História The Witch - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Namjin, Vkook, Yoongseok
Visualizações 6
Palavras 1.089
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishounen, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Científica, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - 01


           

           O  P A D R E


           PARK JIMIN


Hye Soo acordou com seu irmão de criação Jung Kook a chamando, a garota se revirou na pequena cama, pois não queria levantar. O mais velho suspirou, ele já estava acostumado com a preguiça da irmã. Por fim, Hye Soo levantou-se da cama, bagunçando seus cabelos enquanto bocejava. A garota vestia apenas uma de suas camisetas e a roupa intíma. Jung Kook já estava arrumado para começar o seu trabalho na fazenda. 

    A garota foi até ao banheiro, onde se lavou e se vestiu paea o trabalho. Como era muito díficil de uma garota arranjar um emprego, Jin deu uma idéia para que ela pasasse a se vestir como um homem, chamado Oh Hyan Sik.

   Saiu do banheiro e foi até a cozinha, onde encontrou Jung Kook sentado à mesa converesando com Yoongi, um dos emprrgados da fazenda onde os dois irmãos trabalhavam e moravam.

  

   - Bom Dia! - Disse a garota com sua voz forçada como sempre.


   Yoongi a olhou e respondeu minimamente. O fato era que depois da morte de seu pai, ele se tornara frio, e achava que Hyan Sik era uma ameaça para sua armadura de arrogância, já que o menor era uma pessoa doce e sabia como conquistar as pessoas.


     - Então, quem vai buscar o filho do patrão? - Jung Kook perguntou, retomando a conversa.


   - O Hoseok, talvez o Namjoon também vá! - Yoongi disse tentando não prestar atenção no garoto que se sentava ao lado do amigo.


   - Ah! Espero que ele seja legal! - Jung Kook dizia com animação. Hyan Sik sorriu, pois gostava da inocência de seu irmão, o que fazia querer o protege-lo sempre.


   - Dizem que ele vai trazer um amigo! - O mais novo resolveu falar pela primeira vez.


   - Sim, e também há boatos de que ele é um caçador de bruxas, mas nunca vi nenhum membro da família Kim comentar sobre isso! 


    Tanto Jung Kook quanto sua irmã ficaram alertas. A chegada desse homem iria ameaçar muito o disfarce da menina. Eles se entreolharam mas depois sorriram para o menino.


    - Seja como Buda quiser! - Jung Kook disse. - Pois não acretido nesse negócio de bruxaria! 


   - Mas os ocidentais acretidam, e temem. E agora estão contaminando nós! - Yoongi disse, sua postura estava rigída pois também havia segredos em sua família.


   - Bom, melhor irmos, Jin deve estar nos esperando! - Hyan Sik disse se levantando, seguido pelos outros garotos.


   Todos saíram da choupana, meio afastada das outras, caminharam até a casa de Seok Jin, que os esperava para o café da manhã. Ao chegarem na casa do amigo bateram palmas. Jin que estava ocupado na cozinha apenas gritou um "entra". Os garotos entraram e já foram para a cozinha. Hyan Sik já foi logo ajudando o mais velho.

   Jin sempre cuidava de todos que precisavam, ele era conhecido como a Omma na sua rodinha de amigos, e tinha alguns que alegavam que Hyan Sik era seu preferido. Isso era verdade, Jin via o menor como Moon Hye Soo, e queria a proteger de tudo, sempre que podia, ia visita-la e levava ervas medicinais para a menina. De fato, Hye Soo sentia muita confiança em Jin, por confessava quando fazia algo que não podia, ou quando algo muito importante acontecia. 


   - Está pronto! - Jin disse referente ao café da manhã.


   Todos se sentaram a mesa para comerem, foi quando Jung Hoseok bateu à porta. Todos estavam ali, reunidos como uma família, e na verdade aqueles cinco jovens tinha apenas uns aos outros. Hoseok como sempre fazia piadas para que todos rissem, e quando a piada continha malícia Jung Kook ficava sem entender causando mais risadas ainda.


  [...]


   Hyan Sik estava a colher amoras para que Jin, que também era cozinheiro da fazenda, fizesse uma torta para a sobremesa. Cantarolava uma música enquanto tazia seu trabalho. Após colhher tudo, Hyan Sik se direcionou à casa principal, com a sexta nas mãos. Ao longe viu uma carruagem chegar, Namjoon a conduzia, o menino parou e ficou a observar. Um menino ruivo desceu do tranporte, ele era lindo na opnião de Hyan Sik, mas quando segundo garoto desceu, seu coração acelerou. O garoto então olhou em sua direção, fazendo com que o menino voltasse ao seu trabalho. 

   Chegando na cozinha, encontrou o senhor Kim, o dono da fazenda. Ele parecia estar bravo com alguma coisa, e gritava com Jin. Hyan Sik enloqueceu perante aquela cena, e sem mesmo saber o que acontecia, se colocou entre os dois homens.


  - Não grite com Jin! - Disse em tom de voz normal. O que todos ali sempre admiravam ou detesva no menor, era que nunca perdia a calma ou exlodia com os demais, não importava a situação.


   - Saia da minha frente! Não permitirei que me trate como um animal! - O senhor Kim gritou.


   - Então por que está o tratando como tal? - Perguntou calma, porém desafiador.



   - Olha como fala comigo, pirralho! 


   - Então apenas me diga o porquê de você  estar gritando com Jin!


   - Ele quebrou uma garrafa de vinho, o preferido de meu filho! - Disse lançando um olhar mortal para Jin, que se encolheu.


   - Não é você  o mais rico dessa vila? Tão rico, mas está perdendo a cabeça por causa de uma garrafa de vinho!

 Como sempre, Hyan Sik estava sendo desafiador e irônico. O senhor Kim odiava tal comportamento, mas adimirava seu destemor.


  - Vá preparar o quarto do amigo de meu filho! - Disse se rendendo.


    O senhor Kim saiu da coxinha pisando duro. Hyan Sik sorriu e mordeu os lábios, como sempre fazia após conseguir o que queria. Ao olhar para cima viu o menino de antes, de cabelo platinado, a olhando. Por sorte, Jin fechou a porta da cozinha.


   - Ele é lindo! - Disse em estado de choque. 


   - Nem pense nisso! Ele é Park Jimin! - Jin advertiu-o.


   - Olha! Você já sabe o nome dele! 


   - E sei também que ele é padre!


   - Padre são aqueles caras que pregam para a Igreja, e não podem casar? - Perguntou se sentando à mesa.


   - Sim, eles fazem tipo uma promesa de se manterem puros. - Disse pegando a sexta de amoras para lava-las.


    - Humm, interessante! Vamos ver quanto tempo ele vai conseguir manter essa promessa!


    - O que você vai fazer? - Perguntou preocupado.


     - Sou uma bruxa Jin, dizem que nós somos acostumadas à seduzir oa homens e faze-los pecar!






 CONTINUA...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...