das idols mais famosas no mundo todo, meu canal está crescendo cada vez mais, enquanto vocês, simplesmente desistiram dos canais de vocês, eu mesmo sendo cantora, estando no inicio das gravações de um drama, eu continuo postando vídeos diários, tenho um namorado lindo que foi uma das únicas pessoas que me apoiaram na minha carreira e que ainda me apoiam, isso depois de tudo o que eu passei, acha que eu realmente deveria ter medo de uma menininha mimada que começou a me odiar por razões bestas, que passa o dia inteiro sentada em uma cadeira jogando League of Legends e stalkeando uma pessoa que um dia eu chamei de irmão? Acha mesmo que eu que tenho que ter medo aqui? Acha mesmo que não é você que tem que ter medo? SEGURANÇAS!

5 seguranças entraram correndo na sala
Eu: Tire esses dois daqui, eu não quero nunca mais ver eles aqui nesse prédio! Okay?
Eles assentiram e foram puxando eles para fora.
Kwan: Tá tudo bem amor?
Eu: Sim, já que estamos aqui, manager, de tarde faremos a filmagem de um novo mv, depois de lançar ele, eu vou ficar de férias.
O manager assentiu, saímos da sala dele e com seguranças nos seguindo, saímos do prédio, todos os repórteres ainda estão aqui, fotógrafos também, alguns fãs continuam aqui.
Passamos pelos seguranças entrando no nosso carro e assim, o motorista começou a dirigir para a nossa casa.
Kwan me abraçou, ele sabe que a unica forma de me acalmar é ele me abraçando.
Eu: Queria poder viver o tempo todo abraçada com você.
Me virei, sentei em seu colo que nem uma criança e o abraço ele, deito meia cabeça em seu ombro.
Acabo dormindo assim.

P.O.V  Kwan

Ela dormiu no meu colo, ela deve estar muito cansada, ela trabalha muito, todos esses anos ela se esforçou tanto para chegar aonde está, ela merece um descanso.
Quando chegamos em casa, eu espero um segurança abrir a porta e com ela no colo eu entro, levo ela pro nosso quarto, coloco um pijama nela, deito ela, coloco um cobertor em cima da mesma a cobrindo, beijo sua testa e pego o seu celular, mando uma mensagem para o manager dela cancelando a gravação do mv.

Eu sei que ela vai ter um pequeno ataque de loucura dela quando ela souber que eu fiz isso, mas é pelo bem dela, ela precisa de um descanso, 5 anos se matando sendo treinada para ter o debut e digamos que, o antigo manager dela não era uma boa pessoa e se não fosse eu, ela não faria nada para ele parar de fazer o que ele fazia.
Me troco colocando uma roupa confortável e depois eu me deito ao lado da Lua, já estamos juntos a 8 anos, estou pensando em pedi-la em casamento durante a nossa viajem, deixo um bilhete na cômoda dizendo "Amor, fui na casa da minha mãe, daqui a pouco eu volto, te amo, beijos" sai de casa, fui de moto mesmo, fui para uma joalheria, pedi para ver as alianças de casamento e achei as perfeitas depois de olhar algumas: Ela era de prata, em uma escrito "Sara" e na outra "nghe" comprei essa, escolhi a caixinha em formado de coração azul escuro, por que nós dois amamos azul.

Depois de comprar eu voltei pra casa, escondi as alianças e fui para o nosso quarto, ela continua dormindo, peguei o bilhete e joguei o mesmo fora, me deitei ao seu lado e comecei a conversar com o antipático do meu irmão 

Eu: E ai maninho, como vão os preparativos do casamento?
Mano: A Sá tá cuidando de tudo, eu estou de boas deitado sem fazer nada.
Eu: Eta, eu estou planejando pedir a Lua em casamento no dia do seu casamento.
Mano: Nem deu uns bug no cérebro.
Eu: Kkkkk, não fala para a Satty que eu vou pedir a Lua em casamento, por que se não se já sabe, ela no mesmo instante mandaria umas mil mensagens para a Lua.
Mano: Sei kkkk, a Sá tá me ligando, tenho que ir tchau.
Eu: Vai lá atender a sua noiva, tchau.

Apaguei essa conversa para Lua não ver, guardei o celular, e me tapei com o cobertor, puxei a Lua para perto e depois de ficar pensando e pensando eu durmo.

P.O.V Rafael

Então é por esse coreaninho bobo que ela está apaixonada? Sayuri me fez passar tanta vergonha lá, queria acertar a cara dela naquela hora, mas...A Lua já fez isso com palavras.
Sayuri me forçou a abandonar o canal a 4 anos a trás, ela também abandonou o dela.

Se eu tenho raiva dela por me forçar a abandonar tudo aquilo que eu mais amava? Tenho e muita, mas eu não posso fazer nada, já que ela o tempo todo me ameaça, falando coisas tipo "Se você falar para alguém, ou tentar fugir de mim, você sabe o que eu vou fazer com a sua querida Luazinha." eu tenho medo do que ela pode fazer com a Lua e por isso... Eu acabo magoando a Lua e a mim.

P.O.V Lua

Quando eu acordo eu sinto algum peso sobre a minha barriga, abro os olhos, vejo que é apenas a perna do Kwan.
Dou uma rizada nasal e tiro com cuidado sua perna dali, cubro ele direito com o cobertor e vou tirar a maquiagem.
Depois de tirar toda a maquiagem eu começo a ver dramas no drama fever, eu vejo legendado pra praticar a língua portuguesa.

Me sento em um puff e coloco os fones de ouvido, começo a ver o k-drama.
Acho que hoje eu vou gravar tipo um top dos k-drama que eu mais gosto, faz tempo que eu não gravo um vídeo desses.
Abro o kakao talk e tinha uma mensagem do Luiz.

"Oiii louquinha, tão chato aqui sem você e a Satty"
Eu: Oiii, eu já disse pra você e o Marcos virem morar aqui.
Luiz: Bom, você sabe que o Marcos não tem boas lembranças dai, o meu primo não gosta de ir para outros lugares do mundo e você sabe.
Eu: E eu também tenho lembranças ruins dai e mesmo assim já fui várias vezes te visitar.
Luiz: Lu, tenta entender, eu não posso deixar o Marcos sozinho, ele é o meu primo.
Eu: Tudo bem, eu te entendo.

Até vou parar de responder ele, as vezes ele me irrita por mais que eu lhe entenda.
Com certeza vocês querem saber o que aconteceu com o Marcos não é?

Flashback ON

"Fazem duas semanas dês de que eu me mudei para a Coreia, nunca mais falei com o meu irmão, eu tive apenas uma semana de aula em casa com um tutor e depois eu comecei a estudar na mesma escola que o Kwan, hoje ele foi na casa de um guri para fazer um trabalho, e por isso eu estou indo sozinha para casa, já é meio tarde, eu também estava na casa de uma menina fazendo o trabalho, por isso só estou indo pra casa agora.
Entro em uma rua mais "deserta" pois essa rua é tipo um atalho mais rápido para casa, me sinto sendo observada, olho para os lados e não á nada nem ninguém aqui, pelo menos eu acho já que essa rua é meio escura e não dá para ver direito as coisas, começo a ouvir barulho de passos, com isso eu começo a correr, mas de repente o barulho para, olho para trás e ali está ele, aquele homem que apareceu na frente da casa do Rafael no meu ultimo dia lá, ele está vestido do mesmo jeito, com a mesma mascara.

-Olá princesinha, que tal eu acabar com o trabalho do seu papai e matar toda a sua família? Quem sabe até te fuder um pouco.

Ele me segura pelo pescoço.
Ele quebra o portão de uma casa e vai me puxando para ir com ele para dentro da casa, ao entrar ele pega algo no bolso dele, abre a minha boca e me faz tomar o líquido que continha nesse pote, ele tira a mascara e sorri maliciosamente.
Ele amarra as minhas mãos e começa a rasgar a minha roupa, ele me deixa só de calcinha e ele avança nos meus seios os chupando com força, nojo, é a única coisa que eu sinto agora
Ele com uma mão começa a me tocar, ele penetra dois dedos em mim fazendo movimentos de tesoura, fico sem reação até que ouço tiros, pensei que fosse a policia sei lá, mas vejo o Marcos invadir a casa, ele ao ver o que está acontecendo atirou logo no cara o derrubando, ele tirou o seu moletom que era enorme e me fez colocar logo depois de soltar meu braço, a policia chegou, eles pensaram que Marcos queria me sequestrar e ai eles prenderam o Marcos, eu disse para eles o que aconteceu de verdade, mas eles não acreditam em mim, ele foi preso, não prenderam os amigos dele pois acharam que: Eles vieram me salvar do Marcos" mano, o que esses policiais tem na cabeça?"

Flashback OFF

O Marcos foi solto faz dois anos, eles descobriram a verdade de tudo o que aconteceu e ai foi o acordo "O Marcos e os seus amigos ficão pressos durante 8 anos e ai estão livres".
Es seus amigos ficão pressos durante 8 anos e ai estão livres".
eu me sinto um pouco culpada por isso, afinal tudo isso só aconteceu por que eles queriam me ajudar.
De repente sinto me abraçarem por trás, Kwan ri e fala: Eu cancelei a sua gravação, você está trabalhando muito.
Eu: Ta bom, vamos comer algo, to com fome.
Kwan: Vamos á um restaurante então.

 


Notas Finais


Então essa foi a parte um, beijos e até depois das 19 horas por que vai sair capítulo e vocês vão saber: Qual empresa a Lua entrou se é que ela entrou em alguma
Fuii! ❤❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...