História This ain't a love story - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Diário, Drama, Realidade, Relacionamento, Romance, Sonho
Visualizações 45
Palavras 267
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Fantasia, Festa, Harem, Mistério, Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Olá gente linda!

Bom, antes de mais nada, quero agradecer a todos que aceitaram meu convite e me deram a oportunidade de mostrar esse trabalho.

E vinha andando à pé do curso, pensando em tantas coisas que resolvi passar por aqui.

Boa leitura!

Capítulo 2 - Dia 2 - O clichê das almas gêmeas


Fanfic / Fanfiction This ain't a love story - Capítulo 2 - Dia 2 - O clichê das almas gêmeas

"Existe uma lenda.

O mito dos Andróginos.

O conto que narra como Zeus partiu esses seres tão perfeitos ao meio.

E como fomos todos fadados à viver à procura de um abraço que desse o encaixe perfeito...

De uma pessoa...

Destinada à nos completar."

 

Todos diziam à ela que eles formavam um lindo casal.

Que o Sr. N era um bom partido.

As pessoas têm essa mania de achar que não seremos felizes se não tivermos um par...

Ele tinha uma cicatriz na sobrancelha direita.

Sem entender muito sobre o amor, e tendo sido criada às regras dos contos de fadas,

Ela decidiu experimentar aquilo de se apaixonar.

 

"Que mal isso poderia me fazer?"

 

Aceitando aquele pedido, recebeu também uma série de regras de comportamento de brinde.

Ele sabia beijar muito bem.

Ela teria que se desfazer de suas roupas curtas, e ele diria quem eram as pessoas que poderiam ser suas amigas.

Era um fim de tarde e as nuvens tinham tons de lilás, rosa e laranja.

O sabor do beijo dele era uma mistura de café e cigarros baratos.

Ela aceitou aquilo, mesmo que não gostasse.

A pobre menina não sabia que aceitar facilmente coisas que não gosta poderia ter um resultado muito negativo em sua vida.

A sirene da fábrica ao lado dava ordens de partida aos seus funcionários.

A garota tinha sido laçada, e se sentia feliz em estar presa.

 

"Meu sonho de princesa está apenas começando."

 

Pobre menina ingênua... O mundo ainda mostraria à ela que nem tudo são flores.

E que uma mulher forte às vezes é construída de formas dolorosas...

 

 


Notas Finais


Ahn, acho que alguns de vocês já devem ter passado por momentos como os desse capítulo, ou pelo menos conhecem alguém que esteve ou está nessa situação.

Minha finalidade com essa história é trazer fatos cotidianos, coisas que são comuns a todos, umas boas e outras não tão boas assim.

Espero que tenham curtido e me despeço aqui. Até mais! *Kisses*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...