História The Sugar Angel - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan, Bts, Jungkook, Kpop, Namjoon, Rap Monster, Suga, Yoongi, Yoonkook
Exibições 15
Palavras 1.239
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hi~ Estou de volta! Curtam bastante a leitura! Amo vocês! <3

Capítulo 3 - Three


(Yoongi P.O.V)

Depois de um tempo deitado no colchão, comecei a sentir algumas dores na coluna, levantei e me sentei corretamente. Meu celular tremeu, era NamJoon me mandando mensagens. Elas falavam sobre a noite que eu realmente queria esquecer. Era uma vergonha pra mim, isso nunca havia acontecido antes. NamJoon disse que queria conversar comigo, pessoalmente. Gelei, ele parecia muito sério, e nunca duvide de nenhuma atitude ou palavra de NamJoon quando ele está sério. Ele queria me encontrar hoje mesmo, em 15 minutos teria de estar num lugar que ele havia mandado a localização, era no centro da cidade e ficava perto do bar dele. Aceitei e como já estava com roupas novas, sai de casa e andei tranquilamente até uma estação. Não era tão longe assim mas,  precisava de metrô, não conseguiria chegar a tempo se fosse a pé. Lembrava ao longo da caminhada daquela imagem de JungKook andando em minha direção e sorrindo. Eu me achei estranho, por estar lembrando disto. Pelo fato de estar confuso e cheio de pensamentos distintos, minha cabeça doía. Cheguei a estação, esperei alguns poucos minutos e logo o da minha via chegou. Entrei e não tinha nenhum assento que estivesse com os assentos ao lado vazios também. Havia um lugar ao lado de uma moça, ela era bonita, nada de mais. A garota olhava sorrindo pra mim, eu apenas abaixei minha cabeça e sentei. Uma voz baixinha e fina chamou pelo meu nome e eu assustei.

-Min YoonGi? -ao escutar, levantei minha cabeça.

Olhei fixadamente pra garota e ele ainda sorria. Aquele rosto era familiar pra mim, será que eu já a conhecia?

-Oi?! -falei confuso.

"Será que ela me conhece por algum show?"

-Memória curta Min YoonGi? -ela falava ainda sorrindo.

Desviei meu olhar de seu rosto, tentando me lembrar de algo, mas nada vinha na minha cabeça.

-Desculpe-me.

-Não tem problema, faz muito tempo que não nos vimos. Eu imaginei que não se lembraria.
-Ah sim. -levantei minha sombrancelha num sinal de entendimento e sorri bem fraco.
-Sou sua "prima". Me chamo Oh SeungHee, sou a filha do irmão da sua madastra.

Minha cabeça acendeu uma pequena luz e algumas poucas imagens da menina vieram rápido.

-Sim, me lembro agora. Você mais nova que eu, não?!

-Sim, três anos mais nova. Eu me lembro que tentava brincar com você, mas nossas brincadeiras eram diferentes e você acabava nem olhando direito pra mim.

-Desculpe-me por isso.

-Não não. Tudo bem! -sorriu. -Você não mudou muito, continua bonito. -as bochechas da menina ficaram vermelhas rapidamente e a mão dela subiu para cobrir o rosto.

Sorri sem querer e abaixei minha cabeça rapidamente.

-Obrigada.

-De nada. -falou tentando abafar sua risada de vergonha. Suas bochechas eram grandes e cobriam seus pequenos olhos quando ela sorria.

O resto do caminho passamos quietos e nos encarando as vezes. Aquela clássica paquera de metrô, que você sabe que nunca mais vai encontrar a pessoa. Minha estação estava chegando e me levantei pra descer. Ela me olhou assustada e tentava falar, mas começou a procurar algo na bolsa. Pegou um celular.

-Me passe seu número!

Nessa hora eu que me assustei com a menina. Peguei o celular de sua mão digitei meu número.

-Pronto, tchau. -cumprimentei-a rapidamente e ouvi sua voz baixa se despedido.

As porta se abriram e eu sai. O metrô continuou seu trajeto e fiquei o observando partir. Subi as escadas para sair da estação, andei nas ruas olhando todo movimento dos carros e das motos, cheguei ao lugar combinado, entrei e logo numa mesa do canto estava NamJoon. Andei até lá e me sentei.

-Olá, Min YoonGi.

Pensei o pior, ele só me chamava de Min YoonGi quando estava muito chateado ou bravo comigo.

-Oi.

(TaeHyung P.O.V)

Falei pra ajumma Violet que ia pensar na proposta. Eu realmente queria encontrar Jeon JungKook novamente. Fazia muito tempo que não via aquele rostinho de bolacha. Peguei meu celular novamente e fui procurar o contato do garoto, achei e abri sua foto de perfil na rede social que aparecia. Ele estava muito bonito, como sempre fora. Até havia arranjado umas namoradinhas por isso, eu não concordava muito e logo ele parou com essas besteiras. Por termos timbres de voz bem diferentes, costumávamos cantar juntos e até chegamos a gravar alguns videos caseiros. Abri outra foto de JungKook, que ele estava com uma criança.

-Deve ser o irmãozinho dele, que fofos!

Abri uma conversa com ele e mandei "Oi!". Bloqueei meu celular e o coloquei de lado para voltar aos meus estudos, afinal eu estava no colegial ainda. Havia reprovado um ano por faltas, então precisa acabar bem esse ano.

(JungKook P.O.V)

Depois de um tempo megulhado nas minha lágrimas e ainda com o coração apertado de tristeza. Estava quase na hora de ir buscar JungKyun na escola. Me levantei da cama e fui ao banheiro lavar o rosto. Peguei os doces e o casaco que havia comprado mais cedo, meu celular e minha carteira. Desci do prédio e caminhei até o metrô, entrei distraído, mas algo me chamou atenção. Um rosto conhecido, era YoonGi, meu vizinho. Ele havia acabado de entrar também e depois de pouco tempo já embarcou e foi embora. Peguei o outro, que ia em outra direção. Sentei num lugar que estava vazio até dos lados dele, encostei minha cabeça no vidro e cochilei rapidamente, logo acordando para descer na minha estação. Subi as escadas e fui bem tranquilo caminhando, quando meu celular tremeu. Peguei do meu bolso e desbloqueei para ver do que se tratava, era uma mensagem de um número que eu não conhecia. Desconciderei na hora, bloqueei e o coloquei de volta no bolso. Cheguei na escola de Kyun e pedi que o chamassem. Vi de longe o pequeno correndo em minha direção com um um papel na mão, ele parecia estar muito animado com aquilo. Ele saltou para eu o pegar, lhe dei um abraço e o coloquei de volta no chão.

-HYUNG! Você foi aprovado em uma empresa! -fiquei surpreso momentâneamente e sorri.

-Como assim, Kyunnie?

-Eu tenho uma carta, ela é pra você! -me entregou o papel ainda com um lindo sorriso no rosto.

(YoonGi P.O.V)

Depois de eu me sentar ele ficou um tempo me encarando, até começar a falar.

-Você está ciente do que aconteceu ontem não é, Min YoonGi?

-Sim, queria pedir desc... -ele me interrompeu, não deixando nem terminar minha frase.

-Não vim aqui escutar desculpas. Quero saber apenas uma coisa, você vai preferir mesmo perder seus amigos e sua carreira pra uma coisa fútil como o álcool? Não é a primeira vez que faço essa pergunta, mas hoje será a última vez.

Agora era meu coração que se congelava. NamJoon era meu melhor amigo, mas a bebida estava sempre lá, sempre. Nunca me dava broncas e nem tentava mandar na minha vida. Ela me tirava daquela realidade fruatrante e monótona que vivia todos os dias.

-YoonGi, você sabe que a bebida te faz mal, e ela vai destruir tanto sua saúde, quanto sua imagem diante do seu público. Não estou querendo dar bronca em você, nem bancar o durão que quer madar na sua vida.

Me assustei, pois era exatamente isso que eu eatava pensando no momento. Gaguejei quando fui tentar falar e abaixei minha cabeça.

-Você para? Ou eu terei que parar você? -ele falou mais alto.

A resposta já estava clara na minha cabeça, era aquilo eu queria.


Notas Finais


Foi curtinho, pois o próximo estará wonderful (na minha opinião~ hahahaha) Muitas questões a serem resolvidas, não?? Fique ligado e não perca o próximo capítulo, se gostou, favorita, se quiser, comente... <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...