História The Vampire - Capítulo 30


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Aventura, Camren, Conde Drácula, Deuses Gregos, Fantasia, Feiticeiros, Ficção, Fifth Harmony, Guerra, Harry Potter, Magia, Morte, Norminah, Originais, Romance, Sobrenatural, Suspense, Terror, Trolly, Vampiros
Exibições 164
Palavras 595
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Magia, Misticismo, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Segurem o forninho babies aí vem tiro

Capítulo 30 - Quero que conheça alguém



CAMILA POV
Três dias se passaram desde que eu conversei com Vladimir e a grande prova que eu não podia simplesmente deixar Lauren foi quando ela veio me pertubar cantando aquela música do Frozen e batendo na porta do meu quarto sem parar. No ínicio veio toda aquela depressão de ter o poder de matar a pessoa que você mais ama, mas se fosse pra Lauren me deixar sozinha nesse mundo cruel eu teria que aproveitar meus últimos momentos com ela.
- Isso até parece um filme - Lauren falou enquanto caminhavamos pelas ruas frias e tenebrosas do mundo dos vampiros - Sabe, aqueles filmes de Hollywood que a garota tem câncer e ela aproveita os últimos momentos de sua vida. Tipo ela faz oque não fez durante a vida toda, diz oque não disse durante todo esse tempo que ficou viva. É assim que eu me sinto, devo aproveitar enquanto ainda estiver aqui, não sei quando vou embora mas se for pra ser agora eu morreria feliz porque estou fazendo tudo que desejei fazer em toda minha vida
- Você desejou caminhar por estradas frias e escuras?
- Não - Lauren riu - Eu desejei sempre ter você ao meu lado, eu fiquei sozinha durante toda a minha vida e quando eu conheçi você vi que não estava tão sozinha
- Eu também me sinto assim, você transformou minha vida fez toda a tristeza virar alegria, eu não sei oque será de mim se essa profecia se concretizar - abaixei a cabeça e uma lágrima solitária rolou por meu rosto, Lauren levantou minha cabeça com as mãos
- Ei, não chore. Não precisa chorar, se eu realmente morrer estarei com você sempre. Mesmo que você não consiga me ver, mas saiba que ficarei te olhando de onde quer que eu esteja
- Eu só queria que você pudesse me levar também - chorei
- Não posso Camz, a profecia foi pra mim. Claro que você, as meninas e o Troy estão nela mas a parte da morte está destinada a mim - mais uma lágrima caiu de meus olhos
- E-eu te amo… minha Rainha dos Vampiros - falei a abraçando
- Rainha dos Vampiros? Essa é a Marceline - ela disse oque me fez rir, quando eu era mais nova amava Hora da Aventura
- Então, você é a minha Marceline
- Então você seria minha Princesa Jujuba?
- É - falei rindo - Mas eu não sou tão "barbiezinha" como ela
- Claro que é, quando estavámos no ensino médio você usava lacinhos de cabelo
- Isso não me faz barbiezinha
- Faz sim
- Não faz não
- Faz sim
- Mila! - Ally e Mani vieram correndo e gritando meu nome
- Oquê foi? Oquê vocês duas fazem aqui?
- É, importante. Muito importante. De extrema importância - Ally falou agitada
- Poderia me dizer oque está acontecendo?
- É melhor vir com a gente - Mani disse segurando meu braço
- Então vamos né, vem Lo - falei e as duas loucas me levaram correndo para dentro do The Clan e eu ainda queria entender oque estava acontecendo. Elas me empurraram para dentro da sala de Vladimir onde ele e seu irmão Sten conversavam com um casal. A mulher tinha longos cabelos ruivos e cheios e o homem tinha cabelos escuros. Vladimir me olhou e afirmou, o homem me olhou e percebi os óculos presente em seu rosto. Ele me parecia tão familiar
- Senhor Potter, essa é sua filha, Camila - foi a única coisa que Vladimir falou


Notas Finais


Eita porra!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...