História The Tide - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, JR, Mark, Youngjae, Yugyeom
Tags 2jae, Asia, Got7, Jackjin, Jacknior, Jackson, Jaejae, Jin, Jinson, Kpop, K-pop, Markbam, Park, Romance, Wang, Young, Youngbum
Exibições 77
Palavras 2.522
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Annyon lovers,
Por favor leiam as notas finais, é muito importante.
Se tiver erros me desculpem, revisarei mais tarde.

Boa leitura!

Capítulo 10 - Nine


~Autora P.O.V~

Passaram-se cerca de duas semanas desde que Jackson havia roubado um beijo de Jin. As coisas estavam funcionando perfeitamente para o moreno, estava se saindo bem nas aulas, nos trabalhos escolares e até tinha mandado alguns currículos em estabelecimentos nas proximidades. JinYoung estava esquecendo do ocorrido com Jackson, o que era bom para o garoto.

Após aquele dia, Wendy e JinYoung se tornaram realmente próximos, passando todo o tempo juntos. Wendy acreditava que se ficasse com o garoto que de grande só tinha o tamanho, pois se assemelhava a um gatinho indefeso e pequeno, iria protege-lo das coisas que o mesmo considerava ameaças. A ruiva se perguntava como Jackson iria contornar aquela situação sem prejudicar ainda mais JinYoung. Já o garoto coreano permanecia sempre com Wendy pois passara a sentir-se a vontade com a mesma, estava experimentando como era ter um laço de amizade pela primeira vez, desejando que o mesmo nunca se quebrasse. 

JinYoung não sabia como demonstrar seus sentimentos, mesmo que alguns o deixassem corado ou com uma expressão por muitas vezes considerada fofa em seu rosto, logo sempre que podia, convidava a ruiva de um jeito tímido já conhecido pela mesma para assistir a um filme qualquer em seu quarto.
E foi assim que se passaram longas duas semanas, Wendy indo e vindo de seu quarto para o de seu amigo.

Porém para um certo chines as semanas se passaram de forma torturante, na primeira segunda depois do 'acidente' Jackson estava esperançoso, pois tinha aulas com JinYoung e esperava poder se desculpar com o mesmo. Porém ao adentrar a sala de aula após o horário de almoço, o jovem que sempre se encontrava na última carteira da última fileira perto da janela com uma expressão  serena não estava lá.

A princípio, Jackson achara que o garoto havia faltado por não querer vê-lo ou outro problema, mas após três dias de faltas consecutivas, o platinado decidiu ligar para Wendy. A ruiva havia lhe dito que não iria ajudar com nada para fazer JinYoung o desculpar, mas mesmo assim o platinado ligou, insistindo duramente em saber o que acontecera com o garoto sereno que ele estava perdidamente apaixonado... Após muita persistência, Wendy cedeu, dizendo-lhe que Jin havia trocado de horário, tornando assim impossível de esbarrar com o chines em horário de aula.

Ao receber aquela notícia, Jackson obviamente ficara arrasado, porém estava determinado a receber o perdão de JinYoung. Jackson se sentia culpado por ter feito aquilo com o garoto, se sentia destruído por ter deixado aquele precioso ser humano triste, por tê-lo feito chorar. Aquilo partia o coração do platinado. Então o mesmo decidiu que não importava o que acontecesse, ele iria fazer JinYoung o perdoar e se sentir melhor. A prioridade agora era Park Jin Young.

Jackson passou as duas semanas pensando em como faria isso, porém fracassando completamente, nenhuma ideia brotava em sua mente, talvez por que a mesma estava ocupada demais com um certo coreano. Tão ocupada com imagens do garoto que não deixavam Jackson pensar em como se desculpar.

~>•<~

Segunda-feira de manhã. O relógio marcava 7AM quando JinYoung sentara-se em sua cama, esfregando os olhos de forma preguiçosa, sua cara inchada devido ter acabado de acordar.

Levantou-se apressadamente, retirando disposição do além para ir as aulas, indo até o guarda-roupas, separando sua roupa e deixando-a esticada sobre sua cama bagunçada, logo após adentrando o banheiro.
Longos minutos se passaram até JinYoung pisar os pés mornos no chão gélido do cômodo, correndo para se trocar, colocando uma calça jeans em tom claro, uma blusa de pano fino e gola preta, um moletom sem touca por cima na cor preta, com uma palavra adorável no meio na cor branca. 
Após se vestir, tratou de colocar um par de meias e seus creppers pretos, deixando seus fiéis vans um pouco de lado. Enquanto chacoalhava os cabelos, de certa forma arrumando-os, escutou Wendy o chamar, indicando que já estava na hora de ir.

- Só um instante. - JinYoung disse ao abrir a porta, logo checando sua mochila e seus materiais. Voltando apressadamente para a entrada de seu quarto, cumprimentou a ruiva adequadamente e após trancar a porta, dirigiram-se para a entrada do prédio.

Passaram cerca de dez minutos jogando conversa fora antes de cada um dos indivíduos partirem  em direção a seus devidos prédios, despedindo-se rapidamente.
JinYoung andava apressadamente, pois não gostaria de esbarrar com aquele certo garoto, estava usando uma escada desconhecida pela maioria dos estudantes que frequentam aquele prédio, impedindo assim de esbarrar com Jackson.

Jackson.

JinYoung parou no meio da escada, sem saber o porque. Nessas duas semanas que se passaram, o moreno jamais dissera, nem em pensamentos, o nome do ladrão que havia roubado um beijo seu. 

- Jackson.

Sussurrou, logo tapando a boca com as mãos. Por que estava fazendo aquilo? 

O sinal tocou, impedindo sua linha de pensamentos, fazendo o mesmo correr escada acima, pulando de dois em dois degraus, consequentemente chegando com falta de ar em sua sala de aula.
Por sorte, sua professora o deixara entrar com uma simples bronca, fazendo-o dirigir-se para seu lugar apressadamente.

O resto da manhã se passara normalmente para Jin, exceto pelo episódio na escada, que o deixara confuso consigo mesmo. 
Após o sinal tocar indicando o tempo livre, Jin foi para o gramado perto da entrada do campus, que era especialmente feito de um verde hipnotizante. Ao chegar no local depois de caminhar apressadamente, o moreno se sentou debaixo de uma grande árvore e ali ficou, cerca de cinco minutos após ter chegado avistou Wendy vindo em sua direção, com dois lanches em mãos.

- Toma, hoje eles fazem os lanches maiores, provavelmente por ser segunda-feira. Não importa. - A ruiva disse após se sentar ao lado do garoto, estendendo-lhe um dos lanches. Os dois passaram a comer em silêncio, até que Wendy começou a falar sobre uma série nova que fora lançada, prendendo a atenção de JinYoung pelos próximos 40 minutos seguintes.

As aulas seguintes se passaram voando, porém mesmo após aprender tantas coisas, conversar sobre diversos assuntos, Jinyoung ainda mantinha aquela pergunta em sua cabeça: por que falei o nome dele?

JinYoung passou todo o percurso até seu dormitório pensando sobre o episódio na escada, andando mais devagar que o normal.
Ao se aproximar dos dormitórios, viu uma figura de cabelos brancos sair pela porta de seu prédio, de forma apressada.

Não, não pode ser ele.

Não é ele. Não pode ser!

JinYoung repetia essas frases em sua mente durante todo o percurso restante até seu quarto, desejando que não fora Jackson que havia visto.

Por que ele viria até aqui?
            Será que veio falar com Wendy?
            Deve ter sido isso. Tem que ser isso.

Seu coração palpitava mais rápida que o normal, indicando que estava com medo, enquanto andava pelo corredor até sua porta, abrindo a mesma e entrando no cômodo rapidamente. Quando começou a se movimentar no quarto, sentiu ter pisado em algo, abaixando o olhar até o piso frio para ver se estava certo, confirmando sua hipótese. 

Havia pisado em um envelope pequeno demais para ser de cartas. Pegou o mesmo do chão e sentado-se em sua cama abriu o mesmo. Com as sombrancelhas levemente franzidas retirou de dentro do envelope um pequeno pedaço de papel e passou a lê-lo.

Apenas três palavras se encontravam no papel, todas escritas à mão. Palavras que fizeram o coração do coreano acelerar novamente.

Me desculpe, JinYoung.

JinYoung largou o papel imediatamente, colocando a mão em sua boca, porém não estava tentando reprimir um grito ou coisas parecidas, estava apenas surpreso. Essa era a última coisa que o moreno esperava que Jackson fosse fazer, pedir-lhe desculpas.

Um sorriso de lado incrivelmente lindo instalou-se nos lábios de Jin, ele estava super surpreso com as ações do platinado, porém esse sentimento foi logo substituído por outro, o medo. Lembrara-se novamente de acontecimentos passados, deixando o medo correr livremente pelo seu corpo, fazendo-o procurar desesperadamente pelo seu celular, discando o número de sua amiga.

- Alô? 
- O-oi Wendy, posso te pedir uma coisa?
- Claro Jin, manda ai.- JinYoung respirou fundo, tentando acalmar seu nervosismo para não ter que explicar nada para a ruiva.
- Sei que não é permitido, mas será que eu posso dormir com você hoje? -  Um sentimento estranho instalara-se no garoto, misturando-se ao medo.
- Claro que pode! Ainda não me designaram um colega de quarto, então tá tudo bem. Mas aconteceu alguma coisa?- Aquela pergunta deixou Jin calado, fazendo-o engolir seco. 
- Não, eu apenas não estou afim de dormir aqui. Mas se eu for te incomodar, eu não vou ok?
- Larga de glicose anal viado, desde quando você me incomodou? Por mim você vinha pra cá agora, mas por precauções venha faltando 1 minuto para as dez, beleza? - Jin riu levemente com o comentário da garota, concordando com a mesma e desligando o telefone, jogando-o na cama.

Ficou cerca de meia hora pensando  em Jackson e em suas ações, em como ele parecera legal no início, para depois descobrir-se apenas mais uma daquelas pessoas que gostam de zombar de outras de todas as formas. Quando olhou no relógio, assustou-se com a quantidade de tempo que perdera pensando em coisas insignificantes e passou a organizar seu quarto.

Já em algumas ruas próximas dali, Jackson andava de um lado para o outro em seu apartamento quase por completo arrumado, pensando se o garoto havia visto sua mensagem, se ele havia visto quando deixara o estabelecimento e principalmente, o que achara do pedido de desculpas.
Óbvio que o platinado não esperava ser perdoado por causa de uma simples cartinha, coisa que muitas pessoas consideravam ser atitude de criança, Jackson já tinha em mente qual seria seu próximo passo, porém estava muito eufórico e ansioso para sair de casa no momento, acabando por deixar para a última hora.

Próximo das 5PM, Jackson saiu apressado de casa em direção as ruas, planejava algo melhor que uma carta para Jin, pois o mesmo merecia apenas as melhores coisas do universo. O garoto de cabelos brancos decidiu ir devagar, então ao chegar em seu destino - meia hora depois - comprou apenas uma unidade do que iria dar ao moreno, voltando para casa com um sorriso encantador nos lábios.

Ao chegar em casa, passou o resto do fim de tarde e noite assistindo à televisão e conversando com alguns amigos nas redes sociais.

Por volta das 9:45PM, Jackson pegara no sono em seu confortável sofá, porém nos dormitórios JinYoung estava terminando de arrumar seus pertences em sua mochila, pronto para ir em direção ao quarto de sua amiga. Ansioso por nunca ter dormido na casa de alguém que não fosse seu parente, JinYoung saiu mais cedo do que o combinado.
Esgueirando-se apressadamente pelo corredor, Jinyoung chegou ao elevador e começou a apertar o botão para subir apressadamente, suspirando levemente ao que as portas se abriram.

- Meu Deus do céu, entra logo garoto! - Wendy disse mais baixo que o normal assim que abriu a porta para o amigo, puxando ele para dentro e trancando a porta em seguida. - O inspetor ta no quarto ao lado, se ele te visse já era seus planos querido amigo. 

A ruiva saiu de perto da porta fazendo Jin corar pela leve bronca que recebera e pelas suas vestes, estava usando roupas muito curtas a que o coreano não estava acostumado. Apenas após Wendy dizer-lhe para se sentir a vontade foi que o garoto se mexeu, colocando suas coisas na cama vazia existente ali. 

Logo que Jin trocou suas roupas e passou a se sentir mais confortável com o ambiente, Wendy e o mesmo passaram a conversar sobre várias coisas, até que a ruiva o fez uma pergunta um tanto que delicada:

- Jin, eu estou curiosa, você é gay? - A garota disse na maior simplicidade, sem perceber o desconforto do mesmo. - Se for um assunto delicado não precisa me falar ok? Eu entendo.

- N-não, eu quero falar. - JinYoung retirou coragem de onde não tinha, pois sentia que em Wendy ele podia confiar. - Na Coreia i-isso é um assunto delicado, e pra mim mais ainda. Devido a acontecimentos passados eu me forcei a gostar de garotas para meus pais não desconfiarem de nada, amo muito eles e não quero desaponta-los, mas a questão é que eu não me sinto atraído por garotas... 

 Jin foi abaixando o tom de voz a cada palavra que saia de sua boca, contando tudo aquilo como se fosse o pior segredo do universo, além de ter se assemelhado a um camarão de tão corado que estava.

- Deve ser difícil mesmo JinYoung, foi difícil para mim assumir para minha família que era bissexual, mas agora elas me aceitam de boa. E cara, você não está na Coreia, você está em Londres! Aproveita e pega vários bofe. - Wendy riu de seu último comentário, fazendo o moreno a sua frente também rir, colocando a mão para cobrir o sorriso perfeito que possuía.

O casal de amigos ficaram jogando conversa fora até adormecerem, se perdendo em seus próprios mundos.

~>•<~

O dia seguinte continuou normal para ambos os amigos, estar com Wendy fez JinYoung esquecer completamente sobre os acontecimentos do dia anterior, o deixando leve como uma pluma. 
O sinal tocara dizendo que as aulas do dia haviam se encerrado e, enquanto JinYoung ouvia de seu professor sobre o que fazer em seu  próximo trabalho, Jackson corria sorrateiramente pelo campus em direção aos dormitórios, mais precisamente o quarto de Jin.

Andara o caminho todo alerta, com medo de JinYoung o ver, e quando finalmente chegou ao dormitório do mesmo, deixou dois objetos presos embaixo da porta. Após se certificar que aquilo não sairia dali a menos que alguém o retirasse de lá, o jovem de cabelos platinados saiu de lá velozmente, utilizando as escadas.
Ao chegar ao final da mesma, parou abruptamente ao ver ele esperando o elevador, escondeu-se e passou a observar Jin de longe. Suas pernas meramente longas e finas destacavam-se em uma calça preta sinuosamente colada ao corpo.

Ah, ele fica tão bem de moletom...

Jackson só tivera tempo para pensar mais isso, pois o garoto entrou no elevador deixando um chinês assemelhado a um cão olhando para seu amado dono para trás. O garoto tratou de sair dali o mais rápido possível, feliz por tê-lo visto.

Por outro lado, JinYoung fraquejou um pouco ao ver de longe que havia algo em sua porta. Imediatamente pensou no garoto de cabelos brancos, engolindo seco e indo em direção a seu quarto. 
Ao parar na frente de sua porta, agachou-se e retirou o que havia debaixo da mesma: uma rosa vermelha. Jin ficou curtos segundos olhando para ela, que para ele se pareceram décadas, para depois perceber que havia um minúsculo pedaço de papel grudado no caule da mesma.

Retirou o papelzinho da rosa, sentindo o cheiro adocicado que exalava da mesma, parando míseros segundos para cheira-lo, permitindo-se sorrir. Ao prestar atenção no papel em sua outra mão, leu poucas palavras também escritas à mão, na mais perfeita caligrafia e ortografia:

Por favor, me perdoe.

 

 


Notas Finais


Então gente, tenho duas perguntas pra vocês skksks
1. Estão gostando da fanfic? Quero dizer que ela ainda ta na primeira fase ok? Vai acontecer muitas coisas ainda.
2. Como vcs sabem, eu to de férias, então eu gostaria de perguntar, vocês preferem que eu atualize rapidamente ou uma vez por semana?

Bom, é só isso.
Até lovers


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...