História The Walking Dead(BTS) - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7, The Walking Dead
Personagens BamBam, Jackson, JB, J-hope, Jimin, Jin, JR, Jungkook, Mark, Rap Monster, Suga, V, Youngjae, Yugyeom
Tags Jikook, Zumbi Twd
Exibições 21
Palavras 1.632
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ficção Científica, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Mutilação, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Demorei? Sim, mais...I'm sorry.
Bye, e bom leitura

Capítulo 17 - #14


POV Jungkook(on)

"Ele ainda gosta de mim? Será? O que será que ele esta pensando com aquele sorriso fofo no rosto, e aquela troca de olhares?"

Pensava enquanto olhava para Jimin, que estava sentado de frente para mim.

Estavamos reunidos no grupinho dos 14 meninos, e eu fiquei de frente para Jimin, que as vezes olhava para mim e sorria.

Namjoon falava algumas coisas para a gente, Jinyong estava do meu lado direito, e Jackson do meu lado esquerdo.

-Bom, vamos amanhã bem cedo, então junto todas as coisas úteis que vocês tem. -Namjoon disse, e eu levantei a mão. -Jungkook?

-Eu posso dizer uma coisa? -Perguntei, abaixando a mão.

-Claro. -Namjoon falou, me levantei e andei até o seu lado.

-Eu...só queria falar que...temos que trabalhar em grupo, com a ajuda dos outros, sem brigas, vamos ser separados em duplas para ajudar quando for pra se separar na viajem. -Olhei para Namjoon, e esquerdo.

-Bom, vamos amanhã bem cedo, então junto todas as coisas úteis que vocês tem. -Namjoon disse, e eu levantei a mão. -Jungkook?

-Eu posso dizer uma coisa? -Perguntei, abaixando a mão.

-Claro. -Namjoon falou, me levantei e andei até o seu lado.

-Eu...só queria falar que...temos que trabalhar em grupo, com a ajuda dos outros, sem brigas, vamos ser separados em duplas para ajudar quando for pra se separar na viajem. -Olhei para Namjoon, e sussurrei um: "Possos escolher as duplas?", e ele assentiu, sorrindo. -Tá...Yoongi e Taehyung, Jackson e Mark, Bambam e Jinyong, Yugeom e Yoongjae, Jin e Namjoon, Hoseok e JB...eu e Jimin. -Senti meu rosto corar, e não consegui olhar para Jimin. -É...v-valeu pela atenção, obrigado. -Sorri envergonhado, e sentei no meu lugar, e depois de um bom tempo, olhei para Jimin, que tinha as bochechinhas vermelhas, a cabeça baixa e um sorriso fofo no rosto.
                                              
-Podem descansar, porque amanhã é um dia longo..-Namjoon disse, e todos se levantaram, e começaram a circular, e eu fiquei ali, de cabeça baixa.

Depois de um tempo olhei para a frente, e Jimin me encarava, com os seus olhos vermelhos sangue, que encantava todos que olhavam para ele.

-O que foi? -Falei, e ele soltou uma risada.

-Nada. -Ele disse, sorriu, se levantou, vindo em minha direção, e estendendo a mão em minha direção. -Vamos dar uma volta. -Olhei para sua mão, e peguei a mesma, me levantando, sendo puxado por Jimin.

'^' '^'............................................'^' '^'

Fomos para perto de duas árvores, e sentamos entre elas, ficamos em silencio.

-Kookie...-Ele me chamou de...KOOKIE? Corei na hora, e sorri. -Como te conheci?

-Eu lembro que você me disse que...antes de me conhecer, você sonhou comigo, dizendo que na proxima parada que você desse, você ia me achar, e então você foi, parou em um posto de gasolina, e foi até a loja de conveniencia, e me achou no mei de um monte de pedaços de vidro...-Soltei um suspiro. -Você perguntou se eu lembrava de você só que eu lembrei só o seu nome. -Olhei para ele...e ele sorriu.

-Fico triste por não me lembrar. -O sorriso dele se desmachou.

-Oh! Não fique, não é culpa sua. -Sorri, e segurei a sua mão, e ele encostou a sua cabeça em meu ombro, e eu comecei a cantar. -Tenho andando destraido, impaciente e indeciso, ainda estou confuso, só que agora é diferente, to tão tranquilo e tão contente...

-Quantas chases desperdicei, quando o que eu mais queria, era provar pra todo mundo, que eu não precisava provar nada pra ninguem... -Jimin continuou.

-Me fiz em mil pedaços, pra você juntar, e queria sempre achar explicação pro que eu sentia, como um anjo caido, fiz questão de esquecer, que mentir pra si mesmo, é sempre a pior mintira...-Sorri de canto.

-Maaaaais, não sou mais, tão criança, a ponto de saber tudo, já não me preocupo se eu não sei porque, as vezes o que eu vejo quase ninguem ver, eu sei que você sabe quase sem querer, que eu vejo o mesmo que você...-Jimin finalizou, e me olhou. -Você canta muito bem...

-Você também. -Sorri, e ele também.

Ficamos nos encarando, até que eu fui me aproximando, ainda sorrindo, e segurei sua nuca, selando os nossos labios, em um beijo carinhosamente fofo.

O beijo doce e suave de Jimin me fazia esquecer todos os meu problemas, todas as minhaa tristezas e todas as minhas duvidas do amor. O amor é lindo. A amizade é essencial. A paixão é inevitável.

Me sentia especial beijando ele, me sentia um rei provando daqueles labios macios, me sentia uma criança boba beijando ele.

Me destanciei dele, e sorri olhando para o chão.

-Eu...adoro quando você faz isso. -Ouvi a voz fininha de Jimin do meu lado, sorri e me virei para ele.

-Eu sei. Faço isso de proposito. -Soltei uma risada, e ele também.

-Provocador. -Ele disse, beijando a minha orelha, fazendo meu corpo se arrepiar, me sacudi todo e me levantei, e ele se levantou junto.

-Eu sei. Faço isso de proposito. - Sorri e ele também.

-Ata. -Ele falou, andando do meu lado, até o centro do acampamento.

-Jimin...meio que...a gente...esta namorando, né?-Falei, sentindo uma descarga eletrica percorrer pelo meu corpo.

-Pois é. Eu sei. -Ela falou sorrindo.

-O que você tem a dizer sobre isso? -Perguntei, imitando um microfone com as mãos, colocando proximo a boca dele, ele soltou uma risada.

-É um sonho pra mim. -Ele disse sorrindo, e eu corei levemente.

-Então estamos sonhando junto. -Falei, e ele sorriu, me dando um selinho.

                  POV Jimin(on)    

-Taehyung, da pra você ficar quieto, por favor. -Falei, olhando com raiva para Taehyung, que não parava de cantar, enquanto Jungkook estava sentado do outro lado da mesa, de cabeça baixa.

-Sem graça. -Taehyung falou, enchendo sua bochechas de ar, e cruzando os braços.

-TaeTae, você é muito fofo. -Falei, apertando as bochechas, mais parei no ar quando percebi que Jungkook encarava a gente, com olhar de ciumes, então me distânciei de Taehyung, e abaixei a minha cabeça.

Comecei a murmurrando alguns "Hum", no ritmo da primeira música que eu cantei para o Jungkook. (Te encontrar -Modéstia parte)     

-Eu...lembro dessa música. -Jungkook disse, e eu levantei minha cabeça para encará-lo. -A primeira.

-Sim. -Sorri, e fiquei olhando para trás de Jungkook, e vi JB se aproximando de nós e se sentando ao lado de Jungkook.

-Olá. -Ele disse, sorrindo.

-Oi. -Jungkook disse, e apontou para mim. -Esse aqui é o Jimin. -JB estendeu a mão em minha direção, e eu apertei a mesma.

-Prazer Jimin, sou JB. -Ele sorriu. -Jungkook falou muito de você.

-É mesmo...-Olhei para Jungkook. -Bem ou mal?

-Bem, né Jimin? -Jungkook disse, maia interrompi ele.

-Quero ouvir dele Kookie. -Sorri, e voltei a olhar para JB.

-Ele falou tão bem de você, que parecia que você era um principe para ele. -JB sorriu.

-Ele não parecia, e nem parece, ele é um principe. -Jungkook olhou para mim, e piscou, e eu sorri envergonhado.

-Vocês...estão namorando? -JB perguntou, olhando para Jungkook.

-Hm...mais ou menos. -Jungkook sorriu para JB, e abaixou a cabeça.

-Esse "mais ou menos" quer dizer o que? -JB sorriu, e eu falei para mim mesmo: "Eu, literalmente, não gosto dele."

-Quer dizer que não "assumimos", mais...ficamos as vezes. -Jungkook sorriu, e olhou para mim, murmurrei um "Uhhum", e olhei para Taehyung, que batucava na mesa, em um ritmo que eu desconhecia, mais depois de um tempo lembrei...

-Hum, hum, hum...não sou bom de rap, mais eu...

-Vou escrever mais de um milhão de canções pra você ouvir, que meu amor é teu, teu sorriso me faz sorri, eu vou de marte até a lua, se sabe eu já to na tua e não cabe tanta saudade essa verdade não inclua, eu sei o que eu faço, nosso caminho eu traço, casal fora da lei ocupando o mesmo espaço, se eu to contigo não ligo se o sou não aparecer, é que não faz sentido caminhar sem dar a mão pra você, teu sonho impossível vai ser realidade eu sei que o mundo ta terrivel mais não vai ser a maldade que, vai me tirar de você, eu faço você ver, pra tu sorrir eu faço o mundo em inteiro, sabe que eu... -Yoongi chegou perto da mesa, mando o rap dele.

-Caramba, esse ai tem futuro. -Taehyung disse, pulando no colo de Yoongi.

-Pra ter o teu sorriso descubro o paraiso é só ver a sua boca que eu perco o juizo por inteiro, sentimento verdadeiro e ouvir você ao som de janelle monáe, vem deixa acontecer, e me abraça que o tempo não passa quando cê ta perto, dá a mão e vem comigo que eu vejo como eu to certo, eu digo que te amo, cê pede algo impossível, levanta da sua cama, hoje o sol esta encrivel. -Hoseok chegou, e socou a mesa.

-Tá me desafiando, é? -Yoongi perguntou, colocando Taehyung no chão, e virando para Hoseok.

-Não, imagina, pode ficar no seu canto ai, tá? -Hoseok sentou do meu lado, e Yoongi do lado de Taehyung.

Olhei para Jungkook, e ele conversava muito com JB, Hoseok me cutucou, e eu olhei para ele.

-Senti o seu ciúmes. -Ele sussurrou no meu ouvido.

-Só um pouquinho. -Sussurrei de novo.

-, você tem que provocar ele, é só você continuar sussurrando, ele vai reparar. -Hoseok sorriu, e eu retribui.

-Boa ideia, mais...o que é pra sussurrar. -Sussurrei de novo.

-Sei lá, improvisa. -Hoseok se distanciou do meu ouvido, e logo Jungkook olhou para nós, Hoseok voltou a sussurrar. -Esta dando certo, ele esta olhando.

-Isso é bem...legal, principalmente com Jungkook. -Sussurrei para Hoseok, que soltou uma risada.

-Deixa ele saber disso. -Hoseok sussurrou, e eu sorri, olhando para Jungkook.

Ele apontou para o canto do acampamento, e se levantou.

-Já volto. -Falei, e segui Jungkook, correndo para alcançá-lo.


Notas Finais


Vlw gente...suas linda e seus lindos (escrevi isso auvindo Zé Zé de Camargo e Luciano, no HoraDoFaro)

Que caralha né???? Kkkkkkkkk

Espero que tenham gostado ❤❤

Boa noite pra vcs...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...