História Thieves Of Heart - Capítulo 16


Escrita por: ~ e ~Kehnascimento

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 27
Palavras 693
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drabble, Drabs, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Luta, Mistério, Poesias, Policial, Romance e Novela, Sci-Fi, Shoujo (Romântico), Violência, Visual Novel, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 16 - So be it


P.O.V Kohuru

Depois de organizarmos o plano, talvez seria hora de coloca-lo em ação, por mais que eu não esteja tão animada quanto a isso se for para o nosso bem , que seja. Mas como eu estava sem nada pra fazer, resolvo sair um pouco.

As outras garotas faziam suas atividades normalmente, como comer, dormir, redes sociais e etc. E como eu não tinha nada para fazer resolvi sair um pouco tomar um ar, roubar uma cartão e fazer compras, sei lá, algo que me tirasse do tédio. 

Fecho a porta do quarto, caminhando alguns metros, passando pelas portas até alguma delas abrir na minha cara.

Levo rapidamente  minhas mãos ao nariz encarando a pessoa com uma certa raiva.

-Ooh me desculpe e...

Ao perceber quem era me reverencio, impedindo contato visual - Tudo bem, foi sem querer -- Me levanto já correndo, o deixando no vácuo, mas no meio do caminho ele me chama.

-Eun-Kyung?! --Respiro fundo e olho em sua direção.

-Jungkook.

-Oque faz aqui?Em Londres? --Fico em dúvida do que responder, mas na hora invento uma boa desculpa.

-Resolvi tirar umas Férias daquela escola --É ou talvez nem tão boa assim  -E você oque faz aqui?

-Hum, sua resposta e algo bem contraditório,  afinal você não fazia absolutamente nada -- Ele solta uma risada nasal, me fazendo querer estrangula-lo ali mesmo -Bom eu vim a trabalho.

Interessante.

-Legal -- Me viro outra vez com o mesmo objetivo, ir embora, sem mais nenhum pronunciamento do coreano,  desço as escadas e vou a cafetaria que ficava do outro lado da rua.

Me aconchego em uma  cadeira do lugar,  esperando algum atendente vir me atender.

-Com licença, a senhorita já Fez seu pedido?

-Não. 

Ele puxa ume pequeno caderno de seu bolso e pega uma caneta que estava pendurada em seu uniforme -Oque gostaria. 

-Oque vocês tem?

-Café com leite,  Mocha,  Cappucc...

-Cappuccino.

-Só isso senhorita? 

-Talvez --Ele me encara meio confuso mas logo anota deixando seu pequeno caderno em cima da mesa.

Suspiro, olhando a paisagem pelo grande vidro, o lugar estava calmo, com poucos clientes. Paro um pouco para pensar, se Jungkook estava acompanhado pelos seus companheiros no vôo provavelmente ele também não deve estar sozinho naquele apartamento, então talvez eu possa esperar que eles saiam entrar e vasc...

-Já pediu?

De repente alguém senta a mesa, não fico surpresa ao perceber quem era.

-Oque faz aqui?

-Assim como você eu não tenho nada pra fazer.

-Ae você vem me encher o saco?

-É...

-Garçom, acho que vou leva... --Num movimento rápido Jungkook tampa minha boca, Tiro sua mão de minha boca -- Qual o seu problema?

-Não, qual o seu problema?! --Ele passa a mão pelos cabelos -Você está me evitando? 

-Não, eu-eu só acho que-que --Droga por que estou gaguejando? -Eu só acho que já que você não gosta de mim e eu não gosto de você, fingir que não nos conhecemos seria uma escolha mais sensata a se fazer.

Eu realmente não sei oque disse mas pela cara que ele fez, acho que ele entendeu.

-Tudo bem, você deve estar certa , mas já que não nos gostamos, oque acha de nos conhecermos  melhor?

-Que, como assim?

-Eu tenho uma proposta, que pelo oque eu sei acabaria com o nosso tédio de uma vez.

-E qual seria? --Nos encaramos olho a olho.

-Terminarmos aquilo que começamos --Logo após sua fala ele para é pensa um pouco.

Talvez seria uma boa oportunidade de pegar algo que nos ajude a descobrir o real motivo deles estarem aqui.

-Mas é claro --E logo após minha fala ele da um sorriso de canto.

 

 

P.O.V Jungkook

 

-Eu tenho uma proposta, que pelo oque eu sei acabria com o nosso tédio de uma vez.

-E qual seria? --Isso era tudo oque eu precisava ouvir.

-Terminarmos aquilo que começamos --Acho que a peguei de surpresa, por mais que eu tivesse dito que não gostasse dela, naquele dia algo dentro mim se ascendeu quando sua boca se encontrou com a minha, ficamos em uma bela sintonia, confesso que foi bem difícil me segurar.

-Mas é claro --Dou um sorriso de canto.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Então que assim seja.


Notas Finais


Genteeeee desculpa pela demora postar os capitulos, e que eu ando muito ocupada 😧😧 e eu não queria deixar vcs sem.Então novamente desculpa pela demora, Eu não tenho um dia espacífico pra postar ep, então não posso dizer quando vou postar outro, desculpa.Eu sei que ninguém se em porta mas hoje É MEU NIVER dia 11/08 👏👏👏👏


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...