História The Snow Boy - Yoongi - Capítulo 32


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais, Suga
Tags Bangtan, Bts, Colegial, Hentai, Min Yoongi, Mistério, Revelaçoes, Romance, Suga
Visualizações 324
Palavras 1.371
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Esporte, Festa, Ficção, Hentai, Luta, Mistério, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


❤ FOTO NADA A VER MAS EU TÔ APAIXONADA DEMAIS❤

Capítulo 32 - Travel with his mother


Fanfic / Fanfiction The Snow Boy - Yoongi - Capítulo 32 - Travel with his mother

- Yuyu... - Sua voz rouca soou bem em meu ouvido. Ele estava abraçado por trás e com a cabeça na curva de meu pescoço. - Bom dia, meu amor.

Me virei para ele o abraçando, sentindo seu corpo no meu; quentinho. Amo os abraços dele.

- Bom dia, Yoonie. - Dei um selar. - Onde está Youra?

- Provavelmente dormindo. - Falou me dando selares e sorrisinhos. Acorda tão bonitinho. - Ontem eu estava mentalizando um menino. E você?

- Eu também, Yoonie. Eu também. - Apoiei a cabeça no peito dele e dei um beijo antes de cair no sono novamente.

[...]

- Omma! Omma! Bom dia! - Era Youra pulando em nossa cama. Droga! Estamos sem roupa.

- Youra... - Puxei seu corpo para que caísse sobre a coberta e a apertei em meus braços. - Bom dia, princesa.

- Bom dia, filha. - Yoongi nos abraçou e deu um beijo na cabeça de Youra.

Que momento gostoso, acordar com carinhos do meu marido, dormir novamente em seus braços e depois ter Youra conosco. A virei para mim e fiquei segurando para que Yoongi pudesse ir ao banheiro se vestir. Ele saiu rápido, logo voltou vestido e pegou Youra para ir tomar café. Aproveitei para tomar banho e me arrumar logo para viajar. Depois que tomamos café todos juntos, nos arrumamos e fomos para a casa da mãe de Yoonie.

[...]

Chegamos no hotel exaustos e a diferença de horário era matador, principalmente para Youra.

- Eu acho que a gente devia pegar um quarto grande e ficar junto. É mais econômico. - Minha sogra sugeriu tomando conta de Youra no carrinho.

- E eu acho que você poderia ter sua privacidade em seu quarto e ficar com sua neta.

- Credo, Ayumi. Filho! - Ela o encarou.

- Yu, não brigue com omma. Estou resolvendo tudo.

- Yoongi! - Dei um tapa em seu braço. - Eu vou levar Youra para pegar sol.

- Ayumi, ela está dormindo no carrinho... - A mãe dele protestou apertando as mãos no apoio do carrinho.

- Me dá a minha filha. - Falei pausadamente.

Peguei o carrinho e fui andar com Youra pelo hotel colorido. Sentamos perto da piscina e esperei bufando por Yoongi e minha sogra, que no caso é aquele tipo de sogra.

Youra começou a se mexer no carrinho e notei que ia acordar.

- Omma, onde estamos?

- Chegamos no hotel, princesinha. Você dormiu no carro e appa te colocou no carrinho.

- O que vamos fazer agora?

- Esperar ele e vovó virem com as chaves dos quartos. Você vai ficar com ela, tudo bem?

- Sim! Podemos andar?

- Claro que podemos, pequena.

Fiquei explorando o hotel com Youra e brincando nas estátuas de personagens.

[...]

Youra estava no quarto da mãe de Yoongi, era ao lado do nosso. Depois de descansar um pouco de tarde, levantei para pedir o jantar no quarto.

- Hum, que menina cheirosa! - Yoongi disse cheirando meu pescoço no sofá.

- Tomei banho... E você 'tava junto. - Rí.

- Eu estava. - Murmurou sorrindo. - Estou com fome.

- Já pedi o jantar, deve levar uma hora, parece que o hotel está cheio de pedidos.

- A gente podia aproveitar o tempo para trabalhar no irmão de Youra.

- É? - Questionei provocante quando foi me puxando para cima dele. - Eu concordo...

Estava bagunçados seus cabelos num beijo intenso enquanto ele apertava minha coxa e glúteos, só que bateram na porta.

- Não ia levar uma hora? - Ele perguntou.

- Estranho. - Fui até a porta sendo seguida por ele.

- E aí? Vamos jantar?

- Omma, o que a senhora está fazendo aqui? - Ele perguntou jogando a cabeça pro lado e fazendo cara de confuso.

- Ué! Viagem em família, não vamos jantar juntos? Fiz comida lá no quarto.

- Como assim fez? - Perguntei.

- Acham que eu não trouxe uma bolsa com comidas?

- Pra quê? - Perguntei.

- Boas mães costumam se preocupar com a alimentação dos filhos e trazem comida sempre.

- Está dizendo que não sou boa mãe? - Perguntei quase cuspindo fogo.

- Ok, calma. - Yoongi se meteu na minha frente. - Omma, eu e Ayumi pedimos serviço de quarto e estávamos ocupados. Pode comer com Youra? Vamos lá daqui a pouco dar boa noite à ela.

- Mas, filho... Fiz bastante e com carinho.

- Tudo bem, omma! Mas agora eu e minha esposa vamos esperar nossa comida, ok? Até. - Ele disse fechando a porta na cara dela. - Onde a gente estava mesmo?

- No sofá, esperando o jantar... - Resmunguei cruzando os braços.

- Ah, não faz biquinho! Vamos continuar o nosso projeto... Juro que o mundo pode estar acabando lá fora, eu não solto você.

- Ela jogou indireta pra mim! Disse que eu não era boa mãe.

- Eu ouvi e a mandei embora porque sabemos bem que é muito boa mãe! Tanto que vamos fazer mais um para a gente cuidar... - Foi me agarrando e beijando meu pescoço.

- Vamos ter tempo para isso, não é nehuma urgência. Ainda mais porque não estou fértil. - Sentei no sofá e liguei a televisão.

- Sério, Ayumi? - Perguntou na frente da televisão de braços abertos.

- Você não é invisível, só pálido. - Bufei.

- Ai, cara... Olha, vou estar no quarto com Youra. - Saiu batendo a porta.

Achei que a mãe dele tivesse o ajudado quando nos separamos. Achei ela fofa, especialmente com Youra. Porra, parece que sogra tem inveja dos filhos e ficam tentando tomar o marido da nora e netos. Ê inferno! Não sei pra quê sugeri ao Yoongi de trazê-la para poder-mos ter provacidade e aproveitar os brinquedos que Youra não pode ir.

A comida chegou e comi sozinha, o que restou foi guardado no frigobar. Coloquei  camisola, mandei mensagens para Taehyung no Kakao omitindo a parte da sogra e Yoongi ou era capaz de ele brotar aqui puto da vida, tive notícias de minha avó e ela está bem. Taehyung que fala dela enquanto viajo já que a senhorinha não sabe usar o simples smartphone que a demos.

Deitei na cama e fiquei assistindo um filme policial que passava na televisão, Yoongi entrou no quarto uns dez minutos depois que me deitei.

- Já, Yuyu?

- Já, são dez horas. E não me chame de Yuyu.

- Está mesmo brava? - Permaneci olhando a televisão. - Tudo bem, eu vou comer alguma coisa, não comi nada.

Ele foi na salinha que tinha no quarto e escutei o barulho do microondas. Depois de uns quinze minutos foi no banheiro da suíte e voltou logo em seguida, catou a mala e pegou o pijama de calor que trouxe. Começou a tirar a camisa, depois a calça e colocou a cueca numa sacola para roupas sujas. Virou rapidamente para mim, fez a típica careta de apertar os lábios e começou a vestir o short do pijama.

Ah, esse safado. Estava tentando m provocar, só que não sou igual a ele, que não pode me ver nem piscar e já sente tesão.

Engatinhou na cama enorme do hotel e se enfiou nas cobertas. Virou para mim e ficou me encarando.

- O quê? - Jogou um beijo. - Vai dormir, Yoongi.

- Ei. - O olhei novamente e jogo outro beijo piscando os olhos. - Ti amu, tá?

- Fazer gracinha não vai resolver as coisas.

- Eu sei que você está de TPM. Sei teus dias todinhos. - Fez cara de fofo.

Ajoelhei na cama e dei tapas nele.

- Para de rir! Não tem graça! Por acaso tenho cara de palhaço?

- Tem! - Falou brincalhão. - Minha palhacinha! Fom fom! - Apertou meu nariz.

- Ah, Min Yoongi! Eu odeio você. - Continuei o estapeando

- Eu sei que me ama. Não precisa gritar.

- Aish! Você só me irrita!

- Vici si mi irriti! - Me imitou afinando a voz.

- Para!! -  Voltei a ajoelhar na cama e cruzei os braços.

- Para!! - Imitou. - Wu! Jagi, estão chorando! - Sentou-se na cama e me olhou preocupado. - Sabia que estava de tpm. Fica igual criança birrenta.

- Não ria... - Resmunguei fazendo bico.

- Awn, Jagiya! - Me puxou para deitar no peito dele. - Acho que está na hora de fazer o irmão de Youra. Aproveitar sua explosão de hormônios.

- ... -

- Não está menstruada, está? - Neguei com a cabeça. - Desfaz esse bico, bebê.

Ele me beijou e depois de minutos a conversa virou gemidos.


Notas Finais


Yoongi é um safado e essa sogra vai dar o que falar.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...