História The things I wanna say but I don't have the guts - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias AOA, Black Pink, EXID, Pristin, Red Velvet, TWICE
Tags 2yeon, Chaeyoung, Dahyun, Jeongyeon, Jihyo, Mina, Momo, Nayeon, Sana, Twice, Tzuyu
Visualizações 49
Palavras 1.039
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Orange, Shoujo (Romântico), Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oie meus anjo!

desculpem a tia aqui que esqueceu de postar ontem, mas eu tenho uma ótima explicação!
eu atualizo a fic no Spirit e no Wattpad, sem querer eu atualizei lá mas esqueci daqui, desculpa mesmo

sem mais delongas fiquem com o capítulo!

Capítulo 5 - I just want to know


Fanfic / Fanfiction The things I wanna say but I don't have the guts - Capítulo 5 - I just want to know

Terminei minha mala com pressa e a carreguei com cuidado para o elevador do Dormitório A (o único que um elevador), já que as meninas me esperavam no hall para me acompanhar.

(((N/A- Oiii bebês! Acho que eu preciso explicar uma coisinha. Em Yeoljeong os dormitórios são divididos em três prédios/setores: o setor A, é o mais novo para as garotas mais ricas onde os quartos são individuais ou para duas pessoas. Setor B, é meio termo com quartos de três pessoas. E por ultimo o setor C, é o prédio maior e mais antigo para as meninas que não podem pagar muito, na maioria as bolsistas, onde os quartos são de quatro a cinco meninas. Espero que tenha esclarecido as coisas))).

A festa do Galpão estava rolando, mas eu não iria hoje, não que eu tenha ido alguma vez de qualquer maneira, mas hoje especificamente eu iria para casa dos pais do meu namorado passar algum tempo com eles. Não que eu quisesse ir pra lá também. Ultimamente eu só quero ficar no meu quarto lendo um livro sozinha mas parece que nem isso é possível 

- Finalmente a Branca de Neve chegou- exclamou Sana quando me viu- Vamos logo, a festa ainda está rolando e seu príncipe está te esperando

- Olha até rimou- Tzuyu riu 

- Vocês ainda vão me deixar louca- Mina rolou os olhos e pegou a mala de minha mão- vamos amiga, está ficando tarde

Elas abriram a porta de madeira talhada e o vento cortante da noite atingiu minha pele. Ótimo, depois de chover o dia inteiro ainda tem mais essa.

Andamos até o pequeno ponto de ônibus na frente dos dormitórios, que levava as alunas de um lado para outro pelo campus imenso

- Ei, aquela não é Momo com a colega da Nayeon?- ouvi Tzuyu sussurrando para Mina

Quando olhei para lado lá estava Jeongyeon sendo guiada pelas mãos de Momo até a porta do dormitório A. Ela devia saber que eu não estaria ali por esse fim de semana.

- Ela mesma, vamos dar um oi- Mina disse já indo em direção às garotas. Logo quando Momo nos viu se aproximando fechou a cara 

- O quer de mim Mina?

- Eu não posso nem dar um olá pra minha priminha querida?

Ela nos olhou de cima a baixo e apertou mais a mão de Jeongyeon, que estava de cabeça baixa

- Olá, agora se me da licença nós estamos ...

- Já está indo pro quarto tão cedo Hirai? A festa mal começou

- Não se meta na minha vida "Myoui"

- O que eu disse sobre me chamar assim? Aish...eu deveria te bater, acha que só porque está com sua peguete pode dizer o que quiser?

- Por que simplesmente não me deixa em paz? Eu ein...

Enquanto as primas discutiam um barulho de ônibus era auditivos atrás de nós, mas eu não conseguia me mexer porque estava encarando Jeongyeon. Milhares de questões passavam pela minha cabeça mas eu não conseguia decifra-las. Aquela cena estava me incomodando mais do que deveria

- Nay...- Jeon levantou sua cabeça levemente e disse baixinho- acho que seu ônibus chegou

- Ah! É verdade, eu preciso ir

- Eu quase me esqueci de que estávamos aqui por você meu doce -Mina pegou minha mala e se virou- não vamos mais perder tempo com essa gente ignorante 

Entrei no ônibus e me sentei na janela. Do lado de fora as garotas acenavam para mim me desejando boa viagem como de costume. Jeongyeon me encrava estática do lado de fora  com cara de quem fez algo errado...eu não a entendia. Hirai passou a mão na frente de seus olhos que rapidamente "acordou" e puxou Momo bruscamente para dentro do prédio .

O ônibus partiu e encostei a cabeça na janela, pensativa. Por alguma razão ver as duas juntas me incomodava, mas eu não entendia o porquê.

Eu sabia que Jeongyeon era lésbica apesar de ter custado alguns anos de amizade até ela me contar em seu aniversário de 15 anos. Ela nunca quis ter uma festa de debutante, apesar de a tia insistir que ela ficaria linda em um vestido longo. Então em seu aniversário ela me chamou pra viajar com um grupo de viagens para Busan. Nós estávamos caminhando na praia a noite após o jantar quando ela me contou. Jeon estava tão nervosa que eu tive que segurar suas mãos para que ela se acalmasse. Hoje ela diz que estava assim por que tinha medo que eu não quisesse mais ser amiga dela, afinal minha família era (e ainda é) extremamente homofóbica. Eu fiquei um pouco surpresa sim mas nós convivíamos com outras meninas lésbicas no internato então isso já era normal. Eu jamais deixaria Jeongyeon.

Além disso eu também sabia que ela já havia ficado algumas vezes com Momo. Ela era minha colega de quarto, e nós não nos dávamos muito bem já que aparentemente ela me odiava sem nenhum motivo aparente.

Mas de qualquer forma ver as duas de mãos dadas, sozinhas e agora pouco, paradas na minha frente era realmente algo irritante por algum motivo  .

Será que eu estava com ciúmes? Quero dizer, Jeon é minha melhor amiga, eu tenho razão de sentir isso...isso é normal não é? Sentir ciúmes da sua amiga com outra menina.

Arg, eu não deveria estar pensando nisso. Eu e Jeongyoen não somos mais crianças brincando de pirata, nós temos nossas próprias vidas e podemos fazer o que bem entendemos com elas, além do mais...

- Mocinha você vai descer aqui certo?- o motorista me chama a atenção

- Sim, obrigada- pego minha mala e saio do mini ônibus, indo em direção ao prédio principal do campus, onde Minhyuk me espera

- Boa noite meu amor- ele me da um selinho e me abraça apertado- como está?

Eu não conseguia tirar o lance com a Jeongyeon da cabeça mas mesmo assim me esforcei e dei meu melhor sorriso. Ele era meu namorado poxa! E eu o amava

- Com saudades!

- Eu também minha pequena- ele tirou a mala da minha mão- vamos, meu pais querem te ver também, vai ser um ótimo final de semana

Isso, um ótimo final de semana


Notas Finais


espero que tenham gostado do capítulo mores, aguardem pelo próximo que tem surpresinha


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...