História This I Promise You ( Norminah) - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane, Fifth Harmony, Lauren Jauregui, Normani Kordei
Exibições 315
Palavras 1.608
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


||•Cheguei amores•||

PS: n costumo escrever ouvindo músicas, mas esse EP eu sugiro que escutem Ed Sheeran - Photograph ou Thinking out loud

Erros vou corrigir depois. Boa leitura.

Capítulo 13 - Namora comigo?


Fanfic / Fanfiction This I Promise You ( Norminah) - Capítulo 13 - Namora comigo?

POV DINAH

Miami, Flórida 03 de outubro
Terça-feira

Hoje é o grande dia. Sim, hoje vou pedir Normani em namoro. Ja faz mais de um mês que estamos juntas, e ja esta mais que na hora de oficializarmos. Queria fazer o pedido de uma forma simples, mas que fosse especial. Avisei a Normani que iria visitar meu pai, mas na verdade eu fui comprar as alianças e algumas coisas para decoração. Passei o dia todo andando, entrando e saindo de joalherias, entrei em varias lojas de decoração, e voltei pra casa. Normani ia dormir no meu apartamento hoje, como quase todos os dias. Pedi ajuda a Camila pra organizar tudo, e a mesma me ajudou. Ja estava quase no horário da Mani chegar, então eu fui correndo para o banheiro. Entrei no meu closet e vesti um vestido preto colado ate a cintura, e soltinho ate no meio da coxa. Nos pés um salto alto, a maquiagem leve, mas destacando bem os olhos, e deixei os cabelos soltos.
Estou nervosa, muito nervosa. Será que ela vai gostar? E se ela não aceitar namorar comigo? O medo de perder ela só aumenta, junto com meu nervosismo. Eu vou ter uma parada cardíaca antes mesmo dela chegar.
Estou com a caixinha de nossas alianças na mão, e eu estou suando.

"OK Dinah, senta e se acalma. Vai da tudo certo. Ai meu deus eu vou morrer" minha mente estar me matando.

De repente ouvi o baralho da porta se fechando, e foi quando percebi que ela tinha chegado.

— É agora Dinah - falei pra mim mesma.

POV NORMANI

Passei o dia todo na empresa assinando papéis, e em reuniões intediantes. Eu só queria voltar pra cama e dormir. Hoje mas cedo liguei pra Dinah, e a mesma disse que ia visitar os pais, e que nos veríamos a noite. Conversamos alguns minutos por telefone e depois desliguei. O resto do dia foi um pouco corrido, mas deu tudo certo. Estava na hora de ir pra casa. O caminho foi bem calmo, e rapidamente cheguei, fui direto tomar banho, entrei no closet e me vesti. Coloquei um cropped branco, e um short preto. Nos pés uma sandália rasteira. Cabelos soltos, e maquiagem clarinha. Entrei no meu carro e fui em direção a casa da Dinah. Estava morrendo de saudades, alias passamos o dia todo longe, e sinto falta de poder beija-la. O caminho foi um pouco demorado, o trânsito estava um pouco movimentado, mas consegui chegar. Entrei no elavador, e apertei para ir ao vigésimo andar, espero que Dinah já tenha chegado. Fui andando ate a porta do seu apartamento e a mesma estava apenas encostada. O que é bem estranho porque Dinah sempre deixa a porta trancada. Fui entrando bem lentamente e todas as luzes estavam apagadas.

"Ok, já estou ficando com medo" pensei entrando no apartamento e ligando as luzes.
Eu senti meu coração parar por uma fração de segundos. O chão estava coberto por pétalas de rosas, fazendo uma trilha até a sala,e o ambiente com um cheiro doce. "O que Dinah Jane estar aprontando meu deus". Fui seguindo a trilha de pétalas de rosas que acabou em frente a TV,e nela tinha algo escrito.

" Oi meu amor, tenho uma surpresa pra você, mas antes preciso que veja esse vídeo, o controle está no sofá. Espero que goste. Te Amo"

Com calma fui ate o sofá sentei no mesmo, peguei o controle e apertei play para o video começar. Passou várias fotos de nós duas juntas e alguns videos que fizemos durante todo esse tempo que passamos juntas, e tocava photograph do Ed Sheeran.
Depois de alguns minutos apareceu um video de Dinah e Camila, sentadas na varanda. Nesse video Dinah falava que estava radiante por ter me conhecido e que nunca iria se esquecer da nossa primeira conversa, de nossas trocas de olhares e cada momento que passamos juntas, cuidando uma da outra. Falou que tinha escrevido uma música pra mim, e que como não era boa com violão, Camila iria lhe ajudar.

" É agora que eu morro Jesus" pensei sentindo meu corpo inteiro paralisar de nervosismo, e meus olhos marejados.

Camila começou a tocar, e antes de Dinah cantar ela sorriu pra câmera.

Por tanto tempo eu vivi na solidão
Por ter medo de ferir meu coração
De repente vem você com teu jeitinho
Me enchendo de amor e de carinho.

Ao teu lado então eu pude aprender
Que o amor é o que nos faz viver
Graças a Deus saí daquela indecisão
Você trouxe a paz pro meu coração

Foi com esse amor que eu tanto sonhei
Se hoje sou feliz, foi porque te encontrei
Você é o encaixe do meu coração
A minha menina, minha princesa, minha inspiração.

Nunca vivi um amor assim pode acreditar
E ao teu lado para sempre eu vou estar
Vem segurar firme aqui em minha mão
Você é a dona ...
Do meu coração.

A essa altura eu já estava chorando horrores, eu não conseguia parar. Saber como ela se sente em relação a nos duas, é a melhor sensação do mundo. Saber que eu faço bem pra ela, e que o sentimento é recíproco, não tem preço.

A mais bela flor que brotou no meu jardim
O mais lindo presente que Deus deu pra mim
Ao teu lado tudo fica tão perfeito
Ah, esse amor não cabe mais dentro peito

Quando estou longe
A saudade faz chorar
Quando perto
O coração acelerá

Com você eu quero
mais, e mais, e mais
Hum, minha menina
esse amor feliz me faz

Foi com esse amor que eu tanto sonhei
Se hoje sou feliz, foi porque te encontrei
Você é o encaixe do meu coração
A minha menina, minha princesa, minha inspiração.

Nunca vivi um amor assim pode acreditar
E ao teu lado para sempre eu vou estar
Vem segurar firme aqui em minha mão
Você é a dona
Do meu coração.

Depois apareceu um pequeno recado pra mim.

" Tenho mais uma surpresa pra você. Preciso que venha ate o nosso quarto. "

Ela quer me matar hoje, eu tenho certeza. Fui andando ate a porta do seu quarto, enquanto limpava algumas lágrimas e quando abri a porta, tinha algumas pétalas de rosas jogadas no chão, as luzes apagas e algumas velas iluminando o local. E lá estava ela, sentanda na cama, me fitando. Fechei a porta com calma e fui andando ate ela, que rapidamente se levantou e me abraçou. Me afastei um pouco para poder beija-la, apertei um pouco mais minhas mãos em volta de suas cintura, e ela segura minhas bochechas. Com calma roçei meus lábios nos seus, e lambi seu lábio inferior, pedindo passagem para apronfundar o beijo, e ela negou. Ela foi parando o beijo com selinhos.

— Oi. - sorriu

— Oi. - ri do seu nervosismo

— Boa Noite.

— Ótima noite. - dei um beijo, em seus lábios.

— Já posso falar a próxima surpresa? - falou sorrindo, enquanto suas mãos faziam um carinho leve em minha nuca.

— Com certeza.

— Mas antes, eu preciso te falar algumas coisinhas. - assenti e a mesma continuo. - Bom, eu sei que não demonstrou muito o que sinto por você e isso me deixa mal, porque eu não quero que pense por nenhuma momento, que não sinto o mesmo. - abri a boca para falar, mas ela levou seu dedo indicado ate meus lábios. - Não fala nada, só me escuta. - Assenti para que ela continuasse - Mani, eu não me apaixonei por você. Eu caminhei ate o amor com você, com meus olhos abertos, escolhendo todos os passos ao longo do caminho. Eu acredito em destino, mas também acredito que nos estamos fadadas para fazer as coisas que nos escolhemos. E eu escolhi você, em centenas de vidas, em centenas de mundos, em qualquer versão de realidade, eu vou encontrar você e vou escolher você. Cada dia eu te amo mais, e o teu sorriso faz os meus olhos brilharem. E eu não quero mais parar de te beijar. Eu sou péssima em demonstrar sentimentos, mas Mani, eu realmente te amo. Escolher ficar com você foi a melhor escolha que fiz. E eu quero ter você comigo sempre, não quero correr o risco de você escolher outra. Então eu queria saber se...

Falou pegando uma caixinha na cor azul que estava na cama. E voltou a olhar pra mim

—  Você aceita namorar comigo?- falou sorrindo e abrindo a caixinha.

Tinha duas alianças prata, elas eram delicadas, tinham duas listras finas, e brilhavam muito. Abraçei Dinah e sussurei no seu ouvido

— Você ainda tem dúvidas? - ri baixinho. - eu aceito.

Me afastei beijei  sua boca, foi um beijo curto, rapidamente nos separamos, e ela pegou a aliança pra colocar no meu dedo, e depois beijo a mesma. Peguei sua aliança e vi que dentro estava escrito Love is Enough “o amor é suficiente”
Sorri e segurei sua mão para colocar a aliança, beijo o local. Ela me abraçou e começou a me beijar, eu nunca cansaria de beijar seus lábios. Pedi passagem, e ela deu pela primeira vez durante a noite. Explorei cada mínimo cantinho de sua boca, apertando sua cintura e tendo mais contato com a mesma. Eu poderia passar a noite beijando-a, mas o ar se fez necessário e ela foi parando o beijo com mordidas em meu lábio inferior. Dinah me abraçou e sussurrou em meu ouvido.

— Amor, eu ainda tenho mais uma surpresa pra você. - falou e beijou meu pescoço

" que seja o que eu estou pensando Deus, Amém."


Notas Finais


Espero que tenham gostado. Amo vocês 😬

Hahaha ia da spoiler mais sou difícil.. Ate Depois.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...