História The Tide - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, JR, Mark, Youngjae, Yugyeom
Tags 2jae, Asia, Got7, Jackjin, Jacknior, Jackson, Jaejae, Jin, Jinson, Kpop, K-pop, Markbam, Park, Romance, Wang, Young, Youngbum
Exibições 75
Palavras 1.215
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Boa noite lovers
Acabei de escrever esse capítulo, então se tiver erros me perdoem, vou revisar de manhã.

Boa leitura

Capítulo 8 - Seven


~ JinYoung P.O.V~

Paralisado.

Esta era, de longe, a palavra que mais me descrevia naquele momento. Estava confuso, surpreso, com medo e acima de tudo, paralisado.

Por que Jackson estava fazendo aquilo? Por que comigo?

Olhava para as pálpebras do platinado a minha frente, sem conseguir ao menos me pronunciar diante daquela brincadeira sem graça.
Sim, só poderia ser isso, uma brincadeira de mal gosto realizada por ele. Primeiro a foto, agora isso, com certeza ele está brincando comigo, tirando sarro da minha cara, rindo as minhas custas.

Empurrei ele com certa força, interrompendo o beijo e me afastando dele, podia sentir o fervor na minha face aumentando a cada instante, deixando a mesma vermelha. Jackson a minha frente nada dizia, apenas me observava, parecia analisar-me e calcular o que fazer a partir de agora.

Idiota!

Era tudo que eu conseguia formular em minha mente além das teorias de opressor designadas ao platinado, minhas expressões devem ter denunciado o meu nojo por Jackson, pois o mesmo começou a se endireitar, se aproximando de mim para, provavelmente, zombar da minha cara.
- Jin...
- Sai de perto de mim! - Acabei gritando, fazendo algumas pessoas próximas se assustarem e até mesmo me encararem. Isso não era bom. Não gosto de atrair a atenção para mim mesmo.

- Jin p... - Jackson fez menção de se levantar, o que me fez fraquejar.
- Não! Não chegue perto de mim! - Me virei pronto para correr dali, quando vi o amigo de Jackson parado na porta com uma expressão estranha, me encarando. Wendy chegou do nada parando do lado do mesmo, falando algo em seu ouvido.

Decidi ignora-los quando senti Jackson segurar a minha blusa e passei a correr para longe, me distanciando dali o máximo que conseguia, sem saber para onde estava indo. Apenas queria sumir dali, da cidade, do planeta.
Ele aparentava ser um garoto tão bom, porém as aparências enganam não é mesmo? 

É evidente que em todos os bairros, em todas as cidades, em todos os estados do planeta irá existir pessoas desse baixo nível, que se divertem agredindo, brincando e abusando de outras pessoas, apenas eu que não me dei conta disso antes.

Não se deve confiar em ninguém.

•>~<•

~Jackson P.O.V~

Sentei na fina camada de grama falsa do enorme quintal, derrotado. 

Por que eu fizera aquilo? Por que? 

Agora Jin young irá me odiar pelo resto de nossas vidas, o garoto ao menos me deu a chance de me explicar e já correu para longe, pensei em correr atrás dele, porém ele já não estava mais dentro do meu campo de visão.

O beijo que, com certeza, destruiu uma relação que nem ao menos começou, foi um dos melhores da minha vida. Mesmo tendo sido simples, nada meloso e muito menos respondido, aqueles lábios macios me acolheram de uma forma única, um certo gosto cítrico me pegara de jeito me fazendo derreter.

Incrível, roubei um beijo de uma pessoa confusa, tímida e que eu não sei nada sobre, fiz a pessoa me odiar e cá estou eu pensando em como os lábios do mesmo eram macios.

Parabéns Jackson, você merece palmas, só que na cara.

- Ei, o que aconteceu? Pra onde o Jin foi? Ele vai voltar? - A ruiva me tirou do mundo dos pensamentos enchendo-me de perguntas, o que me deixou mais triste e culpado do que anteriormente.

- E-eu não sei se ele vai voltar, provavelmente não, e nem para onde ele foi. Me desculpe.

- Ai meu Deus, vou tentar ligar para ele. Só um instante. - Wendy retirou seu celular do bolso, rapidamente discando o número de Jinyoung. - Mas Jack, o que aconteceu?

- Eu fui um idiota, como sempre.

Abaixei a cabeça, fixando o olhar em meus tênis surrados e me perdendo em pensamentos onde o moreno habitava inconscientemente, nos últimos dias apenas JinYoung estava em minha mente, e agora eu havia estragado algo que nem iniciado tinha sido, um relacionamento impossível.
Tudo por que eu não consegui me segurar diante dele.

Eu sou um babaca.

- Vem, vamos sair daqui, Mark irá com a gente. - A baixinha estendeu-me a mão, me ajudando a levantar, assim que o fiz tratei de dar umas palmadas em minha calça para limpar a mesma, e logo nos encaminhamos para a entrada.

Porém acabei percebendo que Mark estava absorto em seus próprios pensamentos, quieto e com a cara fechada, o que não é costume do mesmo. Ele estava realmente estranho, diferente do começo da festa. Depois pergunto o que aconteceu.

Saímos do local da festa, decidindo ir para o meu apartamento, até por que - segundo Wendy - era evidente que eu estava abalado e me sentindo culpado. Achei estranho a garota não brigar comigo por ter feito o que fiz com Jin, já que ambos são amigos imaginei que ela iria surtar e me xingar muito, mas a mesma estava até me ajudando.

Após alguns minutos andando, chegamos na frente de meu prédio. Wendy avisou que iria tentar falar com Jinyoung e que já subia, então disse a ela o andar e o número do meu apartamento e subi com Mark.

- Aconteceu algo Mark? - Soltei enquanto subíamos as escadas. Olhei para o loiro, que me fitava com um olhar inexpressivo.
- Não, nada. Por que aconteceria?
- Tem cert...
- Tenho, agora abra a porta. - Me dei conta de que já estávamos na porta de meu apartamento. Retirei as chaves do meu bolso e abri a porta, fazendo menção para Mark entrar primeiro.

Wendy subiu após dez minutos, alegando frustrada de que não conseguiu falar com Jinyoung, a preocupação no rosto da ruiva era evidente.

- Olha, desculpa por ter feito aquilo com o Jin... - Mark se remexeu no sofá. - Desculpa mesmo, mas acho melhor não se preocupar tanto, ele já é grande o suficiente para ter responsabilidades...
- Oh Jack, não é a mim que você tem que pedir desculpas, pelo que Mark me disse, é a Jin que você tem que pedir, e conhecendo ele você terá que fazer muito mais que isso.

Sorri de lado para a garota, porém as palavras dela me deixaram preocupado.

Será que vou conseguir conquistar Jinyoung mesmo depois desse fora fodastico que dei hoje?

 


•>~<•
~ Mark P.O.V~

Me despedi de Jackson juntamente de Wendy por volta de 5AM, parecendo o mais normal possível. Esse era um de meus dons, esconder meus sentimentos muito bem.

Acompanhei Wendy até a entrada do dormitório mesmo ela insistindo que não precisava, depositando um beijo em sua bochecha antes de me despedir e começar a caminhar para o meu apartamento.
Enquanto andava pelas ruas vazias e escuras de Londres aquela imagem me veio a cabeça novamente: Jackson encarando aquele garoto de cabelos escuros, para depois o beijar, deixando-o confuso e - pelo que percebi - com medo. A julgar pelos atos do garoto que descobri se chamar Jinyoung, o mesmo não gostou nenhum pouco das ações de Jackson.

Fiquei paralisado com aquela cena, Jackson beijando um desconhecido daquela forma, eu podia sentir a paixão mesmo de longe, tristeza e raiva me invadiram naquele momento, porém não poderia expressar isso.

A questão é: por que?
Por que Jackson prefere aquele projeto de suicida ao invés de mim?

 

 


Notas Finais


Gente, me desculpa de vdd, eu to me esforçando pra fazer capítulo melhores e maiores, to mesmo, porém ta sendo difícil.
Enfim, estão gostando? Sinto que meu bloquei criativo ainda tá forte;-;

Bye lovers


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...