História The Submission - Imagine Jungkook - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Visualizações 149
Palavras 1.867
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Luta, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência, Visual Novel
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura ❤

Capítulo 2 - Cap-2


Fanfic / Fanfiction The Submission - Imagine Jungkook - Capítulo 2 - Cap-2

Jungkook On 



Desde de pequeno  tive uma vida muito Boa. Meus pais casaram cedo, e por suas famílias não aceitarem o amor dos dois resolveram fugir para Itália. Com pouco dinheiro resolveram investir em algo... Mas algo que lucre rápido. Foi ai que começaram a fazer exportações de drogas e logo depois tiveram investimento em exportação de armas. Com o passa dos anos meus pais conseguiram ter bastante dinheiro. Mas para não serem pegos teriam que se disfarça em algo na sociedade, os dois fez várias falcudades incluindo cursos de administração e agora são vistos como os empresários mais sucedidos na Coreia. Quando eu nasci, foi uma grande bênção... Pelo menos é  o que eles dizem. Minha mãe falou que sempre quis ter uma menina e tal, mas papai falou que teria que ser homem para dar continuidade no grande ''império '' que eles criou. Papai havia falado para mamãe que se o sexo fosse feminino ele irá estrangular a criança. Agora estou com 20 anos, moro sozinho, mas tenho meus grandes amigos e capangas ao meu lado. 

Há um ano atrás um casal pegou uma quantia enorme de drogas, eles não era muito bons de condição. Eu poderia não aceitar a oferta, mas ele prometeram me pagar tudo. Como eu já havia imaginado, eles não iriam conseguir esse dinheiro. Ele viviam mudando de casa para não ser pegos por mim, mas a onde eles estivessem eu teria informações. Até que cansei de brincar e finalmente iria matar os dois. 

Jimin estaciono o carro em uma esquina antes e ficamos esperando o momento certo em pegar os dois. Vejo que Yura sai de casa e então Pegamos a mesma e colocamos dentro do carro deixando ela de frente a frente. 

Eu : Hora hora! Quando tempo Yura -Digo e a mesma fica pasma ao me ver. 

Yura : Senhor Jungkook! O que você quer? -Diz e percebo que suas mãos estão tremendo, solta uma risada . 

Eu: Você não lembra? Eu quero meu dinheiro que você me deve! -Digo e a mesma arregalou seus pequenos olhos. 

Yura : Eu não tenho essa quantia! -Diz com os olhos lacrimejando. 

Eu : Nossa, Que trágico! Você  sabe o que acontece com pessoas que não me pagam o que deve? 

Yura : o... Que? 

Eu: Fica a 7 palmos do chão -Digo e a mesma começa a chorar - Oh não chore, seu marido irá fazer companhia a você . 

Yura : Não tem outro jeito de lhe pagar? - Diz implorando. 

Eu: Olha, a quantia é muito alta e Você sabe disso... E ainda tem os juros! Acho que não tem outra solução -Digo me encostando no Banco. 

Yura : Eu viro sua empregada, eu faço sexo com você... Eu faço qualquer coisa para não morrer! 

Eu: Eu não quero nada disso, principalmente sexo contigo... Se fosse pelo menos quando você não era usuária. Agora você está velha e acabada. Você deveria ter pensado bem antes em fazer um acordo com uma pessoa perigosa como eu. 

Yura : Tenha Piedade! Eu lhe dou a minha filha. - Diz e eu logo me ssurpreendo 

Eu:Você tem filha? Seu marido num e estéril? Pulou a cerca foi. 

Yura : Não, ela e adotada. Tem 15 anos, creio que ela é virgem. 

Eu: Hum... Então ela é pura. Imprecionante. 

Yura:tenho certeza que não irá dá trabalho... 

Eu: Amanhã eu volto aqui para buscar ela! Caso eu não gostar, Mato você e seu marido. Espero que esteja ciente que eu posso a qualquer hora mata os dois e não adianta fugir. -Digo e abro a porta para a mesma sair. 

Jimin: Você vai deixar barato... Por uma garota! 

Eu:  Ela e pura jimin! Isso já é o bastante. 

Jimin : Você que sabe cara! Se ela for um Dragão eu vou rir da sua cara. 

Eu: Engraçadinho -digo rindo. 


Dia seguinte... 

S/n On 

Acordei com um balde de água na cara. Para mim e normal, já passei por tanta coisa nessa casa que virou rotina. Me levantei pegando a toalha e indo em direção ao pequeno banheiro. Fiz minhas higiene e tomei um banho. Voltei ao meu quarto vestindo as peças íntimas. Peguei uma saia com pregas Branca e uma blusa com manga Rosa clara, calcei um tênis Branco e arrumei meu cabelo o deixando solto e passei um gloss de morango. Peguei minha mala com minhas roupas e sapatos e desci. Yura e Heitor estava no sofá, caminho até a geladeira pegando uma maçã e sentando no balcão. 

Eu: Será que eu nasci só para sofrer? -Digo e deixo uma lágrima boba cair. Saiu dos meus pensamentos com a campainha . Deve ser ele. MMeu coração acelerou, não sei o que estava sentindo... Mas eu estava morrendo de medo de ser apenas um brinquedo sexual do velho Jungkook. 

Heitor :  ( Grita seu nome ) . - Caminho Ate a sala dando de cara com um rapaz de terno Preto. Eu realmente estava enganada, ao invés de ser um velho gordo e  feio.Era um Rapaz com os cabelos negros, Olhos escuros como um abismo, boca bem desenha. Esse Garoto foi esculpido por deuses com tanta perfeição. 

Yura: Essa é nossa filha!  S/n. - Diz e o mesmo me olha de cima a baixo e da um sorriso de lado. 

Jungkook : Vejo que fiz uma ótima troca! - Diz e heitor solta um suspiro. - Meu nome e Jeon Jungkook! 

Eu: Prazer! - Digo me curvando em educação . 

Jungkook : Preparada para sair desse lugar? 

Eu: Sim! - Digo 

Jungkook : Então vamos por que não tenho muito tempo! - Digo e eu vou pegar minhas malas. Heitor e Yura nos acompanha até o carro. 

Yura : Vou sentir saudades! - Diz me abrindo os braço para me abraçar. Mas viro as costas. Como ela tem coragem de falar que vai sentir saudades de mim? De me espancar e me fazer de gato e sapato. Entro no carro, e escoro a cabeça nos vidros escuros do carro. Jungkook senta ao meu lado e manda o moço acelera o carro. Fico pensando e agora? O que vai acontecer comigo? 

Saiu dos meus pensamentos com o Jungkook pegando em minha mão, por impulso puxei com medo. Sei lá, as vezes eu sinto que as pessoas só que triscar em mim para me machucar. 

Jungkook : Chegamos!- Diz pegando novamente em minha mão e me puxando para sair do carro. Ao sair me preparo com uma grande mansão. Fiquei chocada com o tamanho do local, mas não deixei na cara.

Jungkook : Gostou? 

Eu: Sim. 

Jungkook : Aqui e seu novo lar! Vamos - Diz me guiando até a entrada da casa. A casa por dentro e muito luxuosa e bem arrumada. Vejo uma moça passando com uma pilha de pratos de porcelana, fico agoniada com a dificuldade da mulher àqueles pratos deve esta muito pesado. 

Eu: Moça, Quer que eu lhe ajude? - Digo e a mesma arregala os olhos. 

Empregada : Não querida, não preci... -Interrompo a mesma pegando a metade dos pratos de suas mãos. 

Jungkook : Não precisa S/n! Esse trabalho e dela - Diz cruzando seus braços. 

Eu: E só uma ajuda! - Digo e saiu com a emprega me guiando pois não eu poderia me perde nessa grande mansão. Ela agradece e volto a sala. 

Jungkook : Seu quarto e ao lado do meu no andar de cima. Ao lado de uma porta escura. Primeira regra, nunca entre no meu quarto sem permissão. 

Eu:Ok! Cadê minhas mala? 

Jungkook : mandei joga fora! - Diz e eu arregalo meus olhos. 

Eu : Por que? 

Jungkook : Por que eu comprei tudo o que você precisa! Fique a vontade, te vejo mais tatde. Não ligue se vierem rapazes aqui. 

Eu: Tá bom! Tchau - Digo e o mesmo sai de casa. Subo as escadas de vidro com um pouco de medo de quebrar. Até que cheguei no andar de cima que tinha um corredor enorme cheio de porta. 

Eu : Ainda bem que ele me deu referência! - Digo caminhando. Até chegar de frente a uma porta grande e escura. 

Eu : Em  Hipótese alguma entre nessa bagaça! - Digo indo ao quarto ao lado. Entrei, e logo coloquei a mão na boca. O quarto era perfeito, eu nunca imaginei em ter um quarto assim. Todo nos detalhes Roxo e Branco. Comecei a mexer nas gavetas e no Guarda-roupa e tinha muitas roupas maravilhosas, tinha um espelho enorme e uma pentiadora com todos os tipos de maquiagem. Sorrir de felicidade. E me aproximei da cama, na cama havia um notebook da marca Apple e um IPhone 7 novinho. 

-Eu nunca tive um celular! - comecei a chorar como uma criança boba, por mais que seja ruim ser vendida como um objeto qualquer... estou chorando de felicidade pelo menos uma vez na vida.Vejo um bilhete em cima  do criado-mundo. 


'' Não sei se Escolhi as coisas certas para seu quarto, espero que tenha gostado. Sei que não me conhece, Mas queria te presentear com esse presente em cima da cama como boas vindas. Faça um bom proveito ''


- Creio que essa bondade vai durar muito pouco. 


6 horas depois   ...                18:00 Pm 


Estava no Quarto, tinha acabado de banhar. Quando ouço toques na porta do meu quarto. Abro e vejo que é Jungkook . 

Jungkook : Desça Para jantar! Eu e meus amigos estamos a sua espera -Diz e logo visto algo e desço. Dou de cara com 6 rapazes, eles são muito lindos. Acho que estou no Paraíso, Só pode. 

Eles começa a me olhar, parece que está olhando minha alma. 

Taehyung: Você fez uma ótima troca!- Diz e todos aprovam. 

Jungkook : S/n esses são meus fiéis amigos : Seokjin, Namjoon, Yoongi, Hoseok, Jimin e Taehyung. 

Eu: Oi Meninos 

Todos: Oi 


... 


O jantar foi muito legal, mas eu preferi fica só observando os meninos brincar e conversar. Agora estou no Quarto, quando vejo alguém entrar no Quarto, reconheço rapidamente a face da Pessoa era o Jungkook. 

Jungkook : Eu Quero brincar com minha Baby! - Diz e eu me levanto, encostando minhas costas na cabeceira da cama. 

Eu: Jung.... Kook 

Jungkook : Agora e Daddy - Diz engatinhando até chegar por cima do meu corpo. Ele começa a passar a mão em minha perna subindo até o meu quadril. Ele ataca meu pescoço dando vários beijos e chupões.  Essa sensação é  Nova para mim, mas eu taca amando os toques dele. Mas logo eu abro meus olhos e vejo o que está prestes a acontecer. Empurro seu peitoral 

Jungkook : Vai me dizer que não quer? 

Eu : Eu não posso... Tenho medo 

Jungkook :Prometo que não vou te machucar.- Diz voltando  a ficar por cima de mim. 

Eu: Eu não quero... por favor... Não faça nada sem eu querer! -Digo e logo começo a chorar. 

Jungkook : Tudo bem, hoje você escapa... Mas você não vai escapar fácil assim. Uma hora ou outra eu vou te comer querendo ou não. Escreve ai, eu vou ser o primeiro a comer sua buceta. - Diz saindo do quarto. 

- Eu sabia! Eu sabia - Digo chorando. Acabo  dormindo  de cansaço 


Notas Finais


Então... merece continuação?
Se você gostou comente e não esqueça de favoritar
Desculpe qualquer erro ortográfico
Bay bolinhos ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...