História Things so complicated - Capítulo 135


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Visualizações 2
Palavras 669
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Mais um capítulo pra vocês amores, espero que gostem.

Capítulo 135 - 134-Mirella


Fanfic / Fanfiction Things so complicated - Capítulo 135 - 134-Mirella

📱Mensagem on -?📱

Olá Rachel, está tudo tão calmo não acha?Quero animar isso

Para de ser babaca

Me obedeça vadia.

O que quer agora?

Venha me ver

📱Mensagem off -?📱

-Amor?-Gabi estava estralando os dedos em frente ao meu rosto.

-E..e..eu

-Que foi?

Deixo que ela leia ela rejeita a ideia de me deixar ir, mas eu penso no que poderia acontecer não digo nada, afinal não quero ela brava comigo.

Chegamos a casa da mãe da Ana, e ela está amarrada, chorando.

Eu desamarro ela, e grito-CADÊ?

-Ele le ...le...levou

-QUEM?

-Na.na.na....não sei

-Cuida dela amor, eu vou atrás desses porras

-Amor não

-Gabi meus dados não!

-Se Cuida

-Prometo

Corro até o carro, deixo a arma na minha cintura, e espero que ele me mande algum endereço, e ele logo chega, vou até lá, e ali estava um armazém.

Vazio, filho da puta coordenada errada.

-DESGRAÇADO

Percebo uma movimentação, povo da Vórtex de novo?São eles então!

Lembro de uma menina, Mirella, a garota era das boas, de briga e daquelas que tortura, me recordo de uma vez que a vi em trabalho, eu não me meteria com ela, mas, me passaria por ela, AGORA!

(Flashback on)

Liam estava suando frio com a cena a nossa frente, eu só queria mostrar a ele no que esse garoto estava se metendo, Mirella torturava um drogado que a devia, ela passava faca em partes do corpo dele, prendia com aço os braços dele a ponto de deixar marca, e usava algum ácido que estava abrindo a pele do garoto, eu já tinha visto essa garota em trabalho e de verdade não quero me meter com ela.

(Flashback off)

Me vesti toda de preto tópico da Vórtex.

Santana estava presa em um dos quartos e eu a ouvia gritar, ela precisa de mim.

-Olá Mi-Mike diz com um sorriso torto no rosto

-Sai da frente, tenho mais o que fazer

-Dia ruim?

-Acabou agora que te vi!-O empurro, ainda lembro da vez que ele queria me estuprar.

-Tenho novidades

-Boas?

-As que você queria

-Diga então

-Me da um beijo?

-Vai se fuder-Empurro ele de novo.

-Santana foi pega

-A vadia está de volta

-Eu disse que essa fuga não daria em nada-Ele diz confiante

-Você falhou!

-Mi foi mal

-Incompetente

-Bom, suas torturas estão liberadas

O quê?Esse é o fim de Santana? Tortura?

-Otimo, vou aproveitar isso, tchau fofinho

-Ta estranha hoje

-Seu cú

-O teu

-Cala a boca

Subo correndo, e percebo que em todos os quartos estão pessoas fortes, pessoas amarradas nas camas, e um quarto com tudo que se precisa para matar, torturar.

Entro no último quarto e tranco a porta atrás de mim-Santana sou eu

-Rachel?

-Exato, fale baixo

Percebo algo ligado em sua veia, não entendo o pra que disto.

-SAI DAQUI SUA VADIA-Ela começa a gritar, eu leio o que está escrito "Fxt" algo ligado a alucinação, erro em reconhecimento de pessoas e coisas, e acessos de iria.

Tiro a intravenosa dela e ela apaga.

-Abre a porta maninha

-Mike você já fez muita merda some daqui

-Ta tá, se precisar tô no corredor.

-Some daqui, melhor vá atrás da vadia que eu quero

-Qual das duas?

-A Rachel, ela ainda não veio

-Mandou a mensagem?-Mike diz, então é Mirella?

-Sim, mas a vaca não aparece!

-Beleza, dados intactos, por enquanto

-Onde estão?

-Quarto do lado

-Ok

Ele se vai, e os passos cessam, abro a porta, ninguém, saio do quarto e entro no outro, uma caixa com todo meu passado "a parte ruim" que foi feito para se passar por presentes, foram recuperados pela Ana, e não podia deixar isso na mão deles.

Volto pra Santana e pego tudo do quarto, os remédios, e armamentos da casa.

Entro no carro e volto, preciso que Santana esteja aí, quero confundir a Vórtex e não colaborar, acelero e volto para casa.

Deixo os dados no carro, e guardo tudo que roubei no porta malas.

Volto pra casa da mãe da Ana e digo para ela ir morar com a filha, ela aceita, e então volto pra casa com Gabi.

Tomo banho e fico na cama olhando para o teto, Gabi se deita em meu peito e só percebo isso um bom tempo depois.

-Amor?

-Oi Gabi

-Ta tudo bem?

-Vai ficar

-E então?

-Peguei o que era meu

-Só?

-E o lado podre deles, me passei por Mirella e essa vadia é quem nós pensamos ser um homem

-Ela é -?

-Sim

-Como?

-Não sei ainda, mas pelo que parece sim.


Notas Finais


Se gostou comente e favorite


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...