História The spy my poor heart - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Personagens Originais
Tags 00bug
Exibições 67
Palavras 639
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Luta, Policial, Romance e Novela, Survival, Terror e Horror
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - Na universidade


Narra Marinett....

Não vou dizer ao msu chege este caso,porque afinal, eu posso ter detetado a pessoa errada , pode ser um admirador meu, afff cala-te boca, ninguém gosta de mim. MAs eu também tenho vida,  e essa garota aí também tem que ir á universidade.


Mais tarde na Universidade. ..

Estava a fechar o meu cacifo, quando a minha melhor amiga Alya chegou para conversar comigo, ahhh e como ela é a minha melhor amiga eu lhe conto tudo, incluindo aquilo que vocês sabem.

-Oi mari..-disse ela me fechando a porta do cacifo.

-Aiiiii....-gritei eu acho que todo o corredor me ouviu.-me assustou.

-Adivinha quem chegou hoje na universidade.

-Um aluno novo?

-Mas isso toda a gente sabe.

-Uauuu é tão importante que deveser o prof. Rebelo de sousa (Para  quem não sabe (brasileiros) ele é o presidente da républica portuguesa).

-O Adrian sua Boba.

-Uauuu.-disse eu irónica.-só por causa disso tenho que fazer vénia?

-Ele era a sua paixão do secundário.

-Tensa razão, ERA.

-Mas você era louca por ele, você o amava.

-Isso já passou, eu namoro Alya.- disse eu fechando o meu cacifo e com os meus livros nos braços andei pelo corredor ouvindo Alya falando do seu Disiener Blog.

-E aí amiga já pensou na minha proposta?

-E sim e vou fazer o tuturial para o seu Blog

.

-Obrigada sua bobinha.

-Eu é que sou?

Estava a andar calmamente por aquele corredor forrado por cacifos que pareciam não terfim, quando o meu brincos apita, era a hora.

-Me desculpa Alya tenho que ir alí no banheiro.

-Tudo bem.

Corri para o banheiro de desliguei o meu brincos fazendo eu carregar na minha pracelete, que mostrou um holograma.

-Oi agente smith, algum problema para resolver?

-Tivemos a informação que o 00Chat está aí na universidade, assim que o identificarea eliminao demora o tempo que precisares mas não demasiado.

-Sim agente smith.

-Marinett já falámos sobre isso, eu sou teu pai podes-me chamar por pai.

-Desculpa estava a cumprir as regras.

-As regras existem para serem quebradas.

-Tudo. Mas eu agora tenho que ir para as aulas de canto.

-Beijos. Cuidado.

-Terei. 00Bug Desligar.- Depois de desligar a chamada fui para a aula de canto.


Na aula.....

Sincéramente não gosto muito de canto por isso comecei a desenhar na capa interior do livro.

-Pelos vistos a senhota Marinett está muito concentrada no livro, então faz o favor de nos mostrar o seu trabalho de csa?

-Sim professora.

Subi naquele pequeno palco preto liguei o microfone e coloquri o instromental e comecei 

cantar

Mesmo longe não deixo de espera

Em cada segundo eu vou mostrar

O quanto eu te quero

Venero, não vou negar

A distancia não será razão

Esta longe mais perto do coração

Por favor, me entenda

Me espera, não diga não


Pode o sol não voltar a brilhar

Mas eu não vou deixar de te amar

Tudo em mim,

Quer tudo em ti

Nem o céu e nem o mar

Vão poder nos separar


Porque tudo em mim,

Ama tudo em ti

Para mim tudo é perfeito

Mesmo o seu maior defeito

Sei que precisa de mim

Como eu preciso de ti

Vou dizer as vezes que precisar

Dizer ate você acreditar

Todos os segredos e os medos

Eu vou te contar


Você é o que eu mais preciso,

Sem você, não faz sentido

E cada segundo no meu mundo

Eu vou te guardar

Pode o sol não voltar a brilhar,

Mas eu não vou deixar de te amar


Tudo em mim

Quer tudo em ti

Nem o céu e nem o mar

Vão poder nos separar

Porque tudo em mim,

Ama tudo em ti

Para mim tudo é perfeito

Mesmo seu maior desfeito

Sei que precisa de mim

Como eu preciso de ti

Você sabe que sim

Pode o sol não voltar a brilhar

Mas eu não vou deixar de te amar


Tudo em mim,

Quer tudo em ti

Nem o céu e nem o mar

Vão poder nos separar

Em mim

Ama tudo em ti

Para mim tudo é perfeito

Mesmo o seu maior defeito

Sei que precisa de mim

Como eu preciso de mim

Oh oh oh oh oh oh oh oh


Depois de cantar ouvi baterem na porta e a professora mandar entrar.

-Entre.

-Olá professora, eu sou Adrian Agreste e frequentareiesta turma.

-Bem vindo, sente-se ao lado da senhorita Dupain Cheng.

Oquê? Ele aqui?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...