História The sosia of kanato sakamaki - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Personagens Ayato Sakamaki, Azusa Mukami, Kanato Sakamaki, Kou Mukami, Laito Sakamaki, Reiji Sakamaki, Ruki Mukami, Shu Sakamaki, Subaru Sakamaki, Tougo Sakamaki "Karlheinz", Yui Komori, Yuma Mukami
Tags Diabolik Lovers
Visualizações 224
Palavras 589
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Harem, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi mina-san

Capítulo 10 - Chapter ten.


Logo todos eles entraram no carro e foram em direção a escola.

-ruki-nii, eu acho que...e melhor fazermos isso logo-diz a arroxeada.

-você acha?, bem você vai pra lá hoje então-diz o moreno.

-h-hai-disse a garota abaixando a cabeça.

-kanata...onde está....a tammy?-perguntou o esverdeado.

-t-tammy, e-eu esqueci dela-disse a garota começando a chorar-e-eu deixei ela com ele!.

-e-ei imouto-chan você está bem?-perguntou kou.

-eu vou busca-la!!- disse a garota.

-espera, você não pode ir agora-disse o moreno.

-mais- a garota e interrompida.

-kanata, você sabe que isso iria acontecer um dia-diz o moreno e a garota apenas abaixou a cabeça.

Ninguém disse mais nada pelo resto do caminho.

Assim que chegaram na escola foi tudo o mesmo de sempre, as mesmas garotas, e os mesmos garotos.

Logo eles tiveram suas primeiras aulas e depois foram para o intervalo.

A garota estava caminhando pelos corredores quando se esbara em algo, macio?.

-gomen-diz a garota voltando a andar sem ao menos ver em quem esbarrou, porem, foi impedida por alguem segurando seu braço fazendo a mesma olhar para trás.

-c-copia!?-diz a garota surpresa.

-kanata, eu preciso falar com você-diz o arroxeado.

-e-eu estou ocupada agora-disse a garota tentando se soltar.

O arroxeado a ignorou e a levou até uma sala vazia.

-diga logo oque você quer-diz a garota.

-kanata, porque você foi embora?-perguntou o arroxeado fazendo a garota soltar uma leve risada.

-porque?, cópia você me atacou!-diz a garota.

-isso e culpa sua!-acusa o arroxeado.

-anh!!!?, minha culpa?!, desde quando você ne atacar e minha culpa!?-perguntou a garota indignada.

-é claro que é!!, ninguém mandou você ser linda!-diz o arroxeado corando.

-olha aqui a cula e da minha mãe, não minha!!-diz a garota corando.

-não coloque a culpa na sua mãe!, ela não tem nada haver com isso!-diz o arroxeado.

-mesmo assim!!-diz a garota cruzando os braços.

-hunf, boneca mimada!!-diz o arroxeado.

-olha quem fala, o senhor histérico!-diz a garota.

-oque!?, eu não sou histérico !!!-diz o arroxeado indignado.

-é claro quê é!!!-diz a arroxeada se aproximando dele.

-não sou não!!, sua boneca mimada!!!-diz o arroxeado também se aproximando mais da garota.

-eu não sou mimada!!!-diz a garota inflando fazendo bico e virando o rosto.

-é claro que é!!-diz o arroxeado cruzando os braços- só que a minha mimada-diz o mesmo corando.

-e-eu não sou sua!-diz a garota corando.

-é sim!-diz o arroxeado se aproximando da garota, fazendo a mesma ir se afastado.

-não sou!-diz a arroxeada se afastando.

-você é sim-diz o arroxeado se aproximando mais- a minha bonequinha mimada.

-não sou!, eu não sou de ninguém-diz a garota se afastando mais, infelizmente acabou batendo na parede.

-você tem como provar?-perguntou o arroxeado prensando a garota na parede.

A  garota apenas ficou calada.

-viu você e minha boneca-diz o arroxeado passando uma de suas mãos em volta da cintura da garota.

A garota  logo tentou afasta-lo com sua mãos, mais o mesmo as prendeu com sua outra mão.

-eu vou fazer você minha kanata, só minha - sussurrou no ouvido da garota fazendo a mesma se arrepiar.

Logo a garota tentou usar suas pernas, porém o garota as imobilizou, colocando uma de suas pernas no meio das da garota.

-cópia deixa eu ir po- a garota e interrompida por um beijo do garoto.

Era um beijo quente cheio de paixão e desejo, logo o garoto foi distribuindo beijos e chupoes pelo pescoço da garota.

A garota não pode deixar alguns gemidos escaparam, isso só fez o arroxeado ficar excitado com isso logo o mesmo retirou a sua mão da cintura da garota e começou a apertar seus seios.

-hun c-copia hun-a garota tentava falar mais seus gemidos a impediam.

-diga o meu nome kanata-pediu o arroxeado apertando mais o peito da garota.

-k-kanato hun, ah-a garota falou o nome do arroxeado que soou mais como um gemido, deixando o arroxeado mais excitado.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...