História The visit of a love - (Camren) - Capítulo 24


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Camren
Exibições 934
Palavras 1.025
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Festa, Ficção, Mistério, Musical (Songfic), Orange
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura (reviso depois, tô sem tempo)

Capítulo 24 - No way


Camila Pov.

-Espera que eu não processei essas informações Lucia Vives. Como assim? Traiu Vero?

-Traindo Camila, sabe traindo como acontesse com metade das pessoas!

-Porra! Você é idiota ou o quê? Vero não merecia isso poxa, ela faz de tudo por você é retribui como? Traindo ela? Indo pra cama com outro? Olha eu sou sua amiga e tudo mas se eu fosse ela nunca mais olharia no seu rosto. Cara eu tô com nojo de você.

-Pensei que ia ficar do meu lado!.

-Poxa amiga, me ajude a te ajudar, como vou ficar do seu lado sem te dar umas correções não é bem assim! Traição não tem perdão você mesma sabe. Vero ainda fez pouco em te expulsar porque eu teria sei lá te jogado de lá da cobertura.-Falei indo pra varanda enquanto Lauren ria de alguma coisa.

-Eu sei Camila, vai jogar o que mais na minha cara? Joga logo porque eu quero chegar na parte no qual você me ajuda.

-Calma, amanhã estamos indo embora, ou seja até lá eu vou pensando em algo pra vocês pelo menos conversarem não prometo nada mais que isso.

-Já é o suficiente linda, e desculpa por atrapalhar a sua foda!.

-Continua idiota! Céus. Tchau cara de bunda.

-Tchau meu amor.-Encerrei a ligação.

Continuei ali na varanda avistando aquela vista que tinhamos para algumas árvores, algumas de suas folhas começavam a cair aliás a chegada da primavera estava bem próxima o que era de fato bom.

-Quem traiu quem?.-Senti uns braços quentes se envolverem em minha cintura.

-Lucy traiu a Vero, nossa você pergunta as coisas como se tratasse de um assunto leve, sendo que não estamos tratabdo de um assunto leve.-Me virei pra ela.

-Você quer que eu faça o que? Chore pelas duas?

-Se preocupar em tentar ajudar seria uma boa em Michelle.

-Ok.-Ela levantou os mãos.-Não tá mais aqui quem se fez de pouco caso, mas sério elas não são mais crianças Camz, Lucy errou única que eu tentaria ajudar de verdade era a Vero, ajudar a arrumar outra pessoa.

-Lauren!.-Dei um tapa em seu braço.

-Au! Amor! Para disso.

-Para de falar besteiras então! Se fosse você huh? Aposto que não pensaria assim.-Falei entrando de volta ao quarto deixando ela para trás

-O que quer dizer Camzi?

-Nada Jauregui...nada.

Lauren Pov.

Jantar de paz com Camila e dona na Clara na mesma mesma mesa, devo está sonhando ou melhor dizendo tendo um pesadelo daqueles. Aliás não é todo século que isso acontecesse se é que me entendem.

Da mesma forma era bom ver como minha estava se esforçando para que ela se desse de alguma forma bem com Camila, aliás sei que lá no fundo ela deve achar a garota mais perfeita e linda desse mundo depois de mim é claro! Gosto das coisas como estão indo, sem ninguém pra atrapalhar e isso é o que importa eu posso está me precipitando para um futuro casamento daqui uns 5 meses. Mas mesmo assim saberei que essa vai ser a melhor escolha já feita por mim, e não vou me arrepender disso.

Ao encarar aquele olhos castanhos, posso ver o quão ela é importante pra mim e eu sou importante pra ela, aquele brilho em seu olhar deixa estampado que também sente o mesmo por mim. E que eu não estou em uma ilusão sozinha.

Seu rosto com leve contorno que me deixa com cara de paisagem, seus traços latinos que tanto atraem olhares de outros, seu jeito convicente de ser. Segura de sí, seu corpo revela quem é, não literalmente dizendo.

-Ei! Lo!.-Ela estralava os dedos na frente do meu rosto, quando me dei conta que não havia mais ninguém na mesa além da gente.-O que tanto pensava?

-O quão você é perfeita!.-Segurei suas mãos, quentes como um dia de verão.

-Cadê aquela Lauren idiota de 30 min atrás?

-Ela só aparece de vez enquando! Nem sempre, na maioria das vezes.

-Você me deixa lerda com essas coisas!

-Mais do que você já é?

-Acho que a Lauren idiota resolveu aparecer.

-Acho que sim!.-Rimos.

-Vamos subir? Tô com sono, e certeza que teremos que acordar cedo amanhã.

-Vamos amor!.-Levantei abraçando ela de lado.

-Adoro quando me chama assim!.

-Assim como? De amor?

-Uhum!

-Você é meu amor, só minha de mais ninguém!.

-Você também! Só minha de mais ninguém, meu amor só meu.-Ela fez bico.

-Aposto que se Dinah ou Vero estivesse aqui elas iam mandar a gente parar de viadagem.

-Com toda certeza!.-Ela bocejou, parei de frente a escada e estiquei os braços para que ela viesse no meu colo. Logo ela pulou entrelaçando suas pernas na minha cintura, meio que uma abraço coala e afundou seu rosto na curva do meu pescoço, não vou negar que gosto de mimar Camila por demais acho que nunca vou me cansar disso.

Enquanto subiamos as escadas eu e ela cantarolavamos alguma música.

Everyone comes with scars
But you can love them away
I told you that I wasn't perfect
You told me the same

( Todo mundo vem com cicatrizes
Mas você pode amar até que elas desapareçam
Eu te disse que não era perfeita
Você me disse o mesmo)

I think that's why we belong
Together and unashamed
I told you that I wasn't perfect
No way, way, way
Way, way, way
No way
No way

(Acho que é por isso que devemos
Ficar juntos e não nos envergonhar
Eu te disse que não era perfeita
De jeito nenhum, nenhum, nenhum
Nenhum, nenhum, nenhum
De jeito nenhum
De jeito nenhum)

When I look in your eyes
I see through to my soul
I know the core of you is good
You're my tarnished hero

( Quando olho em seus olhos
Eu vejo a minha alma
Eu sei que em seu interior você é bom
Você é meu herói imperfeito)

Oh, and I know
And you know how our story is told
Only we know what it is
We got an audience calling us crazy

(Oh, e eu sei
E você sabe como a nossa história é contada
Só nós sabemos o que é
Temos uma plateia nos chamando de loucos)



   


Notas Finais


Como estamos?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...