História The storm - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Cameron Dallas
Tags Camerondallas, Fanfic, Oneshoot, Shameron, Shawnmendes
Visualizações 31
Palavras 1.078
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Colegial, Fantasia, Ficção, Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - The storm


Fanfic / Fanfiction The storm - Capítulo 1 - The storm

Faltava pouco para o sinal tocar. A escola estava vazia devido ao chuva que caia. O tempo naquela cidade estava, para maioria das pessoas, ruim. A final quem gosta de chuva e frio ?

Mas existia alguém que gostava, Dallas a pessoa peculiar. Aquele tempo o deixava animado. Não porque ele iria namorar e sim porque ele sentaria em frente a sua janela e observaria a chuva cair.

Então o sinal toca, todo mundo vai saindo. Cameron vai caminhando até a saída, mas ele lembra que esqueceu seu suéter na sala. A escola era grande, então até ele refazer o caminho demoraria muito.

Começa a chover muito forte. A cidade foi obrigada a parar. Dallas acabou ficando preso na escola. Como um instinto, ele foi procurar por alguém.

No corredor próximo a saída, ele encontra Shawn Mendes. Sua garganta fechou na hora. O menino do grupo dos populares que sempre zombava dele. Ele sempre procurou evitar a maioria dos alunos, por um motivo "normal": ser diferente.

SHAWN MENDES

Eu sei que em casos de chuva, não é bom ficar sozinho. Ainda mais que o sinal de telefone não estava pegando. Então precisava ficar perto do Cameron, mesmo contra minha vontade.

_ Dallas, pelo visto não podemos sair. Na diretoria tem um rádio, lá podemos ouvir as notícias.
_ Pode ser. Ele disse baixinho, quase não dando pra ouvir sua voz.

Narração on

Eles caminharam até a diretoria. Claro que Cameron estava nervoso. As notícias da rádio não eram as melhores. Ainda iria chover muito. O que os deixava preocupados. Seria mais tempo para passarem juntos.

O silêncio se torna presente. Então Cameron resolve falar.

_ Acho que podemos observar a chuva. Pelo menos teremos algo para fazer. Disse ele quase sussurrando.

Shawn pensou bem e realmente não teria nada a fazer a menos esperar. Então eles foram pra janela. A localização da diretoria permitia uma vista incrível da cidade.

Todas aquelas luzes, barulhos de carros e o barulho da chuva. Dallas amava aquilo. Ele conseguia se concentrar em si mesmo e vários pensamentos surgiam em sua cabeça.
Cameron estava tão vidrado que nem percebeu que Mendes o observava.

Quando Cameron percebeu, o olhou de volta mas com um olhar de timidez. Sua bochecha corou. Ele por reflexo arrumou seu óculos e voltou a olhar pra frente.Receber um olhar do maior pra Cameron era uma honra. Shawn apenas riu da cena.

Dallas já havia tido interesse em Shawn. Não só ele como metade da escola. Mendes tinha um corpo atlético, um rosto angelical e uma voz tentadora. Mas Cameron não via só isso, ele sentia algo diferente nele.

Ele tentou demonstrar. Porém umas meninas do grupinho de Shawn descobriu e espalharam pra escola inteira. Os risos e deboche duraram um mês. O pior foi ouvir o que Mendes disse. Aquilo doeu tanto em Cameron.

Com o passar do tempo Dallas superou. As piadas continuavam mas aquilo pra ele não doía mais. Já faz uma hora que estão presos na escola. A barriga de Shawn ronca. E Cameron morre de ri.

_ Shawn eu tenho lanches na minha mochila, eu divido com você. Só temos que ir buscar.

_ Então, por favor, vamos.

Depois de um tempo caminhando, eles chegam as mochilas e vão para o refeitório. Cameron havia trago dois sanduíches e dois sucos. Afinal sempre roubavam um dele.

Shawn e Dallas, por mais difícil que seja, conversaram durante esse tempo. Aos olhos do maior, Cameron não era alguém legal pra conversar. Ainda mais com uma reputação a zelar.

No meio da conversa, Shawn levanta para pegar uns guardanapos e acaba derrubando suco no menor. Ele automaticamente corre pra ajudar. Mendes lembra que tem uma blusa de frio a mais no armário. Enquanto Cameron ia no banheiro se ajeitar, ele iria pegar a blusa.

SHAWN MENDES

Quando eu entro no banheiro, percebo que Dallas não é aquela pessoa "esquisita". Ele fica bem mais bonito sem aquele suéter. Eu dou a blusa pra ele. A blusa ficou grande nele porém combinou mais.

_ Cam, eu tive uma ideia. Posso dar uma ajeitadinha no seu cabelo ? - ele me olhava surpreso, eu não tinha percebido do que eu o chamei.

_ Sei que vou me arrepender disso mas sim, você pode.

Então eu pentiei o cabelo dele para a direita somente. E realmente como eu previ, tinha ficado melhor. Parecia até outro Dallas.

Cameron Dallas

Fiquei surpreso ao notar que eu realmente tinha ficado melhor. Depois de tudo que passei, acabei perdendo o ânimo para fazer algumas coisas como pentear meu cabelo.

Mendes continuava vidrado em mim. Ele ainda continuava com as mãos em meus ombros. Admito que meu corpo reagia ao seu toque. Eu sentia uma sensação muito esquisita.

Shawn começou a se aproximar de mim. Até que ele começa a me beijar e eu automaticamente fecho os olhos e envolto meus braços em seu pescoço. Ele começa a pedir passagem com a língua, então eu cedo.

Seu beijo era tão bom. E seu corpo era maravilhoso. Seus braços me passavam segurança. E seu cheiro estava me enlouquecendo. Meu sonho antigo tinha se realizado. Até que paramos por falta de ar.

SHAWN MENDES

Eu realmente não entendi o que deu em mim. Mas sei que gostei muito de beijar Cameron. Sua pele. Sua boca. Infelizmente tivemos que parar por faltar ar. Depois do beijo senti seus olhos brilharem. E percebi surpresa em sua expressão.

_ Cam, desculpa por te beijar assim. E me desculpe pelo que aconteceu ano passado, pelo bullying e pelas piadas. Eu realmente estou arrependido.

_ Tudo bem. Aquilo já ficou no passado.

Percebi que ele estava chorando. Então eu sequei suas lágrimas e o abracei. Depois dele ficar bem e me agradecer, fomos apenas sair do banheiro e voltar ao refeitório.

Narração on

Eles estavam tão pensativos que nem perceberam suas mãos dadas. Mesmo percebendo isso, resolveram continuar. Eles estavam sentados juntos sem falar nada, apenas sentindo a presença do outro.

Com isso nem perceberam a chuva ir embora e o sinal retornar. O celular de Dallas toca. Era sua mãe. Ele atende e conta o que aconteceu e ela também. Ela demoraria um pouco até a água abaixar e o trânsito diminuir.

Os meninos arrumam as coisas. E voltam a ficar curtindo a presença um do outro por um tempo. Até que a mãe de Dallas manda uma mensagem avisando que tinha chegado. Eles dão um selinho e despedem-se. No caminho Cameron lembra que está com a blusa do Shawn e a cheira. Seu perfume era encantador.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...