História This I Promise You - Norminah - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane, Fifth Harmony, Lauren Jauregui, Normani Kordei
Visualizações 716
Palavras 1.260
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


||• Voltei com mais um EP pra destruir o coração de vocês, porque sou dessas. •||

Erros vou corrigir depois.

Boa leitura

Capítulo 17 - DR ( parte 2)


Fanfic / Fanfiction This I Promise You - Norminah - Capítulo 17 - DR ( parte 2)

POV NORMANI

Miami, Flórida 07 de outubro 2016

Sábado 17:28 PM

Sabe aquele momento que você senti vontade de matar todo mundo? Então, é assim que eu tô me sentindo. Só não decidi se mato o Siope ou Dinah. Muita cara de pau dele chegar onde estávamos e ficar de papinho com a minha namorada, e a mesma ainda responder.. Urgh, eu deveria ter dado um soco na Dinah também. Na mesma hora decidi que iria embora, mas Gina queria sorvete, então eu levaria ela pra comer como havia prometido. Dinah tentou falar comigo, mas eu não quero tocar fogo nela, então disse que quando chegássemos em casa conversariamos, porque assunto é que não vai faltar.
Não a deixei responder, entrei no carro e segundos depois a mesma entrou. Dirigi para sorveteria mais próxima, e notava que as vezes Dinah me olhava. Eu confesso que queria abraça-lá e dizer o quanto a amo, mas ela não me contou nada desse "encontrinho" com aquele otário. Ela encostou a cabeça no vidro da porta do carro, e percebi que ela estava triste, o que me fez sentir meu coração partir, mas eu estava da mesma forma por ela não ter confiado em mim. O caminho todo ficamos em silêncio, apenas Seth e Gina conversavam sobre qual sabor seria o sorvete deles. Acabei decidindo ligar o som. O trânsito estava quase parado e foi um século chegar na sorveteria. Quando chegamos, desci do carro e abri a porta de trás do carro, pegando Seth no colo, coloquei o mesmo no chão, enquanto Dinah pegava Regina. Fomos juntas até a atendente e os dois pequenos pediram os sorvetes, Dinah e eu não queríamos nada, então levamos os dois para sentamos em uma mesa que estava um pouco mais afastada. Assim que sentamos Gina nos olhos e perguntou

— China por que vocês não estão se falando como hoje de manhã? Foi por causa do soco que  Mani deu no Siope? - perguntou curiosa, fazendo Dinah me olhar e depois fitar a mesma.

— Não amor, come seu sorvete pra irmos embora, estou cansada. - falou com um tom baixo e sorriu sem jeito para Gina.

Troquei algumas palavras com Gina e Seth, ignorando completamente a presença da Dinah na mesa, a mesma não falava absolutamente nada.

***

Chegamos no apartamento de Dinah, que assim que entrou no mesmo foi direto para o quarto. Fiquei brincando com Seth e Gina ate Milika vir buscar os dois. Demorou alguns minutos, mas eu adorava ficar com eles. Perguntei se Milika queria falar com Dinah, mas ela disse que não ia poder, porque ela estava atrasada e se for falar com Dinah vai passar umas 5 horas conversando sobre o que aconteceu durante o dia. Ela se despidiu e foi embora.

"Agora estou sozinha com Dinah e já posso matar ela" pensei

Fui andando ate o quarto e bati duas vezes na porta e alguns segundos depois ela abriu. Ela ja tinha tomado banho, estava com um moletom preto e cabelos amarrados em um coque mal feito. Ela deu espaço para que eu entrasse no quarto e fechou a porta.

— Gina e Seth pediram pra te dar um beijo e um abraço, e dizer que eles te amam. - a mesma sorriu e abaixou a cabeça

— Tudo bem! - ficou séria - Podemos conversar agora, ou vai continuar me ignorando? - falou direta

— OK! Já pode começar falando que história é essa de " Você estava linda, e precisamos terminar nossa conversa" - cuspir as palavras com indiferença e Dinah respirou fundo.

— Semana passada eu tive uma reunião com alguns empresários, eles pediram para que eu fosse na Hansen Industry perto do Cupcakes by Hilda e eu fui. Quando eu cheguei lá, Siope veio falar comigo, mas eu não dei importância e fui para o elevador. Papa disse que ele era um ótimo segurança e que não podia me deixar demitir ele, também falou que eu não me preocupasse que ele não ficaria em uma empresa próxima, mas não pensei que o longe fosse na cidade vizinha. - ela falava baixo e com bastante calma, enquanto enrolava o cordão do seu moletom em seus dedos. - Quando o elevador estava quase fechando, Siope entrou no mesmo e disse que queria falar comigo, falei que não queria saber de nada, que estava muito bem sem ele e que não tínhamos nada pra conversar, mas Siope continuou insistindo para que eu ouvisse o que ele tinha pra falar. Disse que estava arrependido por ter feito a oposta com os amigos dele, e que queria outra chance pra fazer as coisas direito. Ele veio se aproximando de mim para me beijar e .. - ela falava enquanto olhava pra mim

— Que escroto. - gritei me levantando da cama.

— Cala a porra da boca e deixa eu terminar. - falou alto e depois continuo - ele tentou me beijar mas eu não deixei, contei que estava namorando e estou muito feliz por ter te encontrado. Sai do elevador e fui pra sala de reuniões, quando a reunião acabou eu ainda fiquei organizando alguns papeis e ele entrou na sala, e começou a me agarrar e falou varias coisas que não vem ao caso. Eu gritei para um segurança que estava do lado de fora que entrou e saí com ele, entrei no carro e vim embora. - falou corada

— Ele tentou te agarrar e você não me contou. - falei tentando manter a calma antes que eu jogasse ela da janela do quarto.

— Amor eu não te contei porque achei que não fosse importante. - ela falou baixo.

— Eu não ouvi isso. - falei olhando para o teto enquanto andava de um lado para o outro, tentando manter a calma. - Não era necessário você me contar que o filho da puta do teu ex, aquele que fez uma aposta com os amigos pra mostrar pra todo mundo que podia transar com a patroa, e que falou várias mentiras de você pra todos que conhecia, que o mesmo estava trabalhando na empresa que você foi pra uma reunião e que ainda tentou te agarrar e depois parece o satanás brotando ate do chão pra dizer oi? - falei alto - tem razão, não era "importante".

— Amor desculpa, eu sei que devia ter contado. - ela estava com os olhos marejados.

A minha raiva foi a mil, eu não acredito ela não confiou em mim, ela poderia ter me contado.. É normal eu querer torcer umas 3 vezes o pescoço dela? Porque essa é minha vontade.

— Eu vou embora, boa noite Dinah. - falei indo em direção a porta

— Mani por favor, não vai. - ela falou tentando segurar as lágrimas

— Não Dinah. Eu queria ficar numa boa contigo sem brigas, mas to vendo que não dá. Desse jeito nos duas só vamos se machucar e se continuar assim nem adianta mais tentarmos.
Eu quero alguém pra me fazer sorrir, e você me deixa triste quando não confia em mim. Tudo que eu mais quero é ficar com você, mas acho que você precisa pensar assim como eu e quando você decidi confiar em mim, pode me procurar. Eu te amo, dorme bem. - falei triste e beijei sua testa.

Sai do quarto com o coração na mão, ver ela chorando era a pior coisa que existe e o pior, por minha culpa. Eu não quero deixar ela, mas eu preciso pensar e ela também precisa de um tempo sozinha.


Notas Finais


Gostaram? 😏😚
Hahaha ate o próximo EP.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...