História The Slave and The Queen - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Jogos Vorazes (The Hunger Games)
Personagens Annie Cresta, Katniss Everdeen, Peeta Mellark, Personagens Originais
Tags Egito, Jogos Vorazes, Katniss, Peeta, Peetniss
Visualizações 62
Palavras 369
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Incesto, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Não vou fazer nenhum texto gigantesco me desculpando pela minha demora. Quem escreve sabe o quão difícil pode ser um bloqueio...
Digamos que eu passei por um dos maiores bloqueios da minha vida. O que aconteceu durante esse meio tempo em que eu desapareci não vem ao caso.
Só peço desculpas e espero que gostem do final da fic

Capítulo 8 - Epílogo


Doze anos depois...

 

- Azeneth, aonde você vai? - pergunto ao meu filho que corria pelo palácio

Meu irmão nunca havia desconfiado que Azeneth não era seu filho. Os deuses me abençoaram e o fizeram ter o meu cabelo e os meus olhos, mas o resto era de Peeta. Horemheb ficou tão feliz com seu nascimento que até me deixou nomeá-lo, Azeneth, aquele que pertence ao pai

- Estava procurando a senhora - diz vindo até mim

- E por que você estava me procurando? - pergunto me abaixando para ficar na sua altura

- Já se passaram sete luas desde que eu completei doze anos! Você prometeu que me contaria! - suspiro e assinto

Meu pequeno Azeneth sempre se sentiu diferente dos irmãos e do suposto pai. Enquanto seus irmãos tinham grande dificuldade em realizar tarefas braçais, Azeneth as fazia com perfeição e pouco esforço. Meu irmão jamais desconfiou de nada e sempre acreditou que era a benção dos deuses que faziam Az ser assim, mas eu sabia em meu coração que essa era a parte de Peeta que havia nele

- Venha meu pequeno Az. Irei lhe contar uma história - falo segurando sua mão e indo para os meus antigos aposentos

Eu não ia para aquele lugar desde que Peeta havia partido.

- Que lugar é esse? - pergunta com curiosidade

- Esse é o meu antigo aposento - falo me sentando na cama e Az senta-se ao meu lado

- Por que eu sou diferente, mamãe? - pergunta deitando a cabeça em meu colo

- Porque você é fruto de um verdadeiro amor, meu pequeno Az

Começo a contar a ele sobre Peeta enquanto faço cafuné em sua cabeça. Omito a parte que o faraó havia o matado. Isso teria de ficar para quando ele fosse mais velho.

Ao terminar a história, Az olha para mim com um enorme sorriso e pergunta

- Então meu pai foi tocado por Rá?

- O que quer dizer? - pergunto um pouco confusa

- A senhora disse que ele tinha os cabelos amarelos... - fala tentando explicar e uma pequena lágrima escorre pela minha face

- Sim meu pequeno Az. Seu pai foi tocado por Rá

 

THE END


Notas Finais


Bye bye


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...