História The Toys - Segunda Temporada - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Five Nights at Freddy's
Personagens Balloon Boy, Bonnie the Bunny, Chica the Chicken, Foxy the Pirate, Freddy Fazbear, Golden Freddy, Mangle, Marionette, Nightmare, Nightmare Balloon Boy, Nightmare Bonnie, Nightmare Chica, Nightmare Foxy, Nightmare Freddy, Nightmare Mangle, Personagens Originais, Plushtrap, Shadow Bonnie, Shadow Freddy, Springtrap, Toy Bonnie, Toy Chica, Toy Freddy
Tags Bonnet, Fangle, Fronnie, Goldtrap, Lolbit, Nfreddy X Tchica, Shadow Fronnie, Sister Location, Toy Fronnie, Yenndo
Exibições 170
Palavras 1.185
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Fluffy, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 10 - Pequeno descontrole e perdão


Toy Freddy estava quase perdendo a cabeça. Não aguentava mais Freddy e Foxy no seu pé o tempo inteiro.

Toy Chica, curiosa e sem entender, resolveu perguntar a Toy Freddy o que tanto escondiam, mas acabou sendo respondida com grosseria. Resolveu perguntar a Toy Bonnie, já que são melhores amigos, e o azulado a contou tudo. Toy Chica ficou pasma. Mas logo uma coisa lhe veio a mente. Se você pensou que a Toy Chica ia atormentar o Toy Freddy, você está certo!

- Oi, Toy Freddie! - Toy Chica cumprimentou o urso que a encarou.

- Não me chame assim.

- Nossa, o que você tem? - Perguntou fingindo não saber de nada.

- Se você veio me perguntar o que eu ando escondendo, saiba que-…

- Que eu já sei de tudo.

- Como?

- Meu querido amigo BonBon me contou tudo.

- Olha, você não ouse tirar sarro da minha cara!

- Ah, por que não? Não gostou da-AH! - Toy Chica parou de falar ao sentir alguém a suspender pelo pescoço. Sim, Toy Freddy fez isso. Seus olhos estavam negros.

- Viu o que acontece quando me tiram do sério? Ah, você viu isso faz tempo, mas acho que esqueceu. Eu te ajudo a lembrar! - Nightmare Bonnie passava pelo Show Stage, quando viu Toy Freddy meio que “agredindo” Toy Chica.

- Ei, o que você tá fazendo?! - Nightmare Bonnie perguntou retoricamente e o Toy o encarou.

- Sai!

- Cara, você ficou maluco?! - O maior falou empurrando o urso que soltou Toy Chica. - Perdeu a noção?! Por que está agredindo uma garota?! - O Nightmare perguntou irritado, segurando a garota que estava um pouco fraca. Toy Freddy voltou ao normal e se tocou no que havia feito.

- N-Não… Isso de novo não… - O urso falou nervoso. - T-Toy Chica, eu-… - Foi interrompido pelo Nightmare que não deixou o Toy chegar perto da garota.

- Não toque nela! - Toy Freddy abraçou seu próprio corpo e encarou o maior com lágrimas já escorrendo pelo seu rosto. O urso saiu correndo para se esconder em algum lugar da pizzaria.

>>>>//<<<<

“Eu sou um monstro. Eu sou um monstro. Eu sou um monstro.” Toy Freddy repetia isso em sua mente inúmeras vezes.

- Toy Freddy? - Ouviu alguém o chamando e se encolheu mais ainda.

- Toy Freddy, se tiver por aqui, me responde! - Ignorou o ser que o chamava e voltou a chorar.

- É sério, Toy. Para de brincadeira! - Notou que era Mangle. Viu a garota entrar na sala (ele estava na Party Room 4) e começar a lhe procurar. O urso se encolheu todo para se esconder. Mas não deu certo e Mangle correu até si, ajoelhando-se a sua frente.

- O que você tem? - Perguntou com um olhar preocupado.

- E-Eu não sei! Por que toda vez que fico irritado, eu perco o controle e acabo machucando alguém?!

- Quem machucou dessa vez?

- A Toy Chica… - Mangle fechou os olhos e suspirou. Chegou mais perto do urso e o abraçou.

- Fica calmo. Tenho certeza de que ela vai ficar bem. Agora vou te dar uma dica: quando ficar irritado, tenta se controlar. - Mangle falou sorrindo. - E a Toy Chica tá merecendo uns tapas pra deixar de ser chata. Mas deixa que eu resolvo isso! Agora vem! Levanta e vamos voltar. - Mangle ficou de pé e ajudou o urso a se levantar também. Foi meio difícil, mas conseguiu.

>>>>//<<<<

Após tudo voltar ao normal, Toy Freddy estava na janela da pizzaria. Estava com raiva, mas apenas de Freddy e Foxy. E foi só pensar em Freddy que o mesmo apareceu ali.

- Oi. - O maior falou ficando ao lado de Toy Freddy que se afastou. - Vai me ignorar agora?

- Eu devia te bater, mas te bater muito! Mas não vou fazer isso.

- Olha, me desculpa. Eu não devia te perturbar tanto por causa disso…

- Ah, e só agora notou isso?!

- Vai me perdoar ou não?

- Não! - O menor virou o rosto irritado. Sentiu um braço passar pelos seus ombros e suspirou. - Você me solta!

- Não até você me perdoar.

- Sai de perto de mim!

- Nop. Você fica fofo quando tá irritado.

- Você é chato!!

- Anda! Eu sei que você vai me perdoar.

- Tá, tá bom! Eu te perdoo…

- Yay! Eu sabia!

- Idiota… - Toy Freddy falou rindo.

>>>>//<<<<

Os animatrônicos já estavam no palco. Dia seguinte eles iriam se apresentar e estavam deixando tudo pronto.

Bonnie de vez em quando olhava para Freddy que sequer o olhava de volta. Tinha errado uma vez em desconfiar do maior e o mesmo o perdoou facilmente, daí comete outro erro. Porém pior que o outro. Com certeza, dessa vez seria meio difícil os dois se resolverem.

O coelho suspirou e resolveu ir até o urso. Tocou em seu ombro e o mesmo o encarou, mas por pouco tempo.

- O que você quer? - Perguntou sem olhar para o menor.

- Eu queria saber se… ainda está chateado comigo…

- Sim, eu estou. Na verdade, estou MUITO chateado com você.

- E-Eu não fiz aquilo por querer!

- Bonnie, você já errou uma vez em desconfiar de mim e agora comete outro erro, porém pior! Eu nunca encostei um dedo em você, então por que me bateu?

- F-Foi momento de raiva…

- Certo. Quando a sua “raiva” passar, nós conversamos. Agora volta pro seu lugar. - O menor abaixou suas orelhas e voltou para o seu lugar. Pegou sua guitarra e a apertou. Suspirou para não chorar e tentou ocupar a mente com outras coisas.

>>>>//<<<<

Gritos alegres das crianças eram ouvidos por todos os lugares da pizzaria. Bonnie tentou não prestar atenção em Freddy, estava sendo quase impossível. O coelho respirou fundo e tratou de prestar atenção no que fazia.

As horas se passaram e o show fora encerrado. A pizzaria foi trancada e todos puderam se mover. Freddy se preparava para sair do palco, quando sentiu uma mão em seu braço. Olhou para o lado e era ninguém mais, ninguém menos que Bonnie. O maior suspirou e desviou o olhar.

- P-Perdão… - Continuou sem encarar o menor.

- O que disse?

- Perdão. Eu não devia ter feito aquilo… Estou muito arrependido. - Freddy sorriu ao ouvir o que o outro falou. Não disse nada, apenas o puxou para um abraço apertado. O maior beijou o topo da cabeça do menor e o apertou mais em seus braços.

- Eu te perdoo, Bon. Sabe que eu não consigo ficar de mal com você, não é? - Freddy falou sorrindo e Bonnie o encarou com um grande sorriso. Segurou no terno do maior e o puxou. Selou os lábios do urso e o abraçou.

- Meu casal favorito está de volta! - Chica falou assustando os dois. A garota saiu do palco feliz da… vida… Eu acho.

Sério, não dá pra manter esse casal separado por muito tempo.


Notas Finais


Hola amigos!

Volteei!
Quero agradecer a todos que deram dicas: @Manoela390, @mariafernandacp e só.
Me deram a dica de separar Toy Fronnie, mas só por um tempinho. Só que... já teve tanta confusão envolvendo esse casal que vai ficar meio chato. Então resolvi deixar assim mesmo. Perdão...

Enfim, T.Freddy perdeu o controle de novo... tem que melhora isso aí hein, mano!
Como eu disse no final do cap, não dá pra manter Fronnie separado. Eu amo esse casal, gente <3

Bom.. espero que tenham gostado. Perdão pelos erros, pessoal.

Beijão da Sehunaa e até o próximo cap <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...